Pagina inicial

Conheça a história por trás da nova identidade da nossa marca

Saiba mais
  1. ArchDaily
  2. Arquitetura E Fotografia

Arquitetura E Fotografia: O mais recente de arquitetura e notícia

Imagens aéreas mostram novas perspectivas de ícones da arquitetura moderna e contemporânea

Na arquitetura e no urbanismo, os movimentos de aproximação e se afastamento de determinado objeto de estudo, seja na escala do edifício ou da cidade, são corriqueiros e permitem ora visualizar melhor os detalhes, ora ter uma visão mais ampla do todo – ambas essenciais para compreensão do objeto em questão. A mudança do ponto de vista possibilita percepções distintas de um mesmo local: ao nos deslocarmos do nível térreo, ou do observador, ao qual somos habituados a vivenciar no cotidiano, para o ponto de vista aéreo, podemos estabelecer relações que se aproximam das obtidas através plantas de situação, de localização e planos urbanísticos.

Palácio dos Esportes / Félix Candela. Imagem: © Daily OverviewLöyly / Avanto Architects. Image by @joelmiikka shared with @dailyoverviewMuseu Judaico de Berlim / Daniel Libenskind. Imagem: © Daily OverviewSuperkilen / Topotek 1 + BIG Architects + Superflex. Imagem: © Daily Overview+ 25

As influências orientais que moldaram a arquitetura soviética na Ásia Central

Após o fim da Segunda Guerra Mundial e com a clamorosa vitória dos Aliados sobre a Alemanha Nazista, a União Soviética se consolidou como uma das principais potências emergentes junto aos Estados Unidos, ampliando seu limites e expandindo sua influência e domínio sobre um vasto território da Europa Central à Ásia. Ao longo da segunda metade do século XX, em um período marcado por uma vaidosa disputa ideológica contra os EUA, a União Soviética utilizou a arquitetura como uma ferramenta para estabelecer uma aparente uniformidade e concordância sobre um território ocupado extremamente diverso e policromático. Neste contexto, procurava-se combater as especificidades locais em favor da supremacia de uma nova sociedade unificada e homogênea. No entanto, na prática, a arquitetura se mostrou suscetível a adaptações e influências locais—principalmente nos distantes territórios ocupados pela URSS na Ásia Central. Dito isso, este artigo ilustrado com fotografias de Roberto Conte e Stefano Perego procura analisar as especificidades e desdobramentos da arquitetura soviética em um território historicamente excluído das principais narrativas modernas, revelando todas as nuances de seu patrimônio construído e a variedade de tons de suas paisagens urbanas.

Chorsu Bazaar (1980). Tashkent, Uzbekistan. Image © Stefano PeregoResidential building (1970s). Chkalovsk, Tajikistan. Image © Stefano PeregoCircus (1976). Bishkek, Kyrgyzstan. Image © Stefano PeregoState Academic Russian Theatre for children and young people (former Palace of Culture AHBK) (1981). Almaty, Kazakhstan. Image © Roberto Conte+ 19

Clássicos da Arquitetura: Residência Olivo Gomes / Rino Levi e Roberto Cerqueira César

Projetada por Rino Levi e Roberto Cerqueira César em 1949 e concluída em 1951, a Residência Olivio Gomes se localiza em São José dos Campos, interior do estado de São Paulo, e é resultado de uma encomenda feita pelo industrial Olivio Gomes, então proprietário da Tecelagem Parahyba. Situada em meio a um parque que reunia algumas estruturas industriais da tecelagem, a residência é envolvida pelo projeto paisagístico de Roberto Burle Marx e conta, ainda, com amplos murais de azulejaria desenvolvidos pelo célebre paisagista e pelo próprio Rino Levi.

© Flagrante / Romullo Fontenelle© Flagrante / Romullo Fontenelle© Flagrante / Romullo Fontenelle© Flagrante / Romullo Fontenelle+ 22

As mulheres esquecidas da Bauhaus

Quando Walter Gropius criou sua famosa escola de design e artes em 1919, Bauhaus, ele a criou como um lugar aberto a "qualquer pessoa de boa reputação, independentemente da idade ou do sexo". Um espaço onde não haveria “diferença entre o sexo belo e o sexo forte".

