Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. História

História: O mais recente de arquitetura e notícia

II Congresso Nacional para Salvaguarda do Patrimônio Cultural

Patrimônio Cultural e Globalização: as problemáticas da preservação do patrimônio cultural no século XXI


A produção dos espaços construídos no passado e o acúmulo de valores e significados atribuídos pelo homem, com o passar do tempo, permitem o reconhecimento do passado de nossa sociedade e trazem a possibilidade de nos identificarmos como indivíduos integrantes de nossa comunidade na atualidade. As ações públicas e privadas voltadas para preservação do patrimônio cultural (material e imaterial) devem contribuir para a manutenção e permanência das diversas identidades culturais de forma coerente com seu passado e com a realidade de hoje. Porém, vivemos na atualidade uma

Cursos livres Escola da Cidade 2o. semestre – inscrições abertas

CURSOS LIVRES ESCOLA DA CIDADE – SEGUNDO SEMESTRE DE 2018

A Escola da Cidade abre inscrições para os Cursos Livres oferecidos no segundo semestre de 2019. Os cursos abordam temáticas variadas – como dança, teatro, fotografia, gênero, diagramas, sustentabilidade, história, violência, democracia e geoprocessamento – sempre articulados a questões de arquitetura, urbanismo e cidade.

Inscrições abertas até 16 de agosto

Para inscrições e informações mais detalhadas sobre os cursos acesse ec.edu.br

A atuação de José Luís Sert na América Latina: trânsitos e projetos.
Ministrado pela arquiteta e urbanista Dinalva Derenzo Roldan
24 de setembro a 29 de outubro, terças-feiras, 20h30 às 22h30

A cidade como invenção.
Ministrado

Toshiko Mori busca um diálogo que transcende tempo e espaço

Dando sequência à série de vídeos Time-Space-Existence que antecedem a Bienal de Veneza deste ano, o PLANE-SITE publicou uma nova conversa com a arquiteta e ex-diretora de arquitetura da Harvard GSD, Toshiko Mori. Cada vídeo destaca as ideias que impulsionam o trabalho desses conhecidos designers e arquitetos, com esse episódio focando na filosofia de comunicação visual de Mori, seu diálogo com a história e as considerações do futuro em seu trabalho.

Cortesia de Tashiko Mori Architect © Paul Warchol © Hiroshi Abe © Iwan Baan + 15

Estudantes de arquitetura da Somália preservam digitalmente o patrimônio construído de seu país - antes que seja tarde demais

via Somali Architecture
via Somali Architecture

Desde o início da guerra civil em 1991, as paisagens política e arquitetônica da Somália, no Leste da África, têm sido instáveis. Enquanto os centros urbanos do país, como a capital Mogadíscio, ostentam um tecido diversificado de mesquitas históricas, cidadelas e monumentos ao lado de estruturas cívicas modernistas, as décadas de conflito resultaram na destruição de muitas estruturas importantes. E, embora a luta tenha diminuído substancialmente nos últimos anos, o futuro do patrimônio arquitetônico do país ainda está longe de alguma segurança.

Em resposta a isso, estudantes de arquitetura somali residentes no Reino Unido, Itália e Estados Unidos se uniram para criar o Somali Architecture, um projeto de pesquisa que arquiva e "reconstrói" digitalmente estruturas icônicas por meio de modelos 3D. O objetivo é “preservar a identidade e a autenticidade” da Somália por meio de sua arquitetura - existente e destruída. “Queremos que cada construção icônica do passado seja reinterpretada para um futuro mais coerente”, dizem os estudantes.

Veja a seguir uma seleção das estruturas que a Somali Architecture descobriu e reconstruiu até agora.

Musée de la Romanité Narbonne projetado por Foster + Partners está prestes a ser concluído

O Musée de la Romanité Narbonne (Museu Romano de Narbona) de Foster + Partners, se aproxima de sua conclusão com a fachada do edifício completamente construída. O museu busca se tornar uma das atrações culturais mais importantes da região sul da França, abrigando mais de 1000 artefatos romanos. O progresso desse plano foi celebrado em uma cerimônia de encerramento no dia 30 de janeiro de 2018, com a instalação das claraboias modulares VELUX Modular Skylights, representando o fim de uma etapa de construção da fachada.

