Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Gótico

Gótico: O mais recente de arquitetura e notícia

Técnicas construtivas góticas inspiram o desenvolvimento de lajes leves de concreto na ETH Zurich

Com a intenção de maximizar os vãos disponíveis e diminuir custos de construção, pesquisadores do Departamento de Arquitetura da ETH de Zurique criaram uma laje de concreto que, com uma espessura de apenas 2cm, é estrutural e simultaneamente sustentável. Inspirado pela construção de abóbadas catalãs, este novo sistema de lajes substitui barras de aço reforçadas por nervuras verticais estreitas, reduzindo significativamente o peso da estrutura e garantindo a estabilidade para resistir às distribuições irregulares em sua superfície.

Ao contrário dos pisos de concreto tradicionais que são evidentemente planos, estas placas são projetadas para arquear e suportar cargas principais, reminiscente dos tetos abobadados encontrados em catedrais góticas. Sem a necessidade de reforços de aço e com menos concreto, a produção de CO2 é minimizada e os pisos de 2 cm resultantes são 70% mais leves do que suas contrapartes típicas de concreto.

via Block Research Group via Block Research Group via Block Research Group via Block Research Group + 5

Características e diferenças de 12 estilos arquitetônicos

Há muito tempo a história das civilizações vem sendo contada e ensinada de forma linear, com um sentido evolutivo, em prol de uma apreensão facilitada por uma didática mais direta. É fato que, muitas vezes, questionou-se esse método de pensar e organizar a forma como os eventos ou manifestações culturais aconteceram no decorrer do tempo, nas diversas partes do mundo, com suas especificidades que, muitas vezes, são deixadas de lado nas grandes narrativas históricas produzidas, sobretudo, no âmbito ocidental e, mais ainda, europeu.

Arquitetura gótica e alta costura se unem em vestidos que desafiam a gravidade de Guo Pei

No que deve ser uma das mais espetaculares junções entre alta costura e arquitetura, a estilista Guo Pei aproveitou as qualidades "imutáveis" dos edifícios góticos com uma série de roupas inspiradas em abóbadas, torres, arcobotantes e elaborados arabescos de janelas. Segundo a Vogue, a designer chinesa descreveu seu trabalho como "um diálogo entre o corpo humano e a dimensão espacial", enquanto o post de Pei no Facebook explicou sua coleção do outono de 2018 com apenas uma frase: "O tempo flui sem pressa, enquanto a arquitetura permanece imutável".

Muitos dos desenhos da coleção de Pei parecem ter sido concebidos como estruturas arquitetônicas em si, projetando-se para fora do corpo para criar formas impressionantes semelhantes a igrejas. Converter as rígidas estruturas de pedra do estilo gótico em tecidos desenhados para pendurar no corpo humano é claramente uma proeza técnica desafiadora, e mostra-se extremamente satisfatório para observadores obcecados por arquitetura.

Clássicos da Arquitetura: Casa Vermelha / William Morris e Philip Webb

No coração de um subúrbio a leste de Londres, fica uma incongruente casa de campo em tijolos vermelhos. Com seus caixilhos arqueados ogivais e altas chaminés, a casa foi projetada para parecer uma relíquia da Idade Média. Na realidade, seu estilo vintage data da década de 1860. Esta é a Casa Vermelha (Red House), o lar Arts and Crafts do artista William Morris e sua família. Construída como uma refutação para uma era cada vez mais industrializada, a mensagem da Casa Vermelha foi diminuída pela passagem do tempo e, ao longo dos séculos, foi construída como um alívio em seu entorno.

O vitral, mostrando Love and Hate, foi um dos muitos desenhados por amigos e família de William Morris. Cortesia de Flickr user KotomiCreations (licensed under CC BY-NC 2.0) A porta da frente pintada é de caráter inegavelmente medieval; os vidros de vitrais não são originais. Cortesia do usuário do Flickr Kotomi Creations (licenciado sob CC BY-NC 2.0) Cortesia de Flickr user KotomiCreations (lCC BY-NC 2.0) A planta em L permite o foco no jardim. Cortesia de Flickr user Gabrielle Ludlow (licensed under CC BY-NC-ND 2.0) + 14

Como um romance salvou a Notre-Dame e mudou a percepção da arquitetura gótica

Este artigo foi originalmente publicado pela Common Edge como "It’s a Book. It’s a Building. It’s a Behavioral Intervention!"

Alguns anos atrás, ao visitar, ou melhor, explorar a Notre-Dame, o autor deste livro encontrou em um canto escuro de uma das torres, esta palavra esculpida na parede:

'ANÁΓKH

Estes caracteres gregos, escurecidos pelo tempo, e esculpidos profundamente na pedra com as peculiaridades de forma e arranjo comuns à caligrafia gótica realizada manualmente durante a Idade Média, sobretudo, o triste significado desta palavra foi o que mais impressionou o autor.

Cinco "pegadinhas" ocultas na arquitetura gótica

Este artigo foi originalmente publicado pelo Atlas Obscura como "Five Architectural Easter Eggs Hiding on Gothic Cathedrals."

O uso moderno do termo "ovo de páscoa" - não o chocolate de páscoa, mas no sentido de "pegadinha" - originou-se com Atari em 1979, quando um colaborador inseriu seu nome em um jogo a espera obter algum reconhecimento como criador. Mas essas surpresas, escondidas para todos, exceto aqueles que olham de perto o suficiente, não estão apenas à espreita no mundo digital. Alguns dos melhores "ovos da páscoa" são escondidos na arquitetura em torno de nós.

