Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Eduardo Souza

Arquiteto Urbanista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Mestre no Programa de Urbanismo, História e Arquitetura da Cidade, também na UFSC, com pesquisa relacionada ao tema da mobilidade e dispersão urbana. Interessado em projetos de requalificação urbana, transportes não-motorizados e espaços públicos, entre muitos outros assuntos. Colabora no ArchDaily Brasil desde 2012 e atualmente é Editor de Clássicos da Arquitetura e Artigos.

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE AUTOR

Arquiteto e urbanista André Schmitt morre em Florianópolis

00:24 - 13 Setembro, 2019
Arquiteto e urbanista André Schmitt morre em Florianópolis, Cortesia de Guilherme Llantada
Cortesia de Guilherme Llantada

André Schmitt, um dos mais respeitados arquitetos do Estado de Santa Catarina, faleceu nesta quinta-feira (12). O arquiteto foi secretário de Turismo na década de 80 e assíduo colaborador do IPUF (Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis), participando ativamente das discussões públicas e oferecendo seu conhecimento para toda a sociedade. No aniversário de Florianópolis de 2018 recebeu a Medalha do Mérito Virgílio Várzea, uma homenagem da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Alejandro Aravena: "A necessidade mais básica e urgente é como um template que elimina o irrelevante"

11:00 - 9 Setembro, 2019
Alejandro Aravena: "A necessidade mais básica e urgente é como um template que elimina o irrelevante", Cortesia de Elemental
Cortesia de Elemental

Alejandro Aravena esteve em Florianópolis na última semana, convidado pelo NCD Summit 2019 para palestrar sobre Arquitetura Social. Fundador do "do tank" ELEMENTAL, o Prêmio Pritzker de 2016 deu um panorama geral de sua obra, passando pelas mais distintas tipologias de projeto, sempre evidenciando os processos que levaram às soluções adotadas. Antes da palestra, Aravena concedeu uma entrevista exclusiva ao ArchDaily Brasil. Confira a entrevista a seguir:

Setembro no ArchDaily: Trabalho

11:00 - 2 Setembro, 2019
Setembro no ArchDaily: Trabalho

A forma como encaramos o trabalho mudou, e isso é inegável. Nossa profissão já não nos define tanto quanto as gerações passadas, e novas formas de trabalho vêm sendo incorporadas aos cotidianos. Enquanto a tecnologia revolucionou nossa capacidade de executar uma variedade de tarefas diárias, muitas profissões desapareceram, algumas não devem durar muito e diversas outras foram criadas. 

Como a automação residencial afetará nosso futuro?

11:00 - 19 Agosto, 2019
Como a automação residencial afetará nosso futuro?, Casa Três Pátios / extrastudio. Image © Francisco Nogueira
Casa Três Pátios / extrastudio. Image © Francisco Nogueira

Antes restrita a construções luxuosas ou super tecnológicas, a automação residencial vem se mostrando uma aplicação cada vez mais fundamental e acessível aos projetos de arquitetura, sejam edificações novas ou reformas. Ainda que entender a forma como operam seja extremamente complexo, o objetivo principal das tecnologias é tornar a vida mais simples, segura e fácil. Por definição, a automação residencial busca ser globalmente inteligente, funcionando como um sistema que facilita os processos, sem complicar desnecessariamente a vida do usuário. A ideia é conectar entre si dispositivos e aparelhos, que por sua vez se ligam e conversam através de um controle centralizado, acessado por computadores, tablets ou telefones celulares. Inclui-se aí luzes, eletrodomésticos, tomadas elétricas, sistemas de aquecimento e refrigeração, mas também alarmes, portas, janelas, detectores de fumaça, câmeras de vigilância, entre muitos outros sensores e aparelhos.

Como a iluminação afeta o humor?

11:00 - 5 Agosto, 2019
Como a iluminação afeta o humor?, Un chico, su bulldog, un huerto y la casa que comparten / HUSOS. Image © José Hevia
Un chico, su bulldog, un huerto y la casa que comparten / HUSOS. Image © José Hevia

É muito provável que você esteja lendo esse texto em um espaço fechado e com as luzes ligadas. Com o nosso atual estilo de vida, é comum passarmos a maior parte dos dias em salas fechadas realizando nossas tarefas diárias banhados pela soma de luzes artificiais e naturais. Ao mesmo tempo que as luzes artificiais trouxeram infinitas e incalculáveis possibilidades à humanidade, elas também causaram uma certa confusão ao nosso corpo, que se adaptou por milhares de anos a responder aos estímulos da luz do sol e à escuridão da noite. Trata-se do Ritmo ou Ciclo circadiano, que designa o período de aproximadamente 24 horas que se baseia o ciclo biológico de quase todos os seres vivos, influenciado sobretudo pela luz recebida, mas também pela temperatura e outros estímulos.

Ribo Fashion Group Zhimei Research and Development Center / A3 VISION. Image © Schram Image William Grant & Sons Ideation Space / Design Plus. Image © Vibhor Yadav Option Coffee Bar / TOUCH Architect. Image © Metipat Prommomate HofmanDujardin Office Villa / HofmanDujardin. Image © Matthijs van Roon + 17

Como as cidades podem ajudar e ser ajudadas pelas abelhas?

11:00 - 30 Julho, 2019
Como as cidades podem ajudar e ser ajudadas pelas abelhas?, Cortesia de COOKFOX
Cortesia de COOKFOX

A produção de alimentos depende diretamente das abelhas, e seu desaparecimento deve gerar efeitos catastróficos à humanidade. Por toda internet circulam textos alarmantes de como esses pequenos insetos estão morrendo. Segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), 75% dos cultivos destinados à alimentação humana no mundo dependem das abelhas. Por exemplo, um morango suculento e bem formado só é possível se dezenas de abelhas passem pela flor na época certa e o polinizem. Sem elas, ele pareceria mais como uma uva passa.

Cubas de concreto: banheiros com a cor e a textura do concreto pigmentado

11:00 - 23 Julho, 2019
Cubas de concreto: banheiros com a cor e a textura do concreto pigmentado, Cortesia de Kast
Cortesia de Kast

A empresa britânica Kast lançou mais uma coleção de suas já tradicionais cubas em concreto pigmentado. Sendo o concreto um material extremamente versátil que combina as características da pedra natural com a capacidade de ser moldada em qualquer formato, os produtos lançados em 2019 evidenciam superfícies esculpidas e com texturas altamente definidas. Os variados padrões lineares são explorados desde as ondulações horizontais suaves, às pregas diagonais nítidas ou as ranhuras verticais e nítidas. As variações orgânicas na cor e textura da superfície que podem ocorrer como resultado do uso de concreto e agregados reais criam uma estética distinta que é integral ao caráter do material.

Cortesia de Kast Cortesia de Kast Cortesia de Kast Cortesia de Kast + 24

Como podemos reduzir a emissão de carbono em projetos de arquitetura?

11:00 - 18 Julho, 2019
Como podemos reduzir a emissão de carbono em projetos de arquitetura?, Westborough Primary School / Cottrell & Vermeulen Architecture Ltd.. Image © Anthony Coleman
Westborough Primary School / Cottrell & Vermeulen Architecture Ltd.. Image © Anthony Coleman

Estima-se que, desde a década de 70, as demandas de recursos do estilo de vida atual da sociedade excedam a capacidade biológica do planeta para atendê-las. Ou seja, estamos retirando e poluindo a natureza mais do que ela pode se recuperar naturalmente. Segundo o Banco Mundial, se a população mundial chegar mesmo ao número projetado de 9,6 bilhões de pessoas em 2050, serão necessários quase três Planetas Terra para proporcionar os recursos naturais necessários a fim de manter o atual estilo de vida da humanidade.

Diariamente uma quantidade enorme de dióxido de carbono é liberada na atmosfera, através da indústria, transporte, da queima de combustíveis fósseis e até mesmo pela respiração de plantas e seres vivos. À medida que as consequências das mudanças climáticas se tornam mais claras, tanto os governos quanto as empresas do setor privado vêm estabelecendo metas para as reduções de emissões de carbono. O dióxido de carbono é apontado como o principal gás do efeito estufa, e sua alta concentração na atmosfera leva à poluição do ar, chuvas ácidas, entre outras consequências.

10 Soluções de Fachadas Adaptativas para uma Arquitetura Resiliente

11:00 - 11 Julho, 2019
10 Soluções de Fachadas Adaptativas para uma Arquitetura Resiliente, Image Courtesy of TuDelft and the Spong3d project
Image Courtesy of TuDelft and the Spong3d project

O termo “resiliência” tem sido utilizado para os mais distintos assuntos. Sua definição científica é a capacidade de uma substância ou objeto retornar à forma depois de sofrer algum trauma. Ou seja, é bem diferente da resistência, pois trata-se da capacidade de adaptação e recuperação. Na ecologia, a resiliência trata da capacidade de um ecossistema em responder a uma perturbação ou a distúrbios, resistindo a danos e recuperando-se rapidamente. Já na arquitetura, desenhar algo tendo a resiliência em mente pode levar a diversas abordagens. Um projeto resiliente é sempre localmente específico. Prever os possíveis cenários típicos de uso da edificação e mesmo as situações de desastre que poderiam desafiar a integridade do projeto e dos ocupantes é um importante ponto de partida. Além disso, podemos abordar sobre as estruturas e materiais adaptáveis que podem “aprender” de seus ambientes e se reinventar continuamente. Se pensamos em programas e robôs com logaritmos que aprendem com o contexto, porque não podemos usar o mesmo raciocínio em nossas construções?

Selecionamos 10 materiais e soluções adaptativas que trabalham no conceito da Resiliência na Arquitetura e Construção. A pergunta que fica é se essas soluções algumas dia terão uma aplicação massiva ou serão apenas inovações pontuais.

Image Courtesy of Faulders Studio Image Courtesy of TuDelft and the Spong3d project Image Courtesy of TuDelft. ImageDouble Face © Alejandro Cartagena + 24

8 painéis acústicos internos e seus detalhes de construção

11:30 - 9 Julho, 2019
8 painéis acústicos internos e seus detalhes de construção, HAZA. Image Cortesia de Mikodam
HAZA. Image Cortesia de Mikodam

A cena é comum. Você está em um restaurante e parece ouvir mais a conversa da outra mesa do que da pessoa que está ao seu lado. Para tentar resolver isso, todos começam a falar mais alto, tornando o ambiente caótico. Ou, quando vendo um filme e precisa aumentar o som para entender alguma coisa, faz seu vizinho perder o sono. Absorção, reflexão, reverberação, frequência, decibéis, etc. Ainda que a acústica seja uma ciência complexa e possa tornar edifícios quase inabitáveis quando mal pensada, nem sempre os arquitetos possuem os recursos teóricos e a preocupação necessária para desenvolver espaços confortáveis acusticamente.

BISA. Image Cortesia de Mikodam GETA. Image Cortesia de Mikodam TOBA. Image Cortesia de Mikodam SAPA. Image Cortesia de Mikodam + 37

Granilites feitos com resíduos da indústria da construção civil

11:30 - 1 Julho, 2019
Granilites feitos com resíduos da indústria da construção civil, Cortesia de Apt and Huguet
Cortesia de Apt and Huguet

Utilizando a mistura de uma base cimentícia com fragmentos de pedras naturais, o granilite caracteriza-se como um material extremamente resistente e versátil. Muito utilizado há algumas décadas, o material tem sido redescoberto pelos arquitetos e cada vez mais utilizado em novas obras. Mas além das pedras naturais, essa base cimentícia pode incluir elementos inusitados, como resíduos da construção: pregos, tijolos quebrados, pedaços de madeira, que são incluídos na mistura criando produtos interessantes.

Concreto reforçado com fibras: resistência e leveza

11:00 - 28 Junho, 2019
Concreto reforçado com fibras: resistência e leveza, © UBC
© UBC

A história do concreto remonta à Roma Antiga, há aproximadamente 2000 anos atrás. A mistura de pedra calcária, cinza vulcânica e água do mar, conhecida como “Concreto Romano”, possibilitou a construção de aquedutos, estradas e templos, muitos deles ainda de pé. Algum tempo atrás descobriu-se que essa mistura original forma um mineral chamado tobermorita aluminosa, que se torna mais forte com o passar do tempo.

Centro Heydar Aliyev / Zaha Hadid Architects. Image © Hélène Binet © Samuel McGuire © Samuel McGuire Fibras. Image Cortesia de Swisspearl + 10