O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias de Arquitetura
  3. Piscinas públicas ou residências particulares: Como Estocolmo deveria usar seus penhascos?

Piscinas públicas ou residências particulares: Como Estocolmo deveria usar seus penhascos?

Piscinas públicas ou residências particulares: Como Estocolmo deveria usar seus penhascos?
Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox
Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox

Uma das coisas mais deliciosas da arquitetura é a diversidade de soluções que qualquer terreno pode proporcionar. Desde projetos hipotéticos estudantis até propostas profissionais, as diferentes perspectivas, posições e experiências trazidas para um determinado terreno podem ser muito abrangentes e contrastantes. 

Recentemente, publicamos uma matéria sobre a Nestinbox, uma proposta do escritório de arquitetura sueco Manofactory de anexar uma série de casas simples e funcionais a um penhasco em Estocolmo, atendendo as demandas de aumento de populações e preços da terra em cidades de todo o mundo. Agora, as falésias de Estocolmo foram objeto de um projeto completamente diferente, embora tão interessante quanto, da empresa sueca UMA. Em vez de residências particulares, a UMA propõe a Stockholm Infinity Pool, uma piscina pública a 1 km ao longo das falésias de Sodermalm, da capital da Suécia.

Cortesia de UMA Cortesia de UMA Cortesia de UMA Cortesia de UMA + 13

Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA

A Infinity Pool oferece uma faixa de 1 quilômetro de espaço público ao longo dos penhascos de Sodermalm, apresentando vistas panorâmicas da magnífica entrada do mar Báltico, onde um arquipélago se mistura lentamente à paisagem urbana de Estocolmo. Durante a primavera, verão e outono, a piscina é aquecida por calor residual, com água fornecida pelo Mar Báltico através de uma estação de tratamento. Durante os meses de inverno, a água congela criando uma superfície ideal para a patinação no gelo.

Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA

A estrutura abaixo da piscina abriga vestiários, chuveiros e saunas, além de oferecer vistas para o Mar Báltico. Semelhante à Nestinbox, a estrutura de aço da Infinity Pool é aparafusada ao rochedo das falésias existentes, enquanto uma estrutura secundária modular e de concreto pode ser montada e fixada na estrutura de aço.

Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA
Cortesia de UMA

A Nestinbox e a Infinity Pool abordam condições idênticas de terreno, porém, a partir de pontos de vista completamente diferentes. A Nestinbox vê os penhascos de Estocolmo como um recurso inexplorado para abordar a demanda crescente por habitações, criando uma comunidade residencial acima do nível do solo. Em contrapartida, a UMA vê as falésias como uma oportunidade para investir em espaço público inclusivo e atraente, melhorando o potencial turístico de Estocolmo como uma cidade de inovação criativa.

Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox
Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox

Em um penhasco tão extenso como este, talvez haja espaço para ambos. Quem não ficaria entusiasmado com a ideia de morar no penhasco, na sua própria Nestinbox, e ter nas proximidades a melhor piscina da Suécia?

Cortesia de UMA
Cortesia de UMA

Via: UMA.

Esqueça as casas na árvore: casas no penhasco são o futuro

Nas grandes cidades ao redor do mundo, terrenos edificáveis são muito disputados. Ao mesmo tempo, uma tendência contínua de migração urbana levou à escassez de habitação, inspirando uma variedade de soluções inovadoras por parte de arquitetos e designers. A empresa sueca Manofactory levou, literalmente, as soluções de habitação a um novo nível, questionando por que precisamos construir sempre no nível do solo.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Walsh, Niall. "Piscinas públicas ou residências particulares: Como Estocolmo deveria usar seus penhascos?" 08 Jun 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/873050/piscinas-publicas-ou-residencias-particulares-como-estocolmo-deveria-usar-seus-penhascos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.