Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Mónica Arellano

Editor de conteúdo no ArchDaily Mexico. Arquiteto da UNAM (2018). Seus interesses se concentram em explorar a relação do corpo com a arquitetura através da dança. Ele colaborou com diferentes coreógrafos internacionais que exploram a dança e a arquitetura como um evento. Twitter / Instagram: @monicarellano_

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE AUTOR

Estúdio mexicano Escobedo Soliz vence o prêmio Emerging Voices 2020

Todo ano a Architectural League de Nova Iorque seleciona oito escritórios com sede nos Estados Unidos, Canadá ou México para serem reconhecidos através do prêmio Emerging Voices, cujas práticas emergentes tenham o potencial para influenciar as disciplinas da arquitetura, da paisagem e do desenho urbano. Este ano o escritório mexicano vencedor foi Escobedo Soliz, formado por Lazbent Pavel Escobedo Amaral e Andrés Soliz Paz.

Uma viagem pela Califórnia através de sua arquitetura residencial

Martis Camp 506 / Blaze Makoid Architecture. Image Cortesía de Blaze Makoid Architecture C-Glass House / Deegan Day Design. Image © Taiyo Watanabe Off-Grid Guest House / Anacapa. Image © Erin Feinblatt McElroy House _ Ehrlich Architects / Ehrlich Yanai Rhee Chaney Architects. Image © Miranda Brackett + 26

Localizada no extremo oeste dos Estados Unidos, a Califórnia é o estado mais populoso do e o terceiro em extensão territorial. Ao longo de seus quase quinhentos mil quilômetros quadrados encontram-se algumas das cidades mais populosas do país como é o caso de Los Angeles, San Diego, San Francisco, Long Beach e Oakland.

Arquitetura e cor: uma seleção de projetos que usam o tom Pantone 2020

Torres de Satélite / Luis Barragán. Image © Usuario de Flickr: piccach Centro de Visitantes en el Río Niyang / Standardarchitecture + Zhaoyang Architects. Image © Chen Su Centro de Desarrollo Infantil en Chesapeake / Elliott + Associates Architects. Image © Scott McDonald - Hedrich Blessing Puente High Trestle Trail / RDG Planning & Design. Image © Iris22 Productions + 12

Como acontece anualmente, o Pantone Color Institute™ anunciou a cor do ano. Para 2020, foi eleito o PANTONE 19-4052 Classic Blue, um tom que "inspira calma, confiança e conexão" para o processo de transição em direção a uma nova era. Descrita como "atemporal e durável", a cor faz lembrar o céu ao pôr do sol e "ajuda a focar os pensamentos".

Escola Jojutla / Taller de Arquitectura X / Alberto Kalach

Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach
Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach

Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach Cortesía de Taller de Arquitecura X - Alberto Kalach + 38

Sordo Madaleno Arquitectos apresenta projeto na costa do Mar de Cortés no México

As grandes reservas biológicas localizadas em La Paz, Baixa Califórnia Sul, no norte do México, transformaram este destino em um dois mais significativos para o ecoturismo no país, e sua proximidade em relação aos Estados Unidos acelerou seu desenvolvimento em diferentes âmbitos nos últimos anos.

Vista aérea. Render por CG Verón. Image © Sordo Madaleno Arquitectos Vista aérea. Render por CG Verón. Image © Sordo Madaleno Arquitectos Vista do Mar de Cortés. Vista aérea. Render por CG Verón. Image © Sordo Madaleno Arquitectos Vista Interior. Render por SMA. Image © Sordo Madaleno Arquitectos + 15

Go Hasegawa constrói instalação temporária em jardim projetado por Luis Barragán

Como parte da agenda cultural do Jardín 17 - um espaço projetado por Luis Barragán como uma extensão da casa-estúdio e que há 20 anos recebe diferentes programas acadêmicos de todo o mundo - o arquiteto japonês Go Hasegawa projetou a instalação Flying Carpet (ou, Tapete Voador): um pavilhão suspenso em meio ao jardim de Barragán.

