Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Oscar Niemeyer

Oscar Niemeyer: O mais recente de arquitetura e notícia

Mobiliários projetados por arquitetos brasileiros

A frente de trabalho de um arquiteto é quase sempre marcada pelo insaciável desejo por desenhar tudo, da maior à menor escala na tentativa de assumir o controle integral do projeto. Como dizia Mies Van Der Rohe, “Deus está nos detalhes”. E, para uma extensa lista de arquitetos, conceber o mobiliário especialmente à composição de suas obras, tornou-se fundamental.

Ao longo da história da Arquitetura brasileira, especialmente desde o Modernismo, arquitetos destacaram-se não apenas no desenho de residências e edifícios, mas também, pelos minuciosos projetos de mobiliários. Muitos nasceram para compor projetos específicos e posteriormente, pela notoriedade assumida, passaram a ser produzidos em série pela indústria.

Cadeira Isa d’aprés siza_Marcenaria Baraúna. Image Cortesia de Dpot Cadeira Nóize_Guto Requena. Image Cortesia de Guto Requena Poltrona Bowl_Lina Bo Bardi. Image © Nelson Kon Poltrona Paulistano_Paulo Mendes da Rocha. Image Cortesia de Dpot + 55

Cataguases: Legado da Modernidade

Cataguases, pequeno município brasileiro pertencente ao estado de Minas Gerais, que concentra população com pouco mais de 70 mil habitantes, ao longo de sua história, ficou conhecida por reunir uma série de significativas obras artístico-culturais ligadas à produção modernista brasileira a partir do século XX. As importantes obras variam entre as Artes Plásticas, Cinema e, sobretudo, Arquitetura, num panorama de produção entre as décadas de 1940 e 1950. Contudo, o peculiar caso é movido ao fato do município, com pequeno perímetro geográfico e populacional, contar com simbólico e potencial patrimônio moderno brasileiro, com obras de Francisco Bolonha, irmãos MM Roberto e Oscar Niemeyer.

Entre as obras arquitetônicas presentes no perímetro da Cidade, dois projetos concebidos por Oscar Niemeyer ajudaram a construir sua história e legado: a Residência Francisco Inácio Peixoto (1940) e Colégio Cataguases (1949). No primeiro projeto, para Francisco Inácio Peixoto, escritor brasileiro, empresário na área industrial e fazendeiro, considerado importante financiador às manifestações artístico-cultural e responsável pela chegada de Niemeyer à região nos anos 40, junto ao paisagismo de Roberto Burle Marx.

Roteiro de obras pouco conhecidas de Oscar Niemeyer em São Paulo

Com mais de uma dezena de projetos construídos em São Paulo, Oscar Niemeyer é lembrado por ter interferido na paisagem paulistana com obras como o Copan, o Parque do Ibirapuera (e seus edifícios) e o Memorial da América Latina, entretanto, algumas joias do mestre da arquitetura moderna brasileira continuam pouco conhecidas - ao menos para o público em geral.

IAB-RJ exibe documentário "Copan 60 Horas"

O Departamento do Rio de Janeiro do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-RJ) e a GloboNews promovem a exibição do documentário Copan 60 Horas. O filme mostra a rotina do histórico edifício de Oscar Niemeyer localizado no centro de São Paulo, que funciona como uma pequena cidade dentro da metrópole.

Exposição "Modos de Ver o Brasil" na Oca

© FLAGRANTE © FLAGRANTE © FLAGRANTE © FLAGRANTE + 16

No maior recorte do Acervo de Obras de Arte Itaú Unibanco exibido em conjunto até hoje, a exposição Modos de Ver o Brasil: Itaú Cultural 30 Anos comemora três décadas de existência do instituto dedicadas às artes e à cultura brasileiras e dá visibilidade à cadeia de ações desempenhada pelo instituição desde a sua fundação, em 1987.

A exposição ocupa os mais de 10 mil metros quadrados da Oca, um dos símbolos arquitetônicos de São Paulo, integrante do conjunto de instalações do Parque Ibirapuera, projetado por Oscar Niemeyer. Com curadoria de Paulo Herkenhoff, co-curadoria de Thais Rivitti e Leno Veras, realizada em colaboração com as equipes do instituto e expografia de Álvaro Razuk, a mostra apresenta ao público aproximadamente 800 obras.

