1. ArchDaily
  2. Elizabeth De Portzamparc

Elizabeth De Portzamparc: O mais recente de arquitetura e notícia

Elizabeth de Portzamparc, Anna Heringer e Tatiana Bilbao apresentam seus trabalhos ao público do UIA2021RIO

O Palco Mundo do UIA2021RIO, o 27º Congresso Mundial de Arquitetos, recebeu esta semana três premiadas arquitetas da sua lista de keynote speakers: Elizabeth de Portzamparc, brasileira radicada na França; a alemã Anna Heringer; e Tatiana Bilbao, do México.

Elizabeth de Portzamparc trouxe à discussão o conceito de “Arquitetura Nexus”, que defende a conexão entre diversos elementos na hora de se pensar e fazer arquitetura. Já Anna Heringer defendeu um método de trabalho focado na justiça social e na inclusão de comunidades em projetos que podem transformar suas vidas. Por fim, Tatiana Bilbao promoveu uma poética apresentação da casa como ato social, que abriga rituais para os quais a arquitetura deve sempre olhar.

Grandes nomes da arquitetura mundial se encontram para debater o futuro das cidades no UIA2021RIO

Profissionais e estudantes de vários países estão prestes a participar de maneira inédita do maior evento de arquitetura e urbanismo do mundo. A programação principal do 27º Congresso Mundial de Arquitetos (UIA2021RIO), que estava prevista para acontecer em julho de 2020 no Rio de Janeiro e foi adiada devido à da pandemia do coronavírus, começa no dia 18 de julho (domingo), de forma 100% digital pela primeira vez na história. Até dia 22, os congressistas vão assistir a palestras com vinte dos nomes mais importantes da arquitetura mundial e a mesas-redondas com mais de cem arquitetos premiados internacionalmente, além de apresentações de trabalhos, atividades culturais e premiações. Desde março, quase 90 mil pessoas, de mais de 180 países, vêm acompanhando os painéis preparatórios – um recorde absoluto nos mais de 70 anos do evento realizado pela União Internacional de Arquitetos (UIA) a cada três anos.

França inaugura o Musée de la Romanité, projeto da brasileira Elizabeth de Portzamparc

No próximo dia 2 de junho, estará aberto ao público o “Musée de la Romanité”, em Nîmes, na França, projetado pela arquiteta e urbanista brasileira Elizabeth de Portzamparc, vencedora em 2012 do concurso internacional promovido pela Prefeitura da cidade.

Elizabeth de Portzamparc vence concurso em Taiwan com proposta de arranha-céu como um "bairro vertical"

Cortesia de Elizabeth de Portzamparc Architecte
Cortesia de Elizabeth de Portzamparc Architecte

Elizabeth de Portzamparc foi selecionada como vencedora de um concurso internacional para o projeto do novo Centro de Operação de Inteligência Taichung em Taichung, Taiwan. Concebido como um "bairro vertical interconectado", a torre cresce a partir de uma série de terraços na base que se transformam em fachada.

Visto como uma extensão da cidade, os cinco níveis do embasamento serão acessíveis ao público, oferecendo uma variedade de opções de comércio e restaurantes, bem como o acesso ao Centro Cultural Digital de 24 mil metros quadrados. Esses espaços serão conectados por uma série de "ruas verticais" semelhantes a uma fita, passando por espaços amplos e cheios de luz e conectando-se a espaços verdes no telhado.

Elizabeth de Portzamparc vence concurso em Taiwan com proposta de arranha-céu como um bairro verticalElizabeth de Portzamparc vence concurso em Taiwan com proposta de arranha-céu como um bairro verticalElizabeth de Portzamparc vence concurso em Taiwan com proposta de arranha-céu como um bairro verticalElizabeth de Portzamparc vence concurso em Taiwan com proposta de arranha-céu como um bairro vertical+ 13

Elizabeth de Portzamparc é selecionada para construir o Taichung Intelligence Operation Center em Taiwan

O escritório liderado pela arquiteta Elizabeth de Portzamparc foi anunciado como vencedor de um concurso para construir a torre Taichung Intelligence Operation Center, em Taiwan. O projeto, que conta com um programa complexo que inclui um centro digital cultural, comércios, escritórios e restaurantes, foi desenvolvido em parceria com o escritório Ricky Liu & Associates, de Taiwan.

