Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Mulheres Na Arquitetura

Mulheres Na Arquitetura: O mais recente de arquitetura e notícia

Alunos e professores da UFAL lançam abaixo-assinado para dar à arquiteta Zélia Maia Nobre o título de Doutora Honoris Causa

06:30 - 23 Março, 2019
Alunos e professores da UFAL lançam abaixo-assinado para dar à arquiteta Zélia Maia Nobre o título de Doutora Honoris Causa, Parque Hotel. Image © Acervo de Zélia Maia Nobre, doado à FAU - UFAL
Parque Hotel. Image © Acervo de Zélia Maia Nobre, doado à FAU - UFAL

Os alunos, professores e colaboradores da Faculdade de Arquitetura & Urbanismo & Design de Alagoas, encabeçados pelas professoras Adriana Capretz Borges da Silva Manhas, Josemary Omena Passos Ferrare e a aluna Cecília Oliveira do Nascimento Rossé, organizaram um abaixo-assinado on-line para conceder à professora Zélia de Melo Maia Nobre o Título de Doutora Honoris Causa da UFAL (Universidade Federal de Alagoas).

Assista Marielle Franco no debate "Arquitetura - Substantivo Feminino"

15:44 - 14 Março, 2019
Assista Marielle Franco no debate "Arquitetura - Substantivo Feminino", Marielle Franco em agosto de 2016 - https://www.flickr.com/photos/midianinja/2956840473. Image © Mídia NINJA
Marielle Franco em agosto de 2016 - https://www.flickr.com/photos/midianinja/2956840473. Image © Mídia NINJA

Hoje completa um ano do brutal assassinato da socióloga e vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco. Na semana anterior de seu assassinato, Marielle participou de uma série de debates organizada pelo CAU/RJ chamada "Arquitetura - Substantivo Feminino" com o objetivo de fortalecer as mobilizações do Dia Internacional da Mulher.

Julia Morgan: a fascinante história de pioneirismo de uma arquiteta muito à frente de seu tempo

13:00 - 11 Março, 2019
Julia Morgan: a fascinante história de pioneirismo de uma arquiteta muito à frente de seu tempo, Interior da Igreja Presbiteriana St. John em Berkeley, CA. Imagem © Mark Anthony Wilson
Interior da Igreja Presbiteriana St. John em Berkeley, CA. Imagem © Mark Anthony Wilson

Desde que foi fundado em 1851, o The New York Times tem por costume publicar obituários de pessoas famosas. Em sua quilométrica lista de pessoas influentes que já se foram desta para uma melhor, estão algumas das personalidades mais influentes do mundo. Entretanto, assim como o proprio NYT já admitiu, esta lista esteve históricamente dominada pela presença majoritária de apenas uma parcela destas pessoas famosas e influentes, escolhidas por gênero e raça, ou seja, homens ricos e brancos. Em busca de preencher esta lacuna, o The New York Times lançou no ano passado uma série chamada de “Overlooked”, contando a história de importantes mulheres que foram ignoradas desta seleta lista mortuária, entre elas estão Sylvia Plath e Emma Gatewood por exemplo.

Na ocasião da comemoração do dia Internacional da Mulher, o The Times publicou um obituário assinado por Alexandra Lange sobre a vida e legado de Julia Morgan, a primeira mulher a receber a licença de arquiteta no Estado da Califórnia, e “uma das mais prolíficas projetistas da história dos Estados Unidos".

The Hearst Wyntoon Estate; McCloud, CA (1919-1947) / Julia Morgan. Imagem cortesia de California Polytechnic State University, San Luis Obispo, Robert E. Kennedy Library, Sarah Holmes Boutelle Archive Julia Morgan foi a oitava pessoa a receber o prêmio postumamente, o qual vem sendo outorgado desde 1907. Imagem cortesia de The Chronicle Vista aérea de San Simeon em construção. Imagem cortesia de Cal Poly San Luis Obispo Mills College; Oakland, CA (1904-1925) / Julia Morgan. Imagem © Mills College, F. W. Olin Library, Special Collections + 6