Considerando que a cidade de Narbonne abriga uma grande quantidade de edifícios antigos, relíquias e sítios arqueológicos, a proposta de Foster + Partners, desenhada em colaboração com o especialista em museus Studio Adrien Gardere, se concentra na exposição principal do museu: uma coleção de mais de 1000 pedras funerárias romanas recuperadas das muralhas medievais da cidade no século XIX. As pedras devem ser colocadas no coração de uma estrutura retilínea simples, separando as galerias públicas dos espaços privados de pesquisa.

Museum Narbonne. Imagem Cortesia de Nigel Young / Foster + Partners Museum Narbonne. Imagem Cortesia de Nigel Young / Foster + Partners Museum Narbonne. Imagem Cortesia de Nigel Young / Foster + Partners Museum Narbonne. Imagem Cortesia de Nigel Young / Foster + Partners + 17

Por que arquitetos são tão obcecados pela obra de Mondrian?

Na década de 1920, o artista holandês Piet Mondrian começou a pintar seus icônicos quadros com grids pretos e cores primárias. Extrapolando os limites das referências recorrentes no mundo da arte, propôs uma linguagem simples composta de linhas e retângulos coloridos que tornou-se conhecida como Neo Plasticismo, o qual explorava a dinâmica do movimento através da cor e das formas. Este conjunto de telas pintadas em vermelho, amarelo e azul, configuram um dos principais elementos do movimento De Stijl do início do Século XX. Quase um século depois, as abstrações de Mondrian seguem inspirando arquitetos ao redor do mundo.

O que há por trás desta simplicidade que seque cativando artistas, designers e arquitetos depois de tanto tempo?

Da antiga cidade de Eridu à Metropolis de Fritz Lang: animação mostra a busca pela cidade ideal

As cidades são um universo por si só; expandindo-se furiosamente, expelindo-se, zunindo no tempo e no espaço. Elas são agredidas, esquadrinhadas, levadas ao limite, incendiadas; São entranhas traiçoeiras que engendram guerras, vitórias banhadas em sangue e regozijo. O espaço construído sempre foi um reflexo dos medos, anseios e ideais de seus habitantes, e é, como tal, uma das primeiras e mais poderosas formas de expressão humana.

Neste ano, no dia mundial das cidades, assista a "The Perfect City", uma animação criada pelo designer Al Boardman para a nova série da BBC "Designed" do site BBC Culture. A série retrata a busca do "ideal" e do 'perfeito' no projeto do espaço urbano ao longo da história da humanidade. Narrado e dirigido pelo renomado crítico de arquitetura e escritor Jonathan Glancey, o vídeo mostra em apenas 2 minutos alguns dos principais exemplos do planejamento urbano na historia da humanidade, antigo e novo, bem sucedido e mal sucedido.

13 Fatos estranhos e surpreendentes do mundo da arquitetura

A história dos humanos construindo abrigos tem mais de 10.000 anos. Ao longo desse tempo, a necessidade humana de construir foi destinada à profissão do arquiteto e, no processo, atraiu todos os tipos de indivíduos excêntricos, visionários e teimosos. À luz da longa história da arquitetura e da abundância de personagens, não é surpresa que esse caminho esteja cheio de fatos surpreendentes e improváveis. Das Olimpíadas às placas Ouija e o 11 de setembro, veja, a seguir, 13 fatos relacionados à arquitetura que talvez você nunca tenha ouvido falar.

5° Seminário Ibero-americano Arquitetura e Documentação

A pesquisa na área da História da Arquitetura e do Urbanismo tem passado por mudanças significativas nos últimos anos, refazendo-se versões tradicionais da historiografia dominante. A intensa revisão a que tem se submetido o passado da Arquitetura e a significativa ampliação vivida pelo campo da preservação do patrimônio a partir dos anos 1980 fez com que a disciplina da História da Arquitetura voltasse a ser colocada na ordem do dia.
De fato, os últimos trinta anos assistiram a uma tremenda efervescência no campo da História da Arquitetura no mundo ibero-americano, com grande vitalidade editorial e com a multiplicação de programas de

Residências contemporâneas integram-se a um Patrimônio Mundial da Humanidade na Finlândia

Quando implantada em uma paisagem histórica, a arquitetura contemporânea requer uma abordagem cuidadosa. Muitas vezes, deve ter um tom vernacular respeitoso, ao mesmo tempo abraçando as características inovadoras e funcionais de uma edificacação moderna. Este equilíbrio tem relevância particular na Fortaleza do Mar de Suomenlinna, localizada ao largo da costa de Helsinque, na Finlândia. Ao longo de seus 300 anos de história, já foi ocupada pelos exércitos da Suécia, da Rússia e da Finlândia - uma história rica com status de Patrimônio Mundial da UNESCO e quase um milhão de visitantes anuais. O local é mais do que um museu, mas um bairro vivo de Helsinque com 800 habitantes e 500 empregos.

