1. ArchDaily
  2. Shigeru Ban

Shigeru Ban: O mais recente de arquitetura e notícia

Shigeru Ban e Ole Scheeren projetam masterplan cultural em Hangzhou, China

Shigeru Ban e Ole Scheeren foram selecionados para um novo masterplan em Hangzhou, China. Criando um novo destino artístico e cultural na cidade histórica, o projeto desenvolvido em colaboração com New World Development e K11 Group busca construir um marco que atenda às necessidades das novas gerações.

Campos de refugiados: de assentamentos temporários a cidades permanentes

Segundo dados veiculados pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), mais de 70 milhões de pessoas têm sido forçadas à abandonar suas casas ao longo dos últimos anos devido a conflitos, violência e catástrofes naturais, sendo que 26 milhões destas são consideradas refugiados de guerra. Em um contexto tão crítico, não podemos apenas continuar pensando em números. É preciso considerar, em primeiro lugar, que cada unidade desta conta representa uma vida – seres humanos que precisam de ajuda. Portanto, chegou a hora de superarmos este permanente estado de perplexidade e partirmos para a ação, isso porque situações como esta não se resolvem da noite para o dia – elas podem durar uma vida inteira. Na atual conjuntura, campos de refugiados não mais podem ser vistos apenas como estruturas temporárias, e é exatamente ai que os arquitetos podem fazer a diferença.

Quando lidamos com crises humanitárias provocadas por conflitos armados, não estamos falando de um fenômeno passageiro. Trata-se, na maioria dos casos, de um caminho sem volta. De fato, segundo o próprio Comissariado das Nações Unidas do Quênia, de todas aquelas pessoas que se veem forçadas a abandonar os seus países de origem ––e têm a felicidade de encontrar um lugar para viver––, “a maioria delas passam mais de 16 anos vivendo em estruturas temporárias.”

Cortesia de ACNURSANLIURFA, TURKEY - February 19, 2014: Aerial view of Akcakale Refugee Camp. Approximately 28.000 Syrian people reside in Akcakale Tent Camp in Urfa.. Image via Shutterstock/ By answer5Vista aérea do campo de refugiados Sírios em Kilis, Turquia. Imagem via Shutterstock/ By savas_bozkayaVista aérea do Campo de Refugiados de Zaatari. Imagem Cortesia de Wikimedia+ 10

Quando arquitetos se mobilizam em tempos de crise

Nos últimos meses, a comunidade de arquitetura vem tentando trazer sua contribuição para a luta contra a pandemia. A disseminação global dessa crise pode ter desencadeado um esforço coordenado e, mais visível, mas não é a primeira vez que os profissionais se mobilizam em momentos de crise. Ao longo dos anos, desastres naturais e emergências fizeram com que vários arquitetos se envolvessem em iniciativas de auxílio a desastres, bem como em uma ampla gama de ações humanitárias. Neste artigo, analisaremos diferentes ocasiões em que arquitetos e iniciativas contribuíram de forma significativa, ajudando as comunidades afetadas a superar as dificuldades.

Parques infantis em assentamentos de refugiados. Imagem Cortesia de CatalyticActionCatedral de Papelão / Shigeru Ban. Imagem © Bridgit AndersonHabitações por Yasmeen Lari. Imagem Cortesia de Al JazeeraCentro de Mulheres / Yasmeen Lari. Imagem Cortesia de Al Jazeera+ 13

Os projetos humanitários de Shigeru Ban

Catedral Cardboard. Imagem © Stephen Goodenough
Catedral Cardboard. Imagem © Stephen Goodenough

Shigeru Ban, Premio Pritzker de 2014, é conhecido pelo seu uso inovador de materiais assim como pela sua abordagem compassiva em seus projetos. Por um pouco mais de três décadas, Ban, fundador da Voluntary Architects Network, também aplicou seu extenso conhecimento em materiais recicláveis, principalmente papel e papelão, para construções de alta qualidade, abrigos de baixo custo para vítimas de desastres em todo o mundo – Ruanda, Haiti, Turquia e Japão, são alguns dos países que receberam seus projetos.

Casas Paper Log no Índia. Imagem © Kartikeya ShodhanEscola Primária Temporária Hualin. Imagem © Li JunSala de Concertos de Papel. Imagem © Didier Boy de la TourCatedral Cardboard. Imagem © Stephen Goodenough+ 25

Grafton e Shigeru Ban entre os finalistas para projetar novo edifício na Universidade de Arkansas

Entre 69 concorrentes de 10 países, seis escritórios internacionais foram selecionados como finalistas do concurso para projetar o Centro Anthony Timberlands de Inovação em Design e Materiais da Universidade do Arkansas.

Quem já ganhou o Prêmio Pritzker?

