1. ArchDaily
  2. Natureza

Natureza: O mais recente de arquitetura e notícia

Planejamento integrado de soluções baseadas na natureza: a chave para a resiliência urbana

Pólis é uma (hipotética) metrópole costeira e tem uma população crescente. No entanto, a maior parte de sua infraestrutura foi construída 100 anos atrás e carece de manutenção, sendo incapaz de atender a necessidades futuras da cidade.

Para piorar, Pólis vive os danos causados pelo aumento das inundações e erosão das áreas costeiras. Seus habitantes, em especial os já afetados pela poluição ambiental, sofrem com o calor e a má qualidade do ar resultantes da atividade industrial e do trânsito congestionado.

Casas Vietnamitas: 20 residências que incorporam a natureza

Com um clima subtropical, temperaturas elevadas e ambiente favorecido pelas chuvas, o Vietnã tem como uma de suas principais características paisagens com vegetações em abundância, favorecidas pelo solo fértil e condições atmosféricas. Arraigada nesse contexto, a arquitetura vietnamita parece cada vez mais adotar o verde como protagonista, mimetizando elementos naturais junto a rusticidade das superfícies em concreto.

Pensando nisso, selecionamos 20 projetos residenciais vietnamitas já publicados no ArchDaily que incorporam elementos naturais em suas fachadas e interiores. Veja a seguir!

Lugares complexos: sobreposições da arquitetura, arte e paisagem em quatro obras

A constante escalada de complexidade atribuída à arquitetura e demais campos da arte no último século devido a um longo processo de redefinição das disciplinas desde o período moderno, aliada a uma efervescência de experimentos e hibridações, contribuiu para a produção de inovadoras soluções desenhadas para o ambiente humano - e com elas surgiu uma nova dificuldade de categorização.

Estádio de futebol é transformado em floresta na Áustria

© UNIMO Studios© UNIMO Studios© UNIMO Studios© UNIMO Studios+ 9

A maior instalação de arte pública já realizada na Áustria foi inaugurada este mês. Intitulada FOR FOREST – The Unending Attraction of Nature, a obra de arte transforma o Estádio de Futebol Wörthersee em Klagenfurt em uma floresta nativa da Europa Central. Projetada pelo curador suíço Klaus Littmann e inspirada em um desenho distópico do artista e arquiteto austríaco Max Peintner, a instalação lança luz sobre questões urgentes não apenas ao contexto do país, mas de todo o mundo - notavelmente, as mudanças climáticas e o desmatamento. A contenção desta grande floresta sugere que a natureza, algum dia, só poderá ser encontrada em espaços designados para tal função, assim como algumas espécies de animais em zoológicos hoje em dia.

Frank Lloyd Wright Foundation usa o projeto Taliesin West para educar sobre como viver na natureza

A Frank Lloyd Wright Foundation aproveitou o Dia da Terra, 22 de abril, para lançar uma iniciativa voltada a educar o público sobre como práticas sustentáveis são usadas na conservação de locais históricos nacionais, incluindo os famosos projetos Taliesin (Wisconsin) e Taliesin. West (Arizona) de Wright. Programada para ocorrer ao longo do ano, a iniciativa tem como objetivo mostrar como essas práticas podem servir de exemplo para outras áreas da sociedade.

Cidades flutuantes e ecológicas podem ser a resposta aos desafios da humanidade

À medida que a população mundial cresce desenfreadamente, começa-se a especular mais seriamente sobre possíveis novos futuros. Pensando nisso, o URBAN POWEr, escritório de arquitetura e planejamento urbano, desenvolveu o projeto de nove ilhas artificiais estrategicamente localizadas na costa sul da cidade de Copenhague e tem o objetivo de responder a muitos dos desafios iminentes pelos quais a cidade tenderá de passar nos próximos anos. As ilhotas, chamadas de "Holmene", atendem às crescentes demandas por espaço, produção de energias limpas e barreiras contra enchentes.

Semaphore: uma utopia ecológica proposta por Vincent Callebaut

Em seu mais recente projeto de arquitetura, a Vincent Callebaut Architectures desenvolveu uma espécie de utopia ecológica, um edifício de 8.225 metros quadrados destinado a abrigar a sede da Soprema na cidade de Estrasburgo, na França. O edifício, chamado de Semaphore, é descrito pelos arquitetos como um “amplo espaço verde e flexível para o trabalho em equipe”, voltado especialmente ao bem-estar dos funcionários e à agricultura urbana.

