Arquitetura do Países Baixos

  1. ArchDaily
  2. Países
  3. Países Baixos

Projetos mais recentes em Países Baixos

Últimas notícias em Países Baixos

Acervo de arte com floresta na cobertura do MVRDV está prestes a ser concluído

O acervo público de arte do Museu Boijmans van Beuningen, projetado pelo MVRDV, está quase concluído em Roterdã. Com inauguração prevista para setembro de 2021, imagens recentes mostram as primeiras 75 árvores no jardim da cobertura sendo plantadas.

Guia de arquitetura de Amsterdã: 25 lugares para conhecer na capital holandesa

Amsterdã é uma das cidades mais belas da Europa. Suas origens estão no século XII, quando pescadores que moravam às margens do rio Amstel construíram uma ponte sobre a hidrovia perto do IJ criando uma grande enseada de água salgada. A maior parte do território da cidade está abaixo do nível do mar e, portanto, em uma porção de terra onde antes era água.

Como os holandeses usam a arquitetura para alimentar o mundo

A Holanda é o segundo maior exportador mundial de produtos agrícolas. Isso é notável quando se considera que o único país que a ultrapassa são os Estados Unidos, 237 vezes maior em área terrestre. No entanto, a Holanda exportou quase US $ 100 bilhões em produtos agrícolas apenas em 2017, bem como US $ 10 bilhões em produtos relacionados com a agricultura. O segredo do sucesso da Holanda está no uso da inovação arquitetônica para reimaginar como uma paisagem agrícola pode ser.

OMA divulga imagens de seu mais recente hotel em Amsterdã

O OMA concluiu as obras de sua mais recente adição à paisagem construída de Amsterdã. O edifício formado pelo empilhamento de três volumes triangulares deslocados abrigará o Nhow Amsterdam RAI Hotel.

OMA + Being Development vencem concurso para a renovação de complexo fabril na Holanda

O Office for Metropolitan Architecture (OMA) foi escolhido como o grande vencedor do concurso de reforma do Van der Meulen-Ansemsterrein (VDMA), um antigo complexo fabril em pleno centro de Eindhoven, na Holanda. Desenvolvido em parceria com a Being Development, o projeto pretende reabilitar a histórica estrutura e transformá-la em “um vibrante centro cívico com moradias, escritórios e espaços públicos.”

O futuro dos transportes: novas tecnologias que estão transformando o modo como nos deslocamos

A medida que a população urbana continua a crescer, com mais e mais pessoas vivendo em grandes centros todos os dias, novas tecnologias estão sendo incorporadas aos sistemas de transporte urbano, transformando a maneira como nos deslocamos pelas cidades. Meios individuais de transporte estão começado a perder terreno para serviços de mobilidade mais centrados no usuário, fazendo-nos repensar a maneira como nos relacionamos com o espaço urbano em nossos deslocamentos diários.

MVRDV propõe novos usos para os canais de Haia em projeto desenvolvido junto com comunidade local

O MVRDV, em parceria com organizações comunitárias de Haia, desenvolveu uma proposta de recuperação dos antigos canais da cidade holandesa. Fechados no século XX, os canais serão reabertos com o objetivo de reanimar o centro histórico e fomentar a economia local.

MVRDV projeta edifício jardim às margens do rio Dommel na Holanda

O MVRDV desenvolveu um projeto de edifício de uso misto para a pequena cidade holandesa de Sint-Michielsgestel, às margens do rio Dommel. A estrutura de fachada do edifício - construída como um “rack” de concreto - permite incorporar uma série de plantas transformando-o em uma floresta vertical. Desenvolvido em parceria com os arquitetos da Van Boven Architecten, o projeto foi concebido para ser um elemento de referência para a pequena vila, além de atender aos mais altos padrões de sustentabilidade.

Utrecht cria 300 pontos de ônibus para pessoas e abelhas

O Conselho Municipal de Utrecht, nos Países Baixos, em colaboração com a agência de publicidade Clear Channel, transformou 316 pontos de ônibus em toda a cidade em “pontos de abelhas”. A adaptação envolveu a instalação de coberturas verdes nas estruturas, criando espaços adequados para as espécies vegetais ameaçadas.

6 Passos para projetar cidades mais saudáveis

Segundo estimativas levantadas pela C40, uma rede de megacidades comprometidas em combater as causas das mudanças climáticas no planeta, cidades consomem mais de dois terços de toda energia produzida no mundo e são responsáveis por mais de 70% das emissões globais de CO2: um número que certamente tende a aumentar à medida que a população urbana mundial continua a crescer. Pensando nisso, o escritório holandês de arquitetura FABRICations decidiu desenvolver uma pesquisa em busca de alternativas para o atual modelo de cidade, explorando caminhos que poderiam resultar na diminuição das emissões de gases do efeito estufa na Holanda.

Carregando... Pode demorar alguns segundos