O Prêmio Pritzker é o reconhecimento mais importante que um arquiteto(a) pode receber em vida. A honraria é outorgada todos os anos a arquitetos e arquitetas cuja obra construída "tenha produzido significativas contribuições para a humanidade ao longo dos anos", segundo explica a própria organização responsável pela premiação. Por esta razão, o júri presta homenagem a pessoas e não a escritórios, como já aconteceu em 2000 (Rem Koolhaas ao invés do OMA), 2001 (Herzog & de Meuron), 2010 (SANAA), 2016 (Elemental) e 2017 (RCR Arquitectes), premiando seus fundadores (como no caso do SANAA), o então, um deles (Elemental).

Shigeru Ban projeta pavilhão temporário para a Notre-Dame em Paris

O escritório Shigeru Ban Architects projetou uma estrutura temporária para receber visitantes e eventos religiosos no local da Catedral de Notre-Dame, que foi parcialmente devastada por um incêndio este ano. A estrutura será construída rapidamente a partir de contêineres usados, colunas de tubo de papelão e uma cobertura tensionada.

© Shigeru Ban Architects© Shigeru Ban Architects© Shigeru Ban Architects© Shigeru Ban Architects+ 5

Milano Arch Week divulga programação que inclui palestras de Stefano Boeri e Rem Koolhaas

Milano Arch Week publicou detalhes de seu evento de 2019, viabilizando uma semana de palestras, conversas, workshops e passeios sobre os principais desafios da transformação urbana contemporânea. De 21 a 26 de maio de 2019, a Milano Arch Week “explora o futuro da arquitetura e das cidades através de uma polifonia de vozes; arquitetos, urbanistas, paisagistas, cientistas, filósofos, artistas e curadores de todo o mundo”.

O papelão como estrutura: da indústria às obras de Shigeru Ban

Tubos de papelão são tão comuns que já nem reparamos em sua existência - mas eles estão por todos os lados: no rolo de papel higiênico, na embalagem do diploma da faculdade, nos fogos de artifício e nas grandes indústrias de tecidos e papel. E agora, cada vez mais, podem ser encontrados em um lugar inusitado: nas paredes de casas e construções. O material faz parte da vida moderna - sendo produzido para uma infinidade de aplicações industriais e produtos de consumo. A grande maioria é utilizada como núcleos estruturais em operações de enrolamento: imediatamente após a fabricação, o papel, o filme ou o fio têxtil é enrolado diretamente em tubos de papelão - resultando em um rolo estável que é facilmente estocado e transportado.

Cortesia de Voluntary Architects' Network© Michael Moran / OTTO© Michael Moran / OTTO© Bridgit Anderson+ 8

Projeto de Shigeru Ban para o Kentucky Owl Park terá três pirâmides de madeira

O escritório de arquitetura coordenado por Kentucky Owl Bourbon ao sul de Louisville, Kentucky. O novo projeto converterá a antiga Cedar Creek Quarry em uma destilaria, centro de engarrafamento e casas de foguetes. O projeto de US $ 150 milhões incluirá três pirâmides de madeira que abrigam a destilaria no centro do empreendimento. Os novos planos surgem depois que o Stoli Group comprou a marca Kentucky Owl em 2017.">Shigeru Ban acaba de ser selecionado para desenvolver o projeto do novo Campus da Kentucky Owl Bourbon, uma marca centenária de whisky americano. Contando com mais de 150 mil metros quadrados, a propriedade fica ao sul de Louisville, no Kentucky. O novo projeto desenvolvido por Shigeru Ban converterá uma antiga pedreira, a Cedar Creek Quarry, em uma moderna e completa destilaria. O projeto de US$ 150 milhões incluirá três estruturas piramidais de madeira que darão forma à destilaria da Owl Bourbon. Este grande projeto de reformulação e ampliação da marca é uma consequência da recente aquisição da marca de Kentucky pelo Stoli Group, que pretende investir ainda mais na tradicional fabricante de whisky americano.

Kentucky Owl Park. Imagem © Cortesia de Shigeru Ban ArchitectsKentucky Owl Park. Imagem © Cortesia de Shigeru Ban ArchitectsKentucky Owl Park. Imagem © Cortesia de Shigeru Ban ArchitectsKentucky Owl Park. Imagem © Cortesia de Shigeru Ban Architects+ 8

Shigeru Ban trabalha com voluntários para construir abrigos temporários para vítimas das inundações no Japão

O arquiteto vencedor do Prêmio Pritzker, Shigeru Ban, conhecido por seus projetos humanitários ao redor do mundo, convocou a participação de arquitetos voluntários através de sua rede "Voluntary Architects’ Network" (VAN) para ajudar as vítimas das recentes inundações no sul do Japão. Até o momento, pelo menos 210 pessoas foram mortas por inundações e deslizamentos ocorridos na semana passada, e para piorar, uma forte onda de calor têm prejudicado ainda mais os esforços das equipes de resgate.

