1. ArchDaily
  2. Hospital

Hospital: O mais recente de arquitetura e notícia

Safdie Architects projeta hospital jardim em Cartagena, Colômbia

O Centro Hospitalar Serena del Mar (CHSM), em Cartagena, Colômbia, será o primeiro projeto de infraesturtura de saúde pública projetado pelo Safdie Architects. Partindo de uma abordagem de Design Centrado no Usuário, o projeto considera o contato com a natureza e a iluminação e ventilação natural abundantes como estratégias fundamentais para criar espaços terapêuticos e capazes de promover a sensação de cura e bem-estar tanto para os pacientes e seus familiares quanto para os funcionários. Nesta busca por criar espaços saudáveis e que auxiliem na recuperação dos usuários, o Centro Hospitalar abriu suas portas no início deste ano e segue sendo construído em etapas. Além de ser o primeiro edifício projetado pela Safdie Architects na América Latina a ser inaugurado, o CHSM é também o primeiro projeto de infraestrutura hospitalar realizado pelo estúdio israelense liderado por Moshe Safdie. Paralelamente, o escritório está desenvolvendo outros projetos no continente, como o Qorner, um projeto de edifício residencial em Quito, Equador, e o Centro de Educação e Pesquisa Albert Einstein no Brasil, o qual deverá ser inaugurado já no início do ano que vem.

OMA e Buro Happold projetam plano diretor para um distrito de saúde no Catar

O OMA / Reinier de Graaf, em parceria com o Buro Happold, acaba de divulgar novas imagens de seu projeto para o Distrito de Saúde Al Daayan de Doha, Catar. O projeto procura combinar todo o “potencial da modularidade, pré-fabricação e automação na arquitetura com as novas tecnologias que rapidamente estão transformando as ciências médicas no mundo hoje”. Implantado em um terreno de mais de 1 milhão de metros quadrados, o novo Distrito de Saúde Al Daayan está composto por uma série de edifícios modulares—os quais serão totalmente pré-fabricadas e montados no local. Além da estrutura do Centro de Saúde, o Distrito contará ainda com um ampla área de cultivo de plantas medicinais, vegetais e hortaliças, os quais serão utilizados tanto para a produção de alimentos quanto para a pesquisa e desenvolvimento de novos medicamentos, e finalmente um centro de produção de energia solar, o qual permitirá que o distrito funcione de forma autônoma e independente.

© HMC© HMC© HMC© HMC+ 12

Diretrizes sanitárias e pandêmicas para a arquitetura

No artigo desta semana da Metropolis Magazine, Madeline Burke-Vigeland, arquiteta associada ao American Institute of Architects, credenciada pela LEED e diretora na Gensler, e Benjamin A. Miko, doutor em medicina e professor assistente do Centro Médico da Columbia University exploram juntos como a padronização de soluções técnicas e construtivas poderiam ser a solução que todos precisamos para melhor proteger as pessoas da COVID-19 e de futuras pandemias.

Adjaye Associates desenvolve projeto replicável de hospital para Gana

A Adjaye Associates acaba de anunciar uma parceira com o governo de Gana para projetar uma série de infra-estruturas de saúde pública no país. Inserido no contexto do programa Agenda 111, que está sendo levado a cabo pelo governo ganês com a intenção de construir 101 novos hospitais distritais, 7 hospitais regionais, 2 hospitais psiquiátricos além da reforma do Hospital Psiquiátrico de Accra, o projeto replicável desenvolvido pela Adjaye Associates pretende transformar o sistema de saúde pública no país.

Cortesia de Adjaye AssociatesCortesia de Adjaye AssociatesCortesia de Adjaye AssociatesCortesia de Adjaye Associates+ 10

Novo filme produzido pelo OMA explora ideias para o hospital do futuro

Um novo filme produzido pelo OMA / Reinier de Graaf intitulado The Hospital of the Future [O Hospital do Futuro] foi lançado como parte da exposição Twelve Cautionary Urban Tales no Centro de Criação Contemporânea Matadero em Madri. Considerado um “manifesto visual”, o curta-metragem de 12 minutos questiona antigas convenções de saúde no campo da arquitetura em termos de metodologia de construção dos hospitais e suas tipologias. Investigando o papel que a doença desempenhou na formação das cidades, o filme oferece uma perspectiva possível para o futuro dos projetos voltados à área da saúde.

David Chipperfield recebe autorização para seguir com projeto residencial na Bélgica

O escritório David Chipperfield Architects recebeu permissão para seguir com o projeto Hertogensite Residences para uma torre habitacional de 14 pavimentos em Leuven, na Bélgica. A proposta envolve a transformação de um antigo bairro hospitalar, conectando nove residências e quatro edifícios de apartamentos de 4 pavimentos.

