1. ArchDaily
  2. Portland

Portland: O mais recente de arquitetura e notícia

Complexo Residencial Origami / Waechter Architecture

© Jeremy Bittermann© Shawn Records© Jeremy Bittermann© Shawn Records+ 39

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1795
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Andersen Windows & Doors, Caesarstone, Duravit, Euro-American Design, Kuzco Lighting, +6

Escritório Expensify Portland / ZGF Architects

© Garrett Rowland© Garrett Rowland© Garrett Rowland© Garrett Rowland+ 18

  • Arquitetos: ZGF Architects
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1600
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017

Fair-Haired Dumbbell / FFA Architecture and Interiors

Cortesia de  FFA© Peter Eckert© Peter Eckert© Peter Eckert+ 18

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  5238
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: KEIM, Thinkwood

Oregon aprova lei que permite a construção de arranha-céus de madeira

O Oregon se tornou o primeiro estado dos EUA a permitir que construções de madeira tenham mais de seis pavimentos sem necessitar considerações especiais. O adendo recente ao código de construção do estado é o resultado do método alternativo estadual (SAM) do Oregon, um programa que permite que técnicas construtivas alternativas sejam usadas depois que um conselho consultivo tenha aprovado os “fatos técnicos e científicos do método alternativo proposto”. A decisão é um precedente para futuras construções nos Estados Unidos.

Framework. Cortesia de LEVER ArchitectureFramework. Cortesia de LEVER ArchitectureFramework. Cortesia de LEVER ArchitectureFramework. Cortesia de LEVER Architecture+ 4

Vila Cultural do Jardim Japonês de Portland / Kengo Kuma & Associates

© Jeremy Bittermann© Jeremy Bittermann© Jeremy Bittermann© Jeremy Bittermann+ 12

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1431
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: DNP, INAX, Kawashima Selkon, Komatsu Seiren, Lixil Corporation, +3

A cidade de Portland aprova o primeiro projeto de arranha-céu de madeira dos Estados Unidos

O primeiro arranha-céu de madeira dos Estados Unidos (concebido pela Emporis Building Standards como um edifício de 35-100 metros, ou entre 12 e 40 pavimentos) acaba de ser aprovado pelas autoridades locais de Portland. Localizado no centro da cidade, em Oregon, o edifício conhecido como "Framework" deverá atingir uma altura total de 40 metros e 12 pavimentos, abrindo uma nova perspectiva para a indústria de construção civil nos EUA.

Cortesia de LEVER ArchitectureCortesia de LEVER ArchitectureCortesia de LEVER ArchitectureCortesia de LEVER Architecture+ 12

TreeHouse / LEVER Architecture

Cortesia de LEVER Architecture© Lara Swimmer© Lara Swimmer© Lara Swimmer+ 17

  • Arquitetos: LEVER Architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  4180
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Oregon Lumber Company, Skyline Sheet Metal, TechLighting

Fachada do Portland Building de Michael Graves é desmontada para reforma

O Portland Building em construção. Imagem © Iain MacKenzie. via Docomomo
O Portland Building em construção. Imagem © Iain MacKenzie. via Docomomo

Iniciaram-se os trabalhos de desmonte da fachada do icônico edifício de Michael Grave em Portland como parte do projeto de US$195 milhões que poderá fazer o edifício perder seu lugar no Registro Nacional de Sítios Históricos dos EUA.

O Portland Building em construção. Imagem © Iain MacKenzie. via DocomomoOs azulejos foram removidos do embasamento Imagem © Joakim Lord. via DocomomoOs elementos clássicos de assinatura de fachadas serão substituídos por alumínio. Imagem © Joakim Lord. via DocomomoImagem do futuro Portland Building. Imagem via Next Portland+ 5

HOMB | Casa Taft / Skylab Architecture

© skylab© skylab© skylab© skylab+ 19

Portland, Estados Unidos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  365
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013

One North / Holst Architecture

© Andrew Pogue         © Andrew Pogue         © Andrew Pogue         © Andrew Pogue         + 20

