1. ArchDaily
  2. Snohetta

Snohetta: O mais recente de arquitetura e notícia

Studio Gang, SHOp Architects e Snøhetta entre os 20 escritórios que projetarão a próxima geração de edifícios públicos em Nova York

Na última apresentação do Project Excellence Program do Department of Design and Construction (DDC) de Nova York, o comissário Thomas Foley anunciou que a agência selecionou 20 empresas para fornecer serviços de projeto arquitetônico para os futuros edifícios públicos da cidade de Nova York. Dez das empresas selecionadas são certificadas como "Empresas de Propriedade de Minorias e Mulheres" (M/WBEs), cumprindo as metas ambiciosas da cidade de apoiar M/WBEs e aumentar sua capacidade de gerar projetos culturalmente competentes.

Fulton Center / Grimshaw. Imagem © James EwingBiblioteca da Faculdade Medgar Evers / ikon.5 architects. Imagem © Jeffrey TotaroPierhouse e 1 Hotel Ponte do Brooklyn / Marvel Architects. Imagem © David Sundberg | EstoInstalação FDNY Rescue Company 2 / Studio Gang. Imagem © Tom Harris+ 7

BIG, OMA, 3xn, Snøhetta e Toyo Ito competem pelo projeto do novo edifício GOe na Espanha

No ano passado, o Centro Culinário Basco anunciou a criação do GOe – Ecossistema Aberto de Gastronomia, um projeto que busca gerar um ecossistema gastronômico focado em pesquisa, inovação e empreendedorismo. Ele terá um edifício próprio em San Sebastián, Espanha, sendo uma nova sede complementar ao edifício BCC projetado pela VAUMM em 2011.

Para selecionar as melhores propostas, foi lançado em dezembro de 2021 um concurso internacional de arquitetura. Depois de receber e analisar diferentes propostas, cinco foram os escritórios finalistas que passaram à fase seguinte do processo: 3xn (Dinamarca), BIG - Bjarke Ingels Group (Dinamarca), OMA - Office of Metropolitan Architecture (Holanda), Snøhetta (Noruega) e Toyo Ito & Associates (Japão).

Snøhetta projeta uma "floresta do conhecimento" em Pequim

Após vencer um concurso internacional em 2018, o escritório norueguês Snøhetta e a ECADI foram contratados para projetar uma nova biblioteca em Pequim. Apelidado de "floresta do conhecimento", o equipamento define novos padrões para projetos de biblioteca tradicionais, empregando tecnologia de ponta e materiais de origem local.

Cortesia de Plomp/SnøhettaCortesia de Plomp/SnøhettaCortesia de Plomp/SnøhettaCortesia de Plomp/Snøhetta+ 7

Snøhetta vence concurso de requalificação de praça pública em Helsinki

Cortesia de Snøhetta
Cortesia de Snøhetta

O Snøhetta acaba de ser anunciado como o grande vencedor do concurso de arquitetura para a revitalização da Praça Eliel e Asema em Helsinque, um espaço cívico de importância histórica próximo à estação ferroviária central da capital finlandesa. Desenvolvido em parceria com os escritórios locais Davidsson Tarkela Oy e WSP, a projeto apresentado pela equipe encabeçada pelo Snøhetta visa contribuir com as metas ambientais estabelecidas pela cidade para os próximos anos, reconectando importantes elementos do tecido urbano histórico de Helsinque à estação ferroviária, proporcionando uma maior permeabilidade e acessibilidade à região central da cidade além de promover novos usos e atividades ao ar livre.

Cortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de Snøhetta+ 8

Snøhetta projeta nova ópera de Düsseldorf, Alemanha

Snøhetta revelou seu projeto para Duett Düsseldorf, uma nova casa de ópera que se somará ao destino cultural da cidade alemã. A partir de um volume horizontal que contém a nova casa de shows estão duas torres inclinadas que abrigam um hotel, restaurantes, escritórios e unidades residenciais, criando um empreendimento de várias camadas que atende ao cenário artístico e cultural de Düsseldorf. Vizinho ao histórico parque Hofgarten e ao rio Reno, o nível do solo do projeto confunde os limites entre interno e externo, com uma fachada de vidro revelando uma parede de madeira dentro do saguão, dando as boas-vindas aos visitantes. 

Cortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de Snøhetta+ 7

Snøhetta apresenta novo projeto para o porto de Arendal na Noruega

O Snøhetta acaba de publicar novas imagens do projeto de reconstrução das piscinas do porto de Knubben em Arendal, Noruega. Originalmente construída em 1937 e demolida nos anos 1980, a estrutura das piscinas do porto de Arendal foi um dos principais exemplos da arquitetura funcionalista norueguesa do início do século XX. Em busca de trazer este ícone de volta à vida, a proposta desenvolvida pela equipe do Snøhetta procurou resgatar algumas das mais importantes características do projeto original, preservando sua identidade ao mesmo tempo que insere uma nova linguagem topográfica fundamentalmente inspirada na paisagem da costa norueguesa, ressignificando assim, a história e a memória do projeto e do lugar.

© Snøhetta / Aesthetica Studio© Snøhetta / Aesthetica Studio© Snøhetta / Aesthetica Studio© Snøhetta / Aesthetica Studio+ 6

UNStudio vence concurso para o projeto do Museu de Arte Chungnam na Coreia do Sul

O UNStudio, em parceria com o escritório de arquitetura sul-coreano DA Group, acaba de ser nomeado como o grande vencedor do concurso internacional para o projeto do novo Museu de Arte Chungnam em Naepo, Coreia do Sul. A proposta vencedora foi muito bem avaliada pelo juri por seu conteúdo de caráter imersivo e interativo. Além de explorar a fundo todas as possibilidades que as novas tecnologias oferecem, o projeto desenvolvido pelo UNStudio foi concebido para ser um novo ponto de referência para a comunidade local, um lugar acolhedor e acessível capaz de engajar os moradores e os visitantes de Naepo, na costa oeste da Coreia.

Cortesia de UNStudioCortesia de UNStudioCortesia de UNStudioCortesia de UNStudio+ 7

Snøhetta projeta edifício para o campus de pesquisa e engenharia da Ford em Michigan

O escritório norueguês Snøhetta divulgou seu projeto para um novo edifício da Ford Motor Company, que faz parte da transformação do Campus de Pesquisa e Engenharia (R&E) da empresa em Dearborn, Michigan. Resultado de um processo de pesquisa e planejamento de três anos, o projeto foi desenvolvido em colaboração com o Grupo IBI, Ghafari e Arup, líder em sustentabilidade e engenharia.

Espaços criativos: escritórios de arquitetura pelas lentes de Rainer Taepper

Com o intuito de fornecer uma perspectiva interna dos centros criativos arquitetônicos do mundo, Raner Taepper publicou um livro de arquitetura, que não apresenta edifícios e plantas. Olhando os bastidores, o fotógrafo de arquitetura destacou os espaços de trabalho de empresas internacionais de arquitetura e as mentes criativas, que contribuem para a concepção de um edifício.

Snøhetta. Imagem © Rainer TaepperCoop Himmelb(l)au. Imagem © Rainer TaepperUNStudio. Imagem © Rainer TaepperHenning Larsen. Imagem © Rainer Taepper+ 33

Snøhetta projeta requalificação e paisagismo do Museu de Arte de Blanton em Austin

Transformando a experiência artística típica em instituições de arte, o escritório Snøhetta divulgou um projeto de renovação do Museu de Arte de Blanton na Universidade do Texas em Austin. A ampla remodelação visa “unificar e requalificar o campus do museu, [...] através de melhorias arquitetônicas e paisagísticas”. A construção deverá ser iniciada ainda na primeira metade de 2021 e tem conclusão prevista para o fim de 2022.

Cortesia de Blanton Museum of ArtCortesia de Blanton Museum of ArtCortesia de Blanton Museum of ArtCortesia de Blanton Museum of Art+ 6

Snøhetta projeta complexo de uso misto no antigo aeroporto de Hong Kong

O escritório Snøhetta divulgou seu primeiro projeto em Hong Kong: Airside, um edifício de uso misto de 176 mil metros quadrados. Localizado no terreno do antigo aeroporto Kai Tak, o projeto encomendado pelo Nan Fung Group compreende uma torre de 200 metros de altura e um embasamento com programas variados.

© Snøhetta/Brick Visual© Snøhetta/Brick Visual© Snøhetta/Brick Visual© Snøhetta/Brick Visual+ 15

Arquitetura e natureza: estratégias de intervenção em paisagens sensíveis

A intervenção humana sobre a paisagem natural é em si, algo contraditório. Se por um lado a arquitetura nos permite um acesso imersivo ao ambiente natural, por outro, edificar sobre a paisagens sensíveis significa despojá-la de sua própria essência. Portanto, ao considerarmos a arquitetura como um artifício que normatiza a presença humana na paisagem natural, o ato de construir implica também estarmos conscientes das múltiplas escalas envolvidas e, acima de tudo, de que a arquitetura—especialmente nestes contextos—é a nossa principal ferramenta para estabelecer os limites entre o acesso à paisagem e a preservação do meio ambiente. Explorando uma variedade de diferentes abordagens e estratégias formais de projeto, apresentaremos à seguir uma série de importantes lições apreendidas através de experiências concretas realizadas por distintos arquitetos e escritórios de arquitetura, experimentos que nos ensinam outras formas de abordar as relações entre a arquitetura e a paisagem.

