Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Rafael Aranda

Rafael Aranda: O mais recente de arquitetura e notícia

Quem já ganhou o Prêmio Pritzker?

O Prêmio Pritzker é o reconhecimento mais importante que um arquiteto(a) pode receber em vida. A honraria é outorgada todos os anos a arquitetos e arquitetas cuja obra construída "tenha produzido significativas contribuições para a humanidade ao longo dos anos", segundo explica a própria organização responsável pela premiação. Por esta razão, o júri presta homenagem a pessoas e não a escritórios, como já aconteceu em 2000 (Rem Koolhaas ao invés do OMA), 2001 (Herzog & de Meuron), 2010 (SANAA), 2016 (Elemental) e 2017 (RCR Arquitectes), premiando seus fundadores (como no caso do SANAA), o então, um deles (Elemental).

O prêmio surgiu de uma iniciativa criada por Jay Pritzker através da Fundação Hyatt, organização associada a empresa hoteleira que o mesmo fundou em conjunto com seu irmão Donald em 1957. A primera edição do prêmio foi realizada em 1979, quando Philip Johnson se tornou o primeiro arquiteto a ser homenageado. Estadunidense, Johnson é autor de importantes obras da história da arquitetura moderna, como a Glass House (1949).

O Prêmio Pritzker já conta com quarenta edições anuais ininterruptas, galardoando arquitetos e arquitetas de 18 nacionalidades diferentes. Metade dos premiados são europeus; América, Ásia e Oceania dividem as outras vinte edições, e até hoje nenhum arquiteto o arquiteta africano(a) teve a chance de receber o prêmio, sendo o único continente do globo a não possuir representantes no hall da fama da arquitetura.

Rafael Aranda do RCR Arquitectes: "Estamos interessados em espaços que são paisagens"

Na última semana, em 7 de novembro e sob o título "Criatividade Compartilhada", Rafael Aranda, co-fundador do RCR Arquitectes junto a Carme Pigem e Ramón Vilalta, palestraram no Palácio Miramar de San Sebastián (País Basco, Espanha), na conferência inaugural da I Bienal Internacional de Arquitetura MUGAK.

Diante de uma lotada platéia com mais de 200 pessoas, Aranda referiu-se ao processo criativo desenvolvido pelo estúdio catalão vencedor do Prêmio Pritzker 2017 e que se baseia na frase do pedagogo José Antonio Marina: "a criatividade compartilhada é o que permite para um grupo de pessoas não necessariamente extraordinárias obter resultados extraordinários ".

Discurso do RCR Arquitectes no Prêmio Pritzker 2017

No sábado, Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta do RCR Arquitectes receberam o Prêmio Pritzker de 2017 em uma cerimônia no Palácio Akasaka, em Tóquio. O ArchDaily tem o prazer de compartilhar, com a permissão da Fundação Hyatt e do Prêmio Pritzker de Arquitetura, uma transcrição do discurso de aceitação dos vencedores, feito por Carme Pigem em nome do trio.

Suas majestades, o Imperador e Imperatriz do Japão; Vice Primeiro-Ministro Taro Aso; Excelências, embaixadores e ministros; Tom e Margot Pritzker e membros da família Pritzker; senhoras e senhores.

Emoções, felicidade, orgulho, humildade, respeito, responsabilidade, admiração por aqueles que foram antes de nós e por aqueles que receberão este prêmio no futuro: há uma mistura infinita de muitos sentimentos sobrepostos que estamos experimentando agora, mas a sensação mas forte é a de gratidão: À Família Pritzker, que há anos vem apoiando generosamente e chamando a atenção para a arquitetura, e pedimos que continuem fazendo isso.

Comentários da crítica: o Prêmio Pritzker 2017

Cortesia de Prêmio Pritzker. Imagem © Hisao Suzuki
Cortesia de Prêmio Pritzker. Imagem © Hisao Suzuki

O Prêmio Pritzker 2017 foi uma surpresa para muitos, concedido aos três fundadores do RCR Arquitectes, um modesto escritório espanhol localizado na pequena cidade de Olot, na Catalunha. Muitas pessoas e críticos compartilharam seu espanto com o fato de o prêmio ter sido entregue a três indivíduos pela primeira vez desde que o Prêmio Pritzker foi criado em 1979, incluindo a terceira vencedora mulher, e o relativo anonimato do RCR Arquitectes.

