Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Artigos

Artigos

Por uma nova ordem do espaço público: o direito à cidade para todos

Uma criança desesperada grita, em plena Praça Dom José Gaspar no Centro de São Paulo, para que não machuquem sua mãe. Chora ao vê-la ser retirada à força por agentes da Prefeitura de cima do carrinho em que vendia frutas todos os dias aos frequentadores da praça. Sua mãe também chora e tenta explicar aos agentes que aquelas frutas e aquele carrinho eram tudo que ela possui para tentar sustentar a filha. Todos assistem à cena comovidos e tentam argumentar com os funcionários da Subprefeitura, mas continuam recolhendo os produtos, afinal “ordens são ordens”. 

Mas qual a “ordem” que regula os espaços públicos? 

Edifícios lanterna: 12 edifícios que tiram proveito de suas fachadas iluminadas

Cada vez mais, uma série de arquitetos tem adotado materialidades translúcidas nas fachadas de seus projetos, auxiliando no controle lumínico interior, uma vez que materiais como o policarbonato e U-Glass por exemplo, permitem que somente percentual nível lumínico adentre a arquitetura. Por outro lado, ao anoitecer, essas materialidades promovem qualidades distintas e com resultados surpreendentes, visto que ao acender suas luzes, os edifícios ttransformam-se em verdadeiras lanternas no cenário urbano. 

Studio NAB transforma estacionamentos em fazendas urbanas e usinas de energia renovável

Todos os anos na França são utilizados mais de 66.000 toneladas de agrotóxicos e cerca de 4,5 milhões de toneladas de plásticos não produzidos, dos quais, apenas 22% são reciclados. Durante o mesmo período, 48.000 mortes são atribuídas à problemas de saúde decorrentes da poluição e atividades relacionadas com a indústria automobilística. Em um contexto tão grave como este, novos parâmetros de sustentabilidade ambiental passaram a ser incorporados aos projetos de desenvolvimento urbano em busca de soluções mais sustentáveis e ambientalmente corretas tanto para o setor público quanto privado.

Considerando esta delicada situação e em conformidade com os critérios definidos pela Agenda de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 2030 das Nações Unidas, o Studio NAB desenvolveu um projeto de estacionamento ecológico chamado Car Parks 2.0, uma proposta que pretende oferecer uma solução alternativa para as abundantes áreas de estacionamento que ocupam as nossas cidades, transformando-as em espaços mais sustentáveis e humanos.

© Studio NAB © Studio NAB © Studio NAB © Studio NAB + 23

Bibliotecas brasileiras: 9 espaços de aprendizado

Biblioteca Brasiliana / Eduardo de Almeida + Mindlin Loeb + Dotto Arquitetos. Imagem: © Nelson Kon
Biblioteca Brasiliana / Eduardo de Almeida + Mindlin Loeb + Dotto Arquitetos. Imagem: © Nelson Kon

Do cômodo doméstico à infraestrutura pública, a biblioteca é um tipo de programa arquitetônico que lida com diversas especificidades por conta de suas incumbências básicas: preservar livros e publicações e servir como espaço para leitura, estudo e pesquisa. Seja qual for a escala, as bibliotecas devem ser eficientes ao lidar com as condições naturais de iluminação e ventilação, já que, muitas vezes, combinam funções de lazer e trabalho que demandam qualidades de conforto ambiental diversas. 

Como evitar a degradação de prédios tombados

Não há dúvida que a preservação do patrimônio histórico, artístico e arquitetônico é um objetivo fundamental para a construção de uma cidade justa. É um direito de todos os cidadãos, das presentes e das futuras gerações, conhecer e fruir nossa memória e nossa cultura. Mas para que de fato isto aconteça é essencial um olhar criterioso e ao mesmo tempo uma visão geral da cidade.

7 Coisas que arquitetos e urbanistas precisam saber sobre a tecnologia BIM

Arquitetura e Urbanismo é um dos mercados que mais evolui de acordo com os novos desenvolvimentos tecnológicos. É assim com o maquinário pesado usado na construção, com os materiais de obra e também com as ferramentas de projeto. Hoje, essa evolução está relacionada à tecnologia BIM.

Essa é a sigla para Building Information Modeling, ou Modelagem da Informação da Construção. Trata-se de um método de trabalho que reúne, por meio de ferramentas digitais, todas as informações que dizem respeito à construção de um edifício. 

Tipos de lajes de concreto: vantagens e desvantagens

Ao desenvolver um projeto de arquitetura, independente da escala ou programa, os arquitetos se deparam com uma série de escolhas a serem feitas quanto ao processo construtivo adotado, sob aspectos variados: estrutural, econômico, mão de obra disponível, estética, entre outros – em prol da melhor solução.