Courtesy of David Chipperfield ArchitectsCourtesy of David Chipperfield ArchitectsCourtesy of David Chipperfield ArchitectsCourtesy of David Chipperfield Architects+ 6

A história dos espaços de cura e suas arquiteturas

Assim como nós, as palavras têm uma história. Cura vem do latim e está ligada ao ato de cuidar. Esse mesmo radical dá origem da palavra curador, como aquele que é responsável por um acervo ou instituição, por exemplo e cuidado. Talvez descrito no sentido médico pela primeira vez por CelsusIn hoc casu medici cura esse debet, ut morbum mutet (Neste caso o cuidado médico é indicado para mudar o curso da doença) [1]. Hoje quando pensamos em curas parece que falamos de um ato isolado dentro de um tratamento qualquer. A cura da gripe. A cura do câncer. A cura do novo coronavírus. Porém é importante pensar na cura como um processo que depende de múltiplos fatores.

Fachada do recém-inaugurado Hospital de Urgências de São Bernardo do Campo projetado por SPBR Arquitetos. Aqui texto do Francesco Perrota-Bosch sobre o projeto. Imagem © Nelson Kon Interior de uma das suítes do Hospital Sírio Libanês. Imagem: Hospital Sírio LibanêsHôpital de la Salpêtrière parte do Hospital Geral de Paris. Muitos dos habitantes submetidos ao rigor disciplinar da instituição tinham problemas de saúde e ficavam em alas reservadas para que não contaminassem os demais. Assim como as hospedarias dos mosteiros e conventos da Idade Média, o hospital não era concebido para a cura e o tratamento dos doentes era algo secundário, muito mais ligado às obras de caridade do que o cuidado com a pessoa em sofrimento. Note a Cruz Latina no frontão. Imagem: Wikimedia Commons, licença CCEnfermaria do Hôpital Necker, 1918. O hospital moderno vai herdar o caráter disciplinar de instituições de suas instituições antecessoras. Seja no universo correcional do Hospital Geral, do tratamento caritativo-espiritual do Hôtel-Dieu ambos na França, da experiência do Hospital Betheleem na Inglaterra ou mesmo o espaço de cuidado dos soldados, cada vez mais treinados e especializados, na volta dos combates. A lógica da vigilância (posto de enfermagem), monitoramento e registro de atividades (prontuário), identificação das pessoas mesmo que venham a óbito (pulseira de identificação) está muito mais ligada ao universo militar/disciplinar do que aos espaços de cura da antiguidade. Imagem: Archives de l’AP-HP, usado sob termos de Fair Use+ 20

Herzog & De Meuron e HDR são selecionados para projetar o novo hospital da UCSF

A University of California San Francisco (UCSF) selecionou os escritórios Herzog & de Meuron e HDR para projetar o novo hospital do Centro Médico Helen Diller em Parnassus Heights. O projeto abrigará serviços ambulatoriais e de internação, além de contar com um departamento de pesquisa e formação em ciências da saúde.

Para além da habitação temporária: cinco exemplos de infraestrutura social para refugiados

© Y. MeiriCourtesy of CatalyticAction© Filippo Bolognese© Shidhulai Swanirvar Sangstha+ 6

Ao longo da história do planeta terra, a migração humana - seja em busca de alimento, abrigo ou melhores condições de vida - tem sido a norma e nunca a exceção. Atualmente, no entanto, estamos testemunhando um fenômeno migratório sem precedentes. Segundo números publicados pelas Nações Unidas, mais de 68,5 milhões de pessoas encontram-se bem longe de suas casas no presente momento; os números oficiais apontam para mais de 25 milhões de refugiados, dos quais, mais da metade tem menos de dezoito anos. Entre outros fatores, os conflitos que os países do chamado "primeiro mundo" levam para países como a Síria e Mianmar, estão transformando algo que está na natureza do homem - o processo migratório - em uma crise sem precedentes e um dos principais desafios do século XXI.

Projetos emergenciais geralmente são associados à catástrofes naturais como terremotos e tsunamis. Abrigos emergenciais tem sido projetados e construídos ao longo dos últimos anos com mais e mais frequência e em números cada vez maiores. Mas até hoje, por incrível que pareça, projetos de habitação emergencial que possam proporcionar mais dignidade à vida de milhões de refugiados não tem  recebido apoio suficiente e muito menos, a atenção devida por parte da nossa comunidade internacional de arquitetos. Questões importantíssimas permanecem sem respostas: Como adaptar as nossas cidades para poder atender às necessidades mais urgentes criadas pelo cada vez mais intenso processo de migração? Como podemos garantir que nossas comunidades sejam capazes de absorver e integrar refugiados e migrantes em seu tecido urbano e contextos culturais, econômicos e sociais?

