1. ArchDaily
  2. Ricardo Bofill

Ricardo Bofill: O mais recente de arquitetura e notícia

A história da escada de Penrose e sua influência no design

Muitas vezes, as escadas representam um ponto de interesse de um projeto de arquitetura. A habilidade de criar algo que nos move de um nível para outro, para cima e para baixo, é algo tão simples e familiar ao mesmo tempo que com um pequeno ajuste pode tornar a experiência de subir ou descer em algo tão único. Nossa obsessão por escadas e o nível de ilusão que elas criam na arquitetura talvez decorra da maneira como elas são capazes de distorcer a ótica e a percepção do espaço. Entendemos que elas nos transportam em uma direção ou outra, mas as escadas podem ser circulares? É possível subir e descer para sempre?

Nova série de fotografias mostra a paisagem noturna da Muralla Roja de Ricardo Bofill

‘La Muralla Roja’ When the sun goes down III, é uma evocativa nova série de fotografias de Andrés Gallardo. Cinco anos depois de visitar pela primeira vez a criação de Ricardo Bofill, Gallardo a revisitou com a intenção de criar uma série totalmente contrastante, capturando o complexo no pôr-do-sol, noite e no nascer da manhã. Considerando o fato de que não há muitas fotografias em circulação durante o período noturno, Gallardo saiu para capturar o complexo durante o crepúsculo, com o movimento plácido das ondas contra frente para o mar.

‘La Muralla Roja’ traduzida como "A Muralha Vermelha" é um projeto vibrante de moradia na região de Calpe, na Espanha. O termo Casbah é frequentemente mencionado em relação a esse projeto em especial, sugerindo que o próprio Bofill se inspirou em temas árabes norte-africanos. Casbah se refere a uma cidadela ou castelo, uma área central murada de uma cidade ou vila sobre o centro tradicional. O complexo no Mediterrâneo imita esse reino construído, com um entrelaçado de caminhos, escadarias, varandas e pontes interligadas em um efeito harmônico.

‘La Muralla Roja’ Manzanera, Calpe, Spain. Image © Andrés Gallardo‘La Muralla Roja’ Manzanera, Calpe, Spain. Image © Andrés Gallardo‘La Muralla Roja’ Manzanera, Calpe, Spain. Image © Andrés Gallardo‘La Muralla Roja’ Manzanera, Calpe, Spain. Image © Andrés Gallardo+ 8

Ricardo Bofill projeta casa inspirada em templo clássico em Algarve, Portugal

Em janeiro de 2022, o mundo da arquitetura perdeu um dos arquitetos pós-modernos mais icônicos da Europa, Ricardo Bofill, fundador do Taller de Arquitectura (RBTA). Nascido em Barcelona, ​​o arquiteto espanhol desenvolveu o seu trabalho pelo mundo todo. Dentre suas obras, destacam-se o Castelo de Kafka e Walden 7, ambos na Catalunha, La Muralla Roja em Alicante, Axe Majeur em Paris ou a Universidade Politécnica Mohammed VI em Marrocos, entre muitas outras, e dois meses antes de sua partida, ele nos deixou uma última visão. Dentro do complexo Palmares Ocean Living & Golf, projetou uma casa inspirado em um templo clássico.

Ricardo Bofill morre aos 82 anos

Ricardo Bofill, arquiteto espanhol fundador do Taller de Arquitectura (RBTA), autor do icônico projeto Muralha Vermelha e mais de mil obras construídas em quarenta países, faleceu hoje, 14 de janeiro, aos 82 anos em Barcelona, segundo informações oficiais de seu escritório.

Walden 7 / Ricardo Bofill. Image © Denis EsakovLa Muralla Roja / Ricardo Bofill. Image Courtesy of Ricardo BofillThe Factory. Cortesia de Ricardo BofillKafka Castle / Ricardo Bofill. Image Courtesy of Ricardo Bofill+ 11

Já existem modelos viáveis de moradias de qualidade a preços acessíveis

Este artigo foi publicado originalmente no Common Edge.

Na reedição desta semana, o autor Walter Jaegerhaus explora o desafio da habitação nos EUA, traçando uma linha do tempo da evolução de diferentes soluções arquitetônicas de todo o mundo. Buscando "inspirar arquitetos de hoje a criar novas opções de habitação" e esperando "que os EUA possam novamente abraçar suas origens experimentais e testar novas ideias e métodos", o artigo destaca exemplos da Europa e das Américas.

