Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Catalunha

Catalunha: O mais recente de arquitetura e notícia

Barcelona vista de cima: das praias às quadras de Cerdà

Explorar as ruas de cidades estrangeiras é profundamente envolvente. Seja conhecendo novas culturas, arquiteturas ou gastronomias, viajantes, de modo geral, costumam fazer algumas atividades turísticas recorrentes. No entanto, alguns fogem à regra e pensam fora da caixa - ou, neste caso, acima dela.

O fotógrafo húngaro Márton Mogyorósy explora Barcelona a partir de cima, registrando imagens aéreas da cidade. A fotografia com drones nos ajuda a ver as cidades a partir de uma perspectiva única e, com seu tecido urbano dinâmico, os edifícios e praias de Barcelona se transformam em obras de arte geométricas quase abstratas.

© Márton Mogyorósy © Márton Mogyorósy © Márton Mogyorósy © Márton Mogyorósy + 9

Preservando o sentido de comunidade: de Igreja a centro recreativo

© Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu + 19

Após serem vítimas de bombardeio, os edifícios parecem ter apenas um destino: a destruição. Severamente danificada durante a Guerra Civil Espanhola, a Igreja Gótica de Vilanova de la Barca (Lleida, Espanha), do século XIII, permaneceu abandonada desde 1936.

Foi apenas quase 80 anos depois que os remanescentes da estrutura – partes das naves, a fachada oeste e a abside ao leste – passaram por um processo de restauração e reforma. Desta vez, no entanto, o edifício não foi concebido para ser usado como uma igreja, mas como um salão multiuso.

RCR Arquitectes: território, paisagem e vida como um único relato imanente

O arquipélago catalão está conformado, em quase toda sua extensão, por uma pequena serra que o acompanha crescendo desde a linha da costa, tangente ao mar, formando falésias, até as poucas dúzias de quilômetros que conformam sua máxima expressão.

A própria arquitetura desta porção costeira tende a ser catalogada, recorrentemente, como arquitetura catalã; obviando e contaminando a arquitetura própria de terra, escura, sombria, pesada. Uma arquitetura - a interior - de digestões lentas, de luz de fundo e ar imóvel, que soa diferente.

Ao noroeste, encontramos uma região onde as faias permanecem imóveis e crescem a uma altura inferior a qualquer outra área do país. Onde a luz é mais suave, turva, onde as sombras são mais tênues e mais profundas. Onde chove diferente. Onde se fala diferente. Onde os campos são diferentes. Aqui vivem. Aqui trabalham. Falamos de Olot. Falamos de RCR.

Catalunha na Bienal de Veneza 2018: exposição "Dream and Nature" por RCR Arquitectes

Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramón Vilalta, vencedores do Prêmio Pritzker 2017, estão presentes na Bienal de Veneza 2018 com o projeto "Dream and Nature" [Sonho e Natureza], representante da Catalunha, com co-curadoria da jornalista Pati Núñez e do arquiteto Estel Ortega.

Como parte dos eventos paralelos da Bienal, a instalação apresenta as pesquisas, ideias e sonhos por trás de seu projeto de reconversão de La Vila, no Vall de Bianya (Girona):

O objetivo é que quem visita o espaço sinta um imenso desejo de conhecer La Vila, além de perceber a força da natureza, uma força que pode transformá-lo. Gostaríamos de tornar El Sueño uma experiência muito sensorial.

© Giuseppe Dall'Arche © Giuseppe Dall'Arche © José Tomás Franco © Giuseppe Dall'Arche + 19

Proposta do RCR Arquitectes para o pavilhão da Catalunha na Bienal de Veneza 2018

O Institut Ramon Llull apresentou em Barcelona o projecto RCR. Dream and Nature_Catalonia in Venice, um projeto sobre o escritório de arquitetura RCR Arquitectes que será apresentado nos eventos colaterais da 16ª Bienal de Arquitetura de Veneza.

O projeto que representará a Catalunha na Bienal de Veneza de 2018 tem como encarregadas a jornalista Pati Núñez e a arquiteta Estel Ortega junto com o escritório de arquitetura vencedor do Prêmio Pritzker de 2017, o qual é responsável pela criação de um espaço sem um projeto específico, sem maquetes ou plantas, um lugar para "investigar e repensar a relação do homem com o mundo a partir da La Vila, no Vale de Bianya (Girona, Catalunha)", segundo informou o instituto Catalão em um comunicado oficial.

RCR Arquitectes projetará o pavilhão catalão da Bienal de Veneza 2018

O escritório RCR Arquitectes, laureado com o Prêmio Pritzker deste ano, será o responsável pelo projeto do pavilhão catalão na Bienal de Veneza de 2018, segundo informou Santi Vila, conselheiro de Cultura da Catalunha, durante a inauguração da Bienal de Arte de Veneza deste ano.

Conheça o tesouro arquitetônico de Josep María Jujol, discípulo de Gaudí

Na região de Alt de Camp, entre os vinhedos de Tarragona (Espanha), está o santuário de Mare de Déu de Montserrat de Montferri, uma joia projetada por Josep María Jujol, arquiteto conhecido por ter trabalhado com Antoni Gaudí em projetos como a Casa Batlló, a Casa Milà e a Sagrada Familia. E, assim como Gaudí, suas obras se destacam pelas fantásticas formas orgânicas resultantes das técnicas construtivas e soluções estruturais empregadas.

© Flickr User: [Maria Rosa Ferrer], Licença CC BY-SA 2.0 © Flickr User: [Jordi Domènech i Arnau], Licença CC BY-SA 2.0 © Flickr User: [Calafellvalo], Licença CC BY-SA 2.0 © Flickr User: [Maria Rosa Ferrer], Licença CC BY-SA 2.0 + 14

Vídeo: As seis torres que irão coroar a Sagrada Família

A Basílica i Temple Expiatori de la Sagrada Família, mais conhecida como simplesmente Sagrada Família, está em construção em Barcelona desde 1882, no entanto, agora sua conclusão está realmente se aproximando. Como se vê neste vídeo publicado pelo canal da Basílica no Youtube, as seis últimas torres têm conclusão prevista para 2026, momento que coincide com o centenário de falecimento de Antoni Gaudí, o arquiteto catalão que devotou muito tempo de sua vida para o projeto e construção deste edifício.

Em detalhe: "Geometrias Traduzidas", arquitetura paramétrica adaptável

Deformación Prototipo. Image Cortesía de © IaaC (Instituto de Aquitectura Avanzada de Catalunya) / Ece Tankal, Efilena Baseta, Ramin Shambayati
Deformación Prototipo. Image Cortesía de © IaaC (Instituto de Aquitectura Avanzada de Catalunya) / Ece Tankal, Efilena Baseta, Ramin Shambayati

Através de uma proposta que desenvolve um sistema homogêneo com possibilidades infinitas de personalização - em um controle com base em parâmetros específicos - os arquitetos do IaaC (Instituto de Arquitetura Avançada da Catalunha), encarregados do "Translated Geometries", propõem uma arquitetura adaptável, sem funções nem estilos determinados, visando evitar uma rápida obsolescência.

O projeto se constrói com base em uma modulação triangular e trabalha com Polímeros de Forma de Memória (SMP), permitindo que o material utilizado mude de estado conforme o estímulo externo aplicado. 

Veja mais detalhes desta interessante e complexa investigação a seguir.

Bienal de Veneza 2012: "Vogadors" - Pavilhão Catalão e Ilhas Baleares

Casa Pocafarina / Hidalgo Hartman