Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Estadios

Estadios: O mais recente de arquitetura e notícia

Barça presta homenagem à cidade de Barcelona em seu novo uniforme

A história do Barça está intimamente ligada a Barcelona, a cidade onde 1899 nasceu um dos mais vitoriosos times de futebol de todos os tempos. Na última quarta-feira, o atual campeão espanhol fez uma homenagem mais que merecida à sua cidade natal no evento de lançamento do novo terceiro uniforme para a temporada 2018/2019.

A camiseta do terceiro uniforme é de cor rosa pálido a qual é atravessada por uma linha diagonal que parte do ombro esquerdo até a parte inferior direita. A linha é uma evidente homenagem a famosa Diagonal de Barcelona, uma das avenidas mais importantes da capital da Catalunha, a qual se sobrepõe a uma imagem aérea do bairro Eixample, em todos avermelhados.

Conheça os 8 estádios da Copa do Mundo no Qatar 2022

A Copa do Mundo na Rússia acabou no último domingo mas, para muitos, já deixou saudades. A edição de 2022 acontece no Qatar de 21 de novembro a 18 de dezembro, e promete maravilhar seus espectadores com seus estádios. São oito projetos no total - alguns deles ainda serão construídos, outros que já existem e estão passando por restauro.

Detalhes construtivos: 9 estádios esportivos

Estádios – novos ou reformados – são estruturas concebidas para acolher públicos cada vez maiores, edifícios inovadores para a realização de grandes eventos esportivos além de serem excelentes exemplos de projetos de arquitetura em grande escala. Além de todos os aspectos técnicos e considerações relativas ao esporte, estas enormes estruturas apresentam aquilo que há de mais moderno em relação a sistemas tecnológicos, de eficiência energética e sustentabilidade.

A seguir veremos o projeto de nove estádios através dos detalhes de suas complexas mega estruturas.

Estádio de Basquete em Dongguan / gmp architekten. Imagem © Christian Gahl Complexo Esportivo do Mineirão / BCMF Arquitetos. Imagem © Leonardo Finotti Arena da Baixada / carlosarcosarquite(c)tura. Imagem © Leonardo Finotti Arena Tele2 / White arkitekter . Imagem © Åke E:son Lindman + 29

Estádios do México para a Copa do Mundo de 2026

Recentemente, a FIFA anunciou que a Copa do Mundo de 2026 será realizada no México, Estados Unidos e Canadá. A notícia surpreendeu muita gente, já que é a primeira vez que uma Copa será realizada em três países diferentes, implementando também um novo formato com 48 equipes divididas em 16 grupos de três equipes cada.

Sabemos que muitos dos nossos leitores são fãs de futebol e da arquitetura mexicana, por isso, apresentamos a seguir os três estádios no México que sediarão partidas da Copa de 2026. 

Vídeo mostra a construção do estádio de Zaha Hadid para a Copa do Mundo de 2022 no Qatar

A construção do estádio Al Wakrah para a Copa do Mundo de 2022 no Qatar, projetado pelo escritório Zaha Hadid Architects, está bem encaminhada e tem conclusão prevista para o fim deste ano. Como se pode ver no vídeo divulgado pelo Supremo Comitê de Legado e Expedição, a seção inferior de concreto do estádio já foi iniciada e os enormes pilares da cobertura já foram erguidos.

Abastecimento de Água Pontevedra / Padilla Nicás Arquitectos

© Mariela Apollonio © Mariela Apollonio © Mariela Apollonio © Mariela Apollonio + 11

Pontevedra, Espanha

Projeto de OMA para estádio e masterplan em Roterdã recebe aprovação

Um masterplan para o Feyenoord (ou Feijenoord), um subúrbio da cidade holandesa de Roterdã, foi aprovado pela Câmara Municipal. O projeto conceitual bem-sucedido de OMA, liderado pelo sócio David Gianotten, incorpora um estádio de futebol historicamente importante - para o importante clube Feyenoord - que "já não atende às demandas modernas". Alinhado às "ambições em expansão" do clube de futebol, tanto nas ligas de futebol holandesas como europeias, esta proposta é a mais recente em uma série de planos para expandir, mas a única que foi aceita até agora.

