1. ArchDaily
  2. Rex

Rex: O mais recente de arquitetura e notícia

Reuso adaptativo e a renovação de edifícios brutalistas

A demolição é um desperdício em todos os sentidos—um desperdício de energia, de materiais e também da nossa memória coletiva”, disse a arquiteta vencedora do Pritzker Anne Lacaton. Ao longo dos últimos anos, porém, a reciclagem de antigas estruturas e o reuso adaptativo de edifícios obsoletos se tornaram onipresentes no discurso arquitetônico contemporâneo, à medida que os profissionais estão se tornando mais conscientes sobre questões relativas aos resíduos, a exploração de recursos naturais e a pegada de carbono na industria da construção civil. Ainda assim, a prática de renovação e adaptação de estruturas existentes carece de consistência, especialmente quando tratamos de edifícios do pós-guerra. A seguir, procuramos analisar alguns dos muitos desafios e oportunidades dos projetos de renovação e reutilização de edifícios construídos durante a segunda metade do século XX, destacando como algumas destas estratégias podem desempenhar um papel significativo para minimizar o impacto da construção civil no agravamento da crise climática e na busca por construir cidades mais equilibras, ao mesmo tempo em que recupera importantes estruturas e lugares de memória.

Northampton International Academy  by Architecture Initiative. Imagem © Luke HayesKB Building by HofmanDujardin + Schipper Bosch. Imagem © Matthijs van RoonFive Manhattan West by REX. Imagem © Laurian GhinitoiuPirelli Tire Building by Marcel Breuer. Imagem+ 6

Ícones da arquitetura de Dallas: a nova paisagem cívica do Texas

Embora Dallas não seja a cidade mais famosa ou conhecida do Texas, ela tem se estabelecido como um ponto de referência no mapa da arquitetura contemporânea. Muito disso se deve ao fato de sua altíssima concentração de estruturas arquitetônicas projetadas pelas mãos dos mais importantes e afamados arquitetos e escritórios de arquitetura do mundo. Como uma das cidade com maior concentração de estruturas arquiteturas icônicas por quilômetro quadrado dos Estados Unidos e do mundo, Dallas é habitada por projetos desenvolvidos por nada mais nada menos que seis arquitetos vencedores do Prêmio Pritzker. Da Ópera de Norman Foster ao Museu da Natureza e Ciência de Thom Mayne, esses são alguns dos projetos mais emblemáticos que fazem de Dallas, a capital texana da arquitetura contemporânea.

© Jason O’Rear© Iwan Baan© Alan Karchmer© Casey Dunn+ 11

Conheça alguns dos maiores estúdios de visualizações de arquitetura do mundo

Em um mundo dominado por imagens, nosso modo de fazer e consumir arquitetura está se tornando cada dia mais dependente do visual. Deste modo, ferramentas de representação estão passando a desempenhar um papel cada vez mais decisivo na forma como concebemos e desenvolvemos nossos projetos. Em muitos casos, escritórios de arquitetura se vem compelidos à buscar ajuda, voltando-se à experientes estúdios de modelagem e renderização 3D para poder retratar mais fidedignamente seus conceitos e ideias.

Google Campus by BIG and Heatherwick Studio. Image © Hayes DavidsonLeningrad Siege Museum by Lahdelma & Mahalmäki Architects. Image © Brck Visual11th Street Bridge Park by OMA. Image © Luxigon111 West 57th Street Tower by SHoP Architects. Image © Hayes Davidson+ 23

REX projeta dupla de arranha-céus em Perth, Austrália

O escritório REX desenvolveu o projeto de uma torre de uso misto em Perth, Austrália. Localizado ao longo da Elizabeth Quay, o novo projeto combina hotel, comércio, escritórios e residências, divididos em duas torres. A versão mais atual do projeto foi submetida às autoridades municipais e, se aprovada, dará lugar ao arranha-céu mais alto de Perth.

Cortesia de MRACortesia de MRACortesia de MRACortesia de REX+ 5

REX, SOM e SHOP entre os finalistas para projetar torre de US$ 600 milhões na Austrália

Os investidores Cbus e Nielson Properties apresentaram os candidatos para o projeto de uma torre de escritórios de US$ 600 milhões em North Quay, Brisbane. Quatro equipes de arquitetura locais e internacionais foram selecionadas para criar propostas para a torre comercial que acomodará 50.000 metros quadrados de espaços para escritórios. Os investidores pretendem criar um local de trabalho inovador que represente o novo mundo do trabalho.

REX divulga projeto para o Centro de Artes Performáticas da Brown University

O escritório de arquitetura e design REX revelou seu projeto para o novo Centro de Artes Performáticas da Brown University. O edifício acadêmico e cultural foi feito para ser um espaço flexível e adaptável que serve como um hub para performances. Combinando um salão principal multifuncional com um palco aberto, o projeto atende à necessidade de um espaço de performance adequado para grandes apresentações. O novo centro foi projetado para incentivar a colaboração e inspirar novos modos de produção artística e cultural.