Fleinvær Refugium by TYIN Tegnestue + Rintala Eggertsson Architects. Imagem © Pasi AaltoWadden Sea Centre by Dorte Mandrup Architects. Imagem © Adam Mørkrendering of Icejford Visitor Centre by Dorte Mandrup Architects. Imagem © MIRPath of Perspectives Panorama Trail by Snohetta. Imagem © Christian Flatscher+ 12

Paisagens desumanizadas: arquiteturas construídas para as máquinas

Centros de processamento de dados, linhas de produção automatizadas, torres de telefonia e depósitos são algumas das principais tipologias utilitárias que povoam o nosso ambiente construído, infra-estruturas cada vez mais importantes para o desenvolvimento da vida cotidiana. Ainda que estejam longe de tangenciar o interesse da maioria dos arquitetos e arquitetas, estas tipologias estão se fazendo cada dia mais presentes em nossas vidas e, consequentemente, no discurso arquitetônico — levantando questões sobre como podemos dar um novo significado à estas estruturas que sustentam as engrenagens da nossa atual sociedade.

Facebook Prineville Data Center by Sheehan Partners. Image © Jonnu SingletonDatacenter AM3 by Benthem Crouwel Architects. Image © Jannes LindersFacebook Prineville Data Center by Sheehan Partners. Image © Jonnu SingletonSnøhetta's The Spark data centre. Image Courtesy of Snøhetta/Plompmozes+ 10

Acupuntura urbana: requalificando espaços públicos por meio de intervenções locais

A acupuntura urbana é uma tática de design que promove a requalificação urbana em nível local, apoiando a ideia de que as intervenções no espaço público não precisam ser amplas e caras para produzirem um impacto transformador. Como alternativa aos processos convencionais de desenvolvimento, a acupuntura urbana representa um modelo adaptável para a renovação da cidade. Iniciativas altamente focadas e direcionadas ajudam a regenerar espaços negligenciados, ao implantar estratégias urbanas de forma incremental ou consolidar a infraestrutura social de uma cidade.

TULIP – Your place at the table / ADHOC architectes. Imagem © Raphael ThibodeauPraça Superilla de Sant Antoni / Leku Studio. Imagem © Del Rio BaniLevel Up / Brett Mahon, Joonas Parviainen, Saagar Tulshan, Shreyansh Sett. Imagem © Rahul PalaganiPista de Skate / Strelka KB, Strelka Architects, and Snøhetta. Imagem Cortesia de Strelka KB+ 11

Snøhetta é premiado com o 2020 National Design Award for Architecture

O escritório norueguês Snøhetta foi premiado com o 2020 National Design Award for Architecture, concedido pela Cooper Hewitt, Smithsonian Design Museum. A homenagem reconhece tanto o impacto de sua obra construída, quanto o foco particular na sustentabilidade social e ambiental. A premiação têm como objetivo conscientizar o público sobre como o design pode melhorar a vida cotidiana.

Cortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de Snøhetta+ 7

Snøhetta projeta nova prefeitura de Cheongju na Coreia do Sul

O escritório Snøhetta venceu o concurso internacional de arquitetura para projetar a nova prefeitura de Cheongju, na Coreia do Sul. Trabalhando com o escritório coreano Tomoon Architects and Engineers, a equipe propõe novas conexões com o contexto urbano para promover um sentido de pertencimento aos cidadãos e visitantes. O projeto visa criar uma prefeitura aberta e inclusiva para Cheongju, um símbolo de colaboração e engajamento cívico.

Cortesia de Snøhetta e PlompCortesia de Snøhetta e PlompCortesia de Snøhetta e PlompCortesia de Snøhetta+ 15

Snøhetta vence concurso para Biblioteca Presidencial Theodore Roosevelt nos EUA

Snøhetta foi eleito o vencedor do Concurso para a Biblioteca Presidencial Theodore Roosevelt. Selecionado a partir das três propostas finalistas do concurso, incluindo Studio Gang e Henning Larsen, o projeto vencedor “representa as reflexões pessoais do presidente sobre a paisagem, seu compromisso com a gestão ambiental e os períodos de introspecção silenciosa e engajamento cívico que marcaram sua vida”.

Cortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de SnøhettaCortesia de Snøhetta+ 13