1. ArchDaily
  2. Toronto

Toronto: O mais recente de arquitetura e notícia

Casa Pátio / Studio JCI

© Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban + 22

Toronto, Canadá
  • Arquitetos: Studio JCI
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  392
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: VELUX Commercial

Museu Gardiner / KPMB Architects

© Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban + 20

  • Arquitetos: Kuwabara Payne McKenna Blumberg Architects (KPMB Architects)
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  4300
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2006
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Lutron, Adams Rite, Amtico, Arper, Artemide, +30

Novas imagens do mais recente projeto do BIG para Toronto

KING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels Group
KING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels Group

O Bjarke Ingels Group revelou recentemente as mais novas imagens do projeto habitacional King Street West em Toronto, no Canadá. Concebido como um conjunto de pixels extrudados, as unidades vão se sobrepondo umas as outras de forma a criar uma série de espaços abertos que funcionarão como varandas para salas comerciais e unidades habitacionais. Formalmente, esta abordagem permitiu escalonar o edifício frente aos edifícios históricos existentes no entorno. As últimas imagens revelam como será tanto o interior quanto o exterior deste edifício que nos faz lembrar do clássico projeto de Moshe Safdie em Montreal.

KING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels GroupKING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels GroupKING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels GroupKING Toronto. Imagem Cortesia de Bjarke Ingels Group+ 11

Serpentine Pavilion do BIG é inaugurado em Toronto como espaço de eventos

© Derek Shapton
© Derek Shapton

O Serpentine Pavilion de 2016, projetado pelo BIG e intitulado unzipped wall, foi inaugurado em Toronto com sob o novo nome de Unzipped. Tendo sido relocado e reconstruído na cidade com a colaboração do grupo Westbank, o pavilhão foi aberto ao público no centro da maior cidade canadense e lá permanecerá temporariamente como um espaço para apresentações e eventos.

"Unzipped" é o primeiro Serpentine Pavilion a ser levado em uma turnê por várias cidades - seu destino final será Vancouver.

© Derek Shapton© Derek Shapton© Derek Shapton© Derek Shapton+ 5

Toronto aprova o condomínio vertical King Street West do BIG

O projeto King Street West, desenvolvido pelos arquitetos do Bjarke Ingels Group - BIG, acaba de ser aprovado pelos órgãos competentes da cidade de Toronto, no Canadá. Concebida originalmente em 2016, a proposta para este complexo de uso-misto está definida por uma série de "caixinhas empilhadas" que acolhem um complexo programa em forma de escritórios, habitação e um centro comercial. A forma singular do edifico é resultado da estratégia utilizada pelos arquitetos para preservar os demais edifícios históricos pré-existententes no terreno do projeto. Alex Bozikovic, crítico de arquitetura do The Globe and Mail, afirma que o projeto está a um passo da comercialização, uma vez que o King Street West acaba de passar pelo último entrave legal que impedia o seu avanço.

Casa NY / Urbanscape Architects

© Revelateur Studio© Revelateur Studio© Revelateur Studio© Revelateur Studio+ 15

Toronto, Canadá
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  205
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Arconic, European Kitchen, Gaggenau, Millennium wood working, Stone Tile

Serpentine Pavilion do BIG prestes a ser concluído em seu novo destino no Canadá

A parceria entre a Bjarke Ingels Group e o Westbank está se concretizando em duas frentes. Quando a inovadora Vancouver House for concluída, a obra de relocação da Serpentine Pavilion também estará pronta para ser inaugurada na cidade de Toronto.

As duas estruturas projetadas pelo BIG, localizadas nos dois extremos do país, foram reconhecidas por serem estruturas inovadoras dentro da arquitetura. A Vancouver House, além e receber a certificação LEED-Platinum, foi premiada no World Architecture Festival como o Edifício do Ano de 2015. Por outro lado, chamado de “unzipped wall”, o projeto realizado por Bjarke Ingels e seus arquitetos para a Serpentine Pavilion, passou por uma infinidade de cidades antes de desembarcar permanentemente na orla de Vancouver.

