Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Diller Scofidio + Renfro

Diller Scofidio + Renfro: O mais recente de arquitetura e notícia

Foster + Partners, Morphosis e UNStudio entre os escolhidos para projetar uma eco-ilha na China

O Hainan Airlines Group anunciou um concurso internacional entre 10 importantes escritórios de arquitetura para conceber o masterplan e os edifícios centrais de South Sea Pearl Eco-Island, uma ilha situada na baia de Haikou, no arquipélago de Hainan, China. Com participação de equipes chinesas, europeias e norte-americanas, o concurso exige a criação de um centro eco-turístico com habitações, hotéis, atrações turísticas e um porto com capacidade para 2 cruzeiros.

Os melhores sites de escritórios de arquitetura

Nossos editores acessam centenas de sites de escritórios de arquitetura todas as semanas. O que eles mais admiram e apreciam nesses sites? Organização e simplicidade. Sites que não são apenas claros, mas rápidos. Buscamos incessantemente por projetos a serem incluídos em nossa plataforma, então, é crucial que quando visitemos um site não apenas saibamos onde procurar, mas como acessar as informações. Filtros são nossos maiores aliados. Diferenciar as tipologias é importante, mas talvez não tão importante como distinguir entre projetos construídos e não-construídos ("isso é um render?" é uma pergunta feita pelo menos uma vez por dia).

8 projetos que mostram o movimento urbano de Moscou

Quando se trata de urbanismo contemporâneo, a atenção do público está cada vez mais voltada para Moscou. A cidade, claramente, pretende se tornar uma das principais megacidades do mundo em um futuro próximo e está empregando todos os meios necessários para atingir o seu objetivo, com o governo da cidade se mostrando estar muito disposto a investir em desenvolvimentos urbanos importantes (embora não sem algumas críticas).

Um evento-chave neste plano tem sido o Fórum Urbano de Moscou. Embora o objetivo declarado do fórum seja encontrar modelos adequados para as megacidades do futuro, um importante efeito colateral positivo é que ele permite que a cidade organize as melhores competições, selecione os melhores arquitetos e construa os melhores espaços urbanos para promover a cidade de Moscou. O Fórum também publica pesquisas e documentos acadêmicos para informar futuros empreendimentos de Moscou; por exemplo, Arqueologia da Periferia, uma publicação inspirada no fórum de 2013 e lançada em 2014, que nomeadamente influenciou o desenvolvimento urbano nos arredores de Moscou, mas também destacou a importância de combinar o desenvolvimento urbano com a paisagem existente.

Museu de Arte Contemporânea Garage / OMA. Imagem © Yuri Palmin Beira Rio Moscou / Project Meganom. Imagem Cortesia de Project Meganom Estação de Metro Novoperedelkino / U-R-A. Imagem Cortesia de U-R-A | United Riga Architects Luzhniki Stadium. Image © Flickr user bbmexplorer licensed under CC BY-ND 2.0 + 43

Vídeo: Diller Scofidio + Renfro propõe centro cultural "conversível" próximo ao High Line

O escritório Diller Scofidio + Renfro, em colaboração com o Rockwell Group, divulgou um vídeo de animação mostrando seu projeto "The Shed", um centro cultural "conversível" projetado para o empreendimento Hudson Yards em Nova Iorque, adjacente ao High Line Park. Quando concluído, o edifício terá mais de 17 mil metros quadrados de espaços expositivos para instalações temporárias, concertos, apresentações e outras atividades culturais. Assista ao vídeo acima para ver como o projeto funcionará.

Parte da primeira etapa do projeto Hudson Yards, a construção do The Shed começou em meados do ano passado e a obra tem conclusão prevista para 2019. O local receberá diversos eventos importantes, incluindo o New York Fashion Week.

Tod Williams Billie Tsien Architects vence concurso organizado pela Obama Foundation

A Obama Foundation selecionou o escritório Tod Williams Billie Tsien Architects (TWBTA), em parceria com o Interactive Design Architects (IDEA), para liderar o projeto do Obama Presidential Center em Chicago. Escolhido entre uma lista que incluía Diller Scofidio + Renfro, John Ronan Architects, Renzo Piano Building Workshop, SHoP Architects, Snøhetta e Adjaye Associates, o TWBTA se destacou por seu "comprometimento em explorar os melhores modos de criar um centro inovador de ação que inspire comunidades e indivíduos a enfrentarem grandes desafios."

