O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Museus E Espaços De Exposições
  4. Brasil
  5. Lina Bo Bardi
  6. 1959
  7. Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi

Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi

Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi
Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi, © Manuel Sá
© Manuel Sá

© Manuel Sá © Manuel Sá © Manuel Sá © Manuel Sá + 7

Há coisas que não podem ser vistas até que sejam ditas. Por exemplo, que o pilar roliço central de pau d’arco seja recortado em nichos de cinco centímetros de profundidade para receber e apoiar as faces dos degraus de ipê amarelo tangentes ao raio do pilar; e que também existam peças de altura igual ao espaçamento entre degraus –dez centímetros e dois milímetros–, engastadas no mesmo pilar, que ampliam a base de apoio dos degraus. Ou que as vigas perimetrais inclinadas, que formam uma hélice dextrogira de sete segmentos retos, se encaixem duas a duas à meia madeira em suas extremidades; e que também sejam parafusadas nas faces internas dos pilares preexistentes.

© Manuel Sá
© Manuel Sá

A escada inscreve-se no retângulo interno, cujos lados medem quatro metros e dez centímetros, e quatro metros e sessenta e oito centímetros, delimitado por quatro pilares preexistentes. No recinto estão dez pilares similares de seção quadrada cujo lado mede trinta centímetros, ordenados em duas fileiras de cinco pilares cada afastados dos muros perimetrais. O espaço fica assim dividido em três faixas longitudinais e seis transversais.

A entrada ao recinto localiza-se no centro do lado maior sudeste. Entra-se pelo eixo central transversal do edifício marcado por dois pilares, que o divide em dois lados idênticos ocupados por quatro pilares cada. A escada localiza-se no centro do lado direito ao acesso. Por sua vez, marca o eixo central longitudinal do edifício.

© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá

Cada viga perimetral inclinada sustenta quatro degraus trapezoidais cuja espessura mede sete centímetros através de um encaixe do tipo espiga, travado externamente com uma cunha vertical. Os degraus dividem as vigas em quatro partes iguais. As duas exceções às regras são os degraus apoiados na primeira e na última viga. Na primeira, os quatro pilares dividem a viga em partes crescentes a partir do primeiro: oitenta, noventa e cinco, cem, e cento e quinze centímetros respectivamente. Além disso, o primeiro degrau da escada não parte da esquina definida pelo encontro das vigas, senão que avança dez centímetros sobre a face do pilar. Na última, só há três pilares, sendo o último um degrau duplo, totalizando trinta e um degraus.

© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá
© Manuel Sá
  • Arquitetos

  • Localização

    Avenida Contorno, S/N - Comercio, Salvador - BA, 40060-060, Brasil
  • Ano de Inauguração

    1963
  • Ano do projeto

    1959
  • Fotografias

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: Igor Fracalossi. "Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi" 05 Dez 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/778186/classicos-da-arquitetura-solar-do-unhao-lina-bo-bardi> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.