Henning Larsen vence concurso para complexo de uso misto na Coreia do Sul

Henning Larsen vence concurso para complexo de uso misto na Coreia do Sul

A proposta da Henning Larsen para o Vale de Seul foi selecionada como vencedora do Concurso de Desenvolvimento Central da cidade. Com a intenção de configurar um novo lar para o público no centro da cidade, o empreendimento de uso misto "mescla o perfil comercial global de Seul com uma pegada ecológica, enfatizando à vida dos pedestres no centro da cidade". Outras propostas incluíram projetos do MVRDV e SOM.

Cortesia de Henning LarsenCortesia de ProloogCortesia de ProloogCortesia de Henning Larsen+ 16

Cortesia de Henning Larsen
Cortesia de Henning Larsen

Localizada na fronteira norte de Yongsan-Gu, um dos bairros centrais de Seul, a proposta vencedora do empreendimento urbano de uso misto com 360.644 m² foi projetada por Henning Larsen, em colaboração com o arquiteto local Siaplan e o consultor de varejo Benoy. Ao integrar escritórios, varejo, hotéis e um programa residencial dentro de uma esfera pública, o projeto entrará na fase de Estudo Preliminar na primavera de 2021. Com o objetivo de cumprir as metas do plano de Seul para 2030, o Vale de Seul configura um espaço confortável e vibrante para os habitantes e visitantes.

O Vale de Seul é um projeto muito interessante para o centro da cidade. Há mais de uma década, a cidade trabalha ativamente para revitalizar seu tecido urbano, com foco nos espaços vazios entre os prédios e as vias de pedestres. O Vale de Seul se encaixa nesta perspectiva, prometendo trazer a vida pública de volta ao centro, não apenas por meio de lojas e amenidades, mas com um projeto que se concentra também no conforto público, na vegetação e na tradição local. - Jacob Kurek, Henning Larsen sócio responsável.

Cortesia de Proloog
Cortesia de Proloog

Enquanto as barreiras de infraestrutura isolaram o local, embora vazio, de seu entorno, e a rápida urbanização apagou as características tradicionais de hanok, o Vale de Seul mescla as escalas humana e urbana. Ao fragmentar seus elementos em vários volumes menores, diversos jardins, terraços e pátios são configurados entre as estruturas, à medida que se encontram com o piso térreo elevado. O Vale de Seul convida o pedestre a acessar o projeto, a partir de uma escada ampla no lado norte e ao longo de Seul Skygarden Park ao sul.

Com o Vale de Seul, estávamos interessados em desenvolver um projeto que mesclasse a escala descomunal da cidade atual, com as pequenas estruturas de retalhos de seu passado. Ao dissolver a escala nos níveis públicos, não apenas a tornamos mais habitável, mas acenamos para as belas estruturas da antiga Seul. Nossa esperança é que o Vale de Seul se torne um lar não apenas para lojas sofisticadas, mas também para artesãos e artistas. - Jacob Kurek, Henning Larsen, sócio responsável.

Cortesia de Proloog
Cortesia de Proloog

As torres de escritórios e hotéis agrupam-se em torno de um núcleo denso: uma camada biosférica atenua a poluição, uma camada de filtragem bloqueia o ruído, além de configurar um interior verde exuberante e uma camada consciente estimula os sentidos. A aglomeração é o resultado de extensos estudos climáticos visando reduzir o acúmulo de calor e prolongar a temporada ao ar livre. Módulos de varejo estão espalhados por todo o lote, criando um espaço de fluxo livre e em constante mudança, que incentiva a permanência e a exploração.

Como indústria, conhecemos há muito tempo os benefícios da luz do dia, vistas externas, vegetação ... mas esses benefícios são muitas vezes deixados de lado em favor da maximização da fachada no design comercial. Comprar no futuro não significa necessariamente sair da loja com uma sacola, então nosso objetivo com o Vale de Seul era promover os dois. No final, acreditamos que o todo é mais do que a soma das partes. - Jacob Kurek, Henning Larsen sócio responsável.

Cortesia de Henning Larsen
Cortesia de Henning Larsen

  • Nome do Projeto: Vale de Seul
  • Local do Projeto: Seul, Coreia do Sul
  • Cliente: Hanwha Construction
  • GFA: 360.644 m² (3.881.940 pés²); 245.800 m² acima do solo + 102.300 m² subterrâneos
  • Área do local: 28.600 m² (307.848 pés²)
  • Tipologia: Uso misto; escritório, varejo, hotel e residencial
  • Equipe - Fase de Competição: Henning Larsen
  • Parceiro Responsável: Jacob Kurek
  • Arquiteto Responsável pelo Projeto: Nina La Cour Sell
  • Equipe, Arquitetura (alfabeticamente pelo primeiro nome): Alice Lemaire, Annelie Sandfeld, Elin Fritz, Jakob Strømann-Andersen, Kritika Kharbanda, Lydia Madsen, Mathias Sønderskov Schaltz, Michael Gloudeman, Rasmus Thomas Larsen, Tomas Bueri
  • Arquiteto Local: Siaplan
  • Consultor de Varejo: Benoy

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Harrouk, Christele. "Henning Larsen vence concurso para complexo de uso misto na Coreia do Sul" [Henning Larsen Wins Competition for a Mixed-Use Development in South Korea] 04 Dez 2020. ArchDaily Brasil. (Trad. Bisineli, Rafaella) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/952470/henning-larsen-vence-concurso-para-complexo-de-uso-misto-na-coreia-do-sul> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.