Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Archilogic

Archilogic : O mais recente de arquitetura e notícia

Quando o minimalismo se torna extravagante: uma visita virtual à Case Study House #17(2)

O programa das Case Study Houses, organizado pela revista Arts & Architecture, supostamente estava voltado para o desenvolvimento de projetos residenciais replicáveis e acessíveis para a sociedade americana do pós-guerra - casas elegantes porém modestas para famílias jovens e de orçamento limitado. Mas de repente, apareceu o projeto para a casa #17 (2).

Para ser bem honesto, diferentemente da maioria, esta casa foi projetada para clientes reais, com requisitos específicos e ambiciosos. Os Hoffman tinham quatro filhos, uma equipe de domésticas e uma ampla coleção de arte. Então, este projeto não poderia ser apenas mais uma casinha suburbana de três quartos.

Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson

As notas editoriais sobre a Case Study House #11 da Arts & Architecture estabelecem os “princípios básicos da arquitetura moderna”: uma ênfase em “ordem, adequação e simplicidade”. A habitabilidade e a praticidade são fundamentais, e a “farsa” não é aceita. Tal como acontece com outras casas da série, este projeto de JR Davidson alcança esses objetivos com linhas horizontais limpas, uma planta aberta e com a integração com o exterior.

É uma casa modesta e compacta, com um conceito menos rebuscado que algumas outras casas do programa — sem jardins internos ou espelhos d'água; e nenhuma história complicada para os clientes imaginários (pense nas próximas duas, a #12 e especialmente a #13) — mas sem dúvida mais bem-sucedida em fornecer um modelo para o lar americano médio. Seu valor não depende de um paisagismo dramático ou da vista, mas de um projeto inteligente e da atenção para resolver os problemas cotidianos. Andar pelo modelo 3D da Archilogic revela a elegância da abordagem de Davidson.

Passeio virtual pela Case Study House #10 de Kemper Nomland & Kemper Nomland Jr

A décima Case Study House na verdade não foi concebida para o Programa da revista Arts & Architecture. Foi adicionada em sua conclusão em 1947, para preencher a lista, já que muitas casas permaneceram não construídas. Claramente, o projeto de Nomland fez por merecer seu lugar na lista, tendo muitas características em comum com outras casas Case Study e, principalmente, cumprindo os objetivos de economia, simplicidade, uso de novos materiais e técnicas e integração interior/exterior. O diferente ponto de partida, no entanto, pode ser observado no layout. Enquanto as casas Case Study foram projetadas principalmente para famílias, esta é para "uma família de adultos" - isto é, um casal sem filhos.

Conheça a casa não construída de Niemeyer em Israel através desse modelo 3D

O nome de Oscar Niemeyer será pra sempre associado a arquitetura de formas sinuosas. Sejam linhas ondulantes, cúpulas ou estruturas delicadas que se repetem em um ritmo perfeito, seus projetos rejeitam "a linha reta, dura e inflexível, criada pelo homem" em favor do "Universo curvo de Einstein", como ele mesmo descreveu em seu livro de memórias, As curvas do tempo, no ano 2000. De fato, em uma entrevista tardia realizada pelo Independent, Niemeyer recebe título de "o arquiteto que erradicou a linha reta".

Mas o que acontece com estes artistas devotos a uma só filosofia a qual perseguem ininterruptamente por décadas e décadas; seria algum tipo de obsessão? Pergunto-me se Niemeyer chegou um dia a questionar sua dedicação exclusiva as linhas curvas. Talvez uma certa inquietação o tenha conduzido a desenvolver o inusitado projeto da casa de Tel Aviv, encomendada pelo magnata da hotelaria, Yekutiel Federmann - ou talvez simplesmente fosse um reflexo da agitação política e pessoal daquele momento.

Um passeio virtual pela Case Study House #7 de Thornton M Abell

A sétima casa Case Study House da revista Arts & Architecture foi construída com clientes reais em mente: uma família de três pessoas com hobbies criativos. O resultado, projetado por Thornton M Abell, é uma casa flexível com um caráter funcional diferenciado.

Diferente das outras casas Case Study, o projeto de Thornton M Abell não foi beneficiado por visuais espetaculares, mas compensou com um desenho funcional e cheio de luz.

A casa divide-se perfeitamente em três áreas separadas: à esquerda da entrada, os espaços de trabalho representam quase a metade da planta e à direita encontram-se as áreas de estar e íntimas, que se estendem para o jardim. Os painéis de correr entre a espaçosa sala central de recepção / jantar e a acolhedora sala de estar criam a opção de privacidade ou espaço extra, conforme necessário, integrando o terraço e a piscina, além de oferecer outras possibilidades de entretenimento no verão. Uma pequena área verde ao lado da porta de correr confunde o limite entre interior e exterior.

