Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Arquitetura Flutuante

Arquitetura Flutuante: O mais recente de arquitetura e notícia

Arquitetura Flutuante na Amazônia: Folies Tropicales

14:00 - 4 Novembro, 2018
Arquitetura Flutuante na Amazônia: Folies Tropicales, Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon
Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon

Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon Cortesia de Architectural Association Visiting School Amazon + 22

Flutuar é uma das formas de viver e se locomover mais antigas da humanidade. Esta prática ancestral hoje em dia é de grande interesse devido às mais frequentes inundações devidas ao Câmbio Climático.

Os povos ribeirinhos da floresta Amazônica flutuam há séculos com diferentes estratégias. Estudando as soluções arquitetônicas das comunidades locais e com o uso de tecnologia de materiais contemporâneos, os co-diretores da Architectural Association Visiting School Amazon o arquiteto Marko Brajovic e designer Nacho Martí organizaram um workshop internacional para experimentar com o tema da arquitetura flutuante.

Arquitetura flutuante: 15 projetos para se inspirar

14:00 - 22 Novembro, 2017

Mais da metade do planeta é composta por corpos hídricos e maior parte da população vive em suas proximidades. Estes locais são cada vez mais afetados por catástrofes ambientais ou pelo aumento de níveis de água, causados pelo aquecimento global, conformando um cenário que traz novos desafios para o modo que habitamos e pensamos os edifícios no litoral ou em áreas ribeirinhas.

A arquitetura flutuante pode se adaptar às variações de níveis de água e diferentes condições climáticas, sinalizando um possível caminho para solucionar os problemas apontados. Para aumentar seu repertório de referências flutuantes, reunimos aqui 15 projetos que foram implantados diretamente nas águas e possuem os mais diferentes usos: habitacional, cultural, educacional, recreativo e de infraestrutura.

Projeto pretende criar centro de aprendizagem flutuante na Amazônia

12:00 - 23 Outubro, 2017
Projeto pretende criar centro de aprendizagem flutuante na Amazônia, Amazon Climate Change Learning Centre. Image © Mamori Team
Amazon Climate Change Learning Centre. Image © Mamori Team

No final de agosto deste ano ocorreu a terceira edição da AA Visiting School Amazon. Após oito dias de imersão na floresta amazônica, estudando sua natureza e compreendendo conceitos de biomimética, os professores Marko Brajovic, Nacho Martí e Alessandra Araujo, juntos de um grupo internacional de arquitetos e estudantes, projetaram um centro para educar as pessoas do Lago Mamori e ajudá-los a imaginar as mudanças que precisam fazer em suas vidas para se adaptarem às mudanças climáticas e possíveis desastres ambientais decorrentes delas.

Precisamos pensar em arquiteturas flutuantes?

12:00 - 19 Outubro, 2017
Precisamos pensar em arquiteturas flutuantes?, © NLÉ architects. ImageEscola Flutuante em Makoko / NLÉ Architects
© NLÉ architects. ImageEscola Flutuante em Makoko / NLÉ Architects

Muito se fala sobre os avanços arquitetônicos nos quesitos social, político, técnico-construtivo e ambiental. Contudo, nos mais variados discursos e ocasiões, a estaticidade sempre assumida pela Arquitetura ainda é pouco comentada. Quando falamos sobre o tema imediatamente imaginamos “corpos” pesados e estáticos. A humanidade historicamente desenvolveu-se trabalhando em conjunto com a natureza, através da observação, adaptação e o respeito a ela. E esse fator é mais latente quando pensamos na água, que cobre aproximadamente 71 por cento da superfície do planeta. 

Com mais da metade da área do planeta recoberta por corpos hídricos e milhares de pessoas vivendo em suas proximidades ou zonas afetadas por catástrofes ambientais, pensar sistemas capazes a adaptar-se, por meio de arquiteturas flutuantes, pode ser imprescindível para o futuro no campo da arquitetura.

O que o arquiteto pode aprender com a natureza para enfrentar os desafios do futuro?

14:00 - 8 Agosto, 2017
© Mert Kilcioglu and Cenk Gencer. ImageProjeto realizado por Mert Kilcioglu e Cenk Gencer durante AA VISITING SCHOOL AMAZONAS
© Mert Kilcioglu and Cenk Gencer. ImageProjeto realizado por Mert Kilcioglu e Cenk Gencer durante AA VISITING SCHOOL AMAZONAS

A partir de 25 de agosto, a floresta amazônica mais uma vez será anfitriã de um workshop de Arquitetura Flutuante liderado por especialistas em biomimética e ex-alunos do WDCD, Marko Brajovic e Nacho Marti, professor da AA. Desta vez, o curso também estabeleceu um objetivo novo e emocionante: gerar ideias para o WDCD Climate Action Challenge.

