1. ArchDaily
  2. Centro Pompidou

Centro Pompidou: O mais recente de arquitetura e notícia

Centro Pompidou em Paris será fechado por três anos para reformas

O Centro Georges Pompidou em Paris, França, também conhecido como Beaubourg, passará por grandes reformas. Projetado na década de 1970 pelos arquitetos Renzo Piano e Richard Rogers e inaugurado em 1977, uma das principais atrações culturais da capital francesa será totalmente fechada a partir do final de 2023 até 2027. Com claros sinais de envelhecimento, principalmente nos sistemas de aquecimento e refrigeração, escadas rolantes e elevadores, esta não é a primeira reforma do museu – em 1997, no marco de seu 20º aniversário, o Beaubourg foi fechado por alguns anos.

via Shutterstock/ By Stockbymvia Shutterstock/ By Takashi Imagesvia Shutterstock/ By Dmitry Brizhatyukvia Shutterstock/ By Kiev.Victor+ 6

Nike lança edição do Air Max inspirada no Centro Pompidou

A Nike anunciou o lançamento de uma edição especial de sua linha Air Max 1, inspirada no icônico Centro Georges Pompidou em Paris. A edição especial rende homenagem à estrutura projetada por Richard Rogers e Renzo Piano, que, segundo o designer de calçados Tinker Hatfield, serviu de inspiração para sua primeira linha Air Max 1.

Duas versões do Air Max 1 homenagearão o edifício, com tubos coloridos ao longo das costuras, linhas do tecido e sola. Um grande "P" na sola translúcida do tênis reforça a relação com o controverso edifício inaugurado em 1977.

© Nike via Sneaker News© Nike via Sneaker News© Nike via Sneaker News© Nike via Sneaker News+ 12

Antiga fábrica da Citroën é convertida no "Centre Pompidou" de Bruxelas

Vista Externa. Imagem  Cortesia de NOA / EM2N / SBA
Vista Externa. Imagem Cortesia de NOA / EM2N / SBA

Uma equipe formada por noAarchitecten, EM2N e Sergison Bates ganhou um concurso de projeto para a transformação de uma antiga fábrica da Citroën em Bruxelas em um centro cultural, mesclando um Museu de Arte Contemporânea, um centro de arquitetura e instalações públicas sob o nome “KANAL - Centre Pompidou”. A ideia dos arquitetos era de um projeto que refletisse sobre o papel do museu do século XXI na sociedade, que se abre em direção à cidade para atrair o público em geral.

Showroom. Imagem  Cortesia de NOA / EM2N / SBAEspaço Interior. Imagem  Cortesia de NOA / EM2N / SBAEspaço Interior. Imagem  Cortesia de NOA / EM2N / SBAVista Externa. Imagem  Cortesia de NOA / EM2N / SBA+ 11

Centro Pompidou divulga filial em Xangai projetada por David Chipperfield Architects

O escritório David Chipperfield Architects divulgou o projeto da mais nova filial do Centro Pompidou, o West Bund Art Museum em Xangai. A instituição parisiense revelou os detalhes com o anúncio de um acordo de 5 anos com o West Bund Group para organizar exposições no museu a partir de 2019. Aproximadamente 20 exposições - incluindo uma com foco na arte chinesa contemporânea - farão parte do acordo, descrito pelo Centro Pompidou como "o mais importante projeto de intercâmbio cultural a longo prazo" entre a França e a China.

Cortesia de DCACortesia de DCACortesia de DCACortesia de DCA+ 29

7 Escritórios finalistas do concurso para o novo Centro Pompidou em Bruxelas

A Urban Development Corporation (SAU-MSI) anunciou as sete equipes finalistas para projetar a nova filial do Centro Pompidou em Bruxelas, na Bélgica. As equipes foram selecionadas dentre 92 inscrições para o concurso, que buscou propostas para transformar a antiga garagem Citroën Yser, um edifício Art Déco no coração da cidade, em um complexo museológico de uso misto, voltado para a arte e arquitetura contemporânea.

Nomeado Centro Cultural Citroën, o projeto de US$ 135 milhões consistirá em 35.000 metros quadrados de espaços públicos dedicados à cultura, educação e recreação, incluindo 15.000 metros quadrados destinado ao novo Centro Pompidou Bruxelas. Além disso, um espaço de 10.000 metros quadrados abrigará um museu administrado pelo Centro Internacional de Urbanismo, Arquitetura e Paisagem de Bruxelas.

Esta gruta impressa em 3D desafia os limites da geometria computacional e da percepção humana

Após o sucesso do seu intrincado Arabesque Wall, Benjamin Dillenburger e Michael Hansmeyer, mais uma vez conseguiram novos níveis de ornamentação - desta vez, com uma gruta impressa tridimensionalmente em escala real, criada a partir de sete toneladas de arenito. Comissionado pelo Centre Pompidou em Paris, a gruta é um exemplo de como a expressão espacial das tecnologias computacionais podem criar experiências arquitetônicas notáveis.

