1. ArchDaily
  2. Varsóvia

Varsóvia: O mais recente de arquitetura e notícia

Pavilhão polonês na Bienal de Veneza especula sobre o futuro das áreas rurais

Intitulado “Trouble in Paradise”, o pavilhão polonês para a 17ª Exposição Internacional de Arquitetura da Bienal de Veneza, volta sua atenção para o campo, nos convidando a refletir sobre a importância das áreas rurais para o futuro sustentável do planeta e as possíveis soluções que elas nos oferecem para enfrentarmos as principais crises e desafios do presente. Com curadoria do jovem escritório de arquitetura polonês, o PROLOG, em parceira com uma vasta equipe internacional de arquitetos e artistas, o pavilhão polonês será inaugurado nos Jardins da Bienal no próximo dia 22 de maio e estará aberto ao público até o dia 21 de novembro, além é claro, de disponibilizar todo o seu conteúdo on-line para aqueles que não puderem estar presentes na 17ª edição da Exposição Internacional de Arquitetura da Bienal de Veneza.

© Wiktoria Wojciechowska© Patrycja Wojtas© Patrycja Wojtas© Michał Sierakowski+ 13

A arquitetura brutalista que moldou as paisagens urbanas da Polônia

Ao longo dos últimos anos assistimos a uma (re)descoberta de um dos principais e mais fascinante capítulos da história da arquitetura moderna. O concretismo puro e explícito de uma arquitetura comumente chamada de brutalista passou a despertar um interesse tão significativo quanto previsível na comunidade internacional de arquitetos e amantes da arquitetura. Acontece que, este fenômeno o qual costumamos chamar de “brutalismo soviético”, encontra-se indissociavelmente conectado ao contexto político totalitário e opressor que o viu nascer. Não é de se espantar que, na maioria dos países que estiveram sob influência e domínio soviético até o final da guerra fria, esta face da arquitetura seja muitas vezes tratada com um certo ceticismo, quando não com repudia e desprezo. Neste contexto, a paisagem urbana e arquitetônica de um país como a Polônia não poderia ser menos complexa e fascinante.

Plac Grunwaldzki Estate designed by Jadwiga Grabowska-Hawrylak (Brutal Poland). Image © Zupagrafika‘Manhattan’ housing complex in Łódź (Brutal Poland). Image © Zupagrafika‘The Hammer’ high-rise tower block in Warsaw (Brutal Poland). Image © ZupagrafikaNowa Huta modernist district of Kraków (Brutal Poland). Image © Zupagrafika+ 11

Mural em Varsóvia feito com tinta especial purifica o ar como 720 árvores

Varsóvia, na Polônia, se tornou a segunda cidade a receber projetos públicos de arte que, além de deixarem a paisagem mais bonita, deixam o ar mais limpo. Pintado por artistas locais, o enorme mural usa pigmentos especiais, ativados pelo sol, que têm a capacidade de filtrar o ar.

O mural foi produzido com dióxido de titânio, que atrai poluentes e os transforma em nitratos inofensivos, graças a um processo químico ativado pelo sol. Com este processo a obra de arte é capaz de purificar o ar no seu entorno, uma ação que equivale ao que fariam 720 árvores.

Imagem © Good Looking StudioImagem © Good Looking StudioImagem © Studio RoosegaardeImagem © Studio Roosegaarde+ 5

FAAB Architektura projeta transformação da Praça Piłsudski em Varsóvia

No contexto da comemoração do centenário da independência da Polônia no último dia 11 de Novembro, o escritório polonês de arquitetura FAAB revelou uma proposta que pretende transformar um dos mais simbólicos espaços públicos da capital, a Praça Marechal Piłsudski em Varsóvia. Piłsudski talvez seja uma das figuras mais importantes da Polônia moderna, primeiro chefe de estado e herói do ressurgimento do país em 1919 depois de mais de 120 anos da partição do território polaca entre Áustria, Prússia e Rússia em 1972-1995. Concebido para integrar suas funções relacionadas às humanidades, artes e ciências, o projeto da nova Praça Piłsudski busca inspirar novas interações entre estes espaços e suas disciplinas além de ampliar e muito as áreas verdes da capital - tão necessárias em uma cidade internacionalmente conhecida por sua atmosfera "cinzenta". Como a própria equipe afirma, a proposta nasceu de uma mistura entre história e arte, literatura e música, cinema e design, ciência e inovação. Somado a isso, o projeto foi pensado para incentivar e promover novos ecossistemas urbanos para a Varsóvia do futuro.

Cortesia de FAAB ArchitekturaCortesia de FAAB ArchitekturaCortesia de FAAB ArchitekturaCortesia de FAAB Architektura+ 11

Varsóvia inicia a construção de seu novo museu de arte moderna projetado por Thomas Phifer

Atualmente em construção e desenvolvido em parceira entre o Museu de Arte Moderna de Varsóvia e o Teatro TR Warszawa, o novo Centro das Artes da capital polonesa deverá abrir as suas portas em 2022, trazendo novos ares para o coração da cidade. O complexo está sendo erguido bem em frente a um dos mais emblemáticos edifícios construídos na Polônia Soviética, o Palácio da Cultura e da Ciência - um 'presente' do antigo ditador russo Josef Stalin. A construção de dois novos edifícios ao lado de um símbolo nacional tão controverso, representa a busca pela afirmação de uma nova identidade cultural polonesa, independente e progressista.