© OMA © OMA © OMA © OMA + 10

Zaha Hadid Architects divulga projeto de centro de tecnologia sustentável na Inglaterra

A empresa de energia britânica Ecotricity divulgou planos para um novo centro de tecnologia sustentável projetado por Zaha Hadid Architects em Stroud, Inglaterra. O projeto, conhecido como "Gateway to Stroud", será composto por vários edifícios e uma passarela de madeira que conectará o campus ao futuro estádio de madeira para o clube de futebol Forest Green Rovers, também projetado por ZHA e divulgado no final do ano passado.

Planejado como um centro de esportes e ciência desportiva, o parque fornecerá espaços de escritório de ponta para empresas focadas no meio ambiente, bem como acesso público a uma ampla gama de atividades de saúde e lazer.

Cortesia de Ecotricity Cortesia de Ecotricity © Zaha Hadid Architects, render by VA © Zaha Hadid Architects, render by VA + 10

Aprovado o masterplan do OMA para Feyenoord, em Roterdã

O OMA divulgou imagens de seu projeto para Feyenoord, em Roterdã, depois que o plano foi aprovado pelo prefeito e vereadores da cidade. Desenvolvido para o clube de futebol Feyenoord, o projeto consistirá de um distrito de uso misto centrado em torno de um novo estádio de 63.000 lugares para a equipe, localizado ao longo do rio Maas.

Vista da Cidade. Cortesia de OMA Vista da Cidade. Cortesia de OMA Vista do Kuip North. Cortesia de OMA Estádio - Varkenoordseviaduct. Cortesia de OMA + 9

Zaha Hadid Architects construirá o primeiro estádio do mundo feito inteiramente em madeira

O escritório Zaha Hadid Architects foi anunciado como vencedor de um concurso internacional para projetar um novo estádio de futebol para a equipe inglesa Forest Green Rovers. Entre mais de 50 propostas de todo o mundo, ZHA foi selecionado por seu projeto totalmente de madeira. Quando concluído, o estádio será o primeiro do mundo a ser feito inteiramente desse material.

Exterior Rendering. Image © VA. Courtesy of Zaha Hadid Architects Interior Rendering. Image © VA. Courtesy of Zaha Hadid Architects Interior Rendering. Image © VA. Courtesy of Zaha Hadid Architects Phase 1 Seating. Image © VA. Courtesy of Zaha Hadid Architects + 6

FC Barcelona explica o projeto e construção do novo Camp Nou através de vídeos


Em uma conferência de imprensa realizada na semana passada, o FC Barcelona apresentou o projeto do novo Camp Nou, liderado por Nikken Sekkei (Japão), em conjunto com Joan Pascual i Ramon Ausió Arquitectes (Barcelona), equipe que venceu o concurso internacional em março.

Juntamente com os jogadores da equipe, o conselho de diretores, presidido por Josep Maria Bartomeu, apresentou a maquete do projeto, que terá suas obras iniciadas em meados de 2017 e ampliará a capacidade do estádio para 105 mil espectadores. Além disso, a organização publicou uma série de vídeos sobre o projeto, incluindo uma explicação de como será construído sem interferir no calendário de partidas da equipe. 

BIG projeta novo estádio de futebol americano do Washington Redskins

O escritório BIG revelou seu projeto para o novo estádio do Washington Redskins. Conformado por uma espécie de fosso, a estrutura semitransparente e ondulosa foi projetada para redefinir a tipologia dos estádios. Além de receber os jogos da equipe, o BIG pretende que o estádio seja utilizado para outros fins além de apenas futebol americano, ao longo de todo o ano.

“O estádio foi projetado tanto para receber os eventos pré-jogo, como o jogo em si”, Bjarke Ingels afirma para 60 Minutes. "Estas reuniões de torcedores antes dos jogos se tornam piqueniques no parque. Isto, na verdade, pode dar ao estádio um uso mais ativo durante o ano, sem destruir o gramado para as partidas de futebol americano".

Herzog & de Meuron divulga imagens do novo estádio do Chelsea em Londres

Após o anúncio publicado este ano de que Herzog & de Meuron estava desenvolvendo um projeto para o novo estádio do Chelsea Football Club, o escritório suíço divulgou uma série de imagens que narram as intenções de projeto e suas implicações conceituais. O novo estádio, que será construído no lugar do atual estádio Stamford Bridge, terá três níveis de arquibancadas com capacidade total para 60 mil torcedores, e terá cerca de 60 mil metros quadrados de instalações voltadas para as equipes e público.

