O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura

Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura

  • 06:30 - 10 Março, 2015
  • por Arquitetas Invisíveis
Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura
Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura, Cortesia de Arquitetas Invisíveis
Cortesia de Arquitetas Invisíveis

Para celebrar o Dia das Mulheres, pedimos ao coletivo brasileiro Arquitetas Invisíveis, com sede em Brasília, que compartilhassem conosco parte de sua pesquisa que identifica e enaltece o trabalho das mulheres na Arquitetura e Urbanismo, elas gentilmente nos cederam este material - que apresenta 48 mulheres divididas em sete categorias: pioneiras, "nas sombras", arquitetura, paisagismo, arquitetura social, urbanismo e arquitetura sustentável – que será publicado separadamente durante esta semana.

Hoje, apresentamos as arquitetas que se destacaram pela excelência de suas obras.

Carme Pinós. © Estudio Carme Pinós Jô Vasconcellos. © Beto Novaes/EM/D.A Press Gae Aulenti. © Ernesto Ruscio - Getty Images Europe via Zimbio. Jeanne Gang em frente ao seu projeto Acqua Tower. Imagem Cortesia da Fundação John D. e Catherine T. MacArthur + 32

Arquitetura

Essas arquitetas se destacaram por suas obras de elevada qualidade. Muitas projetaram edifícios que hoje são símbolos de uma época ou formadores da identidade de um lugar. Seja por aspectos estéticos, funcionais ou técnicos, as obras por elas projetadas são inegavelmente relevantes e chamam atenção. Vencedora do Pritzker junto com Ryue Nishizawa, Kazuyo Sejima possui edifícios marcantes espalhados pelo mundo. Assim como ela, Farshid Moussavi, Jeanne Gang, Gae Aulenti, Annabelle Seldorf, Carme Pinós, Carolina Bueno, Jô Vasconcelos, Elizabeth de Portzamparc, Freusa Zechmeister, Marianne Mckenna e Odile Decq possuem obras reconhecidas ao redor do globo, com projetos premiados e internacionalmente reconhecidos pela qualidade dos trabalhos desenvolvidos, principalmente nos países desenvolvidos. Italiana naturalizada brasileira, Lina Bo Bardi, apesar de ter obras concentradas no Brasil, é conhecida pela qualidade e fundamental inventividade de seus projetos, além de ser responsável pela idealização de uma obra que hoje é uma das marcas da maior cidade da América Latina, o Museu de Arte de São Paulo - MASP.

* Veja também: Cinco mulheres que estão mudando a cara da Arquitetura

ANNABELLE SELLDORF

Annabelle Selldorf. Imagem Cortesia de Selldorf Architects, via Blouin Art Info
Annabelle Selldorf. Imagem Cortesia de Selldorf Architects, via Blouin Art Info

Arquiteta alemã nascida em 1962. Seu escritório é certificado pela Cidade de Nova Iorque e Nova Jersey como uma empresa dirigida e montada por mulheres.

CARME PINÓS

Carme Pinós. © Estudio Carme Pinós
Carme Pinós. © Estudio Carme Pinós

Arquiteta espanhola nascida em 1954. Entre seus projetos, destacam-se: o Parque Urbano e Ponte (1999), em Alicante, Espanha; o La Serra High School (2001), em Lleida, Espanha; a Estação Parc de Ses Estacions (2002), em Palma, Espanha; o Torre Cube (2004), em Guadalajara, Mexico; o Sports Centre (2005), em Egues, Espanha; a Escola Primária (2006), em Castelldefels, Espanha; e a Universidade de Economia e Administração de Vienna Departamento 4, Vienna. Também é ganhadora de diversos prêmios de arquitetura.

Caixa Forum Zaragoza © Ricardo Santonja
Caixa Forum Zaragoza © Ricardo Santonja

CAROLINA BUENO

Carolina Bueno e seus sócios do Triptyque
Carolina Bueno e seus sócios do Triptyque

Arquiteta brasileira nascida em 1975. Co-fundadora da empresa franco-brasileira Triptyque Arquitetura, enfrenta a problemática das cidades emergentes, e o desejo de desenvolver um método e ferramentas de questionamento e modificação da evolução dos espaços urbanos e da construção moderna.

Fidalga 727 © Fran Parente
Fidalga 727 © Fran Parente
Harmonia 57 © Nelson Kon
Harmonia 57 © Nelson Kon

ELIZABETH DE PORTZAMPARC

Elizabeth de Portzamparc. © Steve Murez
Elizabeth de Portzamparc. © Steve Murez

Arquiteta franco-brasileira nascida em 1955. Tem diversas publicações na área do urbanismo e planejamento urbano. Seus projetos de destaque são o Museu da Romanidade, em Nîmes, e o Novo Centro da cidade de Massy, ambos na França.