Centro de Artes Performáticas da Brown University. Imagem Cortesia de LUXIGONCentro de Artes Performáticas da Brown University. Imagem Cortesia de LUXIGONCentro de Artes Performáticas da Brown University. Imagem Cortesia de LUXIGONCentro de Artes Performáticas da Brown University. Imagem Cortesia de LUXIGON+ 35

REX projeta o novo Centro de Artes Performáticas da Brown University

O escritório de arquitetura REX, com sede em Nova York, projetou o novo centro de artes performáticas para o campus da Brown University em Providence, Rhode Island, EUA. Conhecida por seu portfólio de projetos culturais e comerciais - notadamente e recentemente incluindo o Centro de Artes Performativas Ronald O. Perelman no World Trade Center - a empresa tem como objetivo projetual acomodar performances e eventos enquanto cria um centro para interações sociais diárias no campus dentro dos seus 7500 metros quadrados. O prédio se tornará um espaço central de multimídia e artes cênicas para estudantes, professores e visitantes.

Centro de Artes Criativas Perry and Marty Granoff, Brown University / Diller Scofidio + RenfroCentro de Artes Criativas Perry and Marty Granoff, Brown University / Diller Scofidio + RenfroCortesia de REXCortesia de REX+ 8

Centro de artes performáticas projetado pelo REX em Nova Iorque recebe autorização para ser construído

 Imagem © Luxigon
Imagem © Luxigon

Após questões financeiras terem ameaçado ano passado o projeto do Ronald O. Perelman Performing Arts Center no World Trade Center, o novo centro de artes performáticas está pronto para seguir, após um acordo entre os proprietários e as autoridades portuárias de Nova Iorque e Nova Jersey.

OMA, Aires Mateus e Staab Architekten divulgam as propostas que receberam menção honrosa para o concurso do novo edifício da Neue Galerie

Duas semanas atrás, Herzog & de Meuron foi anunciado como o vencedor do concurso internacional para projetar o novo Museu do Século XX a ser localizado adjacente à seminal Neue Galerie de Mies van der Rohe no coração do Fórum Cultural de Berlim, na Alemanha.

Agora recebemos as propostas adicionais para o concurso, incluindo as menções honrosas de OMA, Staab Architekten e Aires Mateus e Associados, e a proposta finalista de REX, que mostra estratégias alternativas para o terreno.

REX divulga projeto do Centro Perelman de Artes Performáticas no WTC em Nova York

REX divulgou imagens do futuro Ronald O. Perelman Performing Arts Center (Centro Perelman de Artes), localizado no terreno do World Trade Center em Nova York. Entre a torre de vidro reluzente do One World Trade e o futuro Two World Trade Center, o projeto assume uma forma sólida e pura, para tornar-se um novo lar para teatro, dança, música, cinema, ópera e trabalhos multidisciplinares para visitantes e residentes de Lower Manhattan.

Sala de Ensaios. Imagem © LuxigonPerspectiva Sudeste Noturna. Imagem © LuxigonVista Oeste. Imagem © LuxigonVista Aérea. Imagem © Luxigon+ 59

Grandes ideias, pequenos edifícios: alguns dos melhores pequenos projetos de arquitetura

Este post foi publicado originalmente em The Architectural Review com o título "Size Doesn't Matter: Big Ideas for Small Buildings."

O último volume da Taschen reúne os desconhecidos arquitetônicos que, apesar de sua forma minuciosa e excêntrica, estão definindo novas tendências em relação ao projeto.

Quando a economia falha e a construção pára, o que acontece com a arquitetura? Ao invés de projetos pessoais indulgentes, a carência por espaços pequenos e perfeitamente concebidos está se tornando uma necessidade econômica, forçando designers a irem cada vez mais longe com menos. Em seu novo volume Small: Architecture Now!, a Taschen reuniu casas de chá, cabines, saunas e casas de bonecas que definem as tendências para o pequeno, sensível e sustentável, com projetistas que vão desde o laureado do Pritzker , Shigeru Ban, a escritórios jovens emergentes.

Terunobu Fujimori, Beetle's House, Victoria & Albert Museum, Londres, Reino Unido. Imagem Cortesia de Victoria and Albert Museum, London/TASCHENJorge Gracia, Endémico Resguardo Silvestre, Valle de Guadalupe, Ensenada, México. Imagem © Undine Pröhl/TASCHENKota Mizuishi, Riverside House Suginami, Tóquio, Japão. Imagem © Hiroshi Tanigawa/TASCHENOlson Kundig, Delta Shelter, Mazama, Washington, EUA. Imagem © Olson Sundberg Kundig Allen Architects/TASCHEN+ 14

REX projeta torres com fachadas retráteis no Oriente Médio

Duas companhias de mídia parceiras do Oriente Médio contrataram o escritório REX para projetar sua sede conjunta que tem como inspiração a iconografia tradicional árabe. O resultado, duas lâminas revestidas de pedra protegidas do "implacável sol" do Oriente Médio por uma série de dispositivos de sombreamento retráteis cuja forma é inspirada nos tradicionais muxarabis.

Medindo cerca de 15 metros de diâmetro, esses "sombreiros" podem ser facilmente acionados, transformando, em poucos minutos, a fachada de vidro do edifício em um plano sombreado.

“A transformação instantânea da torre cria um novo tipo poderoso de iconografia que rejeita a busca esgotada - e efêmera - por ser o mais alto", descreveu REX.