O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Lucio Costa

"Registro de uma vivência": autobiografia de Lucio Costa é relançada pela Editora 34

06:00 - 30 Outubro, 2018
"Registro de uma vivência": autobiografia de Lucio Costa é relançada pela Editora 34, © Hugo Segawa
© Hugo Segawa

Publicada originalmente em 1995, Registro de uma vivência é uma autobiografia de Lucio Costa (1902-1998) formada de textos críticos e memorialísticos, planos, projetos, fotografias e desenhos especialmente escolhidos e compostos pelo autor.

Esgotada há quase 20 anos, a publicação foi reeditada pela Editora 34 em parceria com Edições Sesc SP, respeitando integralmente o projeto gráfico original, acrescida de uma apresentação de Maria Elisa Costa, filha de Lucio, de um índice onomástico, e de um ensaio de Sophia da Silva Telles, que procura decifrar o sentido da obra deste grande arquiteto e urbanista que foi também um dos mais importantes intelectuais brasileiros do século XX.

Tal pai, tal filho: 20 arquitetos e arquitetas que seguiram a profissão do pai

10:00 - 12 Agosto, 2018
Tal pai, tal filho: 20 arquitetos e arquitetas que seguiram a profissão do pai, © Archdaily Brasil
© Archdaily Brasil

Em qualquer profissão é comum que filhos sigam a carreira dos pais, motivados pelo contexto em que cresceram e contagiados pela paixão pela profissão. Na arquitetura não poderia ser diferente. Viver rodeado de croquis, plantas e café parece despertar a vontade de seguir a mesma carreira.

Por razão do dia dos pais comemorado no Brasil neste próximo domingo, 12 de agosto, compilamos uma lista de arquitetos e arquitetas que seguiram os passos de seus pais. Confira a seguir:

Brasília: uma arquitetura Social

12:00 - 18 Junho, 2018
Brasília: uma arquitetura Social, Arquivo Nacional do Brasil <a href='https://www.flickr.com/photos/arquivonacionalbrasil/40806233014/'> Via Flickr (Domínio Público)</a>
Arquivo Nacional do Brasil Via Flickr (Domínio Público)

Brasília não necessita de defesa. Sua realidade se impõe acima de qualquer discurso. Como escreveu Paulo Leminski, em seu Catatau: Brasília – alegria dos mapas.

Nestes tempos sombrios de nosso país, retoma-se a crítica sobre a inoportunidade, ou o erro, da transferência da capital do Rio de Janeiro para o cerrado do planalto central. Argumento conformista, com pretensão avant-garde, no qual se pretende estabelecer paralelo entre o desmonte da cidade do Rio de Janeiro e a mudança da capital.

A poeira da memória nos faz esquecer os embates e revoltas com a mudança da capital da Bahia para o Rio, também na ocasião considerada um erro. Junto com o deslocamento para o novo e belo recinto da baía da Guanabara, veio também o sistema escravocrata e a naturalização da violência, implícita em sua organização. O paralelo é possível entre Rio-Brasília e Bahia-Rio. A arquitetura ou o novo recinto geográfico não significa uma mudança das formas de organização ou gestão de uma sociedade.

Lúcio Costa e sua influência no Patrimônio Histórico Nacional e no IPHAN

12:00 - 27 Fevereiro, 2018
Lúcio Costa e sua influência no Patrimônio Histórico Nacional e no IPHAN, <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File%3ADe_Dentro_do_Museu_das_Miss%C3%B5es.jpg'>© 	Isabela Marques Leite de Souza via Wikimedia Commons </a> Licença CC BY-SA 4.0
© Isabela Marques Leite de Souza via Wikimedia Commons Licença CC BY-SA 4.0

Como exemplar figura contribuinte à produção arquitetônica moderna, Lúcio Costa atuou em diferentes frentes – do desenho do edifício ao desenvolvimento de planos urbanos, como é o caso da cidade de Brasília. Entre as muitas facetas do arquiteto, sua participação na valorização e estabelecimento de politicas capazes de atuar em prol da proteção do patrimônio histórico nacional são um marco em sua carreira e, sobretudo, aos bens do país.