Explore os misteriosos espaços de Stranger Things neste modelo 3D

Stranger Things, a famosa série da Netflix, teve sua segunda temporada iniciada há duas semanas e. claro, tomou conta da internet. 

Tão importante quanto as circunstâncias misteriosas e os personagens assustadores do enredo são seus cenários cuidadosamente construídos, que buscam a semelhança com espaços cotidianos reais (da década de 80), mas com um toque inquietante.

Este modelo criado pela Archilogic reconstrói um dos locais centrais da série, a casa onde Will Byers mora com sua mãe e seu irmão. A seguir, explore a misteriosa sala de estar e outros espaços de Stranger Things

Um passeio virtual pela Case Study House #23A de Killingsworth, Brady & Smith

Apenas três das Case Study Houses foram construídas fora de Los Angeles, todas elas projetadas sob um mesmo conceito. Este trio de residências construídas em La Jolla, um subúrbio à beira-mar de San Diego, embora projetadas para atender a diferentes demandas, compartilham o mesmo vocabulário projetual, com uma única via de acesso e um pátio central em torno do qual o programa se organiza.

De acordo com as premissas das Case Study Houses, as três casas foram projetada com planta livre, materiais modernos e acessíveis (como alumínio, concreto e paredes de wood frame) além de muito vidro, promovendo um caráter fresco e aberto. A ênfase se encontra nas formas geométricas puras, detalhes primorosos, linhas horizontais (com coberturas perfeitamente planas) e - por estarem localizadas no litoral californiano - vistas surpreendentes e espaço de convívio ao ar livre, ampliando a percepção da amplitude dos espaços interiores.

Um passeio virtual pela Case Study House #3 de William W. Wurster & Theodore Bernardi

A terceira Case Study House da revista Arts & Architecture tem uma sensibilidade notoriamente diferente da de muitos outros projetos da série. Embora igualmente envolvidos com o objetivo de maximizar o prazer do ambiente natural, neste projeto os arquitetos mostram mais preocupação com a privacidade e a proteção dos moradores.

A aproximação a partir da rua é quase proibida; barreiras de alumínio impõem um limite praticamente impenetrável. Além das portas da frente e da garagem, as janelas de cozinha, pequenas e altas, são as únicas aberturas visíveis, embora seja possível visualizar a cerca do jardim privado das crianças, revestida por videiras. 

Conheça a residência de Marilyn Monroe projetada por Frank Lloyd Wright

Alguns projetos não construídos - as esperanças que eles revelam e os motivos que os impediram de ser construídos - contam histórias intensas. Esse é o caso da residência projetada por Frank Lloyd Wright para Marilyn Monroe e Arthur Miller. Ou será que é aquilo que supomos saber sobre Marilyn, que o torna tão pungente?

A união entre um intelectual de vida pacata e o maior símbolo sexual do século passado foi desconcertante para o público, e o conflito entre suas aspirações e personalidades parece interferido em seus planos para esta casa, localizada no estado de Connecticut. Após se mudarem para a residência de campo de Miller, Monroe pediu a Wright que criasse uma nova casa para eles naqueles arredores.

Um passeio virtual pela Case Study House #2 de Sumner Spaulding e John Rex

A segunda casa no programa Case Study Houses da revista Arts & Architecture mostra as principais características da famosa série de projetos: a ênfase nas áreas de estar banhadas por luz natural, áreas de estar internas e externas, fortes linhas horizontais e cobertura plana. Contudo, esta casa se  distingue por detalhes particularmente criativos que conectam as áreas interna e externa e por uma forte consciência em relação à funcionalidade.

Conheça o último projeto (não construído) de Frank Lloyd Wright nesta Maquete 3D

A última casa projetada por Frank Lloyd Wright nunca foi construída, com seu projeto sendo entregue ao cliente apenas alguns dias após o funeral de Wright. No entanto, a realização de sua visão é tentadora, pois essas plantas, e o terreno para qual foi projetada, ainda são mantidos pela mesma família - e estão à venda, juntamente com o terreno adjacente e uma casa existente de Wright.

Um passeio virtual pela Case Study House #20 de Richard Neutra

A casa Bailey - um dos quatro projetos de Richard Neutra para as Case Study Houses - é uma das cinco casas Bluff, construídas bem acima do oceano. O programa era para uma casa de baixo orçamento para uma família jovem, com apenas dois quartos, mas oferecendo a possibilidade de expansão com o passar do tempo (que de fato aconteceu, outras alas projetadas por Neutra foram construídas posteriormente).

