Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Cau

Cau: O mais recente de arquitetura e notícia

O que o arquiteto e urbanista pode fazer (segundo a legislação)

O campo da arquitetura é absolutamente amplo e oferece muitas alternativas de carreira após a formação acadêmica. De atividades relacionadas ao "núcleo" do campo, como projeto de edificações, projeto urbano e restauro do patrimônio, a ocupações que flertam com outras áreas do conhecimento, como por exemplo a fotografia, o design gráfico e o cinema, o arquiteto pode se dar ao luxo de transitar entre estas áreas sem que, com isso, deixe de ser um arquiteto.

Clóvis Ilgenfritz da Silva recebe Colar de Ouro durante abertura do 21° Congresso Brasileiro de Arquitetos

Na última quarta-feira, 09 de outubro, teve o início o 21° Congresso Brasileiro de Arquitetos (CBA), evento promovido pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) desde 1945 e que nesta edição ocorre entre os dias 09 e 12 na cidade de Porto Alegre, convidando os profissionais e a sociedade para discutir sua temáica, Espaço e Democracia, a partir de eventos distribuído por diferentes locais do Centro Histórico da cidade.

Reserva técnica: o que a legislação nos diz sobre esta prática

Um dos assuntos mais polêmicos quando se trata da discussão da ética profissional em arquitetura e urbanismo é a chamada reserva técnica. Essa prática muito recorrente refere-se ao pagamento de uma comissão a profissionais do ramo por empresas e fornecedores do mercado da construção civil como forma pagamento por sua indicação a clientes, ou uso em projetos. Apesar de duvidosa, essa postura é adotada por muitos arquitetos e tem se tornado bastante frequente. 

Pesquisa do CAU revela dados sobre renda, atividade e uso de novas tecnologias pelos arquitetos brasileiros

Uma pesquisa do CAU/BR realizada em parceria com o Instituto Datafolha trouxe informações inéditas sobre o perfil profissional dos arquitetos e urbanistas do Brasil. Trata-se do maior levantamento já realizado no país desde o Censo do Arquitetos e Urbanistas, realizado em 2012 quando do registro de todos os profissionais no recém-criado Conselho de Arquitetura e Urbanismo. “Necessitamos de informações precisas para trabalharmos as ações do CAU, tanto para o planejamento da entidade, quanto para melhorar a comunicação com os profissionais “, afirmou o presidente do CAU/BR, Luciano Guimarães.

CAU realiza diagnóstico sobre equidade de gênero. Participe!

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil, através de sua Comissão para a Equidade de Gênero (CTEG), lançou um diagnóstico público para construção coletiva da pauta das mulheres, visando a superação dos desafios do exercício da arquitetura e urbanismo.

Arquitetos e urbanistas de todo o Brasil avaliam serviços do CAU

Arquitetos e urbanistas avaliaram os serviços oferecidos pelo CAU/BR e pelos CAU/UF. De nove serviços analisados pelos profissionais, sete receberam nota média superior a 7, em uma escala de zero a 10. Essas e outras informações fazem parte da Pesquisa de Avaliação do CAU realizada pelo Instituto Datafolha em maio, com 1.500 arquitetos e urbanistas e 500 empresas de Arquitetura e Urbanismo entrevistados por telefone, para aferir a efetividade dos canais de comunicação do Conselho com os profissionais e sociedade, além levantar informações para subsidiar ações que garantam o acesso às informações da entidade.

CAU/BR recusará registro profissional para estudantes de cursos a distância

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil decidiu recusar os pedidos de registro profissional de bacharéis em Arquitetura e Urbanismo formados em cursos na modalidade Ensino a Distância (EaD). A deliberação, datada de 29 de março, baseou-se no fato do campo da Arquitetura e Urbanismo estar relacionado com a preservação da vida e bem-estar das pessoas, da segurança e integridade do seu patrimônio e da preservação do meio ambiente, com impactos diretos sobre a saúde do indivíduo e da coletividade. 

UIA lança concurso para criação da logomarca da Capital Mundial da Arquitetura, o Rio de Janeiro

A União Internacional dos Arquitetos (UIA) lançou um concurso mundial para escolha da logomarca da Capital Mundial da Arquitetura, cuja primeira cidade é o Rio de Janeiro. A ideia é que o Rio, e futuras capitais escolhidas, tornem-se espaços abertos e criativos para discutir, trocar e buscar soluções para o dilema urbano.