A partir das muitas dúvidas que surgem no decorrer de seu desenvolvimento quanto à escolha dos sistemas construtivos, preparamos um guia prático acerca dos principais tipos de lajes de concreto moldadas in loco e pré-fabricadas que o projetista deve conhecer, com as vantagens e desvantagens de cada uma delas.

Saiba mais a seguir:

7 Soluções criativas para recuperar espaços públicos

City Thread / SPORTS. Image © Garey Gomez Red Planet / 100architects. Image © Amey Kandalgaonkar Level Up / Brett Mahon, Joonas Parviainen, Saagar Tulshan, Shreyansh Sett. Image © Rahul Palagani Infra-Space 1 / Landing Studio. Image Courtesy of Landing Studio + 26

Cidades passam constantemente por mudanças que acabam deixando muitos espaços do tecido urbano esquecidos ou sem uso. Edifícios históricos são reformados e, através de reuso adaptativo, exploram novas possibilidades, mas o que acontece com o espaço público? Pequenas intervenções com recursos singelos e soluções inovadoras são a maneira perfeita de recuperar esses becos, praças e vias negligenciadas, e incorporá-los novamente às cidades.

Esses gestos trazem novas oportunidades para a apropriação pessoal e coletiva e novos usos dos espaços públicos, fomentando interações e trocas entre os usuários. Veja, a seguir, sete exemplos bem sucedidos. 

Os 50 melhores detalhes construtivos de fachadas

A fachada é o elemento que oferece a primeira impressão de uma obra de arquitetura, adquirindo muitas vezes um caráter icônico e reconhecível que passa a fazer parte do imaginário coletivo.

Frequentemente as vemos em fotografias e arte como, por exemplo, no trabalho de Andreas Gursky, ou como parte do cenário de filmes - impossível esquecer a fachada simétrica do Grande Hotel Budapeste, do diretor Wes Anderson - ou mesmo em videoclipes ou capas de álbuns, como o famoso "Physical Grafitti" do Led Zeppelin.

Detalle fachada proyecto residencial Kahrizak Detalle Fachada Edificio Arthron Detalle fachada Edificio Gribone Detalle fachada Refugio Monte Penna + 51

Render em tempo real, acessível a todos

Você provavelmente já deve ter ouvido falar em renderização em tempo real para visualização de arquitetura e como ela está mudando a maneira como os projetos são apresentados. Com a renderização em tempo real, é possível editar o projeto e ver as alterações atualizadas instantaneamente, com alta qualidade, além de produzir animações e panoramas em minutos, em vez de dias. A renderização em tempo real também abre as portas para experiências imersivas, como vídeos em 360° e realidade virtual.

Guia de arquitetura de Brasília: 16 projetos para entender as escalas da capital brasileira

Museu Nacional. Imagem: © Joana França
Museu Nacional. Imagem: © Joana França

A partir do século XIX, com sua Revolução Industrial e emergência dos novos tempos da máquina, a crescente população e as demandas pelo espaço urbano cada vez mais pungentes, na Europa, emergem as primeiras reflexões sobre a cidade e, mais do que isso, inicia-se o processo de estruturação disciplinar do urbanismo como teoria e prática inerentes ao novo momento histórico que se consolidava, e que teria seu produto, em relação às cidades, como apanágio do século XX. Dentro dessa lógica disciplinar que se configurava a partir de uma demanda social, ou muitas vezes, uma demanda política vinculada a pretensões militaristas de ordem e controle urbano, o século XX foi palco de todo o desenrolar dessa sociedade industrial, que tinha a cidade como seu horizonte. 

Hou de Sousa projeta instalação feita com fios coloridos para as ruas de Nova Iorque

Em comemoração ao feriado de Ação de Graças, celebrado em alguns países do hemisfério norte no dia 28 de novembro, o escritório Hou de Sousa projetou Ziggy, uma instalação composta por arcadas coloridas que ocupará as ruas de Nova Iorque.

© Hou de Sousa © Hou de Sousa © Hou de Sousa © Hou de Sousa + 10

Dellekamp + Schleich projetam instalação sobre as dicotomias do poder para o Abierto Mexicano de Diseño 2019

© Derek Dellekamp
© Derek Dellekamp

© Luis Young © Luis Young © Sana Frini © Sana Frini + 19

Como parte da série de exposições concebidas para o Aberto Mexicano de Desenho de 2019, o escritório de arquitetura mexicano Dellekamp + Schleich apresenta uma instalação chamada Dicotomías del Poder, uma intervenção no espaço do histórico Museu Numismático Nacional da Cidade do México, a qual estará aberta à visitação entre os dias 9 outubro até 17 de novembro, de terça à domingo das 10:00 às 16:00 horas.