A ideia deflagrava uma sociedade na qual a mulher pedia para entrar em espaços que anteriormente lhe haviam sido vetados. Se a educação artística que as mulheres então recebiam era transmitida dentro da intimidade de suas casas, na escola de Gropius elas foram bem-vindas e seu registro aceito. Tanto que o número de mulheres que se matricularam foi maior que o dos homens.

Poltrona Barcelona <a href=''>© Vicens via Wikimedia </a> Licença CC BY-SA 2.5. Image Cadeira com tapeçaria Gunta Stolzl <a href='https://commons.wikimedia.org/w/index.php?search=Gunta+Stolzl&title=Special:Search&go=Go&searchToken=24j8k4xsxz7pgyr5rxc1e7bm0#%2Fmedia%2FFile%3AMarcel_breuer_con_stoffe_di_gunta_st%C3%B6lzl%2C_sedia%2C_1922_02.JPG'>© Sailko via Wikimedia </a> Licença CC BY-SA 3.0. Image Ceiling lamp HMB 29 Marianne Brandt <a href='https://www.flickr.com/photos/kaiseidler/3925875412/in/photolist-6YV8Z7-4gvbV9-b2h4Ji-8UbxRp-5iCTq8-dpG3es'>© Kai 'Oswald' Seidler via Flickr </a> Licença CC BY 2.0. Image Chaleira 1924 Marianne Brandt <a href=''>© William Cromar via Flickr </a> Licença CC BY-NC-SA 2.0. Image + 11

O brutalismo na arquitetura religiosa, pelas lentes de Stefano Perego

Iglesia parroquial de la Resurrección de Cristo, por los arquitectos Günther Domenig y Eilfried Huth. Oberwart, Austria. (1966-1969). Image © Stefano PeregoTemplo Nacional de María, Madre y Reina, también conocido como Santuario del Monte Grisa, por el arquitecto Antonio Guacci. Trieste, Italia (1963-1965). Image © Stefano PeregoCatedral de San Buenaventura, por el arquitecto Miroslav Matasović. Banja Luka, Bosnia y Herzegovina (1972-1973). La torre del reloj fue construida posteriormente en 1990-1991. Image © Stefano PeregoCatedral de Cristo Rey, por los arquitectos Adalberto Libera y Cesare Galeazzi. La Spezia, Italia (1956-1975). Image © Stefano Perego+ 22

Carregada de grande carga simbólica, a arquitetura religiosa é conhecida tanta pela monumentalidade de seus edifício quanto pela riqueza de seus espaços interiores. Escala, materialidade e luz são alguns dos principais elementos utilizados por arquitetos e projetistas quando se trata de manipular e criar espaços de contemplação e prece, características espaciais capazes de conduzir os fiéis à uma experiência sagrada através do espaço.

Imagens aéreas mostram as obras de expansão do metrô de Atenas e Tessalônica

Com a recente conclusão de diversas novas estações e túneis, a expansão do metrô de Atenas e o desenvolvimento do sistema de metrô de Tessalônica, segunda maior cidade da Grécia, estão prestes a serem concluídos. A construção de uma conexão direta entre o aeroporto de Atenas e o porto de Pireu, bem como o desenvolvimento da primeira linha de metrô de Tessalônica estão em andamento, e as imagens do fotógrafo Pygmalion Karatzas mostram as obras dessas grandes infraestruturas.

© Pygmalion Karatzas© Pygmalion Karatzas© Pygmalion KaratzasPraça remodelada. Imagem © Pygmalion Karatzas+ 18

La Muralla Roja de Ricardo Bofill, pelas lentes de Sebastian Weiss

Em homenagem ao 80º aniversário do arquiteto Ricardo Bofill em dezembro passado, o fotógrafo Sebastian Weiss registrou a icônica Muralla Roja em Calp, Espanha. O projeto habitacional faz referência à arquitetura popular do Mediterrâneo e foi inspirado nos tradicionais casbás. As cores vibrantes das fachadas externas e internas contrastam com o entorno natural.

© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss© Sebastian Weiss+ 18

Série fotográfica de Cássio Vasconcellos explora o caos das paisagens urbanas contemporâneas

Coletivos é um projeto desenvolvido pelo fotógrafo e artista brasileiro Cássio Campos Vasconcellos, uma série de fotos aéreas capturadas com um helicóptero. Lançado há aproximadamente cinco anos, o projeto consiste em imagens de grande formato retratando paisagens urbanas caóticas que revelam “situações contraditórias típicas de nossa época”. Com o objetivo de evidenciar o impacto da atividade humana na paisagem natural e urbana, Coletivos é uma espécie de pesquisa visual sobre a sociedade de consumo.

COLLECTIVES. Imagem © Cássio VasconcellosCOLLECTIVES. Imagem © Cássio VasconcellosCOLLECTIVES. Imagem © Cássio VasconcellosCOLLECTIVES. Imagem © Cássio Vasconcellos+ 18

Obras do Pier 55 mostram a ilha artificial perto de ser concluída na costa de Nova Iorque

Após superar muitos obstáculos, o tão aguardado parque e espaço de apresentações nova-iorquino está perto de ser concluído. As obras do Pier 55 estão a todo vapor, como mostram algumas fotografias recentes feitas por Paul Clemence (Archi-Photo).

© Paul Clemence© Paul Clemence© Paul Clemence© Paul Clemence+ 25

Universidade Obafemi Awolowo: um passeio pelo campus mais fascinante da África

The Library 1966. Imagem Cortesia de The Arieh Sharon Digital ArchiveThe Campus. Imagem Cortesia de  The Arieh Sharon Digital ArchiveThe Secretariat 1968. Imagem Cortesia de  The Arieh Sharon Digital ArchiveThe Assembly Hall 1970 . Imagem Cortesia de  The Arieh Sharon Digital Archive+ 7

Desde os mais renomados institutos de tecnologia da América do Norte a projetos residenciais no Oriente Médio, a ideologia da Bauhaus se espalhou pelo mundo junto com seus principais pensadores, exilados após o fechamento da instituição com a ascensão do nazismo no final dos anos trinta na Alemanha. Sua influência na arquitetura e no design podem ser vistos pelos quatro cantos do mundo, projetos e edifícios construídos são testemunhas do prestígio da escola de Dessau e Weimar. Enquanto a maioria dos projetos em “estilo Bauhaus” apenas reproduz a linguagem universal proposta pela escola, alguns poucos exemplos em particular, combinaram a teoria da Bauhaus com princípios de design local, resultando em uma arquitetura universal entretanto, profundamente enraizada na cultural e no clima específico do lugar onde está inserida.

Este artigo foi desenvolvido através de uma colaboração entre o ArchDaily e a Arieh Sharon Organization. Todas as imagens históricas que ilustram a matéria foram gentilmente cedidas pela Arieh Sharon Org.

Jardim de Belas Artes de Tadao Ando, pelas lentes de Pancho Gallardo

© Pancho Gallardo
© Pancho Gallardo

São raras as ocasiões em que nos deparamos com um museu ao ar livre. Um destes momentos é o Museu de Belas Artes de Kioto, projetado por Tadao Ando em 1994 e conhecido como Jardim de Belas Artes. Reproduções de obras primas de mestres da pintura foram feitas em diferentes escalas e distintos materiais, posicionadas entre os pilares, vigas e muros de concreto aparente que constroem os espaços do museu, rampas e passarelas de vidro que se projetam por sobre os espelhos d'água e cascatas que marcam a transição entre o museu e o Jardim Botânico de Kioto.