Através de sua arquitetura eco-futurista, os arquitetos buscaram inspiração na biomimética com o principal objetivo de transformar o edifício do Semaphore em um ícone da arquitetura eco-futurista, além de servir como uma vitrine para a empresa e toda a sua linha de produtos de isolamento, impermeabilização e tecnologias voltadas à sustentabilidade na construção civil. O projeto desenvolvido pela equipe de Vincent Callebaut será um protótipo ecológico da cidade verde do futuro a medida que busca encontrar o equilíbrio perfeito entre o homem e a natureza.

Cortesia de Vincent Callebaut ArchitecturesCortesia de Vincent Callebaut ArchitecturesCortesia de Vincent Callebaut ArchitecturesCortesia de Vincent Callebaut Architectures+ 23

A natureza como coautora em projetos de arquitetura

Lidar com o contexto onde está inserido um projeto é parte essencial do exercício da arquitetura, seja negando ou incorporando os elementos preexistentes e as condicionantes do entorno nas propostas. Apesar dessa constante, entender o que há em volta como atuante direto nas decisões de desenho e organização do espaço vai além de simplesmente considerar boas vistas, ventilação natural ou orientação, trata-se de enxergar essas condições como agentes ativas nos projetos, isto é, como coautoras.

Os casos em que essa prática se faz mais notável são provavelmente aqueles que pensam os elementos da natureza nesse papel atuante, e essa é a postura adotada por alguns escritórios como verdadeiro partido inicial para o desenho dos espaços.

Inspiração na natureza muito além da forma: a biomimética na arquitetura

A biomimética na arquitetura não define a forma ou busca que seja parecido com isso ou com aquilo. O objetivo é que tenha na arquitetura uma solução que desempenhe a estratégia que foi observada na natureza. Não é exatamente a forma pela forma, não se pretende copiar formas, e sim uma razão mais profunda das formas. E vai muito além de se inspirar somente em formas. Se observa contexto, sistemas, inter-relações e  é nestas associações que está a verdadeira beleza da biomimética. A criação arquitetônica é livre pois está apenas sendo inspirada por um design principle, que é a estratégia de como a natureza faz o que o projeto busca como desempenho para uma determinada demanda. É um processo de co-criação entre a biologia e a arquitetura, é de fato transdisciplinar.

Ben van Berkel do UNStudio apresenta seu pavilhão para a série Revolution Precrafted

Seguindo em frente com seu objetivo de divulgar projetos de arquitetura arrojados e estruturas flexíveis o suficiente para serem instaladas em qualquer tipo de terreno, a série Revolution Precrafted está apresentando o mais recente projeto desenvolvido por Ben van Berkel, fundador e principal arquiteto do UNStudio. Produzido em edição limitada, o Ellipsicoon (uma fusão de Ellipse e Cocoon) já está disponível no site do RP, juntando-se à outros tantos pavilhões pré-fabricados e projetos residenciais unifamiliares de arquitetos como Zaha Hadid, Jean Nouvel e Daniel Libeskind.

Cortesia de UNStudioCortesia de UNStudioCortesia de UNStudioCortesia de UNStudio+ 8

A cidade fantasma mais bela do mundo: vídeo aéreo registra a atmosfera de Houtouwan na China

Enquanto as sombras do passado pairam em torno do que restou das casas e das estradas, o cinegrafista Joe Nafis captou perfeitamente o raro charme da vila de pescadores abandonada de Houtouwan usando seu drone. De cima, pode-se apreciar a extensão da folhagem tapetes nas paredes, telhados e aberturas. Foi a promessa deste cenário improvável que levou Nafis a visitar a vila como parte de um ensaio de moda.