Cabeleireiros e barbearias: exemplos em plantas e cortes

Embora nos últimos anos os cabeleireiros e barbeiros tenham começado a incorporar diferentes atividades - uma hibridização programática quase necessária hoje - seria apenas a variação dos espelhos e cadeiras que define as diferentes experiências nesses estabelecimentos?

A complexidade da tarefa projetual está em propor alternativas para abordar não apenas uma configuração espacial eficiente como também a estética dos interiores - o que não é fácil quando se dispõe de poucos metros quadrados e deve-se seguir algumas exigências quanto aos equipamentos. 

Entre os projetos publicados em nosso site, compilamos a seguir dez soluções de salões de cabeleireiros e barbearias, acompanhados de seus desenhos. 

O que a Roma Antiga tem para ensinar às metrópoles brasileiras?

Metrópole é uma palavra derivada do grego metropolis, união de meter (mãe ou ventre) e polis (cidade). Assim, a metrópole é a cidade mãe, a mais importante dentro de um contexto em que várias cidades estão interligadas, de forma que uma depende da outra para exercer as suas atividades de forma plena. Na maioria dos casos, temos conurbações entre vários aglomerados urbanos nas metrópoles.

Ariel Rojo projeta instalação urbana lúdica para o Abierto Mexicano de Diseño 2019

© Ariel Rojo © Ariel Rojo © Ariel Rojo © Daniel Fernández + 15

No âmbito do Abierto Mexicano de Diseño 2019 (AMD2019), a Jumbo, uma empresa internacional que se concentra no desenvolvimento de espaços e móveis urbanos, apresentou a lúdica escultura "Infinity", projetada por Ariel Rojo. O projeto parte do desejo de criar uma linha de elementos urbanos que estimule o senso de aventura e brinque com uma variedade de esculturas lúdicas respondendo, não apenas a uma responsabilidade estética com os usuários, a cidade, seus parques e playgrounds, mas que também aflore a originalidade existente na maneira como as crianças brincam e aprendem.

Roteiro de projetos de Paulo Mendes da Rocha em São Paulo

© Luiza Sigulem, via CAU/SP
© Luiza Sigulem, via CAU/SP

Nem todo cinza de São Paulo é triste. A cidade foi o caldeirão de uma das escolas mais importantes da arquitetura brasileira, a brutalista. Com nomes fortes como Lina Bo Bardi e Vilanova Artigas, o movimento buscou a poesia dura do concreto. Mas o maior expoente do brutalismo paulista acaba de entrar também para o seletíssimo grupo de um dos maiores arquitetos do mundo. Na semana passada, Paulo Mendes da Rocha recebeu a medalha de ouro do Royal Institute of British Architects, honraria que receberam também Le Corbusier e Frank Lloyd Wright. Esse prêmio só vem a se somar a tantos outros como o Leão de Ouro na Bienal de Veneza, o Praemium Imperiale japonês e o Prêmio Pritzker.

Maggie's Centres: como a arquitetura pode ajudar pacientes na luta contra o câncer

Os Maggie's Centres são uma rede de centros de cuidados intensivos para o tratamento de pessoas afetadas pelo câncer. Desde a inauguração de sua primeira sede, a instituição tem incumbido aos mais importantes e reconhecidos nomes da arquitetura contemporânea, a difícil tarefa de projetar espaços capazes de renovar as esperanças destas pessoas, ajudando-as a encontrar forças e manterem-se positivas na luta contra o câncer.

Desde a inauguração do primeiro Maggie's Center na cidade de Edimburgo, em 1996, importantes arquitetos se uniram a esta iniciativa, desenvolvendo projetos de arquitetura inovadores e que têm provocado uma mudança de atitude nas pessoas em tratamento contra o câncer e seus respectivos cuidadores, amigos e familiares. 

La Forêt Monumentale: um festival de arquitetura sustentável na França

© lan Aubry - Métropole Rouen Normandie © lan Aubry - Métropole Rouen Normandie © lan Aubry - Métropole Rouen Normandie © lan Aubry - Métropole Rouen Normandie + 24

Forêt Monumentale é uma exposição sustentável de arte e arquitetura que recebe obras e pavilhões site-specific temporários, concebidos para a região de floresta que cerca a cidade de Rouen, no norte da França.

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.