12 Mulheres premiadas na arquitetura nos últimos 12 meses

13:00 - 8 Março, 2019
12 Mulheres premiadas na arquitetura nos últimos 12 meses, MAAT em Lisboa, de AL_A.. Imagem © Francisco Nogueira
MAAT em Lisboa, de AL_A.. Imagem © Francisco Nogueira

Nos 12 meses que se passaram desde o Dia Internacional da Mulher de 2018, vimos muitas arquitetos tomarem a dianteira na arquitetura. Da curadoria de Shelley McNamara e Yvonne Farrell para a Bienal de Veneza de 2018 ao celebrado projeto de Frida Escobedo para o Serpentine Pavilion, as notícias dos últimos doze meses mostraram muitos sinais de mudança em uma profissão tradicionalmente dominada por homens.

O ArchDaily também esteve ocupado neste último ano, publicando matérias como mulheres na fotografia de arquitetura, sete mulheres influentes da Bauhaus e as mulheres redefinindo o sucesso na arquitetura. Além de notícias e editoriais, as listas de homenagens e cerimônias de premiação feitas por importantes instituições de arquitetura de todo o mundo também voltaram seus olhos a algumas das profissionais de maior destaque no mundo.

Dia Internacional da Mulher: cresce a maioria feminina na arquitetura no Brasil

09:00 - 8 Março, 2019
Dia Internacional da Mulher: cresce a maioria feminina na arquitetura no Brasil , Mulheres trabalhando na Ocupação Dandara, parte do projeto "Arquitetura na Periferia". Image © Arquitetura da Periferia, via Facebook. Cortesia de Portal Aprendiz
Mulheres trabalhando na Ocupação Dandara, parte do projeto "Arquitetura na Periferia". Image © Arquitetura da Periferia, via Facebook. Cortesia de Portal Aprendiz

O Brasil possui atualmente 167.060 arquitetos e urbanistas ativos e registrados no Conselho de Arquitetura e Urbanismo. A maioria, 63,10% (105.420) são mulheres (105.420), enquanto 36,90% (61.640) são homens (61.400). Em 2018, os percentuais eram respectivamente de 62% e 38%. Essa predominância tende a aumentar nos próximos anos, uma vez que a parcela de mulheres entre estudantes é bem maior: 67%. 

Sheila O'Donnell e Xu Tiantian são premiadas no Women in Architecture Awards 2019

13:00 - 7 Março, 2019
Sheila O'Donnell e Xu Tiantian são premiadas no Women in Architecture Awards 2019

Para o Women in Architecture Awards deste ano, a The Architectural Review e o Architects' Journal selecionaram Sheila O'Donnell como Arquiteta do Ano e Xu Tiantian para ganhar o Prêmio Moira Gemill de Arquitetura Emergente. O prêmio de Arquiteta do Ano reconhece a excelência em projeto especificamente no contexto de uma obra recém-concluída e o Prêmio Moira Gemmill de Arquitetura Emergente é concedido a arquitetas mulheres com menos de 45 anos que mostram excelência em projeto, indicando um futuro brilhante.

Tendências de Fevereiro 2019: Igualdade de Gênero

11:00 - 15 Fevereiro, 2019
Tendências de Fevereiro 2019: Igualdade de Gênero, Oficina de Rozana Montiel. Image© Marc Goodwin
Oficina de Rozana Montiel. Image© Marc Goodwin

Quando os usuários do ArchDaily começam a coincidir em suas buscas por informação ou demonstram maior interesse por um tema em relação a outros, estes tópicos passam a ser uma tendência. A Igualdade de Gênero será uma das  tendências que influenciarão as discussões urbanas e arquitetônicas ao longo do ano.

9 lições para enfrentar a Arquitetura depois de sair da universidade

06:00 - 11 Fevereiro, 2019

Você prepara seu trabalho final de graduação por um longo tempo. Sonha muito com a apresentação, com a banca, com o projeto, com sua maquete, com o memorial, com as suas palavras. Avança, mas crê que será péssimo. Logo sente que não, que será um êxito e que tudo terá valido a pena. E logo tudo se repete e tens vontade de suicidar-se. Que isso é uma montanha russa e não sabes quando tudo acabará. 