Heikkinen & Kangasaho Architects combinaram a modernidade nítida e funcional com uma simplicidade respeitosa e comedida em um novo esquema de habitações para serem implantadas entre as fortificações históricas de Suomenlinna.

Perspectiva. Cortesia de Heikkinen & Kangasaho Vista do mar. Cortesia de Heikkinen & Kangasaho Corte. Cortesia de Heikkinen & Kangasaho Implantação. Cortesia de Heikkinen & Kangasaho + 7

Por dentro das estranhas vidas pessoais de arquitetos famosos

Os arquitetos famosos são muitas vezes vistos mais como enigmas do que como pessoas mas, mesmo assim, os maiores nomes escondem escândalos e tragédias da vida cotidiana. Como celebridades, muitos dos mais famosos arquitetos do mundo enfrentaram rumores e, até hoje, há dúvidas sobre a verdade de alguns de seus assuntos particulares. Clientes e colegas que frequentavam seus estúdios puderam ver um pouco de suas vidas pessoais, mas, às vezes, a força da personalidade que muitas vezes vem com gênio criativo impede uma percepção mais detalhada. No entanto, o fato é que a vida desses arquitetos era mais do que a soma dos seus edifícios.

A arquitetura de algumas das cidades mais antigas do mundo ainda habitadas

O que há de tão impressionante nas cidades mais antigas e ainda habitadas do mundo? Provavelmente o fato de que suas sociedades têm evoluído em uma série ininterrupta de eras, com valores em constante mudança e estilos que, entre outras coisas, deram origem a memórias arquitetônicas de suas longas histórias. Estas cidades não são como os sítios arqueológicos que visitamos para ver como as pessoas viveram milhares de anos atrás; elas são os lugares exatos onde as pessoas viveram milhares de anos atrás e os lugares onde as pessoas ainda estão vivendo hoje, com suas ricas histórias enterradas sob camadas de tinta e concreto em vez de terra.

Com várias cidades antigas espalhadas ao redor do mundo, a variedade de tesouros arquitetônicos encontrados nelas é muito vasta. Para dar apenas uma amostra da sua diversidade, apresentamos aqui uma seleção de 18 das mais antigas cidades ainda habitadas em várias regiões do mundo, que vão desde as mais novas até as mais antigas, com um pequeno fragmento de seus vários enigmas arquitetônicos.

© <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Berat.jpg'>Wikimedia user Joonas Lytinen</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/deed.en'>CC BY 2.0</a> © <a href='https://www.flickr.com/photos/dziecienocy/5039948774'>Flickr user dziecienocy</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/'>CC BY-SA 2.0</a> © <a href='https://www.flickr.com/photos/worak/907175079'>Flickr user worak</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/'>CC BY 2.0</a> © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Gopuram-madurai.jpg'>Wikimedia user Nataraja</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/1.0/deed.en'>CC BY-SA 1.0</a> + 20

Mapa interativo mostra como Londres mudou nos últimos 100 anos

Faça um passeio virtual por Londres com este novo mapa interativo produzido pela Expedia. Intitulado "Historic London", o aplicativo leva você através de 14 locais famosos da capital britânica, do Buckingham Palace à Catedral de St. Paul e a Fleet Street. As imagens de arquivo dos locais, que datam do final do século XIX e início do século XX, são sobrepostas a imagens atuais, possibilitando comparações do que mudou e o que permaneceu nos últimos 100 anos.