Se esta surpresa foi agradável ou chocante, isso varia de crítico à crítico, mas ainda assim parece haver um consenso na decisão do júri de se aventurar ainda mais em questões políticas e se distanciar de seu interesse tradicional em arquitetos celebridades. Como está claramente afirmado na citação do júri: "Nos dias de hoje, há uma questão importante que as pessoas ao redor do mundo estão se perguntando, e não se trata de arquitetura; mas de leis, políticas e governos também." Estariam eles guiando a premiação na direção certa ou errada?

Cortesia de Prêmio Pritzker. Imagem © Hisao Suzuki Cortesia de Prêmio Pritzker. Imagem © Hisao Suzuki Cortesia de Prêmio Pritzker. Imagem © Hisao Suzuki © Eugeni Pons + 21

Conheça o trabalho do RCR Arquitectes, vencedores do Pritzker 2017, através de vídeos

O trabalho do escritório espanhol RCR Arquitectes, que acaba de receber o Prêmio Pritzker 2017, era, até então, pouco difundido no Brasil, restrito sobretudo à Europa e aos círculos acadêmicos. Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta mantêm seu escritório na pequena cidade de Olot, na região da Catalunha, há quase 30 anos, onde nasceram e estão construídas a maioria de suas obras. Como salientou o júri do Pritzker, uma de suas maiores qualidades é a de mostrar como os arquitetos podem ter "raízes firmes no local e os braços estendidos para o resto do mundo". Através da seleção de vídeos abaixo, é possível conhecer um pouco mais sobre a obra do escritório, e mais especificamente, apreciar a atmosfera de suas obras construídas.

Prêmio Pritzker 2017: conheça o trabalho do RCR Arquitectes em 20 imagens

Cortesia de Pritzker Prize. Imagem © Hisao Suzuki
Cortesia de Pritzker Prize. Imagem © Hisao Suzuki

Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta foram nomeados ganhadores do Prêmio Pritzker 2017, se convertendo no primeiro trio de arquitetos reconhecidos pela premiação máxima da nossa disciplina.

Trabalhando juntos desde 1988 sob o nome de RCR Arquitectes, a equipe abordou uma ampla gama de tipologias em sua carreira e a maioria de suas obras estão em sua terra natal: Catalunha (Espanha). Nesta ocasião, te convidamos a conhecer o trabalho em 20 imagens que exemplificam o interesse particular dos arquitetos pelos detalhes e materialidade.

Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta vencem o Prêmio Pritzker 2017

Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta foram nomeados os vencedores do Prêmio Pritzker 2017. Seus projetos destacam a materialidade e as técnicas construtivas - fazendo intenso uso da cor, transparências e luz - e abrangem uma ampla gama de programas, de museus e teatros a escolas e residências.

Os três arquitetos, todos catalães e originários de Olot, trabalham conjuntamente como RCR Arquitectes desde 1988 e se formaram em arquitetura pela ETSAV (Escola Tècnica Superior d’Arquitectura del Vallès) um ano antes. Esta 39ª edição do Pritzker é a primeira vez em que três arquitetos são premiados simultaneamente a apenas a segunda vez que o prêmio é concedido a algum arquiteto espanhol - a primeira vez que isso ocorreu foi com a premiação de Rafael Moneo em 1996.

Quem são os RCR Arquitectes? 9 coisas que você deve saber sobre os vencedores do Prêmio Pritzker 2017

Hoje, o Pritzker, o prêmio mais importante da arquitetura, anunciou Rafael Aranda, Carme Pigem e Ramon Vilalta, os três fundadores do escritório catalão RCR Arquitectes, como vencedores da edição de 2017. Como projetistas de uma arquitetura estilística e fisicamente local - o trabalho do RCR Arquitectes encontra-se principalmente na Catalunha, embora tenham desenvolvido recentemente projetos na França e na Bélgica - o escritório criou um forte perfil no nordeste da Espanha e uma espécie de culto entre os círculos acadêmicos em todo o mundo. No entanto, outros membros da comunidade arquitetônica se vêem forçados a procurar um mecanismo de busca mais próxima. Para essas pessoas, os seguintes 9 fatos ajudarão a obter as informações necessárias para entender aos mais novos ganhadores do Prêmio Pritzker de Arquitetura.