O mais interessante sobre estas "pegadinhas" arquitetônicas é que elas permanecem na paisagem em torno de nós, tornando-se muitas vezes uma parte confusa da história. A seguir, apresentamos cinco esculturas ocultas que pontuam estruturas históricas com um pouco de humor e mistério.

Clássicos da Arquitetura: Palais des Papes / Pierre Poisson e Jean de Louvres

Enquanto a Igreja Católica Romana é sinônimo da Cidade Eterna (e da capital italiana), o maior monumento de seu auge medieval está, na verdade, no sul da França. A relíquia da breve partida do papado de Roma, o Palais des Papes ("Palácio dos Papas") em Avignon é o maior palácio gótico já construído. Construído em duas fases principais por dois de seus residentes, a obra é uma expressão arquitetônica grandiosa da riqueza e poder dos onze papas que chamaram Avignon de casa e base de poder.

Foto por Jean-Marc Rosier; cortesia de Wikimedia user Ampon (CC BY-SA 3.0) Limitada pelos apartamentos papais e as duas alas do Novo Palácio, a Cour d'Honneur é substancialmente maior do que o pátio definido pelos claustros do Palácio Antigo. ImagePhoto por Jean-Marc Rosier. Foto por Jean-Marc Rosier; cortesia de Wikimedia user Ampon (CC BY-SA 3.0) Um desenho do século XV de Avignon por Étienne Matellange; O Palais des Papes domina o horizonte no canto superior direito. Cortesia de Wikimedia user Aa77zz (Domínio Público) Uma planta do Palais des Papes desenhado em 1921. O Palais Vieux, ou Palácio Antigo, fica à esquerda, enquanto o Palais Neuf, ou Novo Palácio, está à direita. Cortesia de Wikimedia user François GOGLINS (Domínio Público) + 19

Clássicos da Arquitetura: Basílica de Saint-Denis / Abbot Suger

A origem da arquitetura gótica, um estilo que definiu a Europa na Idade Média tardia, pode ser rastreada até uma única igreja nos subúrbios do norte de Paris. A Basílica real de Saint-Denis (Basilique royale de Saint-Denis), construída no terreno de uma abadia e um relicário estabelecidos na Dinastia Carolíngia (800-888), foi reconstruída parcialmente sob a administração de Abbot Suger no início do século XII ; Estas adições - utilizando uma variedade de técnicas estruturais e estilísticas desenvolvidas na construção de igrejas românicas nos séculos precedentes - colocariam a arquitetura medieval em um novo curso que carregaria pelo resto da época.

Félix Benoist (Domínio Público). ImageEngraving (1861) Janela. Imagem © Wikimedia user Diliff (CC BY-SA 3.0) Tumba. Image © Wikimedia user Myrabella (CC BY-SA 3.0) Fachada Oeste Portal Detalhe. Image © Wikimedia user Myrabella (CC BY-SA 3.0) + 9

Clássicos da Arquitetura: Palazzo Santa Sofia / The Ca d’Oro

A edificação implanta-se na margem norte do Grand Canal de Veneza, e a fachada de mármore esculpida evidencia seu esplendor original. O Palazzo Santa Sofia — ou o Ca D'Oro (Casa do Ouro) — como também é conhecido, é um dos exemplos mais notáveis da arquitetura gótica tardia veneziana, que combinou elementos existentes na arquitetura gótica, mourisca e bizantina em uma estética única, que simbolizava o império mercantil cosmopolita da República Veneziana. Construído para servir como residência do rico empresário e político veneziano Marin Contarini, o palácio passou por um grande número de proprietários e renovações durante sua vida útil antes de finalmente tornar-se um museu para a pintura medieval e escultura. [1]

© Jean-Pierre Dalbera Cortesia de Shutterstock usuário InavanHateren Cortesia de Wikimedia usuário Madpack Cortesia de Wikimedia usuário Godromil + 10

Artista cria modelo em escala de uma Catedral Gótica Italiana

Ryan McAmis, um artista do Brooklyn, está projetando e construindo um modelo em miniatura de uma Catedral Gótica Italiana, recriando tudo, dos vitrais nas janelas à cobertura abobadada, tumbas nas paredes e pinturas. Primeiramente, ele criou os elementos a partir de uma série de materiais, de tijolos a papel, argila e madeira. Ele então montou os elementos e criou um molde de silicone que foi preenchido com plástico branco, para, posteriormente, ser pintado. Veja algumas fotografias do processo, a seguir.

Janelas circulares. Cortesia de Ryan McAmis Afresco. Cortesia de Ryan McAmis Janela. Cortesia de Ryan McAmis Abside e tumba. Cortesia de Ryan McAmis + 13

Design em 6 vídeos explicativos

(Quase) tudo o que você precisa saber sobre o design no século XX foi sintetizado em 6 vídeos facilmente compreensíveis (todos narrados com o sotaque escocês de Ewan MacGregor).

Do neo-gótico ao pós-modernismo, esta série de pequenos vídeos aborda apenas superficialmente estes movimentos do design; no entanto, são uma bela introdução para aqueles que não estão familiarizados com a história do design (na realidade, a Open University considera-os uma introdução ao seu curso gratuito de Design Thinking) ou, para aficionados por design, uma boa maneira de recapitular os fatos.

Nós demos ênfase ao vídeo sobre a Bauhaus e sobre o Modernismo (após o intervalo) - mas você pode encontrar todos os seis vídeos aqui. Divirta-se!