Materializando ideias: a relação entre engenharia estrutural e arquitetura

Materializando ideias: a relação entre engenharia estrutural e arquitetura

Nos últimos anos, assistimos a um maior reconhecimento do esforço coletivo que é a arquitetura e a crescente valorização das diferentes profissões que participam no processo de projeto. Dentro de cada edifício extraordinário, a engenharia estrutural desempenha um papel essencial na materialização da ideia arquitetônica. O artigo destaca as contribuições passadas e presentes da engenharia para o ambiente construído, personalidades que ficaram à sombra dos arquitetos apresentando suas intenções de projeto e a colaboração entre engenheiros e arquitetos hoje.

Exposição SOM A Engenharia de Arquitetura. Imagem © Saskia WehlerThe Vieux Port Pavilion por Foster+Partners. Imagem © Edmund SumnerMaggie's Cancer Centre em Manchester por Foster+Partners. Imagem © Nigel YoungVia Shutterstock / By Takashi Images. Imagem + 8

BUGA Fibre Pavilion. Imagem © ICD/ITKE
BUGA Fibre Pavilion. Imagem © ICD/ITKE

A inovação em arquitetura decorre da valorização dos pontos fortes de cada profissão envolvida no processo de projeto. Da Syndey Opera House de Utzon ao Heydar Aliyev Center da ZHA ou The Interlace do OMA, projetos espetaculares mostram o compromisso dos engenheiros em alcançar a ideia do projeto, com soluções que se misturam perfeitamente com o objeto final construído. O que se segue é um reconhecimento do papel essencial dos engenheiros estruturais na arquitetura.

Avanço da Engenharia em Relação à Arquitetura 

Exposição SOM A Engenharia de Arquitetura. Imagem © Saskia Wehler
Exposição SOM A Engenharia de Arquitetura. Imagem © Saskia Wehler

Os engenheiros ganharam destaque no campo da arquitetura no século XIX, quando criaram uma revolução arquitetônica que desdobrou em uma estética inteiramente nova de estruturas de vidro e metal. A produção em massa de aço e vidro em países como Inglaterra e França tornou-os materiais de construção amplamente disponíveis, exigindo novas formas arquitetônicas. Ainda assim, os arquitetos foram relativamente lentos em adotá-los. Enquanto a arquitetura na Europa Ocidental lutava para definir a nova estética, os engenheiros, livres das restrições do cânone arquitetônico, foram rápidos em usar vidro e aço para criar estruturas inovadoras, o que por sua vez levou ao surgimento de projetos como Les Halles de Victor Baltard em Paris ou o Palácio de Cristal de Joseph Paxton em Londres.

BUGA Fibre Pavilion. Imagem © ICD/ITKE
BUGA Fibre Pavilion. Imagem © ICD/ITKE

Esse episódio da história deu forma a uma nova estética que transformaria radicalmente a arquitetura e abriria caminho para projetos ousados no futuro. Desde então, a inovação em engenharia estrutural continuou avançando na arquitetura. Além disso, os projetos de pesquisa contemporâneos ultrapassam os limites da engenharia e da ciência dos materiais, desenvolvendo sistemas estruturais inovadores, especialmente no domínio do design computacional. Neste sentido, há vários anos, o Institute for Computational Design (ICD) e o Institute of Building Structures and Structural Design (ITKE) têm criado uma série de pavilhões experimentais com o objetivo de desenvolver aplicações para a área da arquitetura.

Engenheiros que Materializaram a Arquitetura Contemporânea

Via Shutterstock / By Takashi Images. Imagem
Via Shutterstock / By Takashi Images. Imagem

Arquitetos com formação em engenharia, como Santiago Calatrava, Eero Sarineen ou Frei Otto, são conhecidos por seus avanços na arquitetura. Menos conhecidos são os engenheiros sem os quais muitos edifícios icônicos não teriam a mesma aparência. Ove Arup foi um dos engenheiros mais destacados do século XX. Ele definiu sua prática como "arquitetura total", o que significa que "todas as decisões de projeto relevantes foram consideradas em conjunto e integradas em um todo". Peter Rice foi outra figura influente na engenharia e arquitetura, a quem Renzo Piano se referiu como "um pianista que pode tocar com os olhos fechados", descrevendo suas habilidades em estruturas. Defensor da inovação, o engenheiro foi sócio da ARUP e esteve envolvido na criação de edifícios como a Syndey Opera House, o Centre Pompidou ou o Aeroporto Internacional de Kansai. O que essas e outras figuras têm em comum é a compreensão do papel essencial de uma estreita colaboração entre arquitetos e engenheiros.

Processo Colaborativo 

David Burk. Imagem Willis Tower Skydeck de SOM
David Burk. Imagem Willis Tower Skydeck de SOM

A interdisciplinaridade e a colaboração são cada vez mais valorizadas, o que se verifica na forma como os escritórios de engenharia e de arquitetura diversificam o seu âmbito, trazendo consigo especialidades complementares. Escritórios como SOM integraram arquitetura e engenharia em seu trabalho e se orgulham dos resultados da estreita colaboração entre as duas profissões, enquanto empresas como a Arup expandiram sua área de especialização para design e planejamento. Em uma palestra intitulada "Um Manifesto para Projeto Estrutural", o Chefe de Engenharia Estrutural da Foster + Parterns, Roger Ridsdill Smith, descreve o resultado desse tipo de processo colaborativo dizendo que "a maior parte da inovação vem da transferência de tecnologia e a maior parte dela vem de colaboração e comunicação". Na palestra, Smith compartilha o trabalho de engenharia por trás de alguns dos projetos da empresa, como The Vieux Port Pavilion, Maggie's Cancer Center em Manchester ou Aeroporto Internacional de Tocumen, fornecendo uma visão sobre os desafios estruturais de cada obra e como a equipe os administrou para cumprir com a intenção do projeto.

A partir de uma visão abrangente do campo altamente complexo, com inúmeras personalidades proeminentes e história estabelecida, os exemplos acima ilustram a forma como a engenharia e a arquitetura se entrelaçam. Ao elogiar um projeto e o arquiteto que o idealizou, vale a pena ter em mente o empenho dos engenheiros e de tantos outros profissionais que entregaram a melhor solução possível para se alcançar uma ótima arquitetura.

Este artigo é parte do Tópico do ArchDaily: Arquitetura Multidisciplinar. Mensalmente, exploramos um tema específico através de artigos, entrevistas, notícias e projetos. Saiba mais sobre os tópicos mensais. Como sempre, o ArchDaily está aberto a contribuições de nossos leitores; se você quiser enviar um artigo ou projeto, entre em contato.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Cutieru, Andreea. "Materializando ideias: a relação entre engenharia estrutural e arquitetura" [Materialising a Vision: Structural Engineering and Architecture] 01 Jul 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/962693/materializando-ideias-a-relacao-entre-engenharia-estrutural-e-arquitetura> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.