"Digital Grotesque II é um testamento e uma celebração de um novo tipo de arquitetura que deixa para trás paradigmas tradicionais de racionalização e padronização e, em vez disso, enfatiza a percepção do espectador, evocando a admiração, curiosidade e perplexidade", afirmam Dillenburger e Hansmeyer.

Colômbia poderá receber a primeira filial do Centro Pompidou na América Latina

Serge Lasvignes, presidente do icônico Centro Pompidou, falou sobre os planos de expansão do centro cultural que completou 40 anos em janeiro, em uma entrevista para o jornal espanhol El País. Após inaugurar a primeira filial em Metz (2010) e realizar um "experimento bem sucedido" em Málaga (2015), o museu abrirá uma futura filial na Bélgica em 2018.

Alinhado com o plano de expansão de seu antecessor, Lasvignes comenta que Xangai poderá ser a próxima cidade a receber uma filial e que também há planos de expandir para a América Latina no futuro.

Centro Pompidou receberá renovação de US$ 110 milhões em seu 40° aniversário

Renegado pelos parisienses por sua aparência chocante após ser inaugurado em 1977, o Centro Pompidou acaba de completar seu 40º aniversário e, como presente, receberá um projeto de renovação orçado em US$ 110 milhões que levará dois anos para ser concluído.

Veja mais de 50 documentários de arquitetura neste canal do YouTube

Durante as duas últimas décadas, muitas das mais reconhecidas instituições culturais europeias - incluindo ARTE France, Les Films d'Ici, Louvre, Ministério da Cultura e Departamento de Comunicação de Arquitetura e Patrimônio, Centre Pompidou, Cidade da Arquitetura e Patrimônio, Museu d'Orsay e a Fundació Mies van der Rohe - se uniram para produzir mais de 50 documentários dedicados às realizações mais significativas da arquitetura, desde seus primórdios até as últimas criações que envolvem os arquitetos mais importantes da atualidade. Agora, estes vídeos estão disponíveis para o público através do canal Youtube ACB (Art & Culture Bureau).

Cada documentário dura aproximadamente 26 minutos e se centra na gênesis e impacto de edifícios icônicos. A narração é em inglês e diversos vídeos apresentam entrevistas com os próprios arquitetos. Veja alguns deles abaixo e confira a lista completa aqui.

Centre Pompidou adquire série de maquetes do arquiteto colombiano Giancarlo Mazzanti

O Centre Georges Pompidou, uma das instituições artísticas de maior prestígio no mundo, adquiriu uma série de maquetes, plantas, publicações, fotografias e croquis de autoria do arquiteto colombiano Giancarlo Mazzanti. O processo de curadoria e seleção das obras durou nove meses e foi liderado pela historiadora e Chefe do Departamento de Arquitetura e Novas Aquisições do centro, Valentina Moimas.

Moimas compilou e selecionou materiais de diferentes etapas de desenvolvimento de sete projetos liderados por Giancarlo Mazzanti / El Equipo Mazzanti: desde o premiado Parque Biblioteca España em Medellín (2006-2007) até a proposta ainda não construída para o Parque Educativo Marinilla (2013), todos localizados na Colômbia.

Veja, a seguir, os projetos escolhidos e uma prévia do material selecionado.

Cortesia de Giancarlo Mazzanti/El Equipo MazzantiCortesia de Giancarlo Mazzanti/El Equipo MazzantiCortesia de Giancarlo Mazzanti/El Equipo MazzantiCortesia de Giancarlo Mazzanti/El Equipo Mazzanti+ 6

Centro Pompidou adquire dois projetos brasileiros do escritório Triptyque

Um dos papéis de uma instituição como o Centro Pompidou de Paris é de escrever a história do mundo da arte de ontem e de amanha além das fronteiras francesas. É com esta ambição que o Centro Pompidou celebra as criações arquitetônicas contemporaneas brasileiras, adquirindo dois projetos da Triptyque. Esses projetos valorizam as tradições artesanais brasileiras associadas à inovação e o equilíbrio nas relações construção/natureza.

Desenhos de Vilanova Artigas são doados ao acervo do Centro Georges Pompidou em Paris

A família de João Batista Vilanova Artigas (1915-1985) doou desenhos do arquiteto para o acervo de arquitetura latino americana do Museu Nacional de Arte Moderna do Centro Pompidou. Os trabalhos chegaram a Paris nesta semana.

Foram escolhidas para compor a coleção e figurar no catálogo da instituição as seguintes obras: Edifício Louveira (São Paulo , SP, 1946/1948); Casa Baeta (São Paulo , SP , 1956); Vestiários do São Paulo Futebol Clube (São Paulo, SP , 1960); Garagem de barcos do Santa Paula Iate Clube (São Paulo , SP, 1961); Faculdade de Arquitetura e Urbanismo USP (São Paulo, SP, 1961 /1969); Casa Elza Berquó (São Paulo, SP, 1967) e Estação Rodoviária de Jaú (Jaú, SP, 1973).