1. ArchDaily
  2. Museus

Museus : O mais recente de arquitetura e notícia

10 Intervenções contemporâneas em museus históricos

Não são poucos os edifícios históricos ao redor do mundo que necessitam, não sem certa urgência, de um projeto de reforma, restauro ou reaproveitamento. Ao longo das últimas décadas, centenas de estruturas obsoletas foram reinventadas, expandidas ou re-significadas para acolher novos usos e programas, permitindo-as a seguir existindo em um mundo onde tudo aquilo que não é mais útil, desaparece. Museus são as principais entidades que "adotam" este tipo de edifícios, trazendo-os de volta à vida. Alguns edifícios históricos insistem em não se render às agruras do tempo, muitos deles passam a ser re-significados para abrigar novos usos. Eles se transformam, evoluem para assumir novas formas que dão voz a resiliência do legado histórico da humanidade. Projetos de intervenção e adaptação tem demonstrado que até mesmo diferentes estilos de arquitetura, ou diferentes camadas temporais sobrepostas, são muito bem vindas quando se trata de proteger o nosso patrimônio arquitetônico.

A seguir, listamos dez projetos que ilustram este tipo de intervenção arquitetônica, onde passado, presente e futuro se sobrepõe para recriar e dar novo significado a estruturas históricas que um dia, estiveram ameaçadas de desaparecimento.

Great Court and Dome of the British Museum. Image © Eric Pouhier via Wikimedia Commons (CC BY-SA 3.0)Exterior of Jewish Museum. Image © Nathaniel Samson via Wikimedia Commons (CC BY-SA 3.0)Facade of Museum de Fundatie. Image © Michielverbeek via Wikimedia Commons (CC BY-SA 3.0)Facade of Moritzburg Museum. Image © Mtth.k via Wikimedia Commons (CC BY-SA 3.0)+ 11

Arquitetura do leste europeu: museus e lugares de memória

Este artigo faz parte da série colaborativa “Arquitetura do Leste Europeu: 50 Edifícios que Definiram uma Era”, desenvolvida em parceria entre o The Calvert Journal e o ArchDaily. Celebrando alguns dos principais ícones da arquitetura do leste europeu, publicaremos periodicamente uma lista com cinco projetos construídos no então Bloco de Leste.

Como projetar interiores de museus: Vitrines para proteger e destacar a arte

Museus são organizações complexas: curadores, arquitetos de exposições, restauradores, editores e profissionais de marketing precisam trabalhar juntos para garantir que as obras de arte em galerias e exposições sejam exibidas adequadamente ao público. Para esse processo, é fundamental o uso de vitrines eficazes, as quais devem proteger a arte e destacá-la esteticamente. Abaixo, delineamos algumas dessas considerações visuais e práticas com exemplos fotográficos da Goppion, dando algumas indicações de como alguém deve escolher quais casos de exibição usar.

The Tomi Ungerer Museum. Image Courtesy of GoppionThe Louvre Lens. Image Courtesy of GoppionThe Museum of Fine Arts. Image Courtesy of GoppionThe Tomi Ungerer Museum. Image Courtesy of Goppion+ 19

Interiores de museus: como o design pode interagir com a arte

Os espaços internos de museus, por meio de exposições, constroem narrativas que atribuem lógica e sentido (em outros contextos talvez não existentes) aos objetos expostos. Isto é, os recursos utilizados em uma mostra são capazes de conferir significados à medida em que são estabelecidas as conexões não só entre as peças expostas, mas também entre o projeto expográfico e a obra de arte.

Museu da Língua Portuguesa tem data marcada para reabrir suas portas

Parcialmente destruído por um incêndio em 2015, o Museu da Língua Portuguesa passou por longo processo de restauro e já tem data para reabrir suas portas: 27 de junho de 2020. O anúncio foi feito por autoridades estaduais e municipais nesta segunda-feira, 16 de dezembro, em visita ao local.

Lançamento da Revista Restauro

A Revista Restauro, periódico independente voltado à publicação de artigos e entrevistas que tenham como foco as ações de preservação, conservação e restauro do patrimônio cultural, incluindo bens artísticos, museológicos, arquitetônicos e urbanos, lançará o seu primeiro número impresso para comemorar os três anos do periódico eletrônico.
O intuito da revista é construir um espaço acessível para abrigar discussões criteriosas sobre as questões envolvidas na preservação. Desse modo, além de contribuir para o fortalecimento do debate entre acadêmicos e profissionais, o objetivo da publicação é difundir amplamente a temática da preservação, convidando um público mais amplo a acompanhar e participar ativamente

Arquicast #79: Arquitetura de Museus

Segundo Flávio Kiefer, os museus são tão antigos quanto a própria história da humanidade. Eles existem desde que o ser humano começou a colecionar e guardar objetos de valor em salas construídas especialmente para esse fim. Hoje, os museus são mais do que ambientes que organizam a história: seus programas são diversos e complexos, seus espaços flexíveis, e as inovações são constantes nas áreas de conservação, exibição e iluminação da obra de arte. O Arquicast da semana conversou com o arquiteto e especialista Carlos Eduardo Ribeiro sobre Arquitetura de Museus e todo o debate que envolve este prestigiado programa arquitetônico.