CAU produzirá material sobre educação urbanística para escolas

A Comissão de Política Urbana e Ambiental (CPUA) do CAU/BR produzirá materiais paradidáticos em Arquitetura e Urbanismo para uso no Ensino Fundamental. O objetivo do projeto, promovido em parceria com a Pistache Editoral, é levar a discussão urbanística para as escolas, para contribuir com a construção de cidades melhores no futuro. A ideia é desenvolver o olhar crítico dos alunos para o meio urbano, para que os estudantes compreendam a cidade como um espaço com diversas camadas históricas.

Entidades de arquitetura e urbanismo publicam Nota Técnica sobre a tragédia de Brumadinho

Entidades de arquitetura e urbanismo do Brasil publicaram uma nota técnica sobre o rompimento da barragem da empresa Vale na cidade mineira de Brumadinho, no dia 25 de janeiro deste ano. O documento, divulgado na última sexta-feira, conta com dez pontos que compõem uma estratégia de ação preventiva que tem como objetivo evitar novas tragédias e "proteger e salvar vidas".

CAU/DF convoca profissionais registrados no Distrito Federal a atualizarem seus dados cadastrais

A atualização é necessária e deve ser realizada pelo(a) arquiteto(a) e urbanista sempre que houver alguma alteração em seus dados pessoais e profissionais, seja uma simples troca de endereço e/ou telefone residencial ou a mudança de estado civil.

Em defesa do Ministério das Cidades

Encerrando as ações do “outubro urbano”, que comemora todos os anos, a ONU designou 31 de outubro como o “Dia Mundial das Cidades” com o objetivo de promover uma maior troca de experiências entre os países sobre como enfrentar os desafios da crescente urbanização global e contribuir para o desenvolvimento sustentável.  

Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins lança concurso de projeto para sua sede

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins – CAU/TO lançou um concurso de projeto para selecionar a melhor proposta para a construção de sua sede na cidade de Palmas.

Arquitetos e engenheiros sugerem um “SUS da habitação social”

Arquitetos e engenheiros lançaram um chamamento para que a assistência técnica gratuita para o projeto, reforma ou construção de habitações de interesse social, já prevista em legislação de 2008, “seja mais do que uma lei, seja uma Política de Estado, como parte do direito social à moradia previsto na Constituição”. 

O apelo foi feito na abertura do Seminário de Assistência Técnica em Habitação Social que o CAU/BR e o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (CONFEA) promoveram em Brasília no dia 15 deste mês. Se a sugestão for aceita, o Brasil contaria com o equivalente a um “SUS da habitação social”. A proposta faz parte da “Carta-Aberta aos Candidatos às Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade” recém lançada pelo CAU/BR e pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB).

Decreto estabelece que novos empreendimentos residenciais deverão prever acessibilidade

Novos empreendimentos residenciais no país deverão incorporar recursos de acessibilidade em todas as áreas de uso comum, já as unidades habitacionais devem ser adaptadas de acordo com a demanda do compradores. Os condomínios terão prazo de 18 meses para se adaptar às novas regras estabelecidas pelo Decreto 9.451, cujas diretrizes regulamentam a Lei Brasileira de Inclusão.

O que você quer perguntar aos candidatos à presidência sobre nossas cidades? Envie suas questões para o Esquina

O Esquina, blog da jornalista Mariana Barros hospedado no portal do Estadão, lançou o especial #EsquinaNaUrna, para levar aos candidatos à Presidência da República as principais demandas para melhorar as cidades brasileiras. Você faz a pergunta e manda para o Esquina. O blog fará uma seleção para ser respondida pelos candidatos mais bem posicionados nas pesquisas eleitorais.

Com foco nas Eleições, arquitetos propõem política habitacional com múltiplas soluções

Contendo ao todo 53 propostas, o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil e o Instituto de Arquitetos do Brasil lançaram a “Carta Aberta aos Candidatos nas Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade”. A questão da moradia social é um dos destaques do “Planejamento Urbano Solidário e Inclusivo” proposto. Para as entidades, é fundamental a criação de uma política habitacional constituída por soluções diversas, não um modelo único baseado na construção de imensos conjuntos, em geral nas áreas periféricas das cidades, como ocorre atualmente.