Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Artigos

Artigos

Memorial Steilneset / Peter Zumthor e Louise Bourgeois, fotografias de Andrew Meredith

© Andrew Meredith © Andrew Meredith © Andrew Meredith © Andrew Meredith + 26

Em homenagem àqueles perseguidos nos Julgamentos de Bruxaria Finnmark do século XVII, o Memorial Steilneset repousa ao longo da costa recortada do Mar de Barents em Vardø, Noruega. O fotógrafo Andrew Meredith compartilhou conosco uma série de fotos documentando essa obra de arte criada numa colaboração única entre o famoso arquiteto Suíço Peter Zumthor (Basel, 1943) e a influente artista contemporânea Louise Bourgeois (Paris 1911 – 2010).

Silla 2R / Sien Estudio

Sob o contexto do 52º Salone lnternazionale del Mobile de Milán, os chilenos do Sien Estudio apresentaram seu projeto para a cadeira 2R, na versão N. 16º do Salone Satellite, uma peça que demonstra a plena expressão a sua visão minimalista de vanguarda.

2R é uma poltrona compacta, elegante e sofisticada, de grande impacto visual e cômoda. É um desenho inovador cheio de expressão, é a reinterpretação de uma poltrona sob uma visão aguda e contemporânea de projeto. Seu nome deriva do gesto que pronuncia sua estrutura lateral.

Flux Cocoon: 3.600 luzes LED envolvem uma ponte / Allegory

Durante os meses de inverno, muitas cidades de todo o mundo revelam impressionantes instalações públicas que aumentam os ânimos com as luzes acesas. A cidade suíça de Lausanne celebrou o Festival Lausanne Lumières, e uma das instalações mais impressionantes é um gigantesco nó vermelho feito com 3.600 luzes LED. Criado pelo escritório de arquitetura e design Allegory, o "Flux Cocoon" envolve uma ponte para pedestres. O projeto foi inspirado no Flon, o principal centro da cidade, onde todos os percursos se encontram.

Mais informações após as imagens.

©  Laura Rimayati ©  Laura Rimayati ©  Laura Rimayati ©  Laura Rimayati + 7

Estudantes da Universidade de Newcastle constroem um café temporário com estrutura de papelão reciclado

Um grupo de estudantes da Universidade de Newcastle, em parceria com arquitetos e engenheiros, construiu um café pop-up inteiramente feito de caixas e restos papelão. O Trash-Café, como é chamado, faz parte de uma iniciativa de reciclagem da universidade, que tem como objetivo divulgar a consciência ambiental entre os jovens designers e incentivá-los a usar materiais sustentáveis.

Mais informações e imagens abaixo.

© Newcastle University © Newcastle University © Newcastle University © Newcastle University + 8

Fachada em cerâmica especial neutraliza a poluição do ar na Cidade do México

Este edifício literalmente "se alimenta" da poluição do ar que o rodeia. A nova Torre de um hospital na Cidade do México possui uma fachada revestida com Prosolve370e, um novo tipo de cerâmica - desenvolvido pelo escritório Elegant Embellishments - cuja forma e revestimento químico permitem neutralizar poluição, e não apenas uma pequena quantidade, mas a poluição equivalente de 8.750 carros por dia.

Mais informações e fotos abaixo.

© Alejandro Cartagena © Alejandro Cartagena © Alejandro Cartagena © Alejandro Cartagena + 9

Submergence: um espaço flutuante de luzes / Squidsoup

Caminhar através de uma paisagem estrelar brilhante é o conceito de Submergence. Projetado por Squidsoup, a instalação conta com 8.064 luzes LED flutuantes, penduradas no teto da Galleri ROM em Oslo, Noruega e no Royal Society da Nueva Zelanda, na sede Wellington. Enquanto os convidados passam através das luzes, a instalação reage às suas presenças, criando um ambiente que pode variar de calmo a agitado, fazendo com que os visitantes se sintam como se estivessem encapsulados pela luz.

Mais informações na sequência.

© vía Squidsoup © vía Squidsoup © vía Squidsoup © vía Squidsoup + 6

Video: Casa em Minami-azabu / Hitoshi Wakamatsu Architects

As normas e legislações urbanas no Japão fazem com que os arquitetos busquem soluções pragmáticas. Neste caso, a casa desenhada por Hitoshi Wakamatsu foi construída nos limite das restrições legais do bairro em que se localiza.