© Joe Nafis© Joe Nafis© Joe Nafis© Joe Nafis+ 26

RIBA anuncia projetos selecionados em concurso para Centro de Natureza e Bem-Estar em Sevenoaks

As propostas pré-selecionadas para o concurso do RIBA para projetar o novo Centro de Natureza e Bem-Estar Inovador, localizado na Reserva de Vida Selvagem de Sevenoaks, estão agora em exibição para o público. O concurso foi lançado em outubro passado pelo Kent Wildlife Trust, em parceria com o Instituto Real de Arquitetos Britânicos (RIBA), como um concurso de projeto aberto "que busca arquitetos e equipes em todo o mundo para apresentar projetos que promovam aprendizado, bem-estar, curiosidade e natureza". novo centro de visitantes em Sevenoaks.

MVRDV apresenta projeto alternativo para o Museu de Arte de Taoyuan

O MVRDV apresentou um projeto alternativo para o Museu de Arte de Taoyuan. A proposta dos arquitetos holandeses não foi selecionada pelo concurso internacional de arquitetura organizado pela instituição responsável, a qual elegeu como vencedora a ideia concebida por Riken Yamamoto & Field Shop. O conceito apresentado pelo MVRDV, desenvolvido em colaboração com o JJP Architects and Planners, procurava criar um novo destino cultural centrado na natureza, transformando o museu na "cereja do bolo" da cidade.

Ao longo do processo, o MVRDV inspirou-se no mundo natural, reconhecendo o potencial do terreno na criação de novos espaços públicos para a cidade de Taoyuan, a qual encontra-se em um rápido processo de expansão, aonde já não é possível distinguir os limites entre o ambiente construído e natural.

Cortesia de MVRDV + JJPCortesia de MVRDV + JJPCortesia de MVRDV + JJPCortesia de MVRDV + JJP+ 8

Pavilhão Nórdico na Bienal de Veneza de 2018 explorará a relação entre o ambiente construído e a paisagem natural

Como parte da cobertura do Archdaily para a Pavilhão Nórdico. Abaixo, os participantes descrevem o projeto com suas próprias palavras.

O escritório de arquitetura finlandês Lundén Architecture Company foi escolhido para projetar a intervenção no pavilhão nórdico da Bienal de Arquitetura de Veneza de 2018. A proposta de Eero Lundén, intitulada Another Generosity, explora a relação entre a natureza e o ambiente construído.

O objetivo é explorar novas maneiras de projetar edifícios, enfatizando esta delicada, e muitas vezes invisível, interação entre o espaço construído e o natural.

Sou Fujimoto e Coldefy & Associés propõem cobertura translúcida para a Suprema Corte de Lille

A proposta de Sou Fujimoto e Coldefy & Associés Architects Urban Planners para uma cobertura diáfana sobre uma série de volumes de vidro empilhados estava entre as quatro finalistas do concurso para o novo Palácio da Justiça de Lille, França. O concurso recebeu 139 propostas e selecionou o projeto do OMA como vencedor.

Veja a proposta de Fujimoto e Coldefy & Associés, a seguir:

Cortesia de MIRCortesia de MIRCortesia de MIRCortesia de MIR+ 17

Casas de pássaros inspiradas na arquitetura moderna

Douglas Barnhard, proprietário da empresa de decoração Sourgrassbuilt, projeta e constrói casas de pássaros. Construídos com materiais reutilizados, seus projetos são inspirados no modernismo de meados do século XX e prestam homenagem a Frank Lloyd Wright, Joseph Eichler e a Bauhaus, embora apresentem também elementos que reflitam a rica cultura de surf e skate da Califórnia.

Cidade do México recebe prêmio internacional de sustentabilidade

A Cidade do México foi uma das dez cidades premiadas nos prêmios 'C40 Cities Bloomberg Philanthropies Awards', que reconhecem as cidades abordando a mudança climática das formas mais inspiradoras e inovadoras. Os prêmios foram apresentados no North American Climate Summit.

Fotos da Semana: 10 imagens de arquiteturas na neve

Fotografar na neve pode ser uma experiência tanto caótica quanto animadora. Embora trabalhar nessas condições seja arriscado, já que a neve modifica a luz e a sensação do ambiente em uma cena, a verdade é que se for bem aproveitada, o resultado pode ser fantástico. Veja, a seguir, uma seleção de dez fotografias feitas na neve. 

© Fernando Guerra© Ligang Huang© Sophie Mayer© Cornbread Works+ 10