1. ArchDaily
  2. Nova York

Nova York: O mais recente de arquitetura e notícia

Nova Iorque permite que restaurantes ocupem calçadas e espaços públicos com mesas

Como parte da New York’s Recovery Agenda, uma série de compromissos que tem como objetivo manter a cidade de Nova Iorque saudável e segura em relação a pandemia de Covid-19, o Open Restaurants Program, estabelecido em junho de 2020, foi prorrogado durante todo este ano e poderá se tornar permanente. O prefeito Bill de Blasio recentemente permitiu que os restaurantes usem aquecedores e fechamentos, além de poderem também expandir suas mesas para calçadas vizinhas. Essa prorrogação também se aplicará para o Open Streets: Restaurans, "o qual oferece atualmente áreas de expansão em 85 ruas peatonais em toda a cidade, a depender do dia". 

Herzog & de Meuron renovam o Kunsthaus Tacheles, futuro Museu Fotografiska em Berlim

Com museus em Estocolmo, Nova Iorque e Tallinn, o Fotografiska acaba de anunciar planos para sua futura nova sede: a cidade de Berlim. Previsto para ser inaugurado já em 2022, onde antes funcionava o antigo Centro de Arte Kunsthaus Tacheles, o museu de fotografia será projetado por Herzog & de Meuron e contará com mais de cinco mil metros quadrados de área dedicada.

Rojkind Arquitectos divulga projeto de memorial efêmero para as vitimas da pandemia em Nova Iorque e Cidade do México

© Rojkind Arquitectos© Rojkind Arquitectos© Rojkind Arquitectos© Rojkind Arquitectos+ 37

Comovidos por uma situação que cada dia mais afeta à todos nós e as pessoas ao nosso redor, o escritório mexicano Rojkind Arquitectos acaba de divulgar uma proposta de intervenção que tem como principal objetivo prestar uma singela homenagem às vitimas da atual pandemia de COVID-19. Neste contexto, Michel Rojkind, Arturo Ortíz Struck e Diego Díaz Lezama apresentaram uma projeto de memorial efêmero inicialmente concebido para a Times Square de Nova Iorque e o Zócalo da Cidade do México, com a possibilidade de expandir-se para outras cidades ao redor do mundo.

OMA divulga proposta para a loja da Tiffany & Co. em Nova Iorque

O OMA divulgou imagens da nova loja da famosa marca de joias Tiffany & Co., na Quinta Avenida de Nova Iorque. Com conclusão prevista para 2022, a intervenção “reimagina a experiência comercial, preservando a identidade histórica do edifício original”.

O céu é o limite: oito projetos de apartamentos de cobertura

Os apartamentos de cobertura mostram como a forma segue o poder aquisitivo. Como seu próprio setor do mercado imobiliário de luxo, esses espaços costumam ser reservados aos clientes e investidores mais ricos. Da icônica mansão de 54 quartos, da herdeira Marjorie Merriweather Post, a unidades de cobertura em empreendimentos imobiliários, esse tipo de projeto foi continuamente reinventado  para levar a arquitetura e o design de interiores a novos patamares.

© Piyawut Srisakul© César Béjar© DBOX© Piyawut Srisakul+ 12

Preservar ou demolir: duas caras de uma mesma moeda

Desde o final do século XIX até os dias de hoje, a cidade de Nova Iorque se consolidou como o principal epicentro da construção de edifícios em altura ao redor do todo. Muitas destas estruturas, concebidas e projetadas pelos mais importantes personagens da história recente da arquitetura, rapidamente adquiriram o status de ícone, influenciando para sempre a forma como concebemos nossos edifícios e cidades. Ainda assim, muitos arranha-céus históricos da cidade de Nova Iorque acabaram sendo demolidos, dando lugar a estruturas cada vez mais altas e tecnológicas. Neste contexto, novidade e obsolescência parecem duas faces de uma mesma moeda. As recentes disputas e impasses ao redor de algumas das mais icônicas estruturas em altura já construídas na cidade de Nova Iorque, revela o quão rapidamente as coisas podem mudar de figura.

BIG entre os finalistas do concurso para transformar a Ponte do Brooklyn em Nova York

Van Alen e o Conselho da Cidade de Nova York anunciaram os 6 finalistas do concurso internacional "Reimaginando a Ponte do Brooklyn", tanto na categoria profissional quando dos jovens adultos. Inspirando os participantes a repensarem a icônica passarela da Ponte do Brooklyn, o concurso reuniu intervenções de curto prazo e propostas de longo prazo para uma completa reconfiguração da ponte. As 3 equipes finalistas na categoria profissional incluem BIG + ARUP; ScenesLab + Minzi Long + Andrew Nash; e Pilot Projects Design Collective, Cities4Forests, Wildlife Conservation Society, Grimshaw e Silman.

