Arquitetura para colorir: 7 cidades de cores vibrantes vistas de cima

Arquitetura para colorir: 7 cidades de cores vibrantes vistas de cima

Fascinantes e fotogênicas, cidades coloridas costumam não apenas atrair os olhares dos milhares de turistas que as visitam anualmente, mas também de muitas arquitetas e arquitetos em todo o mundo. Sob o ponto de vista aéreo — que aliás, é o mesmo através do qual muitos visitantes têm o primeiro contato com essas cidades, a partir das janelas dos aviões —, são sobretudo as diferentes tonalidades dos telhados e das coberturas as responsáveis pelo visual multicolorido.

Os motivos por trás da multiplicidade das cores observadas do alto podem ser bastante variados. Enquanto a arquitetura de algumas cidades faz uso das cores nas coberturas como estratégia climática, outras seguem a colorir as casas com base em uma tradição da qual muitas vezes não se sabe ao certo a origem. De toda maneira, a presença da variedade de cores em uma cidade sem dúvidas chama a atenção pelo seu apelo visual.

Casablanca, Marrocos. Source imagery: @digitalglobeBurano, Itália. Photo by @bachir_photo_phacroryNápoles, Itália. Created by @benjaminrgrant, source imagery: @digitalglobeKhlong Sam Wa, Bangkok, Tailândia. Created by @dailyoverview, source imagery: @maxartechnologies+ 8

Nápoles, Itália. Created by @benjaminrgrant, source imagery: @digitalglobe
Nápoles, Itália. Created by @benjaminrgrant, source imagery: @digitalglobe

Com uma história milenar, a cidade de Nápoles, na Itália, apresenta, através dos seus edifícios, um testemunho da sua trajetória. Na imagem aérea de uma área do centro histórico napolitano, as variações entre colorações mais vívidas e as mais desbotadas dos telhados revelam os diferentes períodos de construção dos edifícios.

Burano, Itália. Photo by @bachir_photo_phacrory
Burano, Itália. Photo by @bachir_photo_phacrory

Conhecida pelas suas cores, a ilha de Burano, também na Itália, localiza-se a cerca de sete quilômetros de Veneza e costuma atrair anualmente turistas de todo o mundo. A origem das pinturas coloridas das casas ainda é indeterminada, mas conta-se que os pescadores, ao voltarem para as suas residências, não conseguiam reconhecê-las devido à neblina, e portanto passaram a pintá-las com cores vibrantes para facilitar sua identificação.

Las Palmas, Ilhas Canárias. Drone photo by @sebastien.nagy
Las Palmas, Ilhas Canárias. Drone photo by @sebastien.nagy

A arquitetura de Las Palmas, nas Ilhas Canárias é conhecida pelo seu colorido, presente tanto nas paredes das casas, mais frequentemente vistas nos cartões postais da ilha, como em muitos dos seus terraços. Além do seu aspecto atrativo, as cores dos terraços também amenizam o calor do sol nos dias quentes, promovendo um maior conforto nos espaços internos.

Khlong Sam Wa, Bangkok, Tailândia. Created by @dailyoverview, source imagery: @maxartechnologies
Khlong Sam Wa, Bangkok, Tailândia. Created by @dailyoverview, source imagery: @maxartechnologies

Uma estratégia semelhante pode ser observada em Khlong Sam Wa, um dos 50 distritos de Bangkok, na Tailândia. Nesse caso, não são os terraços, mas sim os telhados cerâmicos que são pintados em cores claras de forma a refletir a luz do sol e diminuir as temperaturas internas das casas. O distrito, estabelecido em 1997, possui uma série de conjuntos habitacionais planejados que se distinguem, a partir de uma vista aérea, por suas diferentes cores.

Casablanca, Marrocos. Source imagery: @digitalglobe
Casablanca, Marrocos. Source imagery: @digitalglobe

Sob o ponto de vista aéreo, também é possível observar a variedade de cores dos telhados das casas do bairro Cite Djemaa, em Casablanca, Marrocos. Apesar do que o nome da cidade sugere (Casa Branca, na tradução em português), a riqueza de estilos arquitetônicos encontrados na cidade permite encontrar uma grande variedade de tonalidades nos seus edifícios.

Samarcanda, Uzbequistão. Created by @overview Source imagery: @maxartechnologies
Samarcanda, Uzbequistão. Created by @overview Source imagery: @maxartechnologies

Mas o colorido das cidades vistas de cima nem sempre se deve somente à arquitetura. Em algumas delas, as cores variadas dos telhados se misturam ainda aos tons de elementos naturais, como canais, rios e espécies vegetais. Este é o caso, por exemplo, de Samarcanda, no Uzbequistão, em que os telhados vermelhos, brancos e azuis cercam e evidenciam o verde dos pátios e jardins internos das casas.

Boynton Beach, Estados Unidos. Created by @overview Source imagery: @airbus_space © CNES 2020, Distribution Airbus DS
Boynton Beach, Estados Unidos. Created by @overview Source imagery: @airbus_space © CNES 2020, Distribution Airbus DS

Já em Boynton Beach, nos Estados Unidos, além do verde da vegetação ao redor das casas das comunidades planejadas, a fotografia aérea permite ainda reconhecer o azul escuro dos corpos d’água, um elemento constantemente presente no planejamento urbano de cidades da Flórida. Os telhados, já bastante variados em termos de cores entre as casas, se aliam então a esses elementos naturais e às sinuosidades do desenho urbano na composição de uma curiosa vista aérea.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Susanna Moreira. "Arquitetura para colorir: 7 cidades de cores vibrantes vistas de cima" 03 Mai 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/959570/arquitetura-para-colorir-7-cidades-de-cores-vibrantes-vistas-de-cima> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.