Em foco: Lucio Costa

06:00 - 27 Fevereiro, 2018
Em foco: Lucio Costa, © Hugo Segawa
© Hugo Segawa

Hoje, dia 27 de fevereiro, Lucio Costa completaria 116 anos. Falecido em 1998, esteve à frente de importantes projetos, mais notavelmente o plano piloto de Brasília e o Ministério da Educação e Saúde do Rio de Janeiro, com impactos marcantes na arquitetura e urbanismo do país. Nascido na França, por conta da profissão de seu pai almirante, morar em países como Inglaterra e Suíça durante seus anos de formação deu a ele uma formação pluralista e uma conexão relevante com o velho continente. Formou-se no curso de Arquitetura na Escola Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro, e, aos 29 anos, foi convidado a ser o diretor da faculdade. Em 1937 foi nomeado diretor da Divisão de Estudos e Tombamentos, do Serviço de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - SPHAN, no mesmo ano em que projeta o Museu das Missões, em São Miguelinho, Rio Grande do Sul.

Brasília: 30 anos do tombamento

12:00 - 5 Janeiro, 2018
Brasília: 30 anos do tombamento, © Sérgio Ulisses Jatobá
© Sérgio Ulisses Jatobá

"...Brasília é a execução, em alta modernidade, da ideia nutrida pelo Ocidente do que fora a plenitude grega" (Paulo Emilio Salles).

Sempre que, no eixo monumental, cruzo a linha imaginária que liga o Congresso Nacional ao Palácio do Itamaraty e vislumbro a Praça dos Três Poderes do alto da rampa que nela desemboca, me vem uma emoção genuína, que não se desgasta pela sua repetição. A visão privilegiada do conjunto da Praça, ladeada pelos seus três edifícios principais e adornada com a perspectiva do Itamaraty, à direita, é uma imagem que só se compara com a dos grandes espaços urbanos icônicos da humanidade.

Clássicos da Arquitetura: Maison du Bresil / Le Corbusier

12:00 - 12 Maio, 2017
© Samuel Ludwig
© Samuel Ludwig

Pensada como um microcosmo da vida e cultura brasileiras, Maison du Bresil é um exemplo significativo dos projetos residenciais de alta densidade de Le Corbusier. Inaugurada em 1959, é uma das vinte e três residências internacionais da Cité Internationale Universitaire de Paris, localizada no coração da capital francesa. Como "Casa do Brasil", o edifício funciona como residência para acadêmicos, estudantes, professores e artistas brasileiros, e como um centro para a cultura brasileira, fornecendo espaços de exposição e arquivos. Nomeadamente, o edifício tem proporcionado residência a famosos brasileiros, como o renomado jornalista Barroso Zózimo do Amaral.

© Samuel Ludwig © Samuel Ludwig © Samuel Ludwig © Samuel Ludwig + 8

Última semana para visitar a exposição que celebra os 60 anos do projeto de Lucio Costa para Brasília

10:00 - 25 Março, 2017
Última semana para visitar a exposição que celebra os 60 anos do projeto de Lucio Costa para Brasília, Esboço do Plano Piloto de Brasília. Image © Arquivo Público do Distrito Federal/Fundo Novacap. Licença CC BY-NC-ND 3.0 BR
Esboço do Plano Piloto de Brasília. Image © Arquivo Público do Distrito Federal/Fundo Novacap. Licença CC BY-NC-ND 3.0 BR

Há 60 anos, Lucio Costa propôs uma cidade em forma de avião. Em 16 de março de 1957, a banca responsável por escolher o plano arquitetônico de Brasília assinou o documento que autorizava a execução do projeto apresentado pelo arquiteto, que elevou seu nome a um dos sinônimos da capital federal. A proposta apresentada pelo urbanista desbancou 26 projetos.