DS+R divulga projeto para o Fórum Rubenstein da Universidade de Chicago

O escritório Diller Scofidio + Renfro (DS+R) divulgou seu projeto para o Fórum David M. Rubenstein na esquina sudeste da Woodlawn Avenue com a 60th Street no campus da Universidade de Chicago. A edificação de 8.500 metros quadrados foi concebida como um local de troca intelectual, institucional e educacional, satisfazendo as exigências de variedades de pontos de encontros do campus. Um conjunto de volumes cúbicos, a base de dois pavimentos do edifício é ancorada por uma estreita torre de 50 metros, cuja estrutura e revestimentos refletem as divisões programáticas internas.

Compreendendo "The Broad": Um marco na revitalização do centro de Los Angeles

Diferente da maioria das cidades estadunidenses, que passaram o século XX se expandindo radialmente para seu subúrbio, Los Angeles confunde gente de fora porque não possui um centro definido. A sigla "LA" é amplamente utilizada para se referir à uma variedade de pequenas cidades ao longo da baía de Los Angeles que cresceram junto ao longo do tempo. Tradicionalmente, uma grande parte destas localidades foram os centros culturais e os destinos turísticos (Hollywood, Santa Monica, Beverly Hills, Silverlake, etc) Enquanto estes distritos prosperaram, o centro da cidade ficou bastante negligenciado; seus edifícios sedes de grandes financeiras e espaços de comércio passaram por graves questões de ocupação durante a maior parte dos anos 1990 e 2000. Há dez anos atrás, a vida urbana nas ruas do centro da cidade fora do horário comercial é virtualmente inexistente.

Este destino era em grande parte o resultado de um planejamento urbano pobre. A destruição trágica do vibrante bairro residencial Bunker Hill nos anos 60 criou uma série de superquadras ladeadas de rodovias, compostas de lotes vazios que eram destinados às eficientes - e feias - torres modernistas, muitas das quais nunca foram aproveitadas. Até hoje em dia, esta área ainda sofre com lotes vazios. Empreendedores e arquitetos têm considerado o centro da cidade um investimento de retorno arriscado desde então.

O centro da cidade de Los Angeles não apenas era motivo de piadas (Em Uma Família da Pesada: "Não há nada pra fazer no centro!”) mas era também tratado com desdém. Até mesmo Frank Gehry disse uma vez que ele queria que o Walt Disney Concert Hall fosse construído 20 quilômetros de distância de sua localização original, para ser então construído em Westwood (próximo a UCLA). E ainda acrescentou que sentiu que as atuais tentativas de revitalização do centro eram "anacrônicas e prematuras". Ai!

Courtesy of The Broad and Diller Scofidio + Renfro © Iwan Baan © Iwan Baan © Iwan Baan + 8

Chipperfield e Herzog & de Meuron entre os seis finalistas do concurso para o novo edifício da LSE

A London School of Economics (LSE), em parceria co o RIBA, anunciou seis equipes finalistas do concurso para o novo edifício da universidade: a renovação do 44 Lincoln's Inn Fields, que quando for concluído será conhecido como Paul Marshall Building. Terceiro projeto a ser realizado na recente transformação do campus, o Paul Marshall Building vem na sequência do “Center Building Redevelopment” de Rogers Stirk Harbour + Partners, que recebeu aprovação de construção no início deste ano, e do elogiado Saw Swee Hock Student Centre, finalista do Stirling Prize de 2014.

Diller Scofidio + Renfro projeta seu primeiro edifício em Chicago

A Universidade de Chicago selecionou o escritório Diller Scofidio + Renfro (DS+R) para projetar o Fórum David M. Rubenstein, um novo equipamento que receberá conferências, oficinas, palestras, cerimônias e outros eventos. Planejado para o Campus Sul da Universidade, na esquina entre a Woodlawn Avenue e a 60th Street, o Fórum proporcionará uma mescla de espaços de encontro formais e informais que fomentam a "troca aberta de ideias".

"Nosso primeiro edifício em Chicago, o Fórum Rubenstein apresenta um desafio único: imaginar um lugar de discurso contemporâneo para todos os departamentos e institutos da universidade e receber acadêmicos e personalidades de todo o mundo", comentou Elizabeth Diller.

Diller Scofidio + Renfro vence concurso para projetar a Escola Juilliard em Tianjin

O escritório Diller Scofidio + Renfro (DS+R) foi selecionado para projetar a nova Escola Tianjin Juilliard. Mesma firma responsável pela expansão da sede da Juilliard em Nova Iorque em 2009, DS+R planeja concluir o novo equipamento em Tianjin em 2018. O projeto já recebeu aprovação preliminar do Ministério da Educação da China.