Primeiras imagens do novo Museu V&A Dundee projetado por Kengo Kuma

O novo Museu Victoria & Albert Dundee, em colaboração com a Rapid Visual Media, acaba de divulgar uma série de imagens feitas com drones revelando o atual estado de construção do edifício, aquele que será o primeiro projeto de Kengo Kuma no Reino Unido. Inspirado na geografia escocesa, o novo V&A é uma estrutura que se projeta sobre o Rio Tay, na cidade de Dundee.

O novo museu à beira rio é conformado por mais de 2.500 painéis pré-moldados de concreto que revestem uma complexa estrutura de paredes curvas, criando sombras que vão variando ao longo do dia e do ano. Além de ser o primeiro projeto construído de Kuma no Reino Unido, o V&A de Dundee também será o primeiro museu da Escócia inteiramente dedicado ao design.

© Rapid Visual Media© Rapid Visual MediaPrimeiras imagens do novo Museu V&A Dundee projetado por Kengo Kuma© Rapid Visual Media+ 7

Celebre o Dia Internacional dos Museus com nossa seleção de projetos

Nem todos os arquitetos têm a chance de projetar um museu. Por questões de orçamento, escala e forças externas ao campo da arquitetura que tornam complexa a realização de um equipamento desse tipo, conseguir a encomenda de um museu e concretizá-lo de fato talvez seja, para alguns escritórios, o ponto alto de suas trajetórias profissionais.

Para celebrar o Dia Internacional dos Museus, hoje, 18 de maio, compilamos algumas das obras de arquitetura museográfica mais relevantes publicados no ArchDaily no último ano. Veja-as, a seguir:

Em construção: Museu Nacional do Qatar projetado por Jean Nouvel

Novas imagens do Museu Nacional do Qatar, projetado por Jean Nouvel, foram divulgadas, mostrando o andamento das obras e os preparativos para a inauguração do edifício em dezembro deste ano. O projeto tem inspiração na rosa do deserto, uma formação mineral cristalizada, e busca criar um diálogo entre a forma fluida do museu e os objetos históricos que ele exibirá. De acordo com um recente comunicado de imprensa, o projeto “dará voz ao patrimônio do Qatar ao passo que celebra seu futuro."

© Iwan Baan© Iwan Baan© Iwan Baan© Iwan Baan+ 5

"Hill", de Riken Yamamoto, vence concurso pelo Museu de Arte de Taiwan

Riken Yamamoto & Field Shop divulgou imagens de sua proposta para o Museu de Arte Taoyuan em Taiwan, tendo vencido um concurso internacional em 2018. Atuando como um portal simbólico para o coração da cidade, a visão do arquiteto era para um hub onde cada visita levasse a novas descobertas e experiências.

Chamado de “The Hill”, o esquema vencedor é definido por um telhado verde inclinado, abrigando obras de arte, pavilhões, árvores e um teatro ao ar livre. Sob o teto, uma estrutura chamada "The Cube" contém exposições permanentes e coleções, e estabelece uma ligação entre o museu e o Blue Pond Park além.

Cortesia de Riken Yamamoto & Field ShopCortesia de Riken Yamamoto & Field ShopCortesia de Riken Yamamoto & Field ShopCortesia de Riken Yamamoto & Field Shop+ 7

Fortaleza histórica inspira proposta vencedora de Steven Holl para museu na França

O museu de concreto branco é inspirado por uma fortaleza adjacente. Cortesia de Steven Holl
O museu de concreto branco é inspirado por uma fortaleza adjacente. Cortesia de Steven Holl

Steven Holl Architects venceu um concurso internacional para o projeto do Angers Collectors Museum e hotel adjacente na histórica cidade de Angers, na França. Trabalhando em colaboração com os empreendedores Compagine de Phalsbourg, o esquema de Holl inspira-se na fortaleza de Chateau d'Angers, do século IX, e procura conformar um novo portal cultural para a cidade.

O museu está conectado a um hotel linear de titânio. Cortesia de Steven HollEsboço conceitual de aquarela. Cortesia de Steven HollUm átrio central dá espaço para exposições. Cortesia de Steven HollUma série de piscinas refletindo o rio que historicamente cobria o terreno. Cortesia de Steven Holl+ 8

Studio Gang projeta cobertura orgânica para a expansão do Arkansas Arts Center

O Studio Gang divulgou sua proposta de expansão de US $ 70 milhões do Arkansas Arts Center, localizado no histórico MacArthur Park, em Little Rock, capital do estado. Trabalhando com os arquitetos do Polk Stanley Wilcox e o escritório de paisagismo SCAPE, o Studio Gang propôs uma grande cobertura que conectará os pavilhões fisicamente distantes em um todo coeso.

Modelo arquitetônico. Imagem Cortesia de Studio GangEntrada norte revelando a fachada original de 1937. Imagem Cortesia de Studio GangVista sul do novo centro. Imagem Cortesia de Studio GangNova entrada sul desde o MacArthur Park. Imagem Cortesia de Studio Gang+ 6

Rem Koolhaas lidera projeto de renovação do novo museu Tretyakov em Moscou

O Office for Metropolitan Architecture (OMA), apresentou as primeiras imagens do projeto de renovação da Galeria New Tretyakov em Krymsky Val, em Moscou. Conduzido por seu principal arquiteto, Rem Koolhaas, o esquema que pretende ampliar a acessibilidade e a visibilidade dos quatro setores da galeria, fará uso de cor e de diferentes materiais para criar uma nova identidade visual e estabelecer novas e importantes conexões com o espaço aberto para o rio de Moscou.

© OMA© OMA© OMA© OMA+ 7