1. ArchDaily
  2. Decoração

Decoração: O mais recente de arquitetura e notícia

Qual a diferença entre decorador, designer de interiores e arquiteto?

Não é difícil concordar que combinar cores numa sala é uma tarefa muito diferente de pensar a insolação em um edifício, ou como este era ser implantado num terreno. A importância de cada função pode ser subjetiva para cada cliente, fazendo com que ambos exercícios sejam fundamentais para trazer qualidade à percepção espacial - fator inerente ao ofício do decorador, designer de interiores e arquiteto. Mas, afinal, quais seriam as diferenças entre as três profissões?

Como decorar a parede da sala?

Um parede vazia nem sempre é um respiro, em alguns momentos ela pode passar uma sensação fria, da falta de algo. E é por esse motivo que ela se apresenta como um espaço a ser ocupado para trazer mais originalidade e um maior caráter para o seu espaço, a questão é: como intervir nela? A seguir, reunimos algumas ideias presentes em diversos projetos para te inspirar. 

Como decorar a parede da sala? Como decorar a parede da sala? Como decorar a parede da sala? Como decorar a parede da sala? + 20

Como criar interiores mais sustentáveis?

No design de interiores – e em muitas outras disciplinas de design – é muito mais fácil ser insustentável. Comprar ou desenvolver soluções personalizadas para um espaço geralmente exige menos tempo e pesquisa do que a aquisição de materiais de segunda mão e de uma preocupação com o fluxo de resíduos e a economia circular.

Mas a indústria da construção civil e da decoração não pode mais se dar ao luxo de ignorar os impactos ambientais causados por suas atividades.

Decoração emotiva: a tendência dos espaços voltados para a emoção

Como seria um projeto se as emoções do usuário fossem parte do programa? Planejar ambientes que possam acolher diferentes sensações é, segundo o Pinterest Predicts 2022, uma das tendências de decoração para os próximos anos. Cada vez mais pessoas tem procurado como montar quartos que proporcionam uma exaltação de seus sentimentos, não importa se o objetivo é ficar mais tranquilo, externar sua raiva, ouvir música ou fazer uma atividade de lazer, o foco da dita "decoração emotiva" está em fazer com que as emoções fluam livremente e de forma segura.

Decoração emotiva: a tendência dos espaços voltados para a emoçãoDecoração emotiva: a tendência dos espaços voltados para a emoçãoDecoração emotiva: a tendência dos espaços voltados para a emoçãoDecoração emotiva: a tendência dos espaços voltados para a emoção+ 14

Cama além do básico: ideias para aprimorar o seu quarto

Casa Olaria / NJ+ Arquitetos Associados. Foto: © Denilson Machado – MCA Estúdio
Casa Olaria / NJ+ Arquitetos Associados. Foto: © Denilson Machado – MCA Estúdio

Para muitas pessoas a cama e o quarto deixaram de ser apenas um espaço de descanso. Beatriz Colomina já apresentou distintos estudos sobre como trabalho e lazer passaram a ocupar esse ambiente, e, hoje, isso se torna cada vez mais presente no nosso cotidiano. Se a forma como ocupamos o espaço muda constantemente, como aproveitar melhor a área deles para abrigar todas as funções necessárias?

Cama além do básico: ideias para aprimorar o seu quartoCama além do básico: ideias para aprimorar o seu quartoCama além do básico: ideias para aprimorar o seu quartoCama além do básico: ideias para aprimorar o seu quarto+ 19

Mobiliário para gatos: mais conforto e saúde para os felinos em casa

Mobiliário para gatos: mais conforto e saúde para os felinos em casaMobiliário para gatos: mais conforto e saúde para os felinos em casaMobiliário para gatos: mais conforto e saúde para os felinos em casaMobiliário para gatos: mais conforto e saúde para os felinos em casa+ 10

Na arquitetura, o mais comum é desenhar apenas para os humanos. No entanto, abranger o escopo do projeto para outras espécies é um exercício que vem sendo proposto em diversas encomendas. De um mobiliário específico até o design de interiores todo pensado para o animal, as possibilidades de criar um ambiente mais lúdico e confortável, tanto para humanos quanto para os animais, são diversas. 

Hall de entrada: ideias para dar as boas vindas na sua casa

Apartamento Ygará / Estúdio BRA. Foto: © Maura Mello
Apartamento Ygará / Estúdio BRA. Foto: © Maura Mello

Hall de entrada: ideias para dar as boas vindas na sua casaHall de entrada: ideias para dar as boas vindas na sua casaHall de entrada: ideias para dar as boas vindas na sua casaHall de entrada: ideias para dar as boas vindas na sua casa+ 13

Se a máxima "a primeira imagem é a que fica" for levada a sério, na arquitetura, o hall de entrada ganha uma importância fundamental. Esse pequeno espaço, além de dar as boas vindas à casa, também pode ganhar diversas outras funções: armazenar objetos, abrigar uma área de espera e leitura, distribuir a circulação da residência, expor uma pintura. Enfim, são diversas as possibilidades de pensar e ocupar esse ambiente, por isso, apresentamos aqui três diretrizes projetuais que podem te ajudar na hora de pensá-lo.

Ideias e dicas de como pendurar quadros na sua casa

Ideias e dicas de como pendurar quadros na sua casaIdeias e dicas de como pendurar quadros na sua casaIdeias e dicas de como pendurar quadros na sua casaIdeias e dicas de como pendurar quadros na sua casa+ 14

Para algumas pessoas pendurar quadros nem sempre é uma tarefa fácil, afinal, além das obras retratarem uma imagem que traduz parte da personalidade dos moradores, imaginar formas de composição que tornem o ambiente ainda mais agradável pode ser desafiador. Pensando nisso, trazemos aqui alguns exemplos e diretrizes que podem ser adotadas para facilitar o momento de criar uma exposição na sua casa.