Dellekamp + Schleich projetam instalação sobre as dicotomias do poder para o Abierto Mexicano de Diseño 2019

© Derek Dellekamp
© Derek Dellekamp

© Luis Young © Luis Young © Sana Frini © Sana Frini + 19

Como parte da série de exposições concebidas para o Aberto Mexicano de Desenho de 2019, o escritório de arquitetura mexicano Dellekamp + Schleich apresenta uma instalação chamada Dicotomías del Poder, uma intervenção no espaço do histórico Museu Numismático Nacional da Cidade do México, a qual estará aberta à visitação entre os dias 9 outubro até 17 de novembro, de terça à domingo das 10:00 às 16:00 horas.

Mapa mostra todas as casas de Frank Lloyd Wright nos Estados Unidos

Frank Lloyd Wright foi um dos arquitetos norte-americanos mais influentes a nível mundial, percursor do Movimento Moderno, da arquitetura orgânica e do movimento Prairie School. A obra de Wright adquiriu cada vez mais importância através dos anos e isso se refletiu em diversas ações que buscam conservar sua obra, já que, recentemente, 8 de seus projetos foram inscritos na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO.

Prestige Central: a primeira sede da WeWork na Índia

Cortesía de WeWork Cortesía de WeWork Cortesía de WeWork Cortesía de WeWork + 5

Fundada em 2010, a WeWork acaba de inaugurar a sua primeira sede na Índia, um espaço de co-working projetado pelo diretor criativo da WeWork, Adam Kimmel. Localizada no centro de Bangalore, na região sul do país, o edifício de oito pavimentos foi chamado de Prestige Central.

Vencedores da IV Bienal de Arquitetura da Cidade do México CAM-SAM 2019

Oficinas, escritórios e estúdios. Imagem Residência Multifamiliar. Imagem Turismo. Imagem Educação. Imagem + 36

O Colegiado de Arquitetos da Cidade do México convocou a todos os arquitetos e arquitetas mexicanos a participarem na IV Bienal de Arquitetura da Cidade do México 2019. Este evento pretendia identificar as melhores obras arquitetônicas do país, assim como as publicações, pesquisas e teses, reconhecer a seus autores e difundir as obras mais relevantes para permitir, por meio da análise e da crítica, estabelecer uma reflexão acerca da arquitetura contemporânea responsável e com soluções sustentáveis. Neste bienal foram apresentados 106 projetos, 18 publicações e foram concedidas 1 medalha de ouro, 14 medalhas de prata, 2 menções especiais e 27 menções as quais foram divididas em 23 categorias. Continue lendo para conhecer os vencedores.

Artista mexicana projeta instalação que sobrepõe os territórios do México e de Nova Iorque

Cortesía de The Chimney Cortesía de The Chimney Cortesía de The Chimney Cortesía de The Chimney + 8

Como parte de uma nova exposição, a galeria The Chimney com sede no Brooklyn em Nova Iorque, apresenta Small landscapes from near and far" da artista mexicana Perla Krauze. Para sua primeira exposição na galeria, Krauze documentou duas geografias: a terra mexicana e o terreno urbano de Nova Iorque. Em ambos os lugares, a artista reuniu, alterou e reproduziu fragmentos da terra e registrou o efeito do tempo nas superfícies das ruas locais. Entrelaçados em um diálogo complexo, esses dois lugares combinados representam uma topografia pessoal e um mapa emocional que questiona a noção de pertencimento territorial.

Basketcolor: identidade, brincadeira e resiliência na fronteira do México

© Nómada Laboratorio Urbano © Nómada Laboratorio Urbano © Nómada Laboratorio Urbano © Nómada Laboratorio Urbano + 12

No ano de 2014 um grupo de amigos de Cidade Juárez, Chihuahua, inquietos por fomentar o processo de resiliência e recuperação de sua cidade, se uniu para dialogar e sugerir ideias para recuperar ruas, praças e parques através de projetos sócio-culturais e intervenções urbanas no espaço público. Foi assim que surgiu Nómada Laboratorio Urbano. Cidade Juárez é uma urbe industrial situada na fronteira norte com os Estados Unidos, especificamente com a cidade de El Paso, Texas. Ao longo dos anos, a cidade foi economicamente dominada pela indústria maquiladora e um dia foi considerada uma das cidades mais violentas do mundo graças à onda de delitos que se instaurou entre 2008 e 2012.

