O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson

Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson

  • 10:00 - 5 Maio, 2018
  • por
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson

As notas editoriais sobre a Case Study House #11 da Arts & Architecture estabelecem os “princípios básicos da arquitetura moderna”: uma ênfase em “ordem, adequação e simplicidade”. A habitabilidade e a praticidade são fundamentais, e a “farsa” não é aceita. Tal como acontece com outras casas da série, este projeto de JR Davidson alcança esses objetivos com linhas horizontais limpas, uma planta aberta e com a integração com o exterior.

É uma casa modesta e compacta, com um conceito menos rebuscado que algumas outras casas do programa — sem jardins internos ou espelhos d'água; e nenhuma história complicada para os clientes imaginários (pense nas próximas duas, a #12 e especialmente a #13) — mas sem dúvida mais bem-sucedida em fornecer um modelo para o lar americano médio. Seu valor não depende de um paisagismo dramático ou da vista, mas de um projeto inteligente e da atenção para resolver os problemas cotidianos. Andar pelo modelo 3D da Archilogic revela a elegância da abordagem de Davidson.

Em particular, os editores da revista observam como a circulação na casa funciona sem cruzar a sala central de estar e de jantar (e, consequentemente, os hóspedes potencialmente perturbadores). Cozinha e banheiros estão todos dispostos atrás da área de estar principal, e cada um dos dois quartos pode ser acessado a partir de pelo menos dois lados, ou por essa área central ou pela parte da frente da casa (o quarto principal, pelo closet, levando à entrada principal, e o segundo quarto através da despensa). Há também uma entrada separada para a rua principal, o que significa que este cômodo — projetado para um jovem adolescente — pode realmente funcionar como um quarto de hóspedes, com seu próprio banheiro e área externa.

Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson, Cortesia de Archilogic
Cortesia de Archilogic

A experiência de Davidson no design de navios se reflete em seu hábito de fornecer bastante espaço de armazenamento embutido, neste caso, cuidadosamente oferecido em armários que protegem os quartos do barulho do banheiro ou da cozinha. A passagem curta que une o quarto e o banheiro — entre esses armários — também oferece acesso ao espaço de armazenamento suspenso, com mais armários embutidos na garagem.

Cortesia de Archilogic
Cortesia de Archilogic

Em termos de layout, a casa é quase apenas um retângulo, transformado em um L pela garagem e uma pequena extensão de cozinha. O lado comprido abriga as salas de estar e dormitórios, todos orientados para sul, e todas, exceto o quarto do filho, apresentam aquelas paredes de vidro do chão ao teto, tão familiares em outros projetos Case Study, abrindo-se para o amplo pátio. Como o quarto principal fica ao lado da sala de estar, isso implica numa perda de privacidade levemente surpreendente; ainda bem que há cortinas!

Cortesia de Archilogic
Cortesia de Archilogic

No lado norte mais curto, de frente para uma rua lateral, a fachada é variada de maneira interessante; ao lado da porta de vidro e da lateral há uma longa linha de janelas altas e, do outro lado, uma janela de canto na cozinha e na copa, atrás da garagem projetada. Internamente, isso se torna um canto acolhedor e prático entre os espaços de cozinha e serviço — e a luz da entrada flui através de uma tela de vidro translúcido para a área de estar e jantar, criando um espaço luminoso e arejado. Uma lareira acrescenta ainda mais caráter e charme à sala de estar e cria um ponto focal longe da área de jantar.

Cortesia de Archilogic
Cortesia de Archilogic

O projeto da área externa é o de uma estrutura longa e baixa “aninhada perto do chão”, mais uma vez típica das casas Case Study, com vegetações para maximizar a privacidade e suavizar quaisquer linhas mais rígidas. Longos beirais enfatizam a linha horizontal do telhado levemente inclinado e proporcionam sombra no verão, enquanto ainda admitem a entrada do sol mais baixo do inverno. Nesta casa organizada e eficaz, mas despretensiosa, podemos ver inovações que se tornariam marcas da construção de meados do século: do piso radiante e da construção seca em drywall à planta aberta e o piso de cimento. As notas editoriais da revista sugerem algumas frustrações com questões práticas, incluindo a “escassez crítica de material e circunstâncias imprevisíveis”. Este não é um projeto ambicioso, mas uma tentativa muito realista de construir uma casa familiar econômica. Como tal, ganha o seu lugar no programa da Arts & Architecture e na história da arquitetura.

Não perca os outros modelos das Case Study Houses e projetos seminais da Archilogic compartilhados no ArchDaily clique aqui para ver todos!

Sobre este autor
Cita: Weldon, Robynn. "Passeio virtual pela Case Study House #11 de J.R. Davidson" [A Virtual Look Into J R Davidson's Case Study House #11] 05 Mai 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/893673/passeio-virtual-pela-case-study-house-number-11-de-jr-davidson> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.