Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Soluções simples: como reformar interiores de forma mais econômica e consciente

Também conhecidas como 'obras-secas', conceito cada vez mais utilizado nas reformas de interiores. São soluções simples que modificam a essência de ambientes internos, de maneira mais econômica e sustentável. Através da menor produção de entulhos e, consequentemente, menos desperdício de dinheiro, tempo e matéria-prima. Reunimos nesse guia 8 sugestões que podem auxiliar você a projetar reformas de interiores mais conscientes.

O que é concreto celular autoclavado e quais são suas vantagens na arquitetura?

Desde sua invenção na década de 1920, o concreto celular representava a busca de um material industrial que apresentasse as características da madeira - como a sua leveza, capacidade de corte e perfuração - e evitasse algumas de suas desvantagens - como a absorção de água e a necessidade de manutenção. Atualmente, os blocos de concreto celulares autoclavados estão ativamente presentes no mercado por fabricantes como Hebel ou Retak, constituindo um sistema de construção simples e eficiente. Se você está se perguntando como construir com esse tipo de alvenaria, é pertinente examinar um pouco mais sobre as vantagens deste material.

Como projetar uma cozinha acessível: móveis ajustáveis e multifuncionais

A acessibilidade universal na arquitetura, ou seja, a possibilidade de todas as pessoas acessarem e habitarem um espaço independentemente de suas capacidades cognitivas e / ou físicas, é um assunto que não pode mais ser deixado de fora da discussão. E ainda que pequenas operações possam fazer a diferença, o ideal é pensar os espaços desde o início de acordo com as diretrizes do desenho universal.

No caso das cozinhas, uma série de novas tecnologias surgiram para aumentar o conforto e a eficiência de nossos espaços cotidianos, multiplicando suas funções e permitindo um melhor aproveitamento da superfície disponível. Vamos rever as últimas inovações apresentadas por Häfele.

Granilites feitos com resíduos da indústria da construção civil

Utilizando a mistura de uma base cimentícia com fragmentos de pedras naturais, o granilite caracteriza-se como um material extremamente resistente e versátil. Muito utilizado há algumas décadas, o material tem sido redescoberto pelos arquitetos e cada vez mais utilizado em novas obras. Mas além das pedras naturais, essa base cimentícia pode incluir elementos inusitados, como resíduos da construção: pregos, tijolos quebrados, pedaços de madeira, que são incluídos na mistura criando produtos interessantes.

Concreto reforçado com fibras: resistência e leveza

A história do concreto remonta à Roma Antiga, há aproximadamente 2000 anos atrás. A mistura de pedra calcária, cinza vulcânica e água do mar, conhecida como “Concreto Romano”, possibilitou a construção de aquedutos, estradas e templos, muitos deles ainda de pé. Algum tempo atrás descobriu-se que essa mistura original forma um mineral chamado tobermorita aluminosa, que se torna mais forte com o passar do tempo.

16 detalhes construtivos de revestimentos em tijolos

Habitualmente, os tijolos têm sido usados na arquitetura para cumprir uma dupla função: estrutural e estética. Enquanto atuam como uma solução modular eficaz e resistente nas estruturas dos edifícios, suas faces podem ser visíveis para constituir sua imagem arquitetônica, gerando fachadas ricas em textura e cor, graças ao ferro presente na argila que os compõe.

Projetos de escolas e creches para diferentes climas

Crianças europeias passam aproximadamente 200 dias por ano nas suas escolas primárias. Ainda que grande parte do mundo não tenha toda essa carga letiva, depois da própria casa, geralmente o local em que as crianças e adolescentes passam mais tempos são nas instituições educacionais. Podem ser locais de aprendizado, brincadeiras e convívio. E, por mais triste que possa ser, também podem ser os locais seguros, de oportunidades e mesmo de alimentação para crianças que vivem em ambientes de abandono, fome e violência. Através de uma pesquisa ampla no Reino Unido, concluiu-se que as diferenças nas características físicas das salas de aula explicavam 16% da variação no progresso da aprendizagem ao longo de um ano. Ou seja, quanto mais bem projetada a sala de aula, mais bem as crianças se dão academicamente. Ainda segundo o estudo, os fatores que mais influenciam são a luz solar, a qualidade do ar interno, o ambiente acústico, a temperatura, o projeto da própria sala de aula e a estimulação dentro dela.

O futuro das Habitações Sociais pode ser a impressão em 3D?

É tudo muito recente: faz menos de um ano que uma família francesa se tornou a primeira do mundo a morar em um casa impressa em 3D - aliás, há menos de 20 anos, casas impressas em 3D eram um sonho longínquo. Mas essa nova tecnologia vem sendo desenvolvida rapidamente e desponta como uma possível contribuição à crise habitacional em todo o mundo.

