1. ArchDaily
  2. Dusseldorf

Dusseldorf: O mais recente de arquitetura e notícia

HPP Architekten projeta edifício de escritórios com estrutura híbrida de madeira em Düsseldorf

O escritório de arquitetura e design alemão, HPP Architekten, desenvolveu um projeto de edifício de escritorios em estrutra híbrida de madeira, o qual deverá ser construído no centro de Düsseldorf, às margens do rio que dá nome à cidade. Inspirado pelos princípios de design circular cradle to cradle, ou "do berço ao berço", o projeto tem como principal objetivo divulgar e promover conceitos de economia circular, apontando soluções prática - e viáveis - que poderão ser incorporadas pela indústria da construção civil no futuro próximo. Trabalhando em parceria com os empreendedores da INTERBODEN, os arquitetos procuraram desenvolver um projeto onde todos os componentes e elementos construtivos poderiam ser reciclados após o uso, minimizando a quantidade de materiais não recicláveis e consequentemente, as emissões de CO2 durante a construção e ciclo de vida do edifício.

The Cradle. Imagem Cortesia de HPP ArchitektenThe Cradle. Imagem Cortesia de HPP ArchitektenThe Cradle. Imagem Cortesia de HPP ArchitektenThe Cradle. Imagem Cortesia de HPP Architekten+ 7

Ingenhoven projeta uma montanha urbana em Düsseldorf

A empresa de arquitetura alemã Ingenhoven projetou num novo empreendimento de uso misto para Düsseldorf. Como um "coração verde" e uma montanha urbana na cidade, o projeto está sendo construído na Gustaf-Gründgens-Platz. Chamado Kö-Bogen II, o projeto reflete o caráter do bairro ao criar um novo marco com vista para o parque Hofgarten. Os telhados e fachadas do projeto contarão com vegetação extensiva, tornando-se um modelo sustentável para o centro da cidade.

Cortesia de CADMANCortesia de CADMANCortesia de CADMANCortesia de CADMAN+ 6

A arquitetura brutalista da Universidade de Düsseldorf, pelas lentes de Luciano Spinelli

Embora a arquitetura brutalista seja às vezes criticada por sua aparência demasiadamente inacabada, é freqüentemente empregada em projetos de edifícios públicos, tornando-se, não raro, um marco na paisagem urbana. Alguns projetos, embora nitidamente brutalistas, rompem com o monocromatismo do concreto e fazem uso de superfícies coloridas que lhes conferem maior dinamismo. 

Com uma Leica M6 analógica, o fotógrafo de arquitetura e interiores Luciano Spinelli registrou o edifício da Universidade de Düsseldorf, explorando o contraste entre estruturas de concreto e outros elementos coloridos vibrantes.

RKW Architektur + projeta ópera às margens do rio Reno em Dusseldorf

O escritório RKW Architektur + divulgou imagens da sua Neue Deutsche Oper am Rhein, um novo espaço cultural para Dusseldorf, na Alemanha. A impressionante ópera, situada na orla do rio Reno, representa uma face de uma "nova Dusseldorf" devido à sua localização proeminente ao longo de uma rota popular do centro da cidade.

O projeto explora a iluminação e enfatiza a transparência como estratégia para desenvolver uma afinidade com a cidade. Um nó ao longo do passeio, a ópera "se torna não apenas uma passagem e local de lazer, mas um ponto de peregrinação cultural."

A singularidade do arranha-céu: estudos sobre forma e fachada

A série Singularity de Florian W. Mueller é, nas palavras do fotógrafo, "apenas o edifício - reduzido ao máximo". Essas imagens enganosamente simples dos topos de arranha-céus de toda a Europa e América do Norte contra o infinito do céu, são símbolos do esforço da arquitetura para chegar cada vez mais alto de modos cada vez mais exclusivos. Para Mueller, trata-se de uma tentativa de abstração. Isoladamente - e especialmente quando vistos juntos - elas são notavelmente reveladoras como estudos de forma e fachada.