Pancho Gallardo, fotógrafo de arquitetura chileno radicado em Madri, é um dos grandes admiradores da obra do arquiteto japonês, principalmente por causa, segundo ele mesmo nos conta, “o uso do concreto como elemento criador de espaços, texturas, ângulos e sombras que, acima de tudo, em espaços como este, criam uma relação direta com a luz do sol, oferecendo a cada momento novas perspectivas dramáticas e profundas.”

A seguir, visitaremos o Jardim de Belas Artes de Tadao Ando pelas lentes de Pancho Gallardo.

Building 101

BUILDING 101 - OS 100 ANOS DA BAUHAUS CELEBRAM-SE NAS OFICINAS

Em 2019, a Bauhaus celebra os 100 anos da sua fundação. O programa Building 101 pretende celebrar este aniversário nas Oficinas, através de oito Conversas e uma Masterclass, em torno dos materiais e dos espaços de criação e formação de Lisboa.

Pedra, Madeira, Argila, Cor, Metal, Vidro e Têxteis, as oficinas e matérias que integravam o plano curricular de abertura da Bauhaus, servirão de mote para debater a contemporaneidade e o futuro da união entre os ofícios, as artes e a arquitectura.
Cada uma das sessões pretende celebrar o

Antigas escadarias subterrâneas da Índia, pelas lentes de Victoria Lautman

Victoria Lautman, jornalista de Los Angeles, começou a fazer fotos dos poços subterrâneos indianos há mais de trinta anos, coletando imagens de todo o país. O Museu Fowler da UCLA exibe, até o doa 20 de outubro, cerca de cinquenta fotografias dessas antigas estruturas de captação de água.

PANNA MEENA. Image © Victoria LautmanUJALA. Image © Victoria LautmanPRADHANJI KA KUND. Image © Victoria LautmanSAI NATH. Image © Victoria Lautman+ 18

Filme retrata a luta das mulheres que fizeram parte da Bauhaus

Em 1919, a fundação da Bauhaus na Alemanha marca um momento importante na história da arquitetura que desencadeou inúmeros debates relacionados à industrialização e ao design. Esta escola, que mais tarde se tornou um movimento, enfrentou vários momentos de resistência política até que finalmente foi fechada no ano de 1933, durante a ascensão do regime nazista. No entanto, as lições da Bauhaus transcenderam as barreiras espaciais e viajaram o mundo, influenciando a produção arquitetônica das cidades que habitamos.

Centro Paul Klee disponibiliza online e gratuitamente os cadernos do artista

© Zentrum Paul Klee
© Zentrum Paul Klee

O artista suíço Paul Klee viveu entre 1879 e 1940 e foi um dos mais proeminentes professores da Bauhaus, tendo estudado profundamente a teoria das cores. Seus vibrantes esboços, que serviram de base para algumas de suas aulas na Bauhaus durante toda a década de 1920, foram disponibilizados gratuitamente on-line depois que o Zentrum Paul Klee publicou quase todas as 3900 páginas de seus cadernos.

© Zentrum Paul Klee© Zentrum Paul Klee© Zentrum Paul Klee© Zentrum Paul Klee+ 8

Arquicast #72: Cem anos de Bauhaus!

Aproveitando as comemorações pelos 100 anos de sua fundação, o Arquicast #72 fala sobre a Escola Bauhaus e a influência que teve na formação de uma geração de arquitetos, além da influência na própria estruturação do ensino de arquitetura e urbanismo nos diversos cursos espalhados por diferentes continentes. Convidamos o arquiteto Caio Dias, do Portal Projetar, e o arquiteto e editor do Archdaily, Romullo Barato, para este bate-papo que, de maneira informal e informativa, percorreu um pouco da história da escola, de seus fundadores e de todo o contexto que sempre influenciou os diferentes momentos vividos pela instituição.

Bauhaus serve de inspiração para o novo videoclipe de LIONLION

LIONLION lançou o videoclipe de sua última música, Oceans Rise, inspirado na arquitetura da Bauhaus. Coincidindo com o 100º aniversário da influente escola alemã, o vídeo apresenta espaços minimalistas e reduzidos e foi filmado na Casa Pescher, de Richard Neutra.