Até que chega o dia. Você apresentar seu projeto. Explica suas ideias. A banca faz perguntas. Você responde. Você percebe que sabe mais do que pensava e que nenhum de seus sonhos constantes durante o ano não estiveram perto do que realmente aconteceu no exame. A banca murmura. Acaba a apresentação e te pedem que saia por um tempo. Ali você espera uma eternidade, minutos que rastejam lentamente. Passa, por favor. A comissão recita uma breve introdução e você não pode deduzir se foi bem ou mal. A comissão vai direto ao ponto. Você passou! Parabéns, você é um novo colega e todos te felicitam pela sua realização. A alegria invade você, apesar do cansaço que vêm arrastando. A adrenalina baixa. Passam-se semanas ou meses para ter um descanso merecido. E você começa a se perguntar: e agora?

A universidade -essa instituição que te forma como profissional- te entrega o diploma e agora você enfrentará o mercado de trabalho pela primeira vez (se é que nunca trabalhou antes). Antes de sair e definir suas próprias métricas de êxito pessoal (o êxito já não é medido em avaliações acadêmicas), compartilhamos com você 9 lições para enfrentar o mundo, agora que você é uma arquiteta ou um arquiteto.

Mulheres na fotografia de arquitetura

13:00 - 10 Fevereiro, 2019
Mulheres na fotografia de arquitetura, © Leana Cagnotto
© Leana Cagnotto

Maioria em graduações de arquitetura em diversas partes do mundo, incluindo o Brasil, as mulheres superam os homens em número de profissionais em atividade, entretanto, sua representatividade vem, há décadas, sendo sistematicamente diminuída frente à atuação masculina. 

O debate sobre o papel das mulheres na arquitetura não é recente, contudo, ganhou força a partir de 2013 com a petição para que Denise Scott Brown fosse retroativamente reconhecida como vencedora do Prêmio Pritzker de 1991 - junto à Robert Venturi - e a consequente rejeição do pedido por parte do Prêmio. Desde então, o reconhecimento do papel das mulheres na arquitetura vem sendo tópico de diversos - e necessários - debates, palestras, simpósios e exposições em todo o mundo.

As tendências da arquitetura em 2019

07:50 - 4 Fevereiro, 2019
As tendências da arquitetura em 2019, © Alberto Cosi. ImageBamboo Sports Hall for Panyaden International School / Chiangmai Life Construction
© Alberto Cosi. ImageBamboo Sports Hall for Panyaden International School / Chiangmai Life Construction

Este é o momento no qual nos projetamos ao futuro para definir as metas e focos de nossa carreira ao longo do ano que começa. Com o objetivo de ajudar os arquitetos que consultam o ArchDaily diariamente, realizamos a seguinte lista com as ideias que mais ecoaram durante 2018 e que, portanto, serão os temas que devem seguir desenvolvendo-se durante 2019.

Apenas no ano passado, mais de 130 milhões de usuários descobriram no ArchDaily novas referências, materiais e ferramentas que permitem aprimorar o desenvolvimento da arquitetura e melhorar a qualidade de vida de nossas cidades e entornos construídos. Quando nossos usuários começam a coincidir em suas buscas de informação ou demonstram maior interesse por um tema em relação a outros, estes tópicos passam a ser uma tendência.

Projeto "Arquitetura na Periferia" ensina mulheres a construir suas casas

07:30 - 2 Fevereiro, 2019
Projeto "Arquitetura na Periferia" ensina mulheres a construir suas casas, © Arquitetura da Periferia, via Facebook. Cortesia de Portal Aprendiz
© Arquitetura da Periferia, via Facebook. Cortesia de Portal Aprendiz

É rijo como cal e madeira o espírito das mulheres que participam dos movimentos de luta por moradia no Brasil. Maioria em ocupações de territórios, elas coordenam com vigor as práticas organizacionais e políticas de assentamento e construção de habitação popular. Não é à toa que muitas das ocupações do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) ou do MTST (Movimento dos Trabalhadores sem Teto) carregam nomes de mulheres como Dandara, liderança de um quilombo do período colonial.