© The Boundary© The Boundary© The Boundary© The Boundary+ 30

FAAB projeta novo Museu Prisional em Varsóvia

O escritório polonês FAAB Architektura projetou um novo edifício para o Museu Prisional Pawiak em Varsóvia. Composto por um parque vertical de vários níveis, o projeto foi concebido para o local da onde antes funcionava a antiga penitenciária. O FAAB utiliza estratégias de paisagismo para integrar e definir a organização espacial do complexo e como ele se insere no tecido urbano.

Museu da Prisão Pawiak de Varsóvia. Imagem Cortesia de FAAB ArchitekturaMuseu da Prisão Pawiak de Varsóvia. Imagem Cortesia de FAAB ArchitekturaMuseu da Prisão Pawiak de Varsóvia. Imagem Cortesia de FAAB ArchitekturaMuseu da Prisão Pawiak de Varsóvia. Imagem Cortesia de FAAB Architektura+ 20

Torre de Observação / Palmett - Markowe Ogrody + RYSY Architekci Rafał Sieraczyński

© Piotr Krajewski© Piotr Krajewski© Piotr Krajewski© Piotr Krajewski+ 12

Em defesa do brutalismo polonês: redescobrindo os ícones da arquitetura comunista

Varrer de uma cidade a sua arquitetura é como se pudéssemos apagar por completo partes de sua história. Apesar da aversão generalizada por grande parte da população, a arquitetura brutalista na Polônia pós-stalinista andava de mãos dadas com o movimento político que prometia uma sociedade mais justa e igualitária. A arquitetura que hoje em dia é vista como a materialização de um antigo regime opressivo, austero e arrogante, foi originalmente concebida para ser tudo menos isso; estes edifícios carregam hoje um legado bastante ambíguo, apreciados como ícones do seu tempo ou rejeitados como memórias que as pessoas preferem esquecer.

Em um artigo recente publicado pelo New York Times, o escritor Akash Kapur compartilha as emoções de sua mais recente visita à Polônia, aonde nos convida à refletir sobre esta complexa história construída, tantas vezes contraditória e quase sempre, mal compreendida. Acompanhado por arquitetos locais comprometidos à defender com unhas e dentes alguns dos exemplos mais extraordinários da arquitetura moderna do final do século XX, Kapur visitou inúmeras obras decadentes do brutalismo na Polônia, conversando com a população local e descobrindo suas histórias.

Osiedle Plac Grunwaldzki "Manhattan" / WrocławFalowiec / Gdańsk© Marcin Lachowiczvia Wikimedia+ 10

Estudantes projetam e constroem pavilhões para escola em área remota da China

Um grupo de estudantes de Oslo venceu um concurso para projetar e construir 19 pavilhões em uma escola na área remota da China.

Para estudantes de arquitetura, poucas coisas são tão emocionantes quanto ver um de seus projetos construídos fisicamente. Para um grupo de poloneses e noruegueses, esse sonho tornou-se uma realidade.

© Jakub Andrzejewski© Tarjei Svalastog© Jakub Andrzejewski© Hanna Hovland Johanson+ 20

Explore os espaços sagrados do Museu Katyn de BBGK Architekci neste vídeo

Neste vídeo, a BBGK Architekci leva você ao seu recém-finalizado Museu Katyn, em Varsóvia, na Polônia, um espaço dedicado aos eventos do Massacre de Katyn na Segunda Guerra Mundial. Selecionado como finalista do Prêmio Europeu de Arquitetura Contemporânea Mies Van der Rohe 2017, o projeto faz a ponte entre uma estrutura histórica existente e uma nova intervenção através do uso de materiais e do sequenciamento de espaços sagrados e comoventes.

Padaria Przystanek Piekarnia / Five Cell

©  Piotr Narewski©  Piotr Narewski©  Piotr Narewski©  Piotr Narewski+ 28

  • Arquitetos: Five Cell
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  60
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Eccoled, Meple

Hotel Narvil / KM Rubaszkiewicz

© Yassen Hristov© Yassen Hristov© Yassen Hristov© Yassen Hristov+ 28

Warsaw, Polônia
  • Arquitetos: KM Rubaszkiewicz
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  47500
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2012
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Emco, HEWI, Reynaers Aluminium

Novo Showroom Centor / exexe

© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz+ 16

  • Arquitetos de interiores: exexe
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  200
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Arper, Barrisol, Centor, Vitra, Zucchetti

Rebel One / WWAA

© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz© Jakub Certowicz+ 9

  • Arquitetos: WWAA
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  7962
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013

Linha M2 Varsóvia / AMC - Andrzej M. Chołdzyński y Metroprojekt

© Bartosz Makowski
© Bartosz Makowski

© Bartosz Makowski© Bartosz Makowski© Bartosz Makowski© Bartosz Makowski+ 34

Série "Eastern Block" celebra a arquitetura modernista de Varsóvia

No espírito de sua popular série sobre Londres, o estúdio polonês Zupagrafika desenvolveu outra série de modelos de papel intitulado "Eastern Block". A série destaca a arquitetura modernista de Varsóvia, homenageando desde obras essencialmente funcionais (Rotunda PKO) até trabalhos regionalmente conhecidos (Za Żelazną Bramą, Smolna 8, Mokotów) e blocos pré-fabricados na periferia da cidade (Tarchomin).

© Zupagrafika© Zupagrafika© Zupagrafika© Zupagrafika+ 16

Centro de Cultura Sluzewski / WWAA + 307kilo

© Rafał Kłos© Rafał Kłos© Rafał Kłos© Rafał Kłos+ 14

  • Arquitetos: 307kilo, WWAA
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  2400
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013

Estufa e Restaurante The New Orangery / WWAA

© Rafał Kłos© Rafał Kłos© Rafał Kłos© Rafał Kłos+ 23

  • Arquitetos: WWAA
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014