Vancouver House. Imagem Cortesia de WestbankVancouver House. Imagem Cortesia de WestbankUnzipped Toronto. Imagem Cortesia de WestbankUnzipped Toronto. Imagem Cortesia de Westbank+ 9

Carlo Ratti e Sidewalk Labs propõem calçamento de rua modular e reconfigurável

O escritório Carlo Ratti Associati, em colaboração com o Sidewalk Labs da Alphabet, divulgou uma proposta de sistema de pavimentação modular chamado “Dynamic Street.” Buscando tornar as ruas “reconfiguráveis, mais seguras e mais acessíveis aos pedestres, ciclistas e futuros veículos autônomos”, o projeto estará em exibição no espaço de experimentações da Sidewalk Lab em Toroto nos próximos meses.

Através de uma série de placas de pavimentação modulares hexagonais, o projeto explora os padrões que podem ser criados através da reconfiguração desses módulos, “permitindo que a rua crie uma faixa extra durante a hora do rush, ou transforme-se em uma praça para pedestres à noite."

Courtesy of Carlo Ratti AssociatiCourtesy of Carlo Ratti Associati© David Pike© David Pike+ 13

Studio Gang divulga projeto de uma torre de uso misto em Toronto

Cortesia do Studio Gang
Cortesia do Studio Gang

O Studio Gang revelou imagens de seu primeiro projeto no Canadá, um edifício de uso misto - residencial e comercial - em Toronto, Canadá. Explorando a ideia de um "novo modelo para o crescimento urbano sustentável", o projeto One Delisle busca tornar os bairros de Yonge e St. Clair "vibrantes e caminháveis, com comércio, espaços confortáveis e arquitetura de ponta".

O projeto, desenvolvido em parceria com o WZMH Architects, é pautado na ideia de se integrar com o contexto urbano, usando como referência padrões e elementos locais, além de oferecer um espaço verde generoso em um importante ponto nodal de Toronto.

Cortesia do Studio GangCortesia do Studio GangCortesia do Studio GangCortesia do Studio Gang+ 5

O brutalismo de Toronto, pelas lentes de Ruta Krau

© Ruta Krau
© Ruta Krau

A fotógrafa Ruta Krau registrou imagens impressionantes do Andrews Building, um dos edifícios brutalistas mais famosos do Canadá e exemplar celebrado da arquitetura em concreto de Toronto. Projetado por John Andrews, arquiteto da icônica CN Tower de Toronto, o Andrews Building incorpora o espírito modernista de se conectar com o contexto natural, aspecto evidente em sua implantação sobre uma ravina, emergindo como uma piramide escalonada a partir desse acidente topográfico.

As fotografias de Krau capturam a estética bruta e natural do edifício modernista, destacando a textura deixada pelas tábuas de madeira usadas para enformar o concreto aparente. Presente tanto no interior como no exterior, essa textura complementa os pisos de coloração terrosa e as paredes revestidas de madeira.

© Ruta Krau© Ruta Krau© Ruta Krau© Ruta Krau+ 19

Concurso em Toronto premia construção de madeira para orla da cidade

Uma colaboração entre a Moriyama & Teshima Architects e a Acton Ostry Architects foi anunciada como a vencedora do concurso de projetos para um novo edifício de madeira em Toronto. A proposta superou várias outras firmas notáveis, incluindo Shigeru Ban, que é conhecido por suas construções de madeira, Patkau Architects, que trabalhou com MJMA, e Provencher_Roy, que fez parceria com a Turner Fleisher. A proposta vencedora, chamada de The Arbor, será uma torre para abrigar uma nova escola de tecnologia de computadores como parte de uma expansão no George Brown College.

Escritório Slack Toronto / Dubbeldam Architecture + Design

© Shai Gil© Shai Gil© Shai Gil© Shai Gil+ 15

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  23000 ft²
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Herman Miller, Interface, Actiu, Alcon Lighting®, Blu Dot, +5

Novo projeto de uso misto em Toronto é uma "construção urbana coreografada"

"The Well" será um dos empreendimentos urbanos mais ambiciosos que Toronto já viu. Com capacidade para abrigar cerca de 10.000 pessoas vivendo e trabalhando diariamente, "The Well" conta com mais de 150 mil metros quadrados de escritórios, comércios e serviços, além de 1.800 unidades residenciais espalhadas por sete edifícios.