No dia mundial dos refugiados, queremos chamar a atenção de todos os arquitetos e arquitetas, divulgando cinco exemplos brilhantes de projetos sociais ao redor do mundo - escolas, hospitais e centros comunitários - especificamente aqueles criados para dar abrigo e uma vida mais digna para populações deslocadas e refugiados.

Primeira UTI móvel em contêiner projetada por Carlo Ratti é instalada em hospital em Turim

A primeira unidade do projeto CURA de Carlo Ratti foi instalada em um hospital de campanha em Turim, norte da Itália, uma das regiões mais atingidas pela pandemia de coronavírus. Lançada há quatro semanas, a iniciativa de converter contêineres comerciais em unidades de terapia intensiva para pacientes com COVID-19 foi concretizada em tempo recorde.

© Max Tomasinelli© Max Tomasinelli© Max Tomasinelli© Max Tomasinelli+ 14

Conheça os hospitais chineses construídos para controlar a pandemia de COVID-19

Enquanto a esmagadora maioria do mundo ainda está lutando contra o COVID-19, a situação econômica e social na China mostrou sinais de retorno a um novo estilo de vida normal nas últimas semanas. Em outro sinal de boas-novas, o governo chinês anunciou recentemente que os dois hospitais em Wuhan, que foram construídos desde o zero dentro de 10 dias fechariam suas portas no dia 15 de abril e os 30 pacientes restantes serão transferidos para outros hospitais em Wuhan para receber tratamento adicional. Outras regiões da China seguiram passos similares, também anunciando o fechamento de hospitais temporários, mostrando um sinal positivo de que a pandemia do COVID-19 finalmente está sendo derrotada no lugar onde surgiu pela primeira vez.

Copilamos uma lista com os hospitais temporários construídos nos primeiros dois meses de 2020, desenhados especificamente para tratar pacientes com sintomas de COVID-19. No total, a China construiu mais de 30 hospitais temporários em todo o país. A velocidade a qual completaram essas instalações médicas foi alcançada graças ao árduo trabalho de dezenas de milhares de pessoas que trabalharam 24 horas por dia.

WTA projeta 60 estações de quarentena para combater o COVID-19 nas Filipinas

À medida que hospitais do mundo todo estão se aproximando de sua capacidade máxima, a comunidade de arquitetos e designers está desenvolvendo novas alternativas para combater a epidemia de COVID-19. Pensando nisso, o WTA Design Studio buscou inspiração em seu pavilhão temporário construído no ano passado para o Festival de Antologia, desenvolvendo uma estrutura similar replicável para acolher 60 Estações Emergenciais de Quarentena (EQF) na cidade de Manila, nas Ilhas Filipinas. Uma estrutura simples e viável para responder a um momento de crise, o antigo Pavilhão Boysen “incorpora facilidade de montagem, escalabilidade e simplicidade estrutural.”

Cortesia de WTACortesia de WTACortesia de WTACortesia de WTA+ 30

Nova Iorque busca adaptar rapidamente hospitais para atender a demanda causada por COVID-19

À medida que o número de pessoas infectadas com o coronavírus atinge níveis assombrosos em Nova Iorque, as autoridades buscam soluções rápidas e eficientes para atender a demanda por espaço para os pacientes. Lutando contra o tempo, a cidade busca maneiras de alterar as estruturas existentes.

Opposite Office propõe hospital temporário no aeroporto de Berlim para combater coronavírus

O estúdio Opposite Office propôs transformar o novo aeroporto de Berlim, em construção desde 2006, em um "super-hospital" para pacientes com coronavírus. Na tentativa de preparar o sistema de saúde e aumentar suas capacidades, a firma apresentou uma alternativa de reuso adaptável, projetando soluções adaptadas ao contexto para combater a pandemia.

Carlo Ratti propõe UTI móvel com contêiner para tratar casos graves de COVID-19

O escritório CRA-Carlo Ratti Associati, juntamente com Italo Rota e uma equipe internacional de especialistas, desenvolveu o CURA (Unidades Conectadas para Doenças Respiratórias), uma espécie de módulo de terapia intensiva plugável para a pandemia de COVID-19. Um projeto de código aberto para hospitais em situação de emergência, a primeira unidade do projeto está atualmente em construção em Milão, Itália.

Cortesia de CURA/ CRA-Carlo Ratti Associati e Italo RotaCortesia de CURA/ CRA-Carlo Ratti Associati e Italo RotaCortesia de CURA/ CRA-Carlo Ratti Associati e Italo RotaCortesia de CURA/ CRA-Carlo Ratti Associati e Italo Rota+ 8

Hospitais temporários de Wuhan são fechados com a redução dos riscos de coronavírus na China

Embora o risco de transmissão do COVID-19 esteja aumentando em todo o mundo, a situação estável em Wuhan - cidade chinesa onde se originou a epidemia - permitiu que as autoridades interrompessem as operações nos hospitais temporários recém-construídos para combater o surto de Coronavírus.