Habitat 67, Montreal, por Moshe Safdie. Imagem cortesia de Creative CommonsSchlangenbader Straße Housing, Berlim, de Georg Heinrich. Imagem cortesia de Creative CommonsCube Houses, Rotterdam, de Piet Bloom. Imagem cortesia de Creative CommonsExposição Internacional de Construção, Viena. Via Der Tagesspiegel. Imagem cortesia de Creative Commons+ 17

7 Arquitetos que não têm medo de usar as cores em seus projetos

Interior da Casa Gilardi. Imagem © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File%3ACasa_Liraldi_Luis_Barrag%C3%A1n.JPG'> Wikimedia user Ulises00</a> licensed under <a href=' https://en.wikipedia.org/wiki/Public_domain'>Public Domain</a>Casa Batlló. Imagem © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Barcelona_Casa_Batll%C3%B3_DachterrasseKamine.jpg'>Wikimedia user M.Stallbaum</a> licensed under <a href='https://en.wikipedia.org/wiki/Public_domain'>Public Domain</a>St. Coletta School / Michael Graves. Imagem Cortesia de Michael GravesCafé l'Aubette. Imagem © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Strasbourg_Cin%C3%A9_Bal_de_l%27Aubette_janvier_2014-17.jpg'>Wikimedia user Claude Truong-Ngoc</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/deed.en'>CC BY-SA 3.0</a>+ 22

Alguns arquitetos são apaixonados por cores, alguns são impassíveis a ela, outros a odeiam e tem aqueles que preferem descartá-la como algo desnecessário na arquitetura. Em um ensaio sobre o assunto, Timothy Brittain-Catlin menciona o "puritanismo inato entre os clientes de arquitetura", os arquitetos e seu "constrangimento em relação ao uso da cor", e como "o modernismo buscou contornar o uso das cores vibrantes na arquitetura". O debate sobre a cor na arquitetura está longe de ser algo novo, no entanto não há uma conclusão unânime, e provavelmente, nunca a teremos.

Atualmente, onde o estereótipo do arquiteto sobriamente vestido de preto ainda persiste, e enquanto meditamos silenciosamente sobre a estranha definição da Cosmic Latte, existem arquitetos que não têm medo de usar amplamente a cor em tudo o que fazem. Por isso, editamos uma lista com 7 importantes arquitetos que seguiram este caminho, tanto no passado como no presente.

Marrocos Moderno: uma nova arquitetura vernacular

© Fernando Guerra, FG+SG© Luc Boegly© Fernando Guerra, FG+SG© Doublespace Photography+ 12

A arquitetura moderna do Marrocos, a qual tem se desenvolvido rapidamente ao longo das últimas décadas devido ao recente desenvolvimento econômico do país, encontra-se profundamente enraizada nas tradições construtivas locais. Tendo o vernacular como principal fonte de inspiração, a arquitetura moderna marroquina assume a origem de seu próprio nome árabe al-maġhrib, ou seja “lugar onde o sol se põe; o oeste”. O Marrocos é um estado soberano com uma rica cultura arquitetônica e uma vasta história, contando com inúmeros e excepcionais exemplos de arquitetura tradicional islâmica.

La Muralla Roja de Ricardo Bofill, pelas lentes de Sebastian Weiss

Em homenagem ao 80º aniversário do arquiteto Ricardo Bofill em dezembro passado, o fotógrafo Sebastian Weiss registrou a icônica Muralla Roja em Calp, Espanha. O projeto habitacional faz referência à arquitetura popular do Mediterrâneo e foi inspirado nos tradicionais casbás. As cores vibrantes das fachadas externas e internas contrastam com o entorno natural.

© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss+ 18

“Trabalhar com diferentes escalas é a maior sabedoria de um arquiteto”: entrevista com Ricardo Bofill

Em sua recente entrevista para a série Time Space Existence, a Plane-Site, com o apoio do Centro Cultural Europeu, entrevistou o arquiteto espanhol Ricardo Bofill. A série de entrevistas será exibida na próxima bienal de Arquitetura de Veneza, nos dias 21 e 22 de maio de 2020.

Ricardo Bofill: “Por que as cidades históricas são mais bonitas que as modernas?"