  • Arquitetos: Holst Architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1300
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015

Residência Caixa de Música / Scott | Edwards Architects

© Pete Eckert© Pete Eckert© Pete Eckert© Pete Eckert+ 22

Portland, Estados Unidos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  601
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Cascadia, DeaMor, Delta Millworks

Höweler + Yoon Architecture divulga projeto para Escola de Circo

Höweler + Yoon Architecture, em colaboração com OFIS Arhitekti, revelou seu projeto para um novo edifício para o The Circus Conservatory, que abrigará o primeiro programa de graduação credenciado de Arte Circense. Localizado em Portland, Maine, como equipamento âncora de uma península, o projeto visa transformar uma parte não desenvolvida da cidade em um "centro artístico vibrante completo com locais de atuação pública e instalações recreativas".

Inspirado na forma tradicional do circo - um círculo com uma audiência radial - a proposta de projeto utiliza uma estratégia de visualização radial "para ativar de forma semelhante a comunidade educacional". Além disso, no projeto, acrobacias, performance e sala de aula são tratadas igualmente, "[desafiando] a relação de visão crucial para um circo e as configurações acadêmicas".

via v2comvia v2comvia v2comvia v2com+ 10

7 cidades que transformaram suas áreas sob rodovias em parques urbanos

Nos últimos anos, a paulatina mudança de paradigma de mobilidade, cujo foco passou do veículo às pessoas, permitiu distinguir como a infraestrutura viária, principalmente pontes e viadutos, geraram um impacto maior que o necessário na paisagem urbana.

Produto disto é o surgimento do interesse de unir os espaços em uma escala urbana para uma cidade mais habitável, segura e sustentável. Nem todos dispõem de verba de uma cidade olímpica e alternativas viárias para demolir tais estruturas, a exemplo do Rio de Janeiro com a Perimetral. Existem vários exemplos que surgiram por iniciativa popular ou ordenamentos municipais que decidiram aproveitar os espaços subutilizados para habitá-los como novos espaços públicos ou parques urbanos.

A orla para as pessoas: Paris, Madri, São Francisco e Portland

Paris, a cidade que “é sacudida pelas ondas, mas não afunda”, vai abrir as ruas ao longo do rio Sena para pedestres e ciclistas. O ex-prefeito Bertrand Delanoë, junto ao governo nacional, realizou em seu mandato incursões para transformar as “vias rápidas urbanas” ao longo do rio Sena em espaços para caminhada e ciclismo. A ação parisiense de estimular a construção de ciclovias e rotas de ônibus complementa a transformação de verão que ocorre no Sena, o Paris Plages (Praias de Paris) que transforma a orla em uma praia com areia, cadeiras, vendedores ambulantes e concertos musicais.

Copenhague é eleita a cidade mais habitável do mundo pela Metropolis Magazine

A Metropolis Magazine acaba de divulgar seu ranking 2016 das cidades mais habitáveis do mundo. Reconhecendo que o que torna uma cidade "habitável" pode, por vezes, ser subjetivo, a equipe da Metropolis enfatiza que ao criar a lista, "focaram em tópicos que estão no cerne da Metropolis - habitação, transporte, sustentabilidade e cultura". Entre os resultados deste ano, Toronto, primeiro lugar da lista de 2015, caiu para a nona posição e Copenhague, quarta colocada no ano passado, passou para o topo da lista, seguida por Berlim e Helsinki.

Airbnb CX Hub / Bora Architects

© Jeremy Bitterman© Jeremy Bitterman© Jeremy Bitterman© Jeremy Bitterman+ 12

  • Arquitetos: Bora Architects
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1579
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: cove.tool

Framework / Works Progress Architecture

© Joshua Jay Elliott© Joshua Jay Elliott© Joshua Jay Elliott© Joshua Jay Elliott+ 20

ASH + ASH / Hennebery Eddy Architects

© Josh Partee© Josh Partee© Josh Partee© Josh Partee+ 22

Portland, Estados Unidos