Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Estádio De Futebol

Estádio De Futebol: O mais recente de arquitetura e notícia

Os 25 maiores estádios do mundo

Em 776 a.C., a cidade de Olympia, no Peloponeso, acolheu um evento que viria a ser conhecido como a primeira Olimpíada da história. Os "Jogos Olímpicos da Antiguidade" foram realizados na Grécia entre os séculos VIII e V a.C., naquela que acreditamos ser a arena mais antiga do mundo. Contando com uma pista alongada em forma de "U", o estádio abrigava um público de até 45.000 expectadores.

Quase 3000 anos depois, estádios e arenas esportivas continuam desempenhando um papel fundamental como espaços de encontro e celebração. O crescimento populacional e consequentemente, o estratosférico aumento das receitas geradas por este tipo de evento, tem afetado profundamente a maneira como projetamos as nossas modernas arenas esportivas.

Iotti + Pavarani Architetti projeta estádio próximo à Torre de Pisa

Iotti + Pavarani Architetti projetou um 'Novo Estádio de Pisa' para a A.C. Pisa em um estádio existente a apenas 200 metros da Piazza dei Miracoli (lar da Torre Inclinada de Pisa). Após ganhar o primeiro prêmio em um concurso fechado em 2017, o projeto está atualmente sob estudo de viabilidade, aguardando o desenvolvimento da construção.

Cortesia de IOTTI + PAVARANI ARCHITETTI Cortesia de IOTTI + PAVARANI ARCHITETTI Cortesia de IOTTI + PAVARANI ARCHITETTI Cortesia de IOTTI + PAVARANI ARCHITETTI + 13

Airbnb promove visita guiada com Kengo Kuma ao estádio olímpico de Tóquio 2020

Em parceria com o arquiteto japonês Kengo Kuma, o Airbnb está organizando uma experiência arquitetônica única e sem precedentes. Lançado como uma espécie de evento, o site recebeu milhares de reservas, mas como haviam apenas cinco vagas exclusivas, a gigante dos serviços de hospedagem precisou escolher por sorteio os cinco felizardos que acompanharão Kengo Kuma em uma visita guiada ao novo estádio Olímpico de Tóquio, projetado para os jogos de 2022. O renomado arquiteto está colaborando com o Airbnb para oferecer esta experiência exclusiva, que além da "visita às obras do estádio olímpico, contará com um encontro informal em seu próprio escritório, onde os sorteados poderão conhecer de perto o trabalho do célebre arquiteto".

Planejado para o dia 31 de julho deste ano, as vagas para o evento já estão esgotadas. A ideia da empresa de hospedagem é oferecer uma experiência única para aqueles que sempre sonharam em conhecer de perto o trabalho de um dos mais importantes arquitetos do mundo.

Por que estádios em madeira podem ser a próxima grande inovação na arquitetura esportiva

Este artigo foi originalmente publicado pela Autodesk como parte da série Redshift com o título "Could Modular Wood Stadium Construction Be a Game Changer?"

Imagine um estádio de futebol com uma estrutura que pudesse ser ampliada e reduzida de acordo com a variação do número de sócios e dos investimentos feitos a cada temporada, ou que pudesse ser transportada e adaptada ao campo de outro clube em apenas algumas semanas.

Historicamente, os donos das principais equipes esportivas profissionais nem sempre se importaram muito com seus torcedores. Construir estruturas móveis para seus estádios não acarretaria, a princípio, grandes avanços dentro e fora de campo, mas com certeza, resultaria em um avanço inegável para a tecnologia da construção de arenas esportivas. Modular, expansível e de baixo impacto ambiental, este sistema construtivo de baixa emissão de carbono concebido pelo fabricante de estruturas de madeira Rubner Holzbau, muito em breve poderá ser construído ao redor de qualquer campo de futebol.

SCAU Architectes propõe "estádio verde" em Paris

SCAU Architectes, com sede na França, propôs um novo projeto de estádio a ser construído nos arredores de Paris. O terreno, localizado na borda de uma floresta em Clamart, França, inspirou a equipe a criar um projeto que estendesse a floresta cobrindo o estádio em uma massa verde de vegetação.

Cortesia de SCAU architecture Cortesia de SCAU architecture Cortesia de SCAU architecture Cortesia de SCAU architecture + 13

Time-lapse da construção dos estádios para a Copa do Mundo de 2022 no Qatar

Com a chegada da Copa do Mundo de 2018, nós, arquitetos, já podemos dar uma olhada no que está sendo construído para a próxima edição do maior evento esportivo do mundo. A Copa do Mundo da FIFA de 2022 no Qatar oferece tudo aquilo que há de mais emocionante na arquitetura de estádios, com a maioria das infraestruturas sendo construídas do zero. Vários arquitetos de renome mundial apresentaram propostas, e o seguinte conjunto de vídeos recém-lançados mostra a progressão de cada estádio, à medida que chegamos à aproximadamente quatro anos para o início da competição. Enfatizando a tecnologia da construção destas mega estruturas, os vídeos destacam um lado às vezes negligenciado dos projetos de estádios. Para materializar a incrível arquitetura destes estádios, sem a necessidade de renders fenomenais - como os produzidos por Foster + Partners e Zaha Hadid Architects - impressionantes tecnologias de engenharia e controle de compatibilização de projetos são necessários, e nos primeiros estágios da construção, isso se torna o ponto mais importante. Veja à seguir a beleza dessas maravilhas estruturais, mas esteja ciente - você poderá ficar com febre durante a próxima Copa do Mundo.

via screenshot from video via screenshot from video via screenshot from video via screenshot from video + 25

AFL Architects projeta ampliação do Estádio Olímpico Atatürk em Istambul para a UEFA Euro 2024

Tendo em vista a candidatura da Turquia para sediar a Eurocopa de 2014, a AFL Architects em parceria com a Federação Turca de Futebol (TFF) apresentou seu projeto para o novo Estádio Ataturk, aquele que deverá ser a nova casa da seleção de futebol do país. O estádio contará com as mais novas tecnologias, apresentando ainda uma relação bastante próxima entre os torcedores e o terreno de jogo além de uma acústica favorável a atmosfera "calorosa" deste povo apaixonado por futebol.