Assim que for concluída, a nova escola oferecerá um curso de Mestrado em Música nas áreas de desempenho em orquestra, desempenho em música de câmara e piano colaborativo, além de um programa pré-colegial, um programa de treinamento instrumental, educação para adultos e apresentações para o público em geral.

DS+R divulga fotografias do novo edifício de História da Arte da Universidade de Stanford

O escritório Diller Scofidio + Renfro (DS+R) divulgou as primeiras fotografias - feitas por ninguém menos que Iwan Baan - de seu projeto para o McMurty Building na Universidade de Stanford, que será oficialmente aberto ao público no dia 6 de outubro. O edifício de 9 mil metros quadrados será inaugurado a tempo para o segundo semestre letivo de 2015 e permitirá que os alunos de Artes e História da Arte estudem juntos sob o mesmo teto. Saiba mais sobre o projeto de DS+R, a seguir.

Olafur Eliasson traz instalação de LEGO para o High Line

Como parte da série "Panorama" apresentada este ano, a organização Friends Of The High Line anunciou a instalação "The Collectivity Project", de Olafur Eliasson, que permanecerá em exposição até o dia 30 de setembro no High Line. A instalação, que já passou por Tirana, Oslo e Copenhague, mostra uma paisagem urbana imaginária interativa feita com duas toneladas de blocos de LEGO, a qual pode ser desmontada e reconstruída pelos visitantes.

Diferentemente das outras ocasiões em que a instalação foi apresentada, o High Line Art convidou arquitetos renomados que estão trabalhando nos arredores do High Line para contribuir com um projeto de LEGO para a abertura da instalação, com BIG, David M. Schwarz Architects, Diller Scofidio + Renfro, James Corner Field Operations, OMA New York, Renzo Piano Building Workshop, Robert A.M. Stern Architects, Selldorf Architects, SHoP, e Steven Holl Architects contribuindo com um edifício que posteriormente será adaptado, desmontado e reconstruído pelo público.

14 tendências na arquitetura que definirão a próxima década

Quando você pensa sobre o futuro, como vê o ambiente construído? De acordo com este artigo, originalmente publicado no Huffington Post como The Architecture of the Future is Far More Spectacular than You Could Imagine, o futuro está mais próximo do que poderíamos pensar - projetos atuais já estão respondendo às necessidades imaginárias e desejos da próxima geração. De uma torre com pavimentos rotacionados a um parque capaz de filtrar o esgoto, confira 14 projetos que são a arquitetura do amanhã.

© The Living Cortesia de Diller Scofidio + Renfro com Hargreaves Associates e Citymakers 14 tendências na arquitetura que definirão a próxima década Cortesia de NEXT Architects + 14

Uma prévia do Broad Museum de Diller Scofidio + Renfro

Here's The Broad 3rd floor gallery space before the art walls are installed #broad2015 #huftonandcrow @thebroadmuseum

A photo posted by ©Hufton+Crow (@huftonandcrow) on

Projetado por Diller Scofidio + Renfro, o Broad Museum de Los Angeles tem inauguração prevista para dia 20 de setembro. Contudo, numa tentativa de diminuir a tensão em torno dos muitos atrasos e problemas legais que envolveram a obra, semana passada representantes da imprensa foram convidados a ver o edifício ainda em construção, onde tiveram uma prévia do tão aguardado acréscimo ao conjunto de museus da Grand Avenue de Los Angeles.

Segundo Christopher Hawthorn, crítico do LA Times, o encontro foi iniciado com um percurso pelo espaço, guiado pela arquiteta Elizabeth Diller. Domingo passado foi permitida a entrada de 3.000 pessoas, que compraram seus ingressos com meia hora de antecedência. Após essa breve abertura, o Broad Museum permanecerá interditado ao público até sua abertura oficial; até lá, quem não conseguiu vê-lo ao vivo, terá que se contentar com as imagens no Instagram e Twitter daqueles que tiveram a sorte de poder ver a obra por dentro ainda em fase de construção.

30 documentários de Arquitetura e Urbanismo para ver em 2015

Em 2013 e 2014 apresentamos uma seleção de documentários imperdíveis para arquitetos e este ano não será diferente. No começo de 2015 submergimos novamente no fascinante e distinto mundo dos documentários para coletar uma série de títulos de interesse para os apaixonados pela arquitetura e urbanismo.

