Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Jardins

Jardins: O mais recente de arquitetura e notícia

Apartamento KZ / Nildo José

Cortesia de Nildo José Cortesia de Nildo José Cortesia de Nildo José Cortesia de Nildo José + 23

Apartamentos  · 
Jardins, Brasil
  • Arquitetos: Nildo José
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 170.0 m2

Apartamento Itu / SuperLimão Studio

© Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba + 27

Apartamentos  · 
Jardins, Brasil
  • Arquitetos: SuperLimão Studio
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 156.0 m2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2014

Apartamento VCH / David Ito Arquitetura

© Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba + 24

Apartamento Eretz / Fernanda Marques Arquitetos Associados

© Fernando Guerra |  FG+SG © Ricardo Bassetti © Fernando Guerra |  FG+SG © Fernando Guerra |  FG+SG + 23

Apartamentos  · 
Jardins, Brasil

Residência Groenlândia / Fernanda Marques Arquitetos Associados

© Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG + 28

Casas  · 
Jardins, Brasil

Galeria Bergamin / AR Arquitetos

© Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba © Maíra Acayaba + 17

Galeria  · 
Jardim Paulista, Brasil
  • Arquitetos: AR Arquitetos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 150.0 m2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2013

Lorena Offices / aflalo/gasperini arquitetos

© Maira Acayaba © Maira Acayaba © Maira Acayaba © Maira Acayaba + 16

Apartamento Jardins / Breves Arquitetura

© Mariana Orsi © Mariana Orsi © Mariana Orsi © Mariana Orsi + 29

Jardins, Brasil
  • Arquitetos: Breves Arquitetura
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 120.0 m2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2014

NO ARCHITECTURE enfatiza sustentabilidade e interação com torres residenciais alternativas na China

Uma das grandes ironias da vida urbana moderna é a desconexão subjacente que existe entre nós, cidadãos globais, apesar de viver e funcionar dentro de cidades tão densas e próximas. Para abordar esta questão no contexto da paisagem urbana da China, o escritório de Nova Iorque, NO ARCHITECTURE, propôs duas alternativas ao típico arranha-céu - duas tipologias residenciais verticais que apresentam uma combinação de pátios, terraços e jardins e podem estar localizados em uma grande variedade de cidades.

"Concebida em torno de uma série de paredes compartilhadas em cascata, pátios ventilados, terraços pisados e torres de vento, essas novas organizações verticais reatam a vida urbana à natureza, sugerindo como podemos viver hoje em proximidade e podemos continuar a fazê-lo de forma sustentável por gerações vindouras", explicaram os arquitetos.

© NO ARCHITECTURE © NO ARCHITECTURE © NO ARCHITECTURE © NO ARCHITECTURE + 7

Em Detalhe: jardim elevado em Caleras de San Cucao, por Longo+Roldán Arquitectos

A intervenção realizada pelos arquitetos espanhóis de Longo + Roldán permite responder com uma boa solução para um espaço residual que, sem querer, estava ganhando um grande protagonismo no interior de uma pedreira.

Ao invés de construir novos edifícios ou remodelar as cabanas existentes, foi projetada uma estrutura reticular de chapas metálicas que formam uma rede de jardineiras de diferentes profundidades, contendo uma variedade de espécies de plantas. Esta solução não apenas revitaliza o espaço mas também protege o edifícios existentes do sol direto, melhorando suas condições climáticas.

© Marcos Morilla © Marcos Morilla © Marcos Morilla © Marcos Morilla + 43

Studio Ossidiana funde e texturiza o concreto para representar os jardins persas

Studio Ossidiana, fundado por Alessandra Covini e Tomas Dirrix, investiga materiais arquitetônicos através de projetos de pesquisas experimentais. Seu recente trabalho "Tapetes Petrificados" explora o "jardim ideal" encontrado em tapetes persas e será exposto no Festival de Design holandês de 2016, juntamente com outras exposições.

© Kyoungtae Kim © Kyoungtae Kim © Kyoungtae Kim © Kyoungtae Kim + 30

Paisagem e Arquitetura: Jardim Calmahue e a vinculação com seu entorno por Nicolás Sánchez

Nesta oportunidade, a seção Paisagem e Arquitetura nos leva ao sul do Chile, na zona de Villarrica, apresentamos Calmahue do paisagista Nicolás Sanchez.

Localizado em uma ampla zona vulcânica e inserido em uma topografia de grandes vinhedos e amplas pradeiras, o projeto consiste em desenvolver uma paisagem de jardim em uma grande e extensa área verde do parque, vinculando o entorno com a casa.

Gerando percursos que conectam a nova paisagem com o existente, e intervindo na paisagem com lagos, esculturas, espaços de bosques permeáveis e cerrados, mirantes e vistas singulares, a Paisagem Calmahue é parte de uma grande área de 8 hectares.

A seguir, conheça mais de projetos de Nicolás, junto com uma seleção de fotografias. 

Imagem Cortesia de Nicolás Sánchez Imagem Cortesia de Nicolás Sánchez Imagem Cortesia de Nicolás Sánchez Imagem Cortesia de Nicolás Sánchez + 23

Buracos em ruas e calçadas transformados em pequenos jardins

O artista inglês Pete Dungey elaborou uma forma muito sensível e eficaz de chamar a atenção das pessoas e autoridades para os freqüentes buracos nas ruas e calçadas. O projeto se chama Pothole Gardens (Jardins em Buracos) e consiste em cobrir as falhas com minúsculos jardins.

A iniciativa começou em Londres como um projeto para seu mestrado em Design, mas, ao mostrar os pequenos jardins em seu blog, a prática contagiou pessoas de todas as partes do mundo, que começaram a fazer suas próprias versões dos jardins e, em alguns casos, enviar as fotos para Dungley, que expõe seus favoritos em sua página.

Cortesia de Pothole Gardens Cortesia de Pothole Gardens Cortesia de Pothole Gardens Cortesia de Pothole Gardens + 6

Jardins verticais na Rua Augusta

Quatro edifícios dos arredores da emblemática Rua Augusta, em São Paulo, receberão, até o final do ano, jardins verticais sobre suas empenas. A iniciativa faz parte do Movimento 90º que, em parceria com a organização Augusta ComVida, arrecadaram a verba necessária através de financiamento coletivo.

Segundo os idealizadores, a iniciativa vem de encontro aos problemas ambientais causados pelo crescimento desenfreado das principais cidades brasileiras, das quais São Paulo é o caso mais extremo. Problemas já conhecidos como a poluição do ar, barulho e conforto térmico no interior das edificações são amenizados através da instalação destes jardins verticais.

Jardim Rupestre / Elcy Luna, Haiko Cirne, Marcelo Duarte, Marcos Franchini e Vorko Design

Lugar das Aves – Bioparque Temaikén / Hampton+Rivoira+Arquitectos

© Fundación Temaikén