© Herzog & de Meuron © Herzog & de Meuron © Herzog & de Meuron © Herzog & de Meuron + 9

OMA é selecionado para renovar o Estádio RFK em Washington

O escritório OMA foi selecionado para renovar o Estádio Robert F. Kennedy (RFK) em Washington D.C. Elogiado pelos organizadores por sua habilidade de ativar o espaço público, especialmente ao longo da orla, o OMA também foi recentemente selecionado, juntamente com o escritório OLIN, para projetar a 11th Street Bridge Park.

"Uma das coisas que percebemos quando analisávamos o uso futuro do RFK, após conversar com muitos usuários em potencial, é que não havia um masterplan conceitual que pudesse ser compartilhado com a comunidade uma vez que as ideias eram colocadas no papel", comentou Max Brown, presidente da Events DC, organização. "Precisamos de alguém para ajudar a contar uma estória sobre o que este lugar poderia de tornar e também opiniões de uso e como eles são localizados."

Zaha Hadid desiste da segunda licitação para o Estádio Olímpico de Tóquio

Apenas duas semanas após o Conselho Japonês de Esportes ter lançado a segunda chamada de propostas para o Novo Estádio Nacional, Zaha Hadid Architects e o escritório parceiro Nikken Sekkei, se retiraram do concurso.

"É decepcionante que os dois anos de trabalho e investimento no projeto existente para um novo Estádio Nacional do Japão não possam mais ser desenvolvidos para atender às novas exigências deste novo concurso", comentou ZHA em um comunicado de imprensa.

FC Barcelona anuncia os finalistas para a remodelação do Camp Nou e do Palau Blaugrana

A equipe de futebol FC Barcelona divulgou o nome das 14 equipes que competem para a remodelação de suas instalações no Camp Nou em Barcelona, incluindo alterações em seu estádio principal e a reconstrução do Palau Blaugrana, uma arena nas proximidades que pertence à equipe e que é utilizada para as modalidades de basquete e handebol. As alterações nos dois edifícios fazem parte de um projeto mais amplo de €600 milhões conhecido oficialmente como "Nou Espai Barça", que busca melhorar toda a estrutura do clube, acrescentando também um ringue de patinação no gelo, novos escritórios, 5 mil vagas de estacionamento e melhorias nas áreas externas do campus. O projeto Nou Espai Barça teve 72% de aprovação da base de fãs do clube em abril deste ano.

A lista de nomes inclui oito equipes - incluindo BIG, Populous, HKS e Arup Sport - na disputa para a remodelação do estádio, que envolverá o acréscimo de quase seis mil assentos, aumentando a capacidade para 105 mil espectadores e fazendo deste o maior estádio de futebol da Europa. O projeto também incluirá a remodelação das fileiras mais baixas para melhorar a vista, além da construção de uma cobertura sobre os terraços. O clube também nomeou seis equipes que concorrem para reconstruir o Palau Blaugrana.

Herzog & de Meuron divulga imagens do projeto para o novo Estádio do Chelsea

O escritório suíço Herzog & de Meuron divulgou planos para o novo estádio do Chelsea Football Club, estimado em £500 milhões. Segundo o jornal BD, as imagens e a maquete do estádio não foram oficialmente divulgadas para a imprensa, mas foram apresentadas em uma reunião de consultoria pública organizada pelo time.

Herzog & de Meuron foi contratado para trabalhar em parceria com os urbanistas do Lifschutz Davidson Sandilands em janeiro deste ano e a recente reunião pública foi a primeira oportunidade de ver como o estádio de 60 mil lugares em será quando concluído - no entanto, imagens preliminares já haviam sido divulgadas em uma consultoria em julho, quando a proposta recebeu 92% de aprovação.

Projeto de Zaha Hadid para o Estádio Nacional de Tóquio será cancelado

Seguindo a notícia de 2012 de que Zaha Hadid vencera o concurso para projetar o Estádio Nacional de Tóquio, elemento central das Olimpíadas de Tóquio 2020 com capacidade para 80 mil pessoas, o Primeiro Ministro do Japão anunciou que os planos de construção serão cancelados. Citando os custos astronômicos como principal razão, Shinzo Abe declarou que o estádio, que deveria substituir o atual Estádio Nacional Kasumigaoka, não ficará pronto a tempo para a Copa do Mundo de Rugby em 2019, nem para os Jogos Olímpicos de 2020, como originalmente planejado.