Angelo Bucci, Gui Mattos e Tryptique desenham torneiras e duchas

Entre 12 e 15 de março de 2019, a Expo Revestir reuniu uma enorme quantidade de expositores nacionais e internacionais e mais de 60 mil profissionais visitantes. Como a maior feira de soluções em acabamentos da América Latina e um evento consolidado no mercado de construção e revestimentos, muitas das empresas aproveitam a oportunidade para lançar seus produtos e trazer inovações do mercado.

O que é o grafeno e como ele pode revolucionar a arquitetura?

Desde que o grafeno foi isolado na Universidade de Manchester em 2004, muito tem se comentado sobre as propriedades deste promissor material. Diversas pesquisas têm sido desenvolvidas para uma gama de usos nas mais diversas indústrias. Sabe-se que o grafeno é um dos materiais mais fortes conhecidos pela ciência, composto por uma única camada de átomos de carbono, em uma malha hexagonal. Também, que é o material mais fino conhecido pelo homem, cerca de 200 vezes mais forte que o aço, mas 6 vezes mais leve. É excelente condutor de calor e eletricidade e possui interessantes habilidades de absorção de luz. Quando combinado com outros elementos (incluindo gases e metais) pode produzir diferentes materiais com propriedades muito superiores.

Como especificar o vidro correto em um projeto de arquitetura

Atualmente, a tecnologia dos vidro evoluiu para fornecer soluções específicas e eficazes para cada projeto arquitetônico. Há tantas opções disponíveis que é necessário estudar as propriedades dos diferentes produtos, bem como as condições particulares que influenciarão as janelas e portas envidraçadas que estamos projetando.

Quais variáveis devemos considerar e priorizar ao escolher os vidros de nossos projetos? Como equilibrar estética com funcionalidade e eficiência? Conversamos com os especialistas técnicos da Cristales Dialum para mergulhar no complexo mundo do vidro e, assim, entender melhor o caminho que devemos seguir para especificar corretamente e garantir a qualidade de vida das pessoas que habitarão nossos projetos.

O retorno do granilite na arquitetura: fabricação, instalação e exemplos notáveis

Os revestimentos em granilite são produzidos através da base cimentícia (areia, água e cimento) com grânulos de pedras naturais diversas, e podem ser aplicados em qualquer tipo de superfície horizontal ou vertical. A técnica, produzida a partir de um processo totalmente artesanal, foi amplamente aplicada nos edifícios modernos espalhados por todo o mundo e tem como sua principais vantagens sua durabilidade, resistência (à água e abrasão) e fácil manutenção sendo comumente aplicado em pisos de casas e halls de prédios residenciais e comerciais.

Sou Fujimoto: 'Eu gosto de materiais brancos pois eles mudam junto com o contexto'

Sou Fujimoto esteve em São Paulo no último mês de março, para dar uma palestra na Expo Revestir 2019. Tivemos a oportunidade de entrevistá-lo e conversamos um pouco sobre sua abordagem projetual, trabalhos passados e futuros, exposições, entre outras coisas. Nascido no ano de 1971, na ilha de Hokkaido, no Japão, ele fundou seu escritório no ano de 2000, em sua cidade de formação. Possui obras em países como Estados Unidos, Reino Unido, China, Espanha, Grécia e Chile, além de diversas obras no Japão. Confira a entrevista a seguir:

Como evitar as principais fontes de perda de energia nos edifícios

O conforto térmico fica bastante evidenciado quando não é atendido. Isso porque quando as condições térmicas são adequadas em um local, o corpo encontra-se em equilíbrio com o ambiente e os ocupantes podem simplesmente desenvolver suas atividades normalmente. Pelo contrário, quando um espaço é quente ou frio demais, logo observamos mudanças no nosso humor e corpo. A insatisfação com o ambiente térmico ocorre quando o balanço térmico é instável, ou seja, quando há diferenças entre o calor produzido pelo corpo e o calor do corpo perdido para o ambiente.

21 Projetos em que Kengo Kuma (re)usa materiais de maneiras incomuns

Kengo Kuma utiliza os materiais para se conectar com o contexto local e os usuários de seus projetos. As texturas e formas elementares dos materiais, sistemas construtivos e produtos são expostas e utilizadas em favor do conceito arquitetônico, valorizando as funções que serão executadas em cada edifício.

De vitrines feitas com telhas cerâmicas a painéis que filtram a luz com à luz peneirada criada por chapas metálicas expandidas, passando por um revestimento de poliéster etéreo, Kuma entende o material como um componente essencial que pode fazer a diferença na arquitetura, desde os estágios do projeto. Apresentamos, em seguida, 21 projetos nos quais Kengo Kuma usa e reúsa materiais de construção com maestria.