Como o "coworking" transformou nossos espaços de trabalho?

Nest / Beza Projekt. Imagem © Jacek Kołodziejski WeWork Yangping Lu / Linehouse. Imagem © Dirk Weiblen WeWork Tower 535 / NCDA. Imagem © Dennis Lo Designs © WeWork + 16

Ao longo dos últimos anos, os espaços habitáveis de nosso planeta passaram por uma revolução sem precedentes que corresponde ao momento específico da história da humanidade, quando mais da metade da população mundial passou a viver em áreas urbanizadas. É por isso que, devido ao considerável aumento da população urbana de nosso planeta, a estrutura de nossas cidades estão mudando. Tanto as nossas casas quanto os espaços públicos e locais de trabalho estão se transformando para construir novas relações entre as pessoas e o espaço.

Tatiana Bilbao: "O maior desafio do Aquário de Mazatlán foi recriar o ambiente do Golfo da Califórnia"

© Tatiana Bilbao Estudio © Tatiana Bilbao Estudio © Tatiana Bilbao Estudio © Tatiana Bilbao Estudio + 21

O projeto para o novo Aquário de Mazatlán, concebido pelo escritório de arquitetura liderado Tatiana Bilbao, encontra-se inserido no masterplan - também desenvolvido pela arquiteta mexicana - no contexto do programa de revitalização do Parque Central de Mazatlán, no México. Tatiana Bilbao idealizou o projeto do Aquário de Mazatlán com a principal intenção de complementar as áreas públicas da cidade, adequando-se à paisagem natural e cultural deste conjunto de grande interesse histórico e social. O projeto busca oferecer aos visitantes uma experiência completa, um percurso através dos principais ecossistemas marinhos do chamado “Mar de Cortés”, na costa oeste mexicana. Nesta entrevista, conversamos com a arquiteta mexicana Tatiana Bilbao para saber maiores detalhe sobre as suas principais intenções com este projeto assim como sobre os desafios ao longo de todo o processo de desenvolvimento do projeto daquele que será um dos maiores Aquários da América Latina.

Carregue seus edifícios favoritos onde você for com esta série de acessórios

© Drop-a-pin © Drop-a-pin © Drop-a-pin © Drop-a-pin + 8

DROP-A-PIN é um projeto fundado por uma dupla interessada em arquitetura e design gráfico que viajou nos últimos cinco anos para documentar alguns dos edifícios mais fascinantes do mundo. Cerca de um ano atrás, decidiram transformar estes edifícios em acessórios - mais precisamente, tachinhas.

20 Projetos mexicanos que exploram as possibilidades do concreto aparente

Foro Boca / Rojkind Arquitectos. Image © Jaime Navarro Casa Lomas / Oficio Taller. Image © Adrián Llaguno / Documentación Arquitectónica y The Raws Club de Niños y Niñas / CCA Centro de Colaboración Arquitectónica. Image © Arturo Arrieta Casa Orgánica / Javier Senosiain. Image Cortesía de Javier Senosian + 23

Concreto é um material muito comum na indústria da construção civil, composto por um aglutinante combinado com agregados (pedra, por exemplo), água e certos aditivos. Sua história remonta ao Egito antigo, quando surge a necessidade de se construir grandes fundações, momento em que as propriedades naturais das pedras já não atendem mais às demandas e fica clara a necessidade de um material que pode ser moldado para assumir determinadas formas. 

404.zero: dupla de arquitetos que produz instalações audiovisuais vem à América Latina

Compondo o quadro da 16ª edição do Festival MUTEK, realizado na Cidade do México desde 2003, a participação do Coletivo 404.zero foi anunciada como uma das principais atrações deste ano. A dupla de arquitetos do 404.zero, dedicados a projetar espaços e experiências imersivas utilizando instalações audiovisuais e live performance, tem como principal interesse - e uma incontrolável fascinação - pelo desconhecido, o universo e a morte.