Casas de Bambu de H&P Architects resistem a inundações flutuando sobre tambores reciclados

O escritório vietnamita H&P Architects apresentou uma proposta de residência que resiste à cheia das águas; um projeto barato e fácil de construir, cuja base é feita de bambu colhido no local. As casas são construídas sobre plataformas de tambores de óleo reciclados que as fazem flutuar durante as inundações, porém, sem sair do lugar, pois são presas através de âncoras.

Optou-se pelo bambu como material predominante não apenas por ser abundante na região, mas também por ser versátil, durável e tradicional nas construções locais. Tetos e paredes e pisos estão dispostos entre estacas de aço que seguram as casas durante as inundações, fazendo-as funcionar como barcos ancorados.

Arte e Arquitetura: "Cities and Plants", Ilustrações de Atelier Olschinsky

Há alguns anos, Atelier Olschinsky trabalhou nesta série de incríveis ilustrações intitulada "Cities and Plants". Trata-se de um híbrido entre ilustração digital e arquitetura, obtendo resultados muito interessantes e, incluso, algumas das ilustrações estão disponíveis e à venda como obras de arte.

Mais imagens de seu trabalho na continuação.

Mesa Plet / Reinier de Jong

A mesa PET, desenvolvida pelo arquiteto e designer Reinier de Jong, é construída apenas com materiais reciclados. Oitenta faixas diferentes de metacrilato Perspex compõem a parte superior translúcida. Estas tiras apresentam diferentes espessuras, cores e níveis de transparência que fazem de cada mesa PLET uma peça única.

O Arquiteto e a Cidade Acessível: O Ensaio Premiado

Todos os anos, o Departamento de Arquitetura da Universidade da Califórnia, Berkeley atribui o Berkeley Prize de modo a promover a pesquisa de arquitetura como arte social. O tema deste ano era “O Arquiteto e a Cidade Acessível.” O ensaio que se segue, “Um dia na vida de um utilizador de cadeira de rodas: circulando por Lincoln,” escrito por Sophia Bannert da Universidade de Lincoln, venceu o primeiro prémio.

O discurso arquitetônico tornou-se gradualmente incoerente com as necessidades sociais e éticas da cidade contemporânea. Com a relação tensa entre a teoria e a prática, a irrelevância social no design é ubíqua. Os arquitetos que praticam a profissão vêem frequentemente a teoria como esotérica e não-transferível, enquanto muitos teóricos não manifestam as suas idéias na realidade através da construção. Este trabalho foi escrito para persuadir, motivar e encorajar que existe valor real na promoção das idéias que se seguem. Os conceitos propostos não são apenas aplicáveis à cidade de Lincoln, são relevantes e adaptáveis à todas as cidades. Inspirado pela arquitetura que ainda não se manifestou, espera suscitar o espírito necessário para erradicar desigualdades sociais no desenho urbano.

Como disse Albert Einstein: “Se os fatos não encaixam na teoria, mudem-se os fatos”. De modo a ter um entendimento palpável do que seria verdadeiramente ter uma deficiência motora em Lincoln, aluguei uma cadeira de rodas por um dia para ver por mim mesma se os fatos se encaixavam na teoria.

Leia mais sobre a história premiada de Sophia Bannert abaixo.

7 razões pelas quais a arquitetura (como a conhecemos) está acabada

Steve Mouzon, diretor de Studio Sky e Mouzon Design, é um arquiteto, urbanista, autor e fotógrafo de Miami. Ele fundou o New Urban Guild, que hospeda o Project: Smart Dwelling e ajuda a divulgar o movimento Katrina Cottages. A Associação sem fins lucrativos afiliada é a Guild Foundation, que hospeda a iniciativa Original Green.

A arquitetura mudou irreversivelmente na última década, mas aqueles que souberam se adaptar estarão bem colocados dentro da profissão dentro de alguns anos. Já se passaram 8 anos desde o pico da construção em 2005, quase seis anos da crise de financiamentos e cinco anos desde a grande crise que originou a Grande Recessão.

Hoje em dia, parece que o mercado imobiliário está começando a se recompor, mas é tarde demais para a arquitetura como a conhecíamos. E aqui estão sete razões disso...