Musée de la Romanité. Cortesia de Elizabeth de Portzamparc
Musée de la Romanité. Cortesia de Elizabeth de Portzamparc

FARSHID MOUSSAVI

Farshid Moussavi. Imagem Cortesia de Harvard GSD
Farshid Moussavi. Imagem Cortesia de Harvard GSD

Arquiteta iraniana nascida em 1965. Atualmente é professora de Prática de Arquitetura, na Universidade de Harvard. Já deu aulas também na Escola de Artes de Viena, Princeton e na Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA). Lançou dois livros sobre Prática de projeto e foi co-fundadora do famoso escritório Foreign Office Architects (FOA), em Londres.

Distrito Financeiro La Defense © Farshid Moussavi Architecture
Distrito Financeiro La Defense © Farshid Moussavi Architecture
 ‘Architecture and its Affects’ © Nico Saieh
‘Architecture and its Affects’ © Nico Saieh

FREUSA ZECHMEISTER

Arquiteta brasileira formada pela Universidade Federal de Minas Gerais em 1964, desenvolve projetos de arquitetura, interiores, design e paisagismo e atua também como figurinista e cenógrafa para a companhia de dança Grupo Corpo, desde 1981. Com ousadia e irreverência utiliza na composição dos ambientes a mistura de cores, materiais, épocas e estilos de um jeito bem brasileiro.

Casa Cícero. © Frederico Grimaldi
Casa Cícero. © Frederico Grimaldi

GAE AULENTI

Gae Aulenti. © Ernesto Ruscio - Getty Images Europe via Zimbio.
Gae Aulenti. © Ernesto Ruscio - Getty Images Europe via Zimbio.

Arquiteta italiana nascida em 1927. Trabalhou como estilista, arquiteta e decoradora de interiores, e lecionou nos Estados Unidos, no Canadá, na Espanha e na Alemanha. Recebeu o Prêmio Especial de Cultura, conferido pelo governo da Itália em 1989 e o Praemium Imperiale de Arquitetura, conferido pela Associação de Artes do Japão em 1991. Foi presidente da Academia de Belas Artes de Brera na Itália entre 1995 e 1996. Em 16 de outubro de 2012, fez sua última aparição pública durante a premiação de Triennale de Milão, onde recebeu o último prêmio de sua carreira: "A Dama da Arquitetura". Faleceu em 2012, aos 85 anos de idade.

Musée d'Orsay © Vbritto via Wikipedia
Musée d'Orsay © Vbritto via Wikipedia

JEANNE GANG

Jeanne Gang em frente ao seu projeto Acqua Tower. Imagem Cortesia da Fundação John D. e Catherine T. MacArthur
Jeanne Gang em frente ao seu projeto Acqua Tower. Imagem Cortesia da Fundação John D. e Catherine T. MacArthur

Arquiteta norte-americana nascida em 1964. Foi a primeira mulher a projetar um arranha-céu construído, o Aqua Tower, em Chicago. Outros projetos de destaque são o Nature Boardwalk, o Columbia College Chicago’s Media Production Center, o SOS Lavezzorio Community Center e o WMS Boathouse.

JÔ VASCONCELLOS

Jô Vasconcellos. © Beto Novaes/EM/D.A Press
Jô Vasconcellos. © Beto Novaes/EM/D.A Press

Arquiteta brasileira contemporânea, foi co-criadora das revistas Vão Livre e Pampulha na década de 70. O escritório Jô Vasconcellos & Arquitetos Associados é uma continuidade do ateliê Maia Arquitetos Associados, que Éolo Maia e Jô Vasconcellos tiveram em equipe por mais de 20 anos, atuando em diversos temas, com inúmeras participações em concursos, e mantendo um processo dinâmico e abrangente de interpretação para cada nova situação.

Museu da Cachaça. © Junia Mortimer
Museu da Cachaça. © Junia Mortimer

LINA (ACHILLINA) BO BARDI

Lina Bo Bardi. Imagem cortesia de Instituto Lina Bo e P.M. Bardi. © Bob Wolfenson
Lina Bo Bardi. Imagem cortesia de Instituto Lina Bo e P.M. Bardi. © Bob Wolfenson