Prêmio Moira Gemmill de Arquitetas Emergentes divulga lista de finalistas

19:00 - 1 Fevereiro, 2019
Prêmio Moira Gemmill de Arquitetas Emergentes divulga lista de finalistas, Stone Gardens / Lina Ghotmeh. Image © Joe Landou
Stone Gardens / Lina Ghotmeh. Image © Joe Landou

A lista de finalistas do Prêmio Moira Gemmill de Arquitetas Emergente, que reconhece a excelência em obras concluídas, foi anunciada. Parte do Women in Architecture Awards, organizado pelo The Architectural Review e The Architects 'Journal, o prêmio recebe seu nome em homenagem a Moira Gemmill (ex-diretora de design do Royal Collection Trust) e oferece £ 10.000 para apoiar o desenvolvimento profissional da(s) vencedora(s).

As quatro candidatas finalistas são da França, Espanha, China e Suíça. As vencedoras anteriores incluem Gloria Cabral, sócia do Gabinete de Arquitectura (2018); Rozana Montiel (2017); Gabriela Etchegaray, co-fundadora da Ambrosi Etchegaray (2016); e as fundadoras da vPPR Tatiana von Preussen, Catherine Pease e Jessica Reynolds (2015).

Weiden Secondary School / Karamuk Kuo. Image © Mikael Olsson Orsonnens / TEd'A Arquitectes. Image © Luis Diaz Diaz Dushan Lesiure Center / Xu Tiantian. Image © DnA Shimen Bridge / Xu Tiantian. Image © DnA + 6

Lina Bo Bardi e Tarsila do Amaral entre as artistas celebradas pela programação do MASP em 2019

07:30 - 19 Dezembro, 2018
Lina Bo Bardi e Tarsila do Amaral entre as artistas celebradas pela programação do MASP em 2019, Lina Bo Bardi. Estudo preliminar – esculturas praticáveis do belvedere Museu de Arte Trianon, 1968. Nanquim e aquarela sobre papel, 56,3 x 76,5 cm. Acervo MASP, doação Instituto Lina Bo e P. M. Bardi
Lina Bo Bardi. Estudo preliminar – esculturas praticáveis do belvedere Museu de Arte Trianon, 1968. Nanquim e aquarela sobre papel, 56,3 x 76,5 cm. Acervo MASP, doação Instituto Lina Bo e P. M. Bardi

O tema “Histórias das mulheres, histórias feministas” será pauta do programa de exposições do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand em 2019. Já estão confirmadas seis monográficas de artistas mulheres - Djanira da Motta e Silva, Tarsila do Amaral, Lina Bo Bardi, Anna Bella Geiger, Leonor Antunes, Gego - além de uma grande mostra coletiva que levará o título do eixo temático.

Uma introdução a sete mulheres influentes e inovadoras da Bauhaus

12:00 - 29 Novembro, 2018
Uma introdução a sete mulheres influentes e inovadoras da Bauhaus, © Gertrud Arndt, Bauhaus Archive, Berlin
© Gertrud Arndt, Bauhaus Archive, Berlin

Gropius, Mies van der Rohe, Albers, Klee, e Breuer são todos os nomes que lembram o excepcional talento artístico da escola Bauhaus. Mas um aspecto excepcional, ainda que menos conhecido da Bauhaus é que a escola de arte alemã experimental do início do século XX foi uma das primeiras instituições educacionais a aceitar abertamente mulheres qualificadas no programa.