Novo mapa celebra a arquitetura em concreto de Toronto

© Jason Woods
© Jason Woods

Concrete Toronto Map é o mais recente volume da série de guias arquitetônicos da Blue Crow Media. A editora londrina colaborou com a equipe editorial do ERA Architects e contou com as fotografias de Jason Woods para detalhar 47 edifícios e estruturas de concreto de Toronto.

© Jason Woods© Jason Woods© Jason Woods© Jason Woods+ 9

Primeiras imagens do projeto "The HUB" de Rogers Stirk Harbour + Partners em Toronto

The scheme is set to be a dominant fixture on the Toronto skyline. Image Courtesy of RSHP
The scheme is set to be a dominant fixture on the Toronto skyline. Image Courtesy of RSHP

O escritório Rogers Stirk Harbour + Partners, de Londres, divulgou as primeiras imagens de sua torre comercial de 130 mil metros quadrados em Toronto, Canadá. Tendo vencido um concurso internacional para o projeto do “The HUB” em 2017, a proposta do RSHP se tornará um elemento dominante no horizonte de Toronto.

Perkins + Will vence concurso para edifício da Universidade de York em Toronto com fachada prismática

O esquema de fachada triangulado de Perkins + Will venceu um concurso internacional para o projeto da nova Escola de Estudos Contínuos no campus de Keele da Universidade de York, nos arredores de Toronto, no Canadá.

Superando propostas de escritórios conhecidos, incluindo os finalistas HOK andGow Hastings Architects com Henning Larsen, o projeto de Perkins + Will se eleva quando se levanta, ambos reagindo a estudos de otimização solar e abrindo o prédio para criar um novo gateway na entrada sudeste do campus.

A Escola de Estudos Contínuos enquadrará um portal arquitetônico na margem sul do Campus. Cortesia de Perkins + WillA Escola de Estudos Contínuos incluirá uma nova praça para pedestres ao longo de Pond Road. Cortesia de Perkins + WillA Escola de Estudos Contínuos está explorando o uso de madeira em massa para criar ambientes duráveis, saudáveis e convidativos para estudantes. Cortesia de Perkins + WillA Escola de Estudos Contínuos contará com salas de estar interconectadas que apoiem comunidades de aprendizado. Cortesia de Perkins + Will+ 4

RDHA é eleita a melhor empresa de arquitetura de 2018 no Canadá

O estúdio de arquitetura baseado em Toronto, Rounthwaite Dick and Hadley Architects (RDHA) foi selecionado como o destinatário do Royal Architectural Institute of Canada’s Firm Award de 2018. O prêmio anual reconhece empresas que demonstram excelência arquitetônica e design para uma melhor qualidade de vida abordando questões importantes na sociedade. O vencedor deste ano, RDHA, é uma das práticas mais antigas do Canadá, criada em 1919, e que recentemente sofreu uma renovação bem-sucedida para produzir o mais alto nível de projetos arquitetônicos.

Cortesia de Ema PeterCortesia de Tom ArbanCortesia de Tom ArbanCortesia de Tom Arban+ 16

Instalação de Philip Beesley questiona se os edifícios do futuro poderão reagir às necessidades de seus habitantes

Astrocyte é um objeto arquitetônico vivo que pode facilmente ser confundido com uma obra de ficção científica. Envolvendo nossos sentidos em uma experiência imersiva, a estrutura aérea projetada pelo artista e arquiteto Philip Beesley combina química, inteligência artificial e um ambiente sonoro sensível. Astrocyte, em tradução do grego, significa literalmente estrela e célula, termos bastante apropriados para esta estrutura tão complexa que pode reagir de acordo com os movimentos dos espectadores, gerando padrões de luz, vibrações e sons.

© Philip Beesley© Philip Beesley© Philip Beesley© Philip Beesley+ 9