Inscrições abertas para o curso de "Arquitetura Flutuante" no Amazonas, realizado pelo AA Visiting School Amazonas

14:00 - 24 Abril, 2017
Inscrições abertas para o curso de "Arquitetura Flutuante" no Amazonas, realizado pelo AA Visiting School Amazonas, Cortesia de AA VISITING SCHOOL AMAZONAS
Cortesia de AA VISITING SCHOOL AMAZONAS

A pesquisa mostra que os níveis do oceano estão aumentando devido ao aquecimento global. As consequências disso colocarão centenas de cidades em risco de serem inundadas. Da mesma forma, os níveis de água no lago Mamori variam muito entre a estação seca e a estação chuvosa, quando o rio pode subir até 14 metros inundando a floresta e alterando a fisionomia da terra. Atualmente, as casas locais são construídas em palafitas para lidar com as variações das marés, mas nos últimos anos, isso nem sempre foi suficiente para evitar a devastação causada pelo rio.

Kunlé Adeyemi: Meu escritório não faz apenas "arquitetura flutuante"

07:00 - 12 Setembro, 2015

"Não estamos investindo em construir na água. Não se trata de 'arquitetura flutuante', este não é o foco do meu escritório. Trata-se da relação entre água e cidade, entre água e os humanos."

Nesta entrevista produzida pelo Louisiana Channel, o fundador do NLÉ Architects, Kunlé Adeyemi, discute a relação de seu trabalho com a água através de projetos como o Chicoco Radio, proposta desenvolvida para um concurso de quiosques na orla de Chicago, e, evidentemente, o projeto para a Escola Flutuantes de Makoko. Refletindo sobre o papel da água nos assentamentos humanos, Adeyemi explica como projetar neste contexto aquático introduz tanto desafios como oportunidades, acrescentando: "estamos apenas começando a nos preparar para viver com a água, em vez de lutar contra ela."

5 segredos arquitetônicos dos Badjao: Povos marítimos do século 21

15:00 - 10 Junho, 2015
5 segredos arquitetônicos dos Badjao: Povos marítimos do século 21, Criança Badjao remando. Imagem © Mohd Khairil Majid via Shutterstock
Criança Badjao remando. Imagem © Mohd Khairil Majid via Shutterstock

Milhares de anos atrás, uma pequena civilização de caçadores migraram para as regiões costeiras do sudeste da Ásia. Essas pessoas evoluíram para uma tribo generalizada de viajantes do mar. Até hoje eles permanecem como um povo sem Estado, sem nacionalidade e sem infra-estrutura consistente, às vezes vivendo a quilômetros de distância da terra. No entanto, essas pessoas constituem uma das poucas civilizações cuja vida coletiva tem sobrevivido por tanto tempo através da história humana. Eles são chamados de Badjao, e possuem qualidades surpreendentes que nos ensinarão sobre a arquitetura.

Comunidade Badjao ao longo da costa de Sabah, Malásia . Imagem © Dolly MJ via Shutterstock Mulher Badjao remando uma canoa. Imagem © Dolly MJ via Shutterstock Construção temporária no Sudeste Asiático. Imagem © asnida via Shutterstock Criança Badjao remando próximo a costa. Imagem © idome via Shutterstock + 9

Vídeo: A metrópole flutuante que poderia abrigar as plataformas de petróleo no mar brasileiro

20:00 - 11 Março, 2014

A indústria petrolífera brasileira está em expansão. Infelizmente para as companhias de petróleo, as novas reservas estão muito distantes da costa - de fato, tão longe que estão fora do alcance dos helicópteros que transportam os trabalhadores das plataformas. É por isso que os estudantes da Rice University assumiram o desafio de projetar a "Drift & Drive", uma comunidade flutuante onde os trabalhadores e suas famílias podem permanecer por longos períodos de tempo, acabando com a inconveniência do ciclo de duas semanas nas plataformas e duas semanas de descanso.

O projeto venceu o Prêmio Odebrecht do ano passado e agora a Petrobras está trabalhando em um plano para implementar alguns elementos da proposta.

Saiba mais sobre o projeto a seguir.