Uma vez inseridas no programa, as mulheres não eram exatamente tratadas como iguais aos seus pares masculinos, mas em 1919 a aceitação dessas mulheres apaixonadas foi o início de uma onda de artesãs modernas que fizeram significativas contribuições, ainda que não tão reconhecidas, ao movimento Bauhaus. Uma introdução a sete dessas mulheres pode ser encontrada abaixo:

Laura Martínez de Guereñu obtém a primeira Bolsa Lilly Reich para igualdade na arquitetura

15:00 - 12 Outubro, 2018
Laura Martínez de Guereñu obtém a primeira Bolsa Lilly Reich para igualdade na arquitetura, Laura Martínez de Guereñu. Imagem © Eva Guillamet
Laura Martínez de Guereñu. Imagem © Eva Guillamet

A historiadora e crítica de projetos Laura Martínez de Guereñu foi selecionada na primeira edição da Bolsa Lilly Reich, tal como anunciou a Fundação Mies van der Rohe e a prefeitura de Barcelona nessa terça-feira.

"Queremos contribuir com esse grão de areia para corrigir a desigualdade das mulheres e sua invisibilidade. É uma obrigação e uma dívida de justiça que queremos materializar colocando o nome de Lilly Reich à essa iniciativa", declarou Janet Sanz, presidenta da Fundação Mies van der Rohe, no ato realizado nesta terça-feira com a presença de diretora Anna Ramos e da própria Laura Martínez de Guereñu.

6 Livros escritos por mulheres que tratam da cidade e suas dinâmicas

07:00 - 28 Setembro, 2018
6 Livros escritos por mulheres que tratam da cidade e suas dinâmicas, © Gabriel de Andrade Fernandes, via Flickr. Licença CC BY-SA 2.0
© Gabriel de Andrade Fernandes, via Flickr. Licença CC BY-SA 2.0

Historicamente relegadas à esfera do privado, foi somente a partir do século XX que a mulher passou, de fato, a exercer seu direito à cidade e sua dinâmicas. Até hoje, no entanto, esta apropriação é cerceada. Segundo pesquisa do Instituto Locomotiva deste ano, oito em cada 10 mulheres brasileiras têm medo de andar sozinhas à noite.

Além da questão da violência, se colocam como entraves para o pertencimento, circulação e ocupação livre do espaço público pelas mulheres a ausência de políticas que visem contemplar necessidades urgentes do gênero feminino, além de suas identidades e olhares.

A obra frequentemente esquecida de Denise Scott Brown

12:00 - 7 Junho, 2018
A obra frequentemente esquecida de Denise Scott Brown, Cortesia de Robert Venturi
Cortesia de Robert Venturi

Há algo irresistível no romance arquitetônico de Robert Venturi e Denise Scott Brown. Eles se conheceram quando ambos eram jovens professores da Universidade da Pensilvânia; Scott Brown realizava seminários em planejamento urbano e Venturi dava palestras sobre teoria da arquitetura. Como diz a história, Scott Brown argumentou em sua primeira reunião do corpo docente que a magistral biblioteca gótica veneziana de Frank Furness não deveria ser demolida para se construir uma praça (então uma opinião dissidente). Venturi se aproximou dela após a reunião, oferecendo seu apoio. Como Paul Goldberger escreveu sobre o casal em 1971, “à medida que seus pontos de vista estéticos se aproximavam cada vez mais, o mesmo acontecia com os seus sentimentos.” Nós, amantes da arquitetura, não podemos fazer nada a não ser esse casal de arquitetos.

4 Projetos que buscam aprofundar a discussão de raça na arquitetura

07:00 - 7 Junho, 2018
4 Projetos que buscam aprofundar a discussão de raça na arquitetura, Cortesia de Projeto Arquitetas Negras
Cortesia de Projeto Arquitetas Negras

Longe de se esgotarem, as discussões de raça e gênero na arquitetura estão apenas começando a tomar fôlego, e uma de suas repercussões são os projetos e iniciativas que buscam mapear e identificar arquitetas e arquitetos negros que, embora numerosos e em prolífica atividade, são pouco citados - e publicados.

Ainda raras e absolutamente necessárias, essas iniciativas são um importante passo em direção a um reconhecimento mais justo e igualitário no campo da arquitetura. A seguir, apresentamos quatro projetos investigativos que pretendem dar nome e lançar luz sobre estes profissionais e seus trabalhos.