Cinema e Arquitetura: "Havana, A Nova Arte de Fazer Ruínas"

O filme desta semana, no Cinema e Arquitetura, foi exibido há alguns meses no Arquitectura Film Festival Santiago de Chile 2012, este documentário alemão, "Havana, A Nova Arte de Fazer Ruínas" (tradução livre), conta a história, sonhos e conflitos das pessoas que forçadamente vivem em edificações semi-destruídas em Havana, Cuba. É a decadência de uma cidade e suas habitações como uma fonte contínua de perigo para seu residentes. É um retrato das ruínas habitadas de Havana e a estranha magia que se produz quando estas são demolidas para ser renovadas ou quando simplesmente colapsam.

Mais informações e o trailer do documentário realizado por Florian Borchmeyer e Matthias Hentschler, na continuação.

Feliz Aniversário Pierre de Meuron!

Há 63 anos, em Basiléia, nascia o arquiteto Pierre de Meurom. Sua obra é indissociável da de seu companheiro de estudos (no ETH em Zurique, Suíça) e trabalho, Jacques Herzog. Pierre é, desde 1978, uma das duas metades do prestigioso escritório Herzog & de Meuron.

"A arquitetura é uma oportunidade de iluminar plenamente os espaços em que vivemos e trabalhamos, para criar uma experiência que atraia todos os sentidos".

Na seqüência, uma breve retrospectiva profissional.

Arte e Arquitetura: "Il Senso delle Cose", Illustrações de Fabio Barilari

O arquiteto e ilustrador Fabio Barilari compartilhou conosco sua série de ilustrações "Il Senso delle Cose", apresentada em Roma entre janeiro e fevereiro, de 2013. A série busca descrever, através do desenho, "a alma dos lugares, dos objetos encontrados aí e suas memórias".

© Fabio Barilari © Fabio Barilari © Fabio Barilari © Fabio Barilari + 17

“Galeria Urban Forms”: Galeria de arte urbana ao ar livre em Lodz, Polônia

Em Lodz, Polônia, há grandes murais que cobrem fachadas de 21 edifícios do centro da cidade, que pelas suas proximidades, deram origem à “Galeria Urban Forms”, exposição permanente de arte no espaço público. Ela pode ser percorrida a pé, em poucas horas ou em minutos, se você visitar o mapa interativo da galeria, onde são agrupados os trabalhos de artistas da Alemanha, Austrália, Brasil, Chile, Espanha, França e Polônia.

Imagem via galeriaurbanforms.org Imagem via galeriaurbanforms.org Imagem via galeriaurbanforms.org Imagem via galeriaurbanforms.org + 21

A Literatura da Arquitetura, uma conversa com Germán del Sol [Parte I]

CAF lança Concurso de Projetos de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social

Diariamente se comenta do crescimento exponencial incontrolável da população urbana mundial. No caso da América Latina, nos últimos 40 anos esta parcela da população triplicou, e com ela os problemas de vulnerabilidade. Hoje em dia, cerca de 80% da população da América Latina é urbana, contra 51% mundiais. As cidades exercem uma função central, porém, esta realidade apresenta riscos latentes quanto à qualidade social, econômica, política e ambiental.

Esta situação não nos obriga somente a refletir sobre a situação, mas também a atuarmos nesta realidade: a forma como se planeja e constrói os assentamentos urbanos determinará não apenas a qualidade da vida das pessoas, mas também se este modo de vida será viável ou não.

Com o objetivo de unir esforços entre profissionais, acadêmicos, corpos governamentais e financiadores que possam propor e identificar estratégias que alcancem esta meta, a CAF convoca o III Concurso Internacional de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social.

Todas as informações referentes ao concurso e os detalhes de como participar, após o intervalo:

Guia de Aplicativos ArchDaily: Morpholio 2.0

O Guia de Aplicativos de Arquitetura do ArchDaily apresentará a você aplicativos para web e celulares que poderão ajudá-lo como arquiteto: produtividade, inspiração, concepção e mais...