Neutra empregou a mesma filosofia interno-externo vista em suas casas Alpha Omega (não construídas), usando grandes portas de vidro deslizantes para potencializar a luz e criar um sentido visual do espaço.

Conheça o apartamento de Christian Grey em "Cinquenta Tons Mais Escuros" com este modelo 3D

O erotismo tentador do apartamento de Christian Grey tem sequência no filme recém-lançado Cinquenta Tons Mais Escuros. No primeiro filme, o luxuoso apartamento de Gray desempenhou um papel fundamental na descoberta das personagens Anastasia Steele, que se liberta de sua existência casta, e Christian, que expõe seu fetichismo por trás de seu charme e beleza. 

O apartamento de Grey se transforma no segundo filme. Há uma ambiência quente no apartamento, no entanto, o alto nível de sofisticação prevalece em sua propensão para gostos singulares e objetos cuidadosamente selecionados, permanecendo descaradamente luxuoso. 

Faça um passeio virtual pela Millennium Falcon de Star Wars nesse modelo 3D

O universo de Star Wars contém alguns edifícios impressionantes. No entanto, na trilogia original, é na verdade a Millennium Falcon, a espaçonave de Han Solo, que fornece o cenário arquitetônico mais importante para os eventos que se desenrolam na história. Embora certamente não seja o maior ou mais complexo espaço da série, o interior da Millennium Falcon é intrigante pela maneira os ambientes estão arranjados na forma circular da nave.

Com este modelo da Archilogic do pavimento principal da Millennium Falcon, os fãs de Star Wars podem ter uma ideia do que é estar junto com Luke, Han e o restante do grupo em sua missão.

Um passeio virtual pela Case Study House #12 de Whitney R. Smith

Ao projetar sua casa (não construída) para o programa Case Study da Arts & Architecture, Whitney Smith, assim como Richard Neutra, priorizou a conexão com o espaço externo. Sua motivação, entretanto, era mais específica do que o simples desejo de estender a área de estar da casa. Pelo contrário, ele queria criar um espaço altamente pessoal, voltado para a paixão de seu cliente hipotético. Vendo as plantas convencionais como uma camisa de força para os moradores que desejavam espaço de trabalho apropriado dentro de sua casa (seja um estúdio de costura ou uma sala escura para revelação de fotografias), o arquiteto buscou adaptar esta casa às necessidades de um horticultor.

Um passeio virtual pela Case Study House #13 (Alpha House) de Richard Neutra

Das quatro casas projetadas por Richard Neutra para o programa Case Study Houses, apenas uma foi construída. Na vila imaginária composta pelas muitas casas não construídas do programa está a casa # 13, chamada Alpha House. O modelo 3D da Archilogic nos dá uma oportunidade de conhecer melhor este projeto de Neutra, que se localiza virtualmente ao lado da Omega House.

Cada um dos projetos de Neutra foi concebido para uma família de cinco pessoas e exprime sua abordagem psicanalítica em relação à arquitetura, em que a própria casa é uma parte íntima das relações familiares, tão importante quanto as personalidades envolvidas (Neutra conhecia pessoalmente Freud e era um seguidor de Otto Rank). Sublinhando esta visão freudiana, seus clientes imaginários [da casa Alpha e Omega], não são apenas vizinhos, mas parentes; a Senhora Alpha é irmã da Senhora Omega. 

Um passeio virtual pela Casa Núcleo de Mies van der Rohe

A arquitetura depende de seu tempo. É a cristalização de sua estrutura interna, o lento desdobrar de sua forma. - Ludwig Mies van der Rohe

Em 1951, Mies van der Rohe projetou a Casa Núcleo, um projeto participativo que poderia ser concluído por seus moradores.

Este modelo flexível desafiou certos conceitos arquitetônicos, explorou novas tecnologias industriais e propôs um sistema modular para melhorar a qualidade e a acessibilidade da habitação.

Um passeio virtual pelo apartamento de Patrick Bateman do filme "Psicopata Americano"

O apartamento de Patrick Bateman, de "Psicopata Americano", é um dos cenários mais icônicos da história recente do cinema. A direção de arte estéril, concebida por Gideon Ponte, é tão impessoalmente assustadora quanto a atuação de Christian Bale. Este modelo 3D interativo, desenvolvido pela Archilogic, lhe convida a experienciar os interiores do apartamento -- sem o medo de ser golpeado com um machado.