Elizabeth de Portzamparc é selecionada para construir o Taichung Intelligence Operation Center em TaiwanElizabeth de Portzamparc é selecionada para construir o Taichung Intelligence Operation Center em TaiwanElizabeth de Portzamparc é selecionada para construir o Taichung Intelligence Operation Center em TaiwanElizabeth de Portzamparc é selecionada para construir o Taichung Intelligence Operation Center em Taiwan+ 9

BIG junta-se a Kuma, Perrault e EMBT para projetar estações de metrô em Paris

BIG e o escritório francês Silvio d'Ascia foram selecionados para projetar a nova estação de metrô Pont de Bondy, em Paris. A estação é o mais recente projeto a ser anunciado no âmbito do projeto Grand Paris Express da Société du Grand Paris, que procura modernizar a rede de transportes existente através da adição de cerca de 200 quilômetros de linhas ferroviárias e uma série de estações arquitetônicas em toda a cidade.

De um total de 68 novas estações, nove foram rotuladas como "emblemáticas", significando que se espera que sirvam como nós de vizinhanças significativos dentro do plano maior. A estação de Pont de Bondy será um desses projetos emblemáticos, unindo projetos de Kengo Kuma & Associates, Dominique Perrault, Enric Miralles Benedetta Tagliabue (EMBT) e Bordas+Peiro, Agence Duthilleul, e Elizabeth de Portzamparc.

BIG junta-se a Kuma, Perrault e EMBT para projetar estações de metrô em ParisBIG junta-se a Kuma, Perrault e EMBT para projetar estações de metrô em ParisBIG junta-se a Kuma, Perrault e EMBT para projetar estações de metrô em ParisBIG junta-se a Kuma, Perrault e EMBT para projetar estações de metrô em Paris+ 7

Christian e Elizabeth de Portzamparc confirmam presença no Rio Academy

A programação do Fórum de Arquitetura e Urbanismo do Rio Academy integra mais um Pritzker no elenco de seus conferencistas: agora foi a vez de Christian e Elizabeth de Portzamparc confirmarem presença, no dia 21 de julho. Eles se unirão a Giancarlo Mazzanti e Reinier de Graaf no segundo dia do Ciclo de Conferências do Fórum, precedidos pelo Pritzker brasileiro Paulo Mendes da Rocha, o escritório BIG, o escritório Triptyque e Alejandro Aravena no dia 20.

Esses nomes praticamente dispensam apresentações. Christian de Portzamparc foi vencedor do Pritzker em 1994. O arquiteto e urbanista francês é responsável pela Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, e por inúmeros outros trabalhos de tirar o fôlego de quem aprecia a "arte e a ciência da arquitetura". Em perfeita sintonia com o pretendido pelo Rio Academy, a cidade e o modo de viver, circular e trabalhar nela são a coluna vertebral de seu trabalho.

Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura

Para celebrar o Dia das Mulheres, pedimos ao coletivo brasileiro Arquitetas Invisíveis, com sede em Brasília, que compartilhassem conosco parte de sua pesquisa que identifica e enaltece o trabalho das mulheres na Arquitetura e Urbanismo, elas gentilmente nos cederam este material - que apresenta 48 mulheres divididas em sete categorias: pioneiras, "nas sombras", arquitetura, paisagismo, arquitetura social, urbanismo e arquitetura sustentável – que será publicado separadamente durante esta semana.

Hoje, apresentamos as arquitetas que se destacaram pela excelência de suas obras.

Arquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: ArquiteturaArquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: ArquiteturaArquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: ArquiteturaArquitetas Invisíveis apresentam 48 mulheres na arquitetura: Arquitetura+ 32

Elizabeth de Portzamparc vence concurso para biblioteca em Aubervilliers

O conselho regional de Île de France anunciou a arquiteta Elizabeth de Portzamparc como vencedora do concurso para projetar a grande biblioteca do futuro campus Condorcet em Auberbvilliers, região metropolitana de Paris. Pela primeira vez o responsáveis pelo projeto de um edifício no campus é selecionado através de um concurso.

“O grande equipamento documental [Grand équipement documentaire - GED] consiste em uma biblioteca do século XXI construída a partir de fundos dos dez membros fundadores do campus, que pretende constituir um conjunto interdisciplinar para pesquisas nos campos das ciências sociais e humanas”, comentam as autoridades da região em seu comunicado.

Musée de la Romanité / Elizabeth de Portzamparc