Há um ano nós apresentamos o Morpholio Project, um aplicativo para web e celulares, criado por arquitetos e voltado para a indústria criativa. Há poucos meses foi lançado o iPad App: Morpholio Trace, uma ferramenta de concepção que atraiu atenção de arquitetos e designers. Este aplicativo foi apenas o começo do que se tornaria o Morpholio 2.0 (download grátis na App Store), com novas ferramentas que transformaram o aplicativo em uma flexível plataforma de trabalho onde designers, arquitetos, designers de moda, artistas 3D, fotógrafos, designers de automóveis e qualquer pessoal da indústria criativa podem interagir e desenvolver ideias através de feedback.

O aplicativo se baseia na investigação das interações entre pessoas e computadores, buscando criar inovações como uma ferramenta para análise de imagens chamada "Eye Time" ou "Crits" em que colaboradores podem compartilhar imagens e comentar no trabalho de todos os outros através de notas e esboços. Receber dados do comportamento das pessoas é essencial para oferecer estas formas poderosas de feedback, permitindo saber como aqueles que acompanham seu trabalho estão interagindo com ele.

Saiba mais a respeito das 7 novas ferramentas que o Morpholio 2.0 oferece ao mundo criativo:

My Desk / Miguel Mestre

O conceito de "My Desk" é liberdade. Liberdade criativa. Liberdade dos limites das páginas de seus cadernos e post-its. My Desk entrega um papel branco de 100x70cm que serve literalmente como base para seu trabalho e ajuda sua mente a fluir. Desenhar, fazer anotações ou simplesmente rabiscar.

Este novo escritório, criado pelo designer português Miguel Mestre, consiste numa estrutura de compensado de madeira com pés de metal e uma pilha de papel em branco.

Edifícios Habitacionais Pré-fabricados Serão Construídos em Apenas um Mês em Nova York

A construção fora do terreno de implantação não é apenas uma alternativa a mais de construção. Fazer uma construção mais rentável, é uma opção viável para a renovação urbana em terrenos de difícil acesso nos centros das grandes cidades. Esta alternativa possui um grande potencial para oferecer qualidade no projeto de habitações de baixo custo, as que fazem grande falta - neste caso - em Nova York.

Este complexo residencial desenvolvido pelo estúdio GLUCK+, é composto por sete pavimentos e 28 apartamentos individuais e será a primeira construção residencial pré-fabricada em aço e concreto na cidade.

Mais informações e um vídeo do processo de construção, na continuação.

Iñaki Ábalos é o novo Diretor do Departamento de Arquitetura em Harvard GSD

Iñaki Abalos foi nomeado como novo diretor do Departamento de Arquitetura de Harvard GSD; Ele assumirá o cargo no dia 01 de julho de 2013.

Abalos já trabalhou como Professor Residente de Arquitetura na GSD, na área de design e história. Seus cursos sobre as propriedades térmicas entre a arquitetura e elementos naturais incluem: "Ar em movimento" e "Madrid Termodinâmica". Ambos os temas estiveram presentes ao longo de sua trajetória, na qual tratou de encontrar um equilíbrio entre a precisão técnica e a integração com o meio ambiente e paisagem.

A escola sem dúvida se beneficiará de seu profundo compromisso intelectual com o campo da arquitetura e de sua paixão tanto como educador, assim como arquiteto”, declarou Dean Mohsen Mostafavi, Decano de Harvard Graduate School.

Como um Pritzker é escolhido? Explicação de Alejandro Aravena

O site de arquitetura argentino ARQ Clarín publicou uma interessante entrevista feita com o arquiteto Alejandro Aravena focada em seu papel como jurado Pritzker.

O Pritzker é a premiação mais importante reconhecida pelos arquitetos de todo o mundo desde seu início em 1979. O processo de eleição deste prêmio não é muito conhecido, no entanto, o arquiteto chileno, Alejandro Aravena nos entrega um panorama geral bastante claro que destaca alguns dos valores e dados considerados para esta eleição. Além disso, expõe a dedicação e o tempo que significa realizar uma tarefa desta magnitude.

Confira a entrevista na continuação.

Mesh Sofá / People’s Industrial Design Office

Mesh Sofá é uma coleção de mobiliário externo, criado por People’s Industrial Design Office (PIDO), um estúdio de desenho industrial com base em Beijing. O conceito era utilizar a transparência da malha junto com uma base refletora para alcançar o efeito onde a pessoa sentada pareça flutuar no ar.

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.