O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Como projetar e calcular uma escada?

Como projetar e calcular uma escada?

Como projetar e calcular uma escada?
© José Tomás Franco
© José Tomás Franco

Essa pergunta pode ser básica e você seguramente conhece a resposta. Mas nunca é demais recordar alguns cálculos elementares que nos ajudam a acelerar o processo de projeto.

Uma escada consiste basicamente de uma série de degraus, que por sua vez consistem em um piso (sua parte horizontal, onde o pé descansará) e um espelho (sua parte vertical). Dependendo do projeto, pode existir um ou mais patamares, corrimãos e uma pequena saliência que se projeta do piso sobre o degrau inferior, permitindo aumentar seu tamanho sem acrescentar centímetros às dimensões gerais da escada.

Confira a fórmula desenvolvida pelo arquiteto francês François Blondel, que permite determinar as dimensões corretas de uma escada confortável e eficiente de acordo com o seu uso.

Como projetar e calcular uma escada?, © José Tomás Franco
© José Tomás Franco

2 espelhos + 1 piso = 63 - 65 cm 

O espaço necessário para alcançar essas dimensões ideais nem sempre estará disponível, mas recomenda-se aproximá-las o máximo possível.

Exemplo esquemático de escadas íngremes e de baixo tráfego

(2 x 21) + (1 x 21) = 63 cm  

Relação 21x21 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco
Relação 21x21 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco

Exemplo esquemático de escada ideal

(2 x 18) + (1 x 28) = 64 cm

Relação 28x18 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco
Relação 28x18 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco

Exemplo esquemático de escadas de inclinação menor, de preferência para uso externo

(2 x 13) + (1 x 39) = 65 cm

Relação 39x13 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco
Relação 39x13 cm / Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco

Exemplo de cálculo para vencer uma altura de 2,60 m

1. Calcular a quantidade de degraus necessários

Considerando um espelho ideal de 18 cm, a altura do espaço é dividida pela altura de cada degrau. O resultado deve ser sempre arredondado para cima:

260/18 = 14,44 = 15 degraus

2. Calcular a altura de cada espelho

Divide-se a altura até o outro piso pelo número de degraus que acabamos de obter:

260/15 = cada espelho medirá 17,33 cm 

3. Calcular a dimensão do piso

Aplicar a fórmula de Blondel:

(2 x 17,33 cm) + (1 x piso) = 64 

Cada piso medirá 29,34 cm

* A escada resultante contará com 15 degraus. 29,34 cm de piso e 17,33 cm de espelho

Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco
Exemplo esquemático. Image © José Tomás Franco

Perguntas frequentes

Como determinar a largura da escada?

Dependendo do uso e das normativas locais, recomenda-se uma largura mínima de 80 cm para escadas em residências unifamiliares e superior a 1,20 m em edifícios públicos, considerando a estimativa de pessoas que a utilizarão. A norma brasileira é um pouco mais rígida nesse sentido. A NBR 9050 estabelece que "a largura das escadas deve ser estabelecida de acordo com o fluxo de pessoas, conforme ABNT NBR 9077. A largura mínima recomendável para escadas fixas em rotas acessíveis é de 1,50 m, sendo o mínimo admissível 1,20 m."

A cada quantos degraus deve ser incluído um patamar?

Idealmente, uma escada não deveria ter mais de 15 degraus seguidos. Recomenda-se que uma medida de descanso seja pelo menos igual a 3 pisos.

Qual é a altura ideal entre a escada e o teto?

A altura entre os degraus e o teto deve ser de 2,15 metros no mínimo. Segundo Ernst Neufert, você até pode chegar a um mínimo de 2,00 metros. A altura do corrimão pode variar entre 70 e 92 cm, de cada degrau de forma constante, de acordo com a Norma Brasileira NBR 9050.

Até que ponto posso variar a relação entre o piso e o espelho?

A escada pode ter uma variedade de formas e configurações, mas a relação entre o piso e o espelho deve permanecer a mesma ao longo de sua rota para evitar o desequilíbrio do usuário, que irá subir ou descer a escada automaticamente.

Esta fórmula ajudará você a projetar uma escada corretamente. No entanto, os cálculos devem sempre considerar as especificidades de cada projeto, bem como as normas locais onde o projeto está localizado.

Cita: Franco, José Tomás. "Como projetar e calcular uma escada?" [¿Cómo diseñar y calcular una escalera?] 20 Abr 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/892663/como-projetar-e-calcular-uma-escada> ISSN 0719-8906
Ler comentários