27 Obras de Oscar Niemeyer são declaradas patrimônio histórico nacional

No ultimo dia 7 de junho, o Ministério da Cultura determinou o tombamento de 27 obras públicas projetadas por Oscar Niemeyer. Entraram para a lista de patrimônio histórico brasileiro o Palácio da Alvorada, o Palácio do Planalto, o Supremo Tribunal Federal, o Itamaraty, o Congresso Nacional, o Museu de Arte Contemporânea em Niterói, o Conjunto do Parque Ibirapuera em São Paulo, a Casa de Chá em Belo Horizonte e o Sambódromo do Rio de Janeiro. A partir de agora a preservação de todos estes edifícios passa a ser responsabilidade do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Um dos últimos projetos de Oscar Niemeyer será construído na Alemanha

Um projeto do arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, uma esfera de 12 metros de diâmetro de vidro e concreto suspensa na esquina de um edifício da fábrica, está programado a ser construído em Leipzig, na Alemanha, relata a Mitteldeutscher Rundfunk (MDR).

Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo" em Julho

 

História da Arquitetura: curso sobre a obra de quatro arquitetos brasileiros – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha – com foco em suas produções em São Paulo. A arquitetura será discutida a partir da dimensão teórica e dos usos contemporâneos. Quatro visitas guiadas a prédios paradigmáticos – obras-chaves do modernismo em São Paulo – complementam as aulas expositivas. As aulas teóricas debaterão o contexto histórico dos projetos e arquitetos e as visitas comentadas serão oportunidades para experienciar os espaços e observar detalhes da construção no próprio local.

LOCAL E DATA
Auditório da Livraria Martins Fontes (Av.

Inscrições abertas para o curso "Arquitetura Moderna em São Paulo"

Curso sobre a obra de quatro arquitetos brasileiros – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha – com foco em suas produções em São Paulo. A arquitetura será discutida a partir da dimensão teórica e dos usos contemporâneos. Quatro visitas guiadas a prédios paradigmáticos – obras-chaves do modernismo em São Paulo – complementam as aulas expositivas. As aulas teóricas debaterão o contexto histórico dos projetos e arquitetos e as visitas comentadas serão oportunidades para experienciar os espaços e observar detalhes da construção no próprio local.

Clássicos da Arquitetura: Congresso Nacional / Oscar Niemeyer

Localizado na cabeceira do plano piloto de Lúcio Costa, e como o único edifício sobre o canteiro central da asa leste do Eixo Monumental, o palácio do Congresso Nacional conta com uma localização privilegiada entre os edifícios públicos de Oscar Niemeyer em Brasília. O mais sóbrio dos palácios da Praça dos Três Poderes, o Congresso Nacional reflete a forte influência de Le Corbusier, ao mesmo tempo em que insinua as formas mais românticas e caprichosas que caracterizam o modernismo brasileiro de Niemeyer.

© flickr user may_inthesky O Eixo Monumental. Imagem © Limogi © Andrew Prokos Interior da Câmara dos Deputados. Imagem © flickr user agenciasenado + 14

Em Foco: Oscar Niemeyer

Oscar Ribeiro de Almeida Niemeyer Soares Filho nasceu no Rio de Janeiro no dia 15 de dezembro de 1907. Hoje ele completaria 109 anos. É sem sombra de dúvidas o expoente e a referência maior da arquitetura brasileira.

Quatro anos sem Oscar Niemeyer

Há exatamente quatro anos o Brasil e o mundo da arquitetura entravam de luto. O país perdia um dos seus protagonistas do século XX, o arquiteto carioca Oscar Niemeyer.

Entretanto, em seus 104 anos de vida o renomado arquiteto deixou grandes marcas e heranças para o Brasil. Seu estilo foi e será reconhecido em todo o mundo. As curvas, a iluminação e a profunda relação e entre suas obras e o ambiente foram suas mais marcantes características.

Clássicos da Arquitetura: Memorial Maria Aragão / Oscar Niemeyer

Por Rômulo Marques (Graduando em Arquitetura e Urbanismo na Universidade Federal do Piauí), Rafael Alencar (Graduando em Arquitetura e Urbanismo na Universidade Federal do Piauí) e Grete Pflueger (Professora Doutora Adjunta do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estadual do Maranhão)

O Memorial Maria Aragão é um projeto de uma praça pública, de autoria do arquiteto Oscar Niemeyer, datado de 1998, localizado em São Luís, capital do Maranhão. O espaço foi construído para homenagear uma personagem de relevância para história do estado, a ativista política Maria José Aragão. Situa-se no centro da capital ludovicense, às margens do rio Anil, em uma área conhecida como Beira Mar, cujo entorno é constituído pela Praça Gonçalves Dias e o conjunto arquitetônico e paisagístico do da igreja e Largo de Nossa Senhora dos Remédios, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) em 1955. Esta área, pela sua relevância, compreende vários níveis de tombamento federal, estadual e municipal.

© Rômulo Marques © Rômulo Marques © Rômulo Marques © Rômulo Marques + 38

Moderno e tropical: reinterpretando os princípios corbusianos nas primeiras obras de Niemeyer

O presente texto analisa alguns aspectos das primeiras obras de Oscar Niemeyer e os compara com projetos de Le Corbusier, salientando como o aprendizado do mestre suíço foi essencial para o desenvolvimento da metodologia de projeto e poética do jovem brasileiro. Ressalta-se a assimilação, por parte de Niemeyer, das ideias e princípios de Le Corbusier, e a adaptação de tais princípios ao clima, cultura e geografia do Brasil.