Para celebrar a data, o Arquivo Público do Distrito Federal exibe a exposição gratuita “A cidade que inventei” na Câmara Legislativa até 30 de março. A mostra reúne painéis de 2,5 metros de largura por 1,3 metro de altura, e apresenta croquis, frases e desenhos do arquiteto, além de fotos da construção da cidade na década de 1950.

Clássicos da Arquitetura: Congresso Nacional / Oscar Niemeyer

12:00 - 11 Janeiro, 2017
Clássicos da Arquitetura: Congresso Nacional / Oscar Niemeyer, © Filipe Frazao / Shutterstock.com
© Filipe Frazao / Shutterstock.com

Localizado na cabeceira do plano piloto de Lúcio Costa, e como o único edifício sobre o canteiro central da asa leste do Eixo Monumental, o palácio do Congresso Nacional conta com uma localização privilegiada entre os edifícios públicos de Oscar Niemeyer em Brasília. O mais sóbrio dos palácios da Praça dos Três Poderes, o Congresso Nacional reflete a forte influência de Le Corbusier, ao mesmo tempo em que insinua as formas mais românticas e caprichosas que caracterizam o modernismo brasileiro de Niemeyer.

© flickr user may_inthesky O Eixo Monumental. Imagem © Limogi © Andrew Prokos Interior da Câmara dos Deputados. Imagem © flickr user agenciasenado + 14

Clássicos da Arquitetura para visitar no Rio de Janeiro durante as Olimpíadas 2016

12:00 - 10 Agosto, 2016

Palco dos Jogos Olímpicos de 2016, o Rio de Janeiro apresenta diversos exemplares da Arquitetura Moderna brasileira que merecem uma visita. Confira uma seleção de obras icônicas que se localizam no Rio e em Niterói:

Edifícios de Brasília durante a construção e após 55 anos, por Marcel Gautherot e Gonzalo Viramonte

12:00 - 14 Julho, 2016
Edifícios de Brasília durante a construção e após 55 anos, por Marcel Gautherot e Gonzalo Viramonte, Esplanada dos Ministérios. Image © Marcel Gautherot e Gonzalo Viramonte
Esplanada dos Ministérios. Image © Marcel Gautherot e Gonzalo Viramonte

O arquiteto e fotógrafo Gonzalo Viramonte realizou uma interessante comparação entre suas fotografias atuais e da época da construção e inauguração de Brasília, do fotógrafo franco-brasileiro Marcel Gautherot. Entre as comparações estão Clássicos como o Palácio da Alvorada, a Catedral, o Congresso Nacional e a Esplanada dos Ministérios.

Veja mais a seguir:

Avançam os trabalhos de restauro do Palácio Gustavo Capanema

10:00 - 9 Maio, 2016
Avançam os trabalhos de restauro do Palácio Gustavo Capanema, Palácio Gustavo Capanema, no centro do Rio de Janeiro. Image © thefuturistics, via Flickr. CC
Palácio Gustavo Capanema, no centro do Rio de Janeiro. Image © thefuturistics, via Flickr. CC

Como parte das atividades comemorativas de 80 anos do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), representantes da instituição realizaram no dia 5 de maio uma visita às obras de restauro e revitalização em curso no Palácio Gustavo Capanema, no Rio de Janeiro, exemplar icônico da arquitetura moderna brasileira.

Em foco: Lúcio Costa

05:00 - 27 Fevereiro, 2016
Em foco: Lúcio Costa, O monumental eixo central do plano de Lúcio Costa. Imagem © Limongi
O monumental eixo central do plano de Lúcio Costa. Imagem © Limongi

Planejador, preservacionista e pensador moderno, Lúcio Costa (27 de fevereiro de 1902 - 13 de junho de 1998) é o responsável pelo plano de Brasília, de 1957, que fez da capital nacional um monumento do modernismo.  De personalidade firme e muitas vezes controversa, as contribuições de Costa para a arquitetura brasileira ajudaram a definir o modernismo nacional que continua até hoje a influenciar a arquitetura contemporânea produzida no Brasil. 