Colônia. Imagem © Florian W. MuellerHong Kong. Imagem © Florian W. MuellerHamburgo. Imagem © Florian W. MuellerLondres. Imagem © Florian W. Mueller+ 21

Esta casa alemã proporciona paz e clareza

Projetada pelo escritório de arquitetura de interiores baseada em Düsseldorf Falkenberg Innenarchitektur, Casa Rheder II é um retiro sereno, que se integra com a paisagem natural. Emoldurando vistas para a idílica vegetação de East Westfalia e águas suaves do rio Nethe, o projeto visa dissolver o caos da vida moderna.

"Em um tempo de excessos, construímos uma casa que torna tangíveis os itens essenciais", disse o cliente. "Não deve ser grande e importante, mas pequena e correta."

© Reimund Braun© Thomas Mayer© Reimund Braun© Reimund Braun+ 10

Linha Wehrhahn, Dusseldorf / netzwerkarchitekten

Estação Pempelforter Strasse: “Entorno”. Imagem © Jörg Hempel
Estação Pempelforter Strasse: “Entorno”. Imagem © Jörg Hempel

Estação Schadowstraße: “Torniquete”. Imagem © Jörg HempelEstação Graf Adolf Platz: “Achat”. Imagem © Jörg HempelEstação Pempelforter Strasse: “Entorno”. Imagem © Jörg HempelEstação Kirchplatz: “Track X” . Imagem © Jörg Hempel+ 49

  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Degen + Rogowski, Schwab-Stein, VHB Memmingen

Ballet am Rhein / gmp Architekten

© Marcus Bredt© Marcus Bredt© Marcus Bredt© Marcus Bredt+ 16

Düsseldorf, Alemanha
  • Arquitetos: gmp Architects
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  4500
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015

Proposta do O25 é premiada com o segundo lugar no concurso Prologis 2030

O escritório OFFICETWENTYFIVEARCHITECTS (O25) ficou com o segundo lugar no concurso de projeto Prologis' 2030, que desafiou os participantes de sete países europeus a redefinir os edifícios de logística do futuro.

A proposta do O25 se organiza de modo similar aos atuais centros de distribuição, assumindo que as demandas futuras estarão alinhadas com as atuais. Com isso em mente, o projeto faz uso de uma área verde em proximidade a sistemas de transporte, mas não diretamente em meio ao ambiente urbano. Devido a sua localização semi-rural, o projeto tem como objetivo criar um sistema de distribuição funcional e eficiente que não compita, mas complemente, seu entorno.

Vista externa da área de carregamento. Cortesia de O25Fachada do edifício de escritórios. Cortesia de O25Vista interna da área de carregamento. Cortesia de O25Vista interna do edifício de escritórios. Cortesia de O25+ 6

DUSSELDORF / Atelier d’Architecture Bruno Erpicum & Partners

© Jean-Luc Laloux© Jean-Luc Laloux© Jean-Luc Laloux© Jean-Luc Laloux+ 26

Instalação 'In Orbit' / Tomás Saraceno

Uma instalação gigantesca de Tomás Saraceno, ititulada “in orbit,” foi montada na semana passada em Kunstsammlung Nordrhein-Westfalen na Alemanha. A uma altura de mais de 20 metros acima da praça K21 Ständehaus, Saraceno suspendeu uma construção em rede dentro da qual visitantes podem se movimentar, aparentemente flutuando. A rede de Saraceno, acessível em três níveis, se assemelha a uma paisagem de nuvens: aqueles corajosos o bastante para escalar até o alto podem ver sob a cúpula de vidro os visitantes do museu como pequenas figuras em uma maquete. A instalação ficará exposta até 7 de Setembro. Mais imagens e a descrição do arquiteto a seguir.

Locais aleatórios especiais: Kling Klang estúdio do Kraftwerk