Veja o mapa interativo, a seguir:

10 sítios arqueológicos que todo arquiteto deveria visitar no Peru

No Peru, você não pode viver, passar sem conhecer nem, muito menos, deixar de aprender as lições do legado arquitetônico milenar de alguns do seus tantos sítios arqueológicos - 19.903 para ser mais exato. Estes lugares estão cheios de inspiração, arte, história, lendas, magia do começo ao fim, que vale conhecer e dedicar um tempo para apreciar até os mínimos detalhes. São histórias plasmadas na arquitetura cujos vestígios fomentaram mistérios que talvez nos deixem mais perguntas do que respostas, mas aí está este poder de se encantar que todo o arquiteto saberá aproveitar para seguir viagem com uma visão enriquecida.

Poderíamos escrever belezas, mas é melhor conhecê-las. Assim, esta pequena lista é, mais do que um convite, uma provocação dos sentidos que se dedica a alma do arquiteto-viajante. 

72 anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, Auschwitz busca preservar sua memória

Oito meses antes do fim da Segunda Guerra Mundial, no fronte europeu, o exército soviético avançava posições na Polônia anexada pela Alemanha, no começo de 1945. Isso motivou os nazistas a esvaziarem o campo de concentração de Auschwitz-Birkenau, onde foram torturadas e assassinadas mais de um milhão de pessoas -principalmente judeus- nos cinco anos de sua existência.

A evacuação durou quatro dias, começando em 17 de janeiro de 1945 e ante a evidência de sua sistemática matança, os nazistas decidiram explodir parte da infraestrutura construída, alguns crematórios, porões e câmaras de gás, para tentar esquecer a existência dessa fábrica de cadáveres.

Hoje, 72 anos depois da liberação do campo de concentração mais extenso do Terceiro Reich, a fundação encarregada de Auschwitz-Birkenau busca “conservar a autenticidade”, restaurando a infraestrutura em condições mais próximas às originais da época em que os nazistas abandonaram o lugar.

Conheça o desafio que Auschwitz enfrenta, a seguir.

Campo de concentração Auschwitz-Birkenau. Image via Abel Francés Quesada [Flickr CC] Campo de concentração Auschwitz-Birkenau. Image via Clark & Kim Kays [Flickr CC] Campo de concentração Auschwitz-Birkenau. Image via Adam Kuśmierz [Flickr CC] Campo de concentração Auschwitz-Birkenau. Image via Félix Carrera [Flickr CC] + 5

5 edifícios emblemáticos de Giuseppe Terragni

Através de uma carreira de somente 13 anos, o arquiteto italiano Giuseppe Terragni (1904-1943) deixou um importante legado de obras construídas que hoje são referências obrigatórias da arquitetura moderna e racionalista.

Viajamos às cidades de Como e Milão para visitar quatro obras emblemáticas que refletiam claramente sua forma de projetar; baseado na configuração organizada dos elementos arquitetônicos, que aparecem limpos, puros e expressivos... individuais, mas conformando parte essencial de um conjunto harmônico.

Novocomum, Casa Rustici, Asilo Sant'Elia, Casa Giuliani Frigerio e um bônus, a seguir.

© José Tomás Franco © José Tomás Franco © José Tomás Franco © José Tomás Franco + 58

Vídeo: 6 mil anos de urbanização ao redor do mundo

Do berço da civilização na Mesopotâmia à atual explosão urbana na China, a presença das cidades é a mais óbvia e dramática evidência da existência humana. Em um recente artigo publicado na Scientific Data, uma equipe liderada pela pesquisadora Meredith Reba, da Yale University, mapeou o surgimento de cidades entre o ano 3.700 a.C. e 2.000 d. C com base nos primeiros registros históricos de suas ocupações.

Utilizando os dados desta pesquisa, Max Galka da Metrocosm produziu esta fascinante animação que mostra a história das cidades em todo o mundo. "A maior parte dos dados são de poucos anos ou décadas. Estes são os primeiros que eu vejo cobrir 6 milênios", comentou Galka ao CityLab.

Série fotográfica mostra habitações berlinenses do pós-guerra sob um novo foco

Nesta série de fotografias, intitulada Stacked, o fotógrafo Malte Brandenburg mostra um olhar atento para os méritos dos projetos habitacionais de Berlim do período do pós-guerra. Registradas sob um céu azul homogêneo, as imagens buscam afastar a carga histórica e social sobre os edifícios, apresentando-os como puras obras de arquitetura.

© Malte Brandenburg © Malte Brandenburg © Malte Brandenburg © Malte Brandenburg + 8