Bridge X; ScenesLab + Minzi Long + Andrew Nash, Nova York, Boston e Viena. Imagem Cortesia de Van Alen InstituteThe Artery; Lukas Kugler, New Milford, CT. Imagem Cortesia de Van Alen InstituteThe Cultural Current; Aubrey Bader e Maggie Redding, Knoxville, TN. Imagem Cortesia de Van Alen InstituteBrooklyn Bridge Forest; Pilot Projects Design Collective, Cities4Forests, Wildlife Conservation Society, Grimshaw e Silman.Imagem Cortesia de Van Alen Institute+ 7

Edifício 15 Hudson Yards / Diller Scofidio + Renfro

© Brett Beyer© Timothy Schenck© Timothy Schenck© Timothy Schenck+ 6

  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Effisus

Edifício Tribeca Rogue / Woods Bagot

© Lester Ali
© Lester Ali

© Matthew Ziegler© Matthew Ziegler© Matthew Ziegler© Lester Ali+ 25

  • Arquitetos: Woods Bagot
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1 ft²)
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Assa Abloy, Gaggenau, KONE, Pure + FreeForm

Espaços públicos: lugares de protesto, manifestação e engajamento social

Por definição, “espaço público” é uma terminologia que aborda a noção de propriedade da terra, sugerindo que esse não pertence a ninguém em particular, mas ao próprio estado e portanto, a todos e cada um de nós. Isso significa que a manutenção destes espaços é uma obrigação que recai sobre as administrações públicas, seja em âmbito municipal, estadual ou federal. Abertos, gratuitos e acessíveis, espaços públicos encontram a sua relevância não apenas em suas definições legais, mas principalmente quando assumem um papel ativo em direção à mudança.

Espaços públicos são lugares de protestos e manifestações – poderosas ferramentas de expressão social e transformação política. Desde a marcha em Washington por melhores oportunidades e liberdade de expressão em 1963, passando pela Primavera Árabe em 2010 até a mais recente onda mundial de manifestações em defesa da vida e contra toda forma de discriminação racial, historicamente, espaços públicos operam como uma importante ferramenta de transformação social. Em momentos como esse, enquanto ainda precisamos “ir às ruas” para lutar por nossos direitos, para nos fazer ouvir e sermos vistos, os espaços públicos finalmente voltam à estar no centro das atenções – lançando uma nova luz sobre o seu importante papel na construção da identidade coletiva e como ferramenta de expressão social.

Zócalo, México City. Image © Santiago ArauMartyrs' Square, Beirut. Image © Rami RizkPlaza Alfredo Sadel, Caracas. Image via Shutterstock/ By EddvlpPuerta del Sol in Madrid during the 2011 Spanish protests. Image via Wikipedia By Fotograccion under CC BY-SA 3.0+ 16

Edgar Jerins registra o confinamento na cidade de Nova Iorque

Este artigo foi publicado originalmente em Common Edge.

Nova York: fechada, vazia. Foi comovente, é claro, mas também foi lindo. Para o artista Edgar Jerins, essa revelação foi uma surpresa. Quem imaginaria que essa cidade movimentada, caótica, suja, vibrante, profana e incrível poderia parecer tão ... linda mesmo sem as pessoas e atividades? Durante anos, Jerins andou de metrô até seu estúdio perto da Times Square. Quando as notícias da pandemia se espalharam pela primeira vez - mais como uma ameaça vaga e indefinida, inicialmente - ele fugiu, com medo para o ônibus e, depois que a gravidade do evento se tornou aparente e o isolamento começou, ele pegou emprestada a bicicleta da filha.

Biblioteca Storefront / Abruzzo Bodziak Architects

© Rafael Gamo© Rafael Gamo© Rafael Gamo© Rafael Gamo+ 30

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  100
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Jesco

Loja Maharishi Tribeca / Abruzzo Bodziak Architects

© Naho Kubota
© Naho Kubota

© Rafael Gamo© Naho Kubota© Naho Kubota© Naho Kubota+ 45

Nova York, Estados Unidos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  120 120m2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Abbot Paint & Varnish, Chaos Group, ConTech Lighting, Jesco, McNeel

Peter Eisenman aconselha novos arquitetos: domine a linguagem

Em janeiro deste ano, Peter Eisenman foi entrevistado por Marc-Christoph Wagner em seu estúdio em Nova Iorque. Apresentado pelo Louisiana Museum of Modern Art, o vídeo explora o modo como Eisenman enfatiza a importância da comunicação e do conhecimento da linguagem em qualquer campo de atuação.

AMO, em parceria com a Volkswagen, pesquisa o futuro da mobilidade rural

A AMO, o laboratório de ideias do Escritório de Arquitetura Metropolitana (OMA), cofundado por Rem Koolhaas, e liderado por Samir Bantal, anunciou uma recente colaboração de pesquisa com a Volkswagen. Focada nas áreas rurais e no campo, a parceria analisará o futuro da mobilidade rural, através de um primeiro estudo conceitual sobre tratores elétricos.

Cortesia de VolkswagenCortesia de VolkswagenCortesia de Volkswagen© Imagem por Philipp Gladsome, Cortesia VW+ 17

Como garantir que nossas cidades tenham futuro? 4 iniciativas para aumentar a resiliência

Nossas cidades, vulneráveis por natureza e desenho, geraram o maior desafio que a humanidade precisa enfrentar. Com a expectativa de que a grande maioria da população se estabeleça em aglomerações urbanas, a rápida urbanização levantará a questão da adaptabilidade à futuras transformações sociais, ambientais, tecnológicas e econômicas.

De fato, a principal problemática da década questiona como nossas cidades irão lidar com fatores que mudam rapidamente. Ela também analisa os aspectos mais importantes a serem considerados para garantir o crescimento a longo prazo. Neste artigo, destacamos os principais pontos que ajudam a proteger nossas cidades no futuro criando um tecido habitável, inclusivo e competitivo que se adapta a qualquer transformação futura inesperada.

Loja da Apple no Upper East Side / Bohlin Cywinksi Jackson

© Peter Aaron© Peter Aaron© Peter Aaron© Peter Aaron+ 18

  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Lutron, 9 Stone Marble & Tile, Aurora Lampworks, BASWA acoustic, Cassina, +12

Reforma e Ampliação do MoMA / Diller Scofidio + Renfro

© Iwan Baan© Brett Beyer© Iwan Baan© Iwan Baan+ 40

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  65775
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: WoodCo