Os 7 Clássicos mais vistos de 2015

19:00 - 17 Dezembro, 2015

O ano de 2015 foi importante para os Clássicos da Arquitetura. Conseguimos dar conta de várias obras e arquitetos ao longo do Brasil. Obras de Lina Bo Bardi na Bahia, como a Ladeira da Misericórdia (com Lelé) e o Solar do Unhão, os Pavilhões de Volta Redonda e São Cristóvão de Sérgio Bernardes, o Conjunto Nacional de David Libeskind, obras de Pedro Paulo de Melo Saraiva, Francisco Petracco, Humberto Serpa, Hector Vigliecca, até grandes referentes do urbanismo, que são Caraíba, de Joaquim Guedes, e a Vila Serra do Navio, de Oswaldo Bratke, só para citar alguns.

Além desses Clássicos, estão os mais vistos em 2015 por vocês, nossos leitores. Confira a seguir cada um deles.

Marianne Peretti, a mulher por trás dos vitrais de Brasília

12:00 - 29 Abril, 2015
Marianne Peretti, a mulher por trás dos vitrais de Brasília, Vitrais da Catedral de Brasília, por Marianne Peretti . Image © Mariana Leme, via Flickr. CC
Vitrais da Catedral de Brasília, por Marianne Peretti . Image © Mariana Leme, via Flickr. CC

"Marianne Peretti é uma artista de excepcional talento. Os vitrais maravilhosos que criou para a Catedral de Brasília são comparáveis, pelo seu valor e esforço físico, às monumentais obras da Renascença. Sua preocupação invariável é inventar coisas novas, influir com seu trabalho no campo das artes plásticas." Oscar Niemeyer.

Única mulher a fazer parte da equipe de Niemeyer em Brasília, a artista plástica franco-brasileira Marianne Peretti deixou sua marca na capital federal. Autora dos vitrais de algumas das obras mais emblemáticas do modernismo brasileiro, como o Congresso, Palácio do Jaburu, Memorial JK e Teatro Nacional, Peretti tem em sua obra uma combinação de grandeza, leveza e transparência – aspectos vistos também na própria arquitetura de Oscar em Brasília.

Palestra “O Universo de Lucio Costa: Paradigmas de Brasília”

18:00 - 8 Abril, 2015
Palestra “O Universo de Lucio Costa: Paradigmas de Brasília”

A ideia do Plano Piloto de Brasília pode ter surgido "já pronta", segundo seu autor, mas se apoia numa vasta cultura teórica e está inserida no contexto do pensamento da sua época. Das cidades-jardins à separação do tráfego e da monumentalidade clássica à destruição do quarteirão, é um universo amplo e, por vezes, contraditório que está sintetizado no projeto de Brasília.

“Superquadras”: uma experiência modernista

12:00 - 30 Março, 2015

“Na esteira da industrialização, surgiram novos materiais e novas formas de se estruturar a vida nas cidades. A arquitetura e o urbanismo encamparam com entusiasmo o modernismo, criando artefatos que impactariam para sempre a história. Brasília é um exemplo vivo dessa fase e a Superquadra se consagra como uma das mais abarcantes e longevas experiências modernistas. Entretanto, a expansão da cidade vem desconsiderando a proposta e o conhecimento gerado sobre como se fazer uma cidade melhor.”

É assim que Mário Salimon apresenta seu curta-metragem “Superquadras”, lançado há pouco mais de três meses com o apoio financeiro do Fundo de Apoio à Cultuda do Distrito Federal (FAC-DF).

Três Clássicos de Lucio Costa

18:00 - 21 Março, 2015
Três Clássicos de Lucio Costa

Relembre os três Clássicos da Arquitetura de Lucio Costa que publicamos nas últimas semanas dentro do ciclo especial ao arquiteto.