O texto — que deriva da pesquisa Poesía y técnica, la herencia arquitectónica de Oscar Niemeyer, no curso de desenvolvimento no âmbito das pesquisas em história, crítica e projeto da Universidad Nacional de Colombia, em Medellín — analisa alguns aspectos das primeiras obras de Oscar Niemeyer e compara-os aos temas arquitetônicos de Le Corbusier.

Paulo Mendes da Rocha: “Arquitetura não quer ser funcional; quer ser oportuna”

Paulo Mendes da Rocha é um dos arquitetos mais cultuados do Brasil. E apesar do fato de pouco de seu trabalho ser encontrado fora de São Paulo, seu estilo é reverenciado mundo afora, o que lhe rendeu o Prêmio Pritzker em 2006 e recentemente, a Medalha de Ouro do Royal Institute of British Architects. À luz desta nova premiação e como parte de sua coluna City of Ideas (Cidade de Ideias, em tradução livre), Vladimir Belogolovsky compartilha conosco uma entrevista realizada com Paulo Mendes da Rocha em 2014. Tal entrevista aconteceu em seu escritório em São Paulo e contou com a colaboração do arquiteto Wilson Barbosa Neto como tradutor, e foi originalmente publicada no livro de Belogolovsky intitulado “Conversations with Architects in the Age of Celebrity,” até então sem tradução para o português.

Ginásio do Clube Atético Paulistano, 1957. Imagem Cortesia de Paulo Mendes da Rocha Ginásio do Clube Atético Paulistano, 1957. Imagem Cortesia de Paulo Mendes da Rocha Capela de São Pedro, 1999. Imagem © Cristiano Mascaro Pinacoteca do Estado de São Paulo, 1998. Imagem © Nelson Kon + 27

Anexo do Museu de Arte da Pampulha / Horizontes Arquitetura e Urbanismo

  • Arquitetos

  • Localização

    Av. Otacílio Negrão de Lima - Pampulha, Belo Horizonte - MG, Brasil
  • Arquitetos responsáveis

    Gabriel Velloso da Rocha Pereira, Luiz Felipe de Farias, Marcelo Palhares Santiago (desenvolvimento executivo: Ø Arquitetos)
  • Coautor

    Fernando Luiz Lara
  • Colaboradores

    Carolina Eboli, Lorena Coscarelli, Larissa Nunes, Mateus Castilho, Natália Freitas, Nina Apparicio
  • Estagiários

    Dayane Coelho, Isabela Ziviane, Laila Faria, Maria Del Rocio Gonzalez Ferraez, Natália Oliveira, Waleska Campos Rabelo 
  • Ano do projeto

    2014
  • Fotografias

    Courtesy of Horizontes Arquitetura e Lucas Silva

Dos arquitetos: No inicio dos anos 40, na primeira metade do século XX, o passeio de Niemeyer e JK pela margem desocupada da lagoa da Pampulha mudaria a imagem de Belo Horizonte, Minas Gerais e do Brasil para sempre. A partir deste encontro Kubitschek concebeu e Niemeyer projetou o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, que foi construído em 1942 e em 2016 foi reconhecido pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade.

Perspectiva Renderizada do Foyer. Image Cortesia de Horizontes Arquitetura e Lucas Silva Perspectiva Renderizada do Esaço de Exposições. Image Cortesia de Horizontes Arquitetura e Lucas Silva Perspectiva Renderizada da Entrada. Image Cortesia de Horizontes Arquitetura e Lucas Silva Perspectiva Renderizada do Terraço. Image Cortesia de Horizontes Arquitetura e Lucas Silva + 47

Fotógrafo registra arquiteturas inacabadas de Niemeyer no Líbano

No terreno designado para a Feira Internacional Rashid Karami em Trípoli, segunda maior cidade do Líbano, encontram-se os restos de um vislumbre arquitetônico. Estruturas desenhadas por Oscar Niemeyer em 1963 para a feira, o projeto foi brutalmente interrompido devido à guerra civil que irrompeu no país em 1975.

Arco. Image © Anthony Saroufim Teatro aberto. Image © Anthony Saroufim Teatro fechado. Image © Anthony Saroufim Interior do teatro fechado. Image © Anthony Saroufim + 24

Clássicos da Arquitetura para visitar no Rio de Janeiro durante as Olimpíadas 2016

Palco dos Jogos Olímpicos de 2016, o Rio de Janeiro apresenta diversos exemplares da Arquitetura Moderna brasileira que merecem uma visita. Confira uma seleção de obras icônicas que se localizam no Rio e em Niterói: