1. ArchDaily
  2. Escada

Escada: O mais recente de arquitetura e notícia

Arquitetura mexicana: 15 escadas escultóricas

Entrepinos / Taller Hector Barroso. Image © Rory GardinerCasa Flotante / Talleresque. Image © Studio ChirikaOficinas SMA-GSM / Sordo Madaleno Arquitectos. Image © Rafael GamoCENTRO / TEN Arquitectos. Image © Luis Gordoa+ 16

Um dos elementos de maior potencial escultórico da arquitetura é a circulação vertical – sejam rampas ou escadas. E apesar de serem frequentemente desenhadas a partir de uma abordagem puramente funcionalista, em alguns momentos tornam-se a peça fundamental do espaço. 

Loja NK Store / Estudio Tupi

© Andrés Otero© Andrés Otero© Andrés Otero© Andrés Otero+ 38

Jardins, Brasil
  • Arquitetos: Estudio Tupi
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Atlas Schindler, Ulimax, Belas Artes, Clatt, Dpot, +3

Versatilidade das escadas de madeira em 20 casas portuguesas

Seja por uma necessidade de adaptação ao terreno ou qualquer outro fator que leve à verticalização de um edifício, a presença de diferentes níveis requer soluções que os conectem. As escadas cumprem a função de interligar os diferentes pavimentos e desenvolver os fluxos de uma edificação por meio de uma grande variedade de conformações, desenhos e materiais. Quando são feitas de madeira, as diferentes espécies proporcionam ainda uma abundância de cores e texturas que contribuem para dar um aspecto singular a este componente em cada projeto.

Arquitetura brasileira: 15 soluções de escadas

As escadas muitas vezes se tornam um elemento fundamental do projeto. Ao resolver a circulação vertical, elas também podem assumir um papel escultural no ambiente e atender outras funções como gerar espaços de estar, trazer iluminação necessária a outros níveis, servir como depósito e trazer novas vistas da própria arquitetura a partir do movimento do corpo por ela. Como nem sempre a resposta a este componente é uma tarefa fácil por, muitas vezes, exigir soluções criativas aliadas à segurança do usuário, selecionamos 15 escadas realizadas por arquitetos brasileiros para que sirvam de inspiração para o seu próximo projeto.

Casas brasileiras: 16 residências com escadas de madeira

As escadas de madeira podem apresentar um aspecto próprio em cada projeto, graças não apenas às diferentes disposições que podem ocupar no ambiente, mas também à variação de cores e texturas proporcionadas pelas diferentes espécies e cortes das peças e às diferentes maneiras de arranjo de degraus.

Casa Conde D'eu / Estúdio Penha. Imagem: © Maira AcayabaFlorêncio Ygartua 60 / OSPA Arquitetura e Urbanismo. Imagem: © Denison FagundesCasa JZL / Bernardes Arquitetura. Imagem: © Leonardo FinottiCasa HC / João Diniz Arquitetura. Imagem: © Bel Diniz+ 16

As esculturais escadas desenhadas por 3XN

© Adam Mørk
© Adam Mørk

Esculturais, elegantes, surpreendentes. São muitos os adjetivos que podem definir o desenho das escadas concebidas pelo escritório dinamarquês 3XN. Com projetos aguçados e que fogem a convencional circulação vertical, acrescentam camadas de inventividade no caminhar espacial, tornando-o uma verdadeira experiência.

Como projetar e calcular uma escada?

© José Tomás Franco
© José Tomás Franco

Essa pergunta pode ser básica e você seguramente conhece a resposta. Mas nunca é demais recordar alguns cálculos elementares que nos ajudam a acelerar o processo de projeto.

Uma escada consiste basicamente de uma série de degraus, que por sua vez consistem em um piso (sua parte horizontal, onde o pé descansará) e um espelho (sua parte vertical). Dependendo do projeto, pode existir um ou mais patamares, corrimãos e uma pequena saliência que se projeta do piso sobre o degrau inferior, permitindo aumentar seu tamanho sem acrescentar centímetros às dimensões gerais da escada.

Confira a fórmula desenvolvida pelo arquiteto francês François Blondel, que permite determinar as dimensões corretas de uma escada confortável e eficiente de acordo com o seu uso.

Fotos da Semana: 15 escadas impressionantes

© Johannes Vogt
© Johannes Vogt

© Mark Cocksedge© Ed Reeve© José Campos© Bruce Damonte+ 16

Escadas são elementos fundamentais para a comunicação entre os espaços de uma obra arquitetônica. Mas além do aspecto funcional, em alguns projetos as escadas se convertem em objetos escultóricos, verdadeiras protagonistas do espaço, oferecendo aos arquitetos a oportunidade explorar formas e materiais incomuns. Veja, a seguir, 15 fotografias de escadas impressionantes, registradas por fotógrafos como Patricia Parinejad, José Campos e Brigida González.

Inspirada na famosa escadaria de espelhos de Coco Chanel, ACME propõe estrutura de madeira

O escritório ACME, com base em Londres, desenvolveu o protótipo de uma escada com métodos de construção modernos e uma abordagem projetual adaptável.

A enorme escada em espiral dupla foi instalada no próprio escritório do ACME, que anteriormente não possuía escada entre os andares. O projeto inspira-se na escada espelhada de Coco Chanel de seu apartamento parisiense, em 31 Rue Cambon. Nesse caso, os dois lados da escada eram revestidos de espelhos e qualquer pessoa no topo podia observar as idas e vindas em todos os níveis do ateliê.

© Ed Reeve© Ed Reeve© Ed Reeve© Ed Reeve+ 18

Clássicos da Arquitetura: Solar do Unhão / Lina Bo Bardi

© Manuel Sá© Manuel Sá© Manuel Sá© Manuel Sá+ 7

Há coisas que não podem ser vistas até que sejam ditas. Por exemplo, que o pilar roliço central de pau d’arco seja recortado em nichos de cinco centímetros de profundidade para receber e apoiar as faces dos degraus de ipê amarelo tangentes ao raio do pilar; e que também existam peças de altura igual ao espaçamento entre degraus –dez centímetros e dois milímetros–, engastadas no mesmo pilar, que ampliam a base de apoio dos degraus. Ou que as vigas perimetrais inclinadas, que formam uma hélice dextrogira de sete segmentos retos, se encaixem duas a duas à meia madeira em suas extremidades; e que também sejam parafusadas nas faces internas dos pilares preexistentes.

Réquiem pelas escadas / Oscar Tusquets

Surpreendentemente, naquela aula Josep Maria Sostres esteve magistral. Josep Maria Sostres, que a partir de agora chamaremos Sostres (ainda que na universidade o chamássemos El Sostres), era um arquiteto e um homem muito, muito peculiar. Como arquiteto, mereceu o típico reconhecimento post mortem, da mesma maneira que José Antonio Coderch, outro arquiteto que poucos de nós admiraram em vida, embora, hoje, pareça que todos o idolatrassem.

Escada Residencial / .PSLAB