Arquiteta ítalo-brasileira nascida em 1914. Foi professora, escritora, designer gráfica, editora de revistas, cenografista, figurinista e curadora de exposições. Junto com Pietro Maria Bardi, criou e dirigiu o Curso de Desenho Industrial no Instituto de Arte Contemporânea (IAC), onde lecionam Jacob Ruchti, Lasar Segall, Eduardo Kneese de Melo, Roberto Burle Marx, Oswaldo Bratke, Rino Levi, Giancarlo Palanti, Elizabeth Nobling, Alcides da Rocha Miranda, Thomas Farkas, Rudolf Klein e Clara Hartoch. Em 1952, promoveu o Primeiro Desfile de Moda Brasileira com tecidos desenvolvidos especialmente para o clima, com padronagens de Sambonet, Burle Marx e Caribé. Neste período Lina ingressou no Partido Comunista Italiano e participou da resistência à ocupação alemã. Foi autora de diversos projetos de destaque no Brasil, como MASP (Museu de Arte de São Paulo); Casa de Vidro (sua residência em São Paulo) e Sesc Pompéia. Faleceu em 1992, aos 78 anos de idade.

Sesc Pompeia. © Pedro Kok
Sesc Pompeia. © Pedro Kok
Casa de Vidro. © wordpress casasbrasileiras
Casa de Vidro. © wordpress casasbrasileiras
MASP. © Pedro Kok
MASP. © Pedro Kok

MARIANNE MCKENNA

Marianne McKenna. Imagem Cortesia de Ann Marsden (CNW Group / KPMB Architects)
Marianne McKenna. Imagem Cortesia de Ann Marsden (CNW Group / KPMB Architects)

Arquiteta canadense nascida em 1951. Em 2010, foi nomeada como uma das 100 mulheres canadenses mais poderosas (Canada’s Top 100 Most Powerful Women). Lecionou nas faculdades de arquitetura da Universidade McGill, na L’Université de Montréal e na Universidade de Toronto; ministrou uma série de palestras e atuou como crítica na Universidade de Yale. Recebeu atenção e reconhecimento internacional pelo projeto e construção da vinícola Jackson-Triggs, no estado de Niágara, Canadá. Esse projeto tornou-se um marco para o design sustentável e foi escolhido para representar o Canadá no Desafio de Construção Sustentável que ocorreu na Noruega em 2002. De acordo com a arquiteta, a conquista da qual mais se orgulha é a reforma e recuperação do Conservatório Real de Música, projeto no qual ela trabalhou por 18 anos.

Centro Mike e Ophelia Lazaridis Quantum-Nano. © Doublespace Photography
Centro Mike e Ophelia Lazaridis Quantum-Nano. © Doublespace Photography
Conservatório Real. © Eduard Hueber
Conservatório Real. © Eduard Hueber

ODILE DECQ

Odile Decq. Imagem cortesia de FutureGiraffes.com
Odile Decq. Imagem cortesia de FutureGiraffes.com

Arquiteta francesa nascida em 1955. Foi professora na École d’architecture de Grenoble, Univesidade de Montréal, École spéciale d'architecture de Paris, Universidade Técnica de Vienna, Bartlett School of Architecture em Londres, Kunstakademie de Vienna, Kunstakademie de Düsseldorf, além de Diretora Geral na École spéciale d'architecture de Paris. Entre seus projetos de destaque estão o Museum For Contemporary Art e o projeto de interiores do Phantom Restaurant Opera Garnier, ambos na França.

GL Events Headquarters. © Roland Halbe
GL Events Headquarters. © Roland Halbe
Museu de Arte Contemporânea em Roma. © Odile Decq - L. Filetici
Museu de Arte Contemporânea em Roma. © Odile Decq - L. Filetici
Museu de Arte Contemporânea em Roma. © Odile Decq - L. Filetici
Museu de Arte Contemporânea em Roma. © Odile Decq - L. Filetici

KAZUYO SEJIMA 妹島 和世

Kazuyo Sejima. © Takashi Okamoto
Kazuyo Sejima. © Takashi Okamoto

Arquiteta japonesa nascida em 1956, foi vencedora do Prêmio Pritzker de 2010 em conjunto com Ryue Nishizawa, com quem é sócia do SANAA. Entre seus principais projetos estão o New Museum, em Nova Iorque, o Louvre-Lens, na França e a Shibaura House, no Japão.

Edifício Christian Dior. © Kakidai
Edifício Christian Dior. © Kakidai
Zollverein School of Management and Design. © Nomo/Michael Hoefner
Zollverein School of Management and Design. © Nomo/Michael Hoefner

Não deixe de acompanhar e conhecer durante esta semana as arquitetas presentes nas outras categorias. E veja as outras categorias já publicadas aqui.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Arquitetas Invisíveis
Autor
Cita: Arquitetas Invisíveis. "Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura" 10 Mar 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/763417/arquitetas-invisiveis-apresentam-48-mulheres-na-arquitetura-arquitetura> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.