Para os não iniciados, Ricardo Bofill pode parecer algo como um camaleão. Comparando o pós-modernismo de seus projetos em Paris dos anos 80, suas recentes torres de aço e vidro e o estoicismo estéril de sua própria casa e estúdio, que ele reformou na década de 1980, seria perdoado pensar que não há consistência presente em todo o seu trabalho. No entanto, como Bofill revela nesta entrevista de Vladimir Belogolovsky, da série "City of Ideas" (2016), seus projetos são realmente enraizados em conceitos de regionalismo e processo que, embora recentemente sejam populares na comunidade arquitetônica em geral, têm apoiado sua mente arquitetônica desde os seus vinte anos.

La Fabrica, Sant Just Desvern, Barcelona, 1975. Cortesia de Ricardo BofillWalden-7, Sant Just Desvern, Barcelona, 1975. Cortesia de Ricardo BofillThe Pyramid, Fronteira Espanha-França, 1976. Cortesia de Ricardo BofillLes Espaces D´Abraxas, Le Palacio, Le Théâtre, L´Arc New Town Of Marne La Vallée Region Of Paris, França, 1982. Cortesia de Ricardo Bofill+ 80

A invasão da muralha vermelha: registros de Anthony Saroufim

Poucos projetos residenciais atraíram tantos olhares nos últimos anos como a Muralla Roja, de Ricardo Bofill. Concluído em 1968, o projeto de claras referências mediterrâneas parece ter se beneficiado de certas tendências colocadas em evidência pela cultura millennial, tendo servido de cenário para diversos ensaios fotográficos e, inclusive, videoclipes.

Com a atenção de milhares de arquitetos e aficionados, não é de estranhar que os residentes do famoso conjunto cor de rosa tenham dificultado o acesso, construindo cercas em torno da - já visualmente fortificada - muralha. Isso, no entanto, não bastou para afugentar ou impedir o fotógrafo e arquiteto libanês Anthony Saroufim de se aventurar pelos labirínticos corredores e escadarias do edifício de Bofill.

10 Projetos do ArchDaily que você pode reservar no Airbnb

ArchDaily e Airbnb foram fundados no mesmo ano, 2008, porém com propósitos muito diferentes. Desde então, o ArchDaily acumulou uma vasta base de dados com milhares de projetos localizados em cidades e países de todo o mundo. O Airbnb, por outro lado, revolucionou a forma como exploramos os países e habitamos os edifícios, mesmo se for por uma única noite.

Enquanto para os amantes da arquitetura foram oferecidas ocasionalmente experiências muito limitadas através do Airbnb, como a estadia de uma noite na Grande Muralha da China ou uma visita arquitetônica ao Estádio Olímpico de Tóquio 2020, cortesia de Kengo Kuma, a lista de obras disponíveis na plataforma possui ainda mais jóias arquitetônicas agora disponíveis para reserva.

Kubuswoningen / Piet Blom. Imagem © Dirk VerwoerdResidência Ex of In / Steven Holl Architects. Imagem © Paul WarcholSky Pods / Natura Vive. Imagem © AirbnbVillaLóla / ARKÍS architects. Imagem © ARKÍS architects+ 52

A Muralha Vermelha de Ricardo Bofill, pelas lentes de Andres Gallardo

O fotógrafo Andres Gallardo voltou suas lentes para a famosa Muralha Vermelha, de Ricardo Bofill. Localizado na região de Calpe, na Espanha, o edifício mostra claras referências na arquitetura popular da região mediterrânea árabe, com cores vibrantes e uma volumetria que faz lembrar uma fortaleza ou casbá.

Nos últimos anos, o projeto estendeu sua popularidade para além dos círculos arquitetônicos, tendo servido de cenário para o videoclipe da música Do It Right de Martin Solveig. A série de fotografias de Gallardo, vista a seguir ou no website do artista, destaca as geometrias construídas com tijolo, argamassa, luz e sombra, além dos traços humanos deixados no projeto de 1968.

© Andres Gallardo© Andres Gallardo© Andres Gallardo© Andres Gallardo+ 19

Fotos da Semana: 15 projetos que fazem excelente uso das cores

Esta semana, os projetos coloridos roubam a cena. São poucos os arquitetos que se atrevem a usar a cor em suas obras, no entanto, o resultado pode ser incrível. Veja, a seguir, uma seleção de 15 fotografias de renomados fotógrafos, como Gregori Civera, Julien Lanoo e Imagen Subliminal, que mostram o potencial das cores na arquitetura.