Estreias ou clássicos, teóricos ou curiosos, a seleção deste ano apresenta diversos filmes brasileiros, portugueses e internacionais, que abordam conteúdos sobre a habitação, biografias de grandes arquitetos e diversos outros temas como a decadência urbana de Veneza ao se ver consumida pelo turismo, a experiência de um casal que habita a polêmica “8 House”, projetada pelo BIG, e até mesmo um documentário da NatGeo que nos mostra como funciona a impressionante fábrica de Lego.

Em ordem aleatória, apresentamos 30 documentários que devem ser vistos em 2015.

30 documentários de Arquitetura e Urbanismo para ver em 2015 30 documentários de Arquitetura e Urbanismo para ver em 2015 30 documentários de Arquitetura e Urbanismo para ver em 2015 30 documentários de Arquitetura e Urbanismo para ver em 2015 + 32

Vida natural na cidade: Como o Zaryadye Park de Diller Scofidio + Renfro pode melhorar Moscou

No final de 2013, o escritório Diller Scofidio + Renfro venceu o concurso internacional para projetar o Zaryadye Park, primeiro parque construído em Moscou nos últimos 50 anos. O projeto é o carro-chefe de uma série de propostas que visam melhorar os espaços verdes da cidade, incluindo a renovação do Gorky Park e dos planos recentes para o Rio Moscou. Este artigo, publicado originalmente pelo The Calvert Journal como parte da série " How to Fix Moscow", examina como a "vida natural" urbana de DS+R afetará a cidade.

Em uma entrevista de 2010, o crítico e historiador Grigory Revzin se queixou de que os moscovitas que quisessem "caminhar em parques e aproveitar a cidade" teriam que "sair às ruas" antes que qualquer coisa fosse feita. Na esperança de que arquitetos respondessem ao problema, uma das sugestões de Revzin era um parque que substituísse o Hotel Rossiya, cuja vegetação do terreno havia crescido demais desde que este fora abandonado em 2007. Essa área selvagem no centro da cidade era, de fato, um presságio do que estava por vir: Zaryadye Park, o primeiro parque construído em Moscou nos últimos 50 anos, cujo concurso foi vencido pelo escritório americano Diller Scofidio+Renfro em novembro de 2013.

Cortesia de Zaryadye Park Cortesia de Zaryadye Park Cortesia de Zaryadye Park Cortesia de Zaryadye Park + 9

Instalação "Musings on a Glass Box" de Diller Scofidio + Renfro ocupa a Fondation Cartier em Paris

Em comemoração dos 30 anos da Fondation Cartier pour l’art contemporain, o escritório Diller Scofidio + Renfro criou uma exposição interativa que estimula os visitantes a experienciar o edifício de vidro e aço projetado por Jean Nouvel de um modo completamente novo.

“O edifício da Fondation Cartier, projetado por Jean Nouvel, será usado como matéria prima para a obra, a primeiro na história da instituição. Musings on a Glass Box é uma obra complexa que ocupa todo o térreo da Fondation Cartier, onde uma alteração no forro desencadeará uma reação de surpresa. O resultado é um ambiente imersivo que inclui um componente acústico - desenvolvido pelo compositor americano David Lang e pelo designer de som Jody Elff - e que trabalha com a arquitetura do edifício para levantar questões sobre transparência, percepção e a relação com o espaço.

Uma declaração de Diller Scofidio + Renfro, a seguir.

O capítulo final do High Line está completo; mas espere, não feche o livro ainda!

Com a inauguração da última etapa do High Line em Nova Iorque no mês passado, a cidade pôde finalmente fazer um balanço de uma transformação urbana que levou uma década e meia de sua concepção à concretização - e nos primeiros cinco anos desde a inauguração de sua primeira etapa se tornou um dos grandes fenômenos de planejamento urbano do século XXI, inspirando propostas semelhantes em cidades ao redor do mundo. Neste artigo, publicado originalmente pela Metropolis Magazine como "The High Line's Last Section Plays Up Its Rugged Past," Anthony Paletta escreve sobre essa nova peça final ao quebra-cabeça, e examina o que este projeto referência significou para o West Side de Manhattan.

A promessa de qualquer ferrovia urbana, ainda que obscura ou congestionada no seu início, é a eventual liberação para a fronteira aberta, a perspectiva de que esses trilhos enterrados poderiam, em tempo, levá-lo em qualquer lugar. Para aqueles de nós cujo único cronograma é o nosso ritmo de caminhada, esta é a experiência da última fase recém inaugurada do High Line. O parque, depois de serpentear em suas duas fases iniciais ao longo de 20 densas quadras de Manhattan, se alarga em uma grande promenade que termina com a épica vista para o Rio Hudson. É um grande coda e um final satisfatório para um dos projetos de parque mais ambiciosos na memória recente.