Shigeru Ban e os membros da VAN tem trabalhado em colaboração com estudantes voluntários para construir sistemas de divisórias com tubos de papelão nos centros de acolhida às vitimas das enchentes. Estas estruturas temporárias foram concebidas para oferecer maior privacidade para as famílias acolhidas, configurando unidades modulares de quatro metros quadrados.

Cortesia de Voluntary Architects' NetworkCortesia de Voluntary Architects' NetworkCortesia de Voluntary Architects' NetworkCortesia de Voluntary Architects' Network+ 7

Entrevista: Shigeru Ban fala sobre projetos humanitários no México após os terremotos de setembro

Shigeru Ban, vencedor do Prêmio Pritzker 2014, visitou o México após os recentes abalos sísmicos que assolaram o país com a intenção de dar apoio as atividades de reconstrução a partir de sua experiência em projetos humanitários.

Shigeru Ban projetará 20 mil novas habitações para refugiados no Quênia

O arquiteto Shigeru Ban assinou recentemente um acordo com a UN-Habitat - a agência das Nações Unidas encarregada de orientar o desenvolvimento sustentável - para projetar 20 mil novas habitações para refugiados no assentamento de Kalobeyei, no Quênia. Atualmente lar de mais de 37 mil refugiados, o assentamento em breve ultrapassará sua capacidade original de 45 mil - mais de 17 mil chegaram apenas este ano.

"O principal será projetar e construir um abrigo onde não seja necessária nenhuma supervisão técnica, usando materiais disponíveis nos arredores e ecológicos. É importante que as casas possam ser facilmente mantidas pelos habitantes ".

Seine Musicale de Shigeru Ban, pelas lentes de Luc Boegly & Sergio Grazia

© Luc Boegly & Sergio Grazia
© Luc Boegly & Sergio Grazia

A dupla do fotógrafos Luc Boegly e Sergio Grazia divulgou uma nova série de fotografias que apresenta o recém-inaugurado projeto Seine Musicale. Projetado por Shigeru Ban em pareceria com Jean de Gastines, o centro musical e cultural de uso misto está localizado no subúrbio de Boulogne-Billancourt, na região metropolitana de Paris. O equipamento inclui uma sala de concerto multifuncional com capacidade para 4.000 pessoas, uma sala para música clássica para 1.150 pessoas, salas de ensaio e gravação e uma área verde externa para ensaios musicais e lazer dos visitantes.

© Luc Boegly & Sergio Grazia© Luc Boegly & Sergio Grazia© Luc Boegly & Sergio Grazia© Luc Boegly & Sergio Grazia+ 54

Em foco: Frei Otto

Frei Otto (31/5/1925 - 9/3/2015) foi um arquiteto e engenheiro alemão conhecido por suas inovações em estruturas leves e tensionadas. Logo após eu falecimento em 2015, foi laureado com o Prêmio Pritzker e antes disso, em 2006, foi homenageado com a RIBA Royal Gold Medal. Muitas de suas pesquisas em estruturas tensionadas são tão relevantes hoje quanto eram 60 anos atrás, e seu trabalho continua a influenciar arquitetos e engenheiros de diversas partes do mundo.

Documentário sobre a visita de Shigeru Ban ao Equador após o terremoto deste ano

A Bienal Panamericana de Quito 2016 lançou um documentário que mostra detalhes da visita de Shigeru Ban ao Equador após o terremoto que assolou a província de Manabí em 16 de abril deste ano.

Acompanhado do relato de Handel Guayasamín, presidente do Colegio de Arquitectos del Ecuador - Província de Pichincha, documentário apresenta o testemunho de arquitetos e estudantes de arquitetura da Universidad Laica Eloy Alfaro de Manabí, das atividades de apoio realizadas para enfrentar a emergência; desde os trabalhos de urgência nos primeiros dias após o sismo até a visita de Shigeru Ban. 

Estes incríveis GIFS ilustrados nos mostram a arte japonesa de junções em madeira

Durante séculos, antes da invenção dos parafusos e elementos de fixação, os artesões japoneses utilizaram complexas uniões para unir diferentes peças de madeira para as estruturas e vigas, gerando uma estética única que ainda pode ser vista nas obras de mestres modernos como Shigeru Ban.

Estas técnicas eram cuidadosamente guardadas pelas guildas familiares de carpintaria e não estavam disponíveis para o conhecimento público. Recentemente se iniciou uma lenta documentação que aparecia em livros e revistas, no entanto suas representações em duas dimensões ainda eram difíceis de visualizar e não se encontravam numa única fonte completa. 

Mas há alguns anos, um jovem japonês começou a reunir todos os livros sobre marcenaria em madeira existente e os utilizou para criar suas próprias ilustrações em três dimensões.