Quartos de bebês e crianças: 20 exemplos para inspirar a imaginação

Casa Jardim / asdesign. Foto: © Rafael Renzo
Casa Jardim / asdesign. Foto: © Rafael Renzo

Quartos de bebês e crianças: 20 exemplos para inspirar a imaginaçãoQuartos de bebês e crianças: 20 exemplos para inspirar a imaginaçãoQuartos de bebês e crianças: 20 exemplos para inspirar a imaginaçãoQuartos de bebês e crianças: 20 exemplos para inspirar a imaginação+ 27

O quarto para bebês ou crianças é um espaço imaginado não apenas para a hora do descanso e sono, mas também para incentivar a imaginação, trazer símbolos que ajudem a construir uma percepção de mundo e, sem esquecer, brindar diversão aos pequenos. Além de abrigar a infância, trazer funcionalidade para este ambiente e adequar tantas funções na mesma área exigem muitas vezes uma criatividade imensa por parte das mães e pais, por isso, a busca por um profissional de arquitetura pode ser mais do que bem-vinda. 

Papel de parede: dos palácios rococós aos lofts industriais

Antes dos carimbos e das impressões digitalizadas, os papéis de parede eram um artefato de alto luxo e ostentação já que todos os desenhos deveriam ser feitos à mão por artesãos. Como símbolo de riqueza, eles surgiram para substituir as tapeçarias e telas na decoração das casas europeias do século XVI. No Brasil, por exemplo, sua aplicação se tornou economicamente viável apenas em 1930 e sua popularização concretizada somente na década de 60.

Papel de parede: dos palácios rococós aos lofts industriais Papel de parede: dos palácios rococós aos lofts industriais Papel de parede: dos palácios rococós aos lofts industriais Papel de parede: dos palácios rococós aos lofts industriais + 16

Como esconder os fios da televisão?

Como esconder os fios da televisão?Como esconder os fios da televisão?Como esconder os fios da televisão?Como esconder os fios da televisão?+ 16

Estamos próximos de viver em um mundo wireless, mas enquanto isso não acontece, alternativas para que os fios não gerem uma aparência de desordem e acumulem sujeira é o desejo de muitas pessoas. Sendo assim, elencamos algumas dicas para aqueles que pretendem esconder a fiação elétrica da televisão, e de todos os aparelhos que normalmente a acompanham, para manter um ambiente mais agradável. 

Arquitetos, precisamos falar sobre decoração

Ao analisar a diferença entre distintas escalas e trabalhos da arquitetura, levantamos a questão de como a decoração é vista com certo estigma e inferiorizada por parte da classe profissional. Para aprofundar o debate, questionamos vocês, nosso público, sobre os possíveis motivos dessa impressão. Recebemos 108 respostas, das quais selecionamos alguns argumentos e dados que ajudam a compreender um panorama deste cenário.

Arquitetura, design e artes: o que podemos aprender com a obra de William Morris?

William Morris foi um dos grandes nome do movimento Arts and Crafts dos século XIX. Sua prática foi amplamente delineada por seus ideais políticos, passando por experiências pela construção, a decoração e o design, chegando a ser escritor, sempre buscando amparar os espaços de trabalho como lugares de prazer e contemplação.

Arquitetura, design e artes: o que podemos aprender com a obra de William Morris?Arquitetura, design e artes: o que podemos aprender com a obra de William Morris?Arquitetura, design e artes: o que podemos aprender com a obra de William Morris?Arquitetura, design e artes: o que podemos aprender com a obra de William Morris?+ 15

Decoração e identidades feminina e masculina

Em 2021, a Casa Brasileira é o tema que norteia as ações do Museu do Ipiranga em parceria com o Wiki Movimento Brasil (WMB). A programação inclui maratonas de edição de verbetes que, neste ano, iniciam com encontros com pesquisadores da área, que falarão sobre as linhas de pesquisa que desenvolvem no Museu, seguidos de treinamento e assistência técnica sobre a plataforma. O segundo encontro desta série acontece no dia 23 de abril, sexta-feira, a partir das 14h, com o tema Decoração e identidades feminina e masculina.

“A Casa Brasileira é tema de pesquisa do Museu do Ipiranga há mais

Morar Mais por menos

Nascida no Rio em 2004 com 77 edições realizadas em 14 capitais, o evento de arquitetura, decoração e design mais descolado e ousado da cidade estará de volta em Outubro de 2020.
Com projetos sofisticados e acessíveis nossos profissionais mostrarão que é possível gastar pouco e ter um ambiente incrível.
Já iniciamos os trabalhos do Morar Mais RJ 2020! Nesta 17ª edição, serão 59 belíssimos ambientes em um imóvel cercado de verde e bastante arejado no bairro Itanhangá de outubro à Novembro. Respeitando o isolamento social e seguindo as orientações sanitárias da OMS e das autoridades públicas locais, o Morar

Como estimular a autonomia das crianças através da arquitetura e o método Montessori

Maria Montessori começou a desenvolver seu método no início do século XX: trata-se de uma pedagogia científica com o principal objetivo de promover uma educação que contribua positivamente ao desenvolvimento do cérebro da criança, respeitando a individualidade de cada uma delas, estimulando sua autonomia, autoestima e autoconfiança.

Apesar do método ter sido criado no século passado, é agora que a ciência começa a comprovar muitas informações deixadas por Montessori em seu legado. Cada vez mais fala-se sobre aplicá-lo na arquitetura de espaços para as crianças e muito tem-se falado sobre "quartos montessorianos" e sobre a tendência: cama casinha!