© Nicolas Borel© Luke Hayes© Imagen Subliminal© Imagen Subliminal+ 16

In Residence: Ricardo Bofill

The Factory. Image Cortesía de Ricardo Bofill
The Factory. Image Cortesía de Ricardo Bofill

Qualquer discussão sobre a obra do espanhol Ricardo Bofill levará inevitavelmente a The Factory, a incrível reforma de uma fábrica de cimento abandonada convertida na sede do Ricardo Bofill Taller de Arquitectura. Precisamente na série de vídeos In Residence do portal NOWNESS, o arquiteto espanhol percorre os espaços deste projeto ímpar e compartilha sua própria história sobre o tema.

The Factory. Image Cortesía de Ricardo BofillThe Factory. Image Cortesía de Ricardo BofillThe Factory. Image Cortesía de Ricardo BofillThe Factory. Image Cortesía de Ricardo Bofill+ 5

A Muralha Vermelha de Ricardo Boffil é protagonista neste videoclipe de Martin Solveig

Já passaram quase dez meses de sua estreia, mas quase ninguém falou do videoclipe da música "Do It Right", do artista francês Martin Solveig. Por que deveria nos interessar? O vídeo acontece na Muralha Vermelha, obra de Ricardo Bofill em Calpe, Espanha.

A Muralha Vermelha não apenas serviu de inspiração para centenas de arquitetos, que admiram sua paleta cromático e jogo de volumes, como também para artistas como Solveig e a equipe do Monsieur l'Agent, a agência francesa responsável pela direção e produção deste videoclipe.

A Muralha Vermelha de Ricardo Boffil sob o olhar de Gregori Civera

Hoje a série de Fotografia e Arquitetura apresenta o fotógrafo barcelonês Gregori Crivera, quem trabalhou em conjunto com Pablo Bofill para fotografar a magnífica obra de seu pai em Calpe España. A Muralha Vermelha é um edifício de habitações, dentro da urbanização de La Manzanera. O edifício tem claras referências da arquitetura árabe mediterrânea do lugar, como resultado da inspiração do renomado arquiteto Ricardo Bofill Levi, pela tradição mediterrânea do casbah.

Em sua fotografia, Civera consegue captar as vívidas cores que dão vitalidade a esta obra desde 1972, exagerando no contraste que estas produzem com a natureza árida da região. Além da suavidade da gama cromática e ângulos escolhidos, as imagens atenuam o impacto das formas duras e imponente composição que se assemelha a uma fortaleza para nos introduzir ao mundo cotidiano deste conjunto habitacional.

© Gregori Civera© Gregori Civera© Gregori Civera© Gregori Civera+ 18

O sonho utópico de Ricardo Bofill: Conjuntos pós-modernos em Noisy-le-Grand

A leste de Paris, em Seine-Saint-Denis, há um conjunto habitacional que lembra Babel. Sua atmosfera de outro mundo - algo entre um sonho utópico de "novo mundo" e um conjunto pós-moderno neoclássico - já foi o cenário de diversos filmes de Hollywood, entre os quais Brazil (1984) e, mais recentemente, Jogos Vorazes: A Esperança (2014). A série fotográfica do fotógrafo parisiense Laurent Kronental, Souvenir d'un Futur, é uma homenagem a o que ele descreve como
os "idosos ociosos" da região de Grand Ensemble da capital francesa. Suas fotografias capturam um lugar e suas pessoas que, apesar de sua estrutura arquitetônica megalomaníaca, tem sido relativamente ignorado.

Veja a série de fotos de Kronental - resultado de quatro anos de visitas - a seguir.

Les Orgues de Flandre, 19e arrondissement Paris, 2014. Imagem ©  Laurent KronentalLe Pavé Neuf, Noisy-le-Grand, 2015. Imagem ©  Laurent KronentalJoseph, 88 ans, Les Espaces d'Abraxas, Noisy-le-Grand, 2014. Imagem ©  Laurent KronentalLes Tours Aillaud, Cité Pablo Picasso, Nanterre, 2014. Imagem ©  Laurent Kronental+ 20