Este não é um projeto de um novo, mas uma extensa reforma do estádio Olímpico existente, uma ideia importantíssima para a defesa da candidatura da Turquia para o torneio da UEFA de 2024. Trabalhando em colaboração com a TFF, a AFL primeiramente examinou a estrutura de sete estádios existentes desenvolvendo estudos detalhados para três deles.

Cortesia de AFL Architects Cortesia de AFL Architects Cortesia de AFL Architects Cortesia de AFL Architects + 4

Madison Square Garden divulga imagens de sua arena de eventos esférica em Londres

A Madison Square Garden Company divulgou imagens de sua MSG Sphere em Londres, uma arena que busca "redefinir o entretenimento ao vivo" por meio do emprego de tecnologias para experiências imersivas e transformadoras entre artistas e público.

Acompanhando a proposta de Londres, outra MSG Sphere será construída em Las Vegas. Ambas devem ser projetadas pelo escritório Populous, responsável por um grande número de estádios e arenas em todo o mundo.

Cortesia de The Madison Square Garden Company Cortesia de The Madison Square Garden Company Cortesia de The Madison Square Garden Company Cortesia de The Madison Square Garden Company + 8

Estádio de US$100 milhões construído para as Olimpíadas de Inverno de 2018 será usado apenas quatro vezes

Tradicionalmente, estádios projetados para as Olimpíadas de Inverno são cobertos e fechados, um ambiente artificialmente controlado com o objetivo de proteger os expectadores das condições climáticas extremas que são essenciais para que os jogos sejam realizados nestas localidades. Nesta edição de 2018, o comitê organizador das Olimpíadas de Inverno de Pyeongchang quis tentar algo diferente. A cerimônia de abertura de três horas será realizada no Estádio Olímpico de PyeongChang - completamente ao ar livre.

Pyeongchang, localizada não muito longe da fronteira com a Coréia do Norte, é conhecida como uma das cidades mais frias do país. As temperaturas em Pyeongchang chegam facilmente na casa dos -10ºC, em grande parte devido aos fortes ventos norte oriundos da Sibéria e da planície da Manchúria. A tendência é que esta seja a Olimpíada mais fria desde àquela realizada em 1994 em Lillehammer, na Noruega. Surpreendentemente, o estádio a pleno céu aberto deixará os cerca de 35 mil espectadores completamente expostos ao rigoroso inverno sul coreano.

Equipe do Atlanta Falcons tem o primeiro estádio dos EUA a receber a certificação LEED Platinum

O Mercedes-Benz Stadium projetado pela HOK, é oficialmente o primeiro estádio dos EUA a receber a certificação LEED Platinum. A nova casa dos Atlanta Falcons, da National Football League NFL, obteve a maior pontuação LEED deste tipo de complexo esportivo com um total de 88 pontos.

Há muito mais a aprender com este estádio do que apenas observar este sistema exclusivo de cobertura retrátil. O complexo de 185 mil metros quadrados é um modelo sem precedentes de sustentabilidade e inovação. O impressionante projeto desenvolve soluções para minimizar o uso de água, iluminação artificial e energia elétrica.

via HOK via HOK via HOK via HOK + 24

Timelapse mostra como foi construída a cobertura do estádio do Atlético de Madrid

No dia 29 de julho foi concluída a construção da cobertura do Wanda Metropolitano, o novo estádio de futebol do clube esportivo Atlético de Madri, localizado no antigo estádio de atletismo da Peineta em Madri.

Projetado por Cruz y Ortiz Arquitectos, em colaboração com Schlaich Bergermann Partner, este marco resume quatro meses de intenso trabalho desde a instalação do primeiro dos 96 painéis radiais de membrana de politetrafluoretileno na parte norte do Wanda Metropolitano.

Assim avança a construção do Estádio Wanda Metropolitano em Madri

Interior do Estádio. Imagem © Club Atlético de Madrid Elevação do fardo perímetro com a curva característica do eixo menor da elipse. Imagem © Club Atlético de Madrid Detalhe da instalação da armação de perímetro. imagem© Club Atlético de Madrid Instalação da cobertura de lona. imagem © Club Atlético de Madrid + 10

  • Arquitetos

    Cruz y Ortiz Arquitectos
  • Localização

    Av. de Luis Aragones, 28022 Madri, Espanha
  • Arquitetos Colaboradores

    Blanca Sánchez, Daniel Rodríguez, David de Cos, David Villegas, Héctor Salcedo, Óscar García de la Cámara, Óscar Mínguez, Rafael Hernández, Rubén Ramos, Teresa Cruz
  • Engenharia de cobertura

  • Engenharia estrutural

  • Construtora

    FCC
  • Área

    83000.0 m2
  • Ano do Projeto

    2017
  • Fotografias

Arena Pernambuco / Fernandes Arquitetos Associados

São Lourenço da Mata, Brasil

Arena Criciúma / Ramon Pacheco de Freitas