O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Sala De Dança
  4. Alemanha
  5. gmp Architects
  6. 2015
  7. Ballet am Rhein / gmp Architekten

Ballet am Rhein / gmp Architekten

Ballet am Rhein / gmp Architekten
Ballet am Rhein / gmp Architekten, © Marcus Bredt
© Marcus Bredt

© Marcus Bredt © Marcus Bredt © Marcus Bredt © Marcus Bredt + 16

  • Colaboradores

    HOCHTIEF Solutions AG and HMI, BIG and Capatti Staubach
  • Design

    Volkwin Marg, Hubert Nienhoff, Kristian Spencker
  • Equipe de Projeto

    Veit Lieneweg, Silvia Schneider, Michael Scholz, Ramona Schwertfeger, Elisa Rodriguez, Elke Glass, Katerine Witte, Daniel Tome
  • Mais informações Menos informações
© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

Descrição enviada pela equipe de projeto. Situado entre a história estação de bondes e a residência junto ao Kopernikusstrasse, o compacto edifício oferece as condições ideais para o ensaio. Os aproximadamente 50 bailarinos da Ópera e os 55 estudantes da escola de balé, possuem a sua disposição duas salas de balé com um palco de tamanho de completo, três pequenas salas de ensaio, como também vestiários, banheiros, uma sala de fisioterapia e um apartamento para artistas convidados.

© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

A expressão arquitetônica do novo edifício é claramente diferente do heterogêneo plano de fundo criado pelas casas e dá ao lugar um aspecto sucinto. O volume do edifício - que recua para o sul - cria um equilíbrio entre o lado histórico e o bloco de doze metros de altura com as salas de balé empilhadas ao norte.

Corte AA
Corte AA

O entorno arquitetônico imediato ao novo edifício é caracterizado pro seu uso industrial histórico. O estilo arquitetônico e os materiais combinados com um esquema de cores fazem uma deliberada referência ao caráter industrial do lugar, dando ao edifício seu próprio ofício e o ambiente de ateliê.

© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

Como uma ateliê no sentido de um espaço experimental e criativo, e como um lugar de incompletude num sentido positivo, o edifício não se embeleza  com um esquema de cores proeminentes na busca da dominação. Este foco também está presente no interior - cores e materiais se limitam deliberadamente e as paredes são de concreto aparente.

© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

O edifício está conformado por salas de balé, de pé-direito duplo, e as áreas funcionais associadas são organizadas em três pavimentos. O balanço da fachada oeste marca o acesso ao edifício a partir da Merowingerstraße. Aqui, o vestíbulo de dois níveis e sua fachada de vidro definem o acesso, diferenciando-o da fachada de concreto aparente.

© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

O vestíbulo e a cafeteria dão as boas-vindas aos visitantes com um generoso espaço de acesso, onde as zonas de circulação conduzem a todos os pavimentos do edifício. As salas de balé são acessadas através das generosas áreas de entrada no primeiro e terceiro pavimento, sem perturbar os ensaios de dança que acontecem frente aos espelhos.

© Marcus Bredt
© Marcus Bredt

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Ballet am Rhein / gmp Architekten" [Ballet am Rhein / gmp Architekten] 10 Mar 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/783516/ballet-am-rhein-gmp-architekten> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.