Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Janelas

Janelas: O mais recente de arquitetura e notícia

Quando foram inventadas as janelas de vidro?

Você já se fez essa pergunta? Pode parecer estranho imaginar, à primeira vista, que nem sempre tivemos janelas em nossas construções, nem tão pouco elas eram vedadas por um material transparente capaz de permitir a entrada de iluminação natural em recintos escuros ou de fazer uma barreira contra o frio: o vidro.

Apartamento Consolação / SOEK Arquitetura. Image © Rafael Renzo Apartamento Urimonduba / Candida Tabet Arquitetura. Image © Rômulo Fialdini Casa ABK / Bernardes Arquitetura. Image © Leonardo Finotti Casa para Beth / Salmela Architect. Image © Paul Crosby + 17

Pivotante, deslizante, camarão e paredes cortina: diferentes tipos de janelas em 11 edifícios

Embora todas as janelas tenham funções em comum, como permitir a passagem da luz, fornecer ventilação e focar as diferentes visões, esses objetivos podem ser aprimorados por meio de uma série de opções úteis. Dependendo da orientação do edifício, condições climáticas, direção do vento e ponto de vista arquitetônico, cada modelo de janela específico pode fazer a diferença dentro de um projeto, melhorando a usabilidade e a qualidade espacial e ambiental de cada espaço.

Abaixo, apresentamos tipos de janelas que podem ser encontradas nas residências atuais, especificamente em 11 projetos previamente publicados em nosso site.

Headquarters 'Le Duff Group' / Ateliers 2/3/4/ | ArchDaily. Image © Juan Sepulveda Villa RR / Reitsema and Partners Architects. Image © Ronald Tilleman Villa X / Barcode Architects. Image © Christian van der Kooy PIVEXIN Technology HQ / MUS Architects. Image © Tomasz Zakrzewski + 36

Que haja luz: indicadores para descrever e projetar o conforto visual

Os arquitetos estão cada vez mais conscientes da influência no bem-estar e boa saúde dos usuários de nossos projetos. A iluminação natural - e como deve ser complementada com iluminação artificial - é um fator essencial a considerar para o conforto visual dos espaços internos. Mas sabemos como lidar com isso corretamente?

Maison Kochi / Meister Varma Architects. Image © Praveen Mohandas The Heart in Ikast / C.F. Møller Architects. Image © Adam Mørk Scheune Minden / Architekten Stein Hemmes Wirtz. Image © Linda Blatzek Photography ‘Hope’ Lavan’s Studio Apartment / MMGS ARCHITECTS. Image © Ramitha Watareka + 14

A atmosfera criada pela iluminação zenital em 20 projetos de arquitetura

Talvez a abertura zenital mais célebre já construída seja o Panteão de Roma, encomendado por Marco Vipsânio Agripa durante o reinado do imperador Augusto (r. 27 a.C.–14 d.C.) e reconstruído por Adriano (r. 117–138) por volta de 126. No ponto mais alto da sua cúpula (neste caso, o óculo) brilha a luz do sol, lançando seus feixes sobre as várias estátuas de divindades planetárias que ocupam os nichos nas paredes. A luz que adentra o espaço simbolizava uma dimensão cósmica, sagrada. A luz natural continua cumprindo esse papel cênico, quando bem utilizada, sobretudo em projetos religiosos.

Caracteriza-se iluminação zenital como a que vem de cima, do céu (zênite). Muito útil para espaços grandes que não possam ser adequadamente iluminadas por janelas, as claraboias são um artifício amplamente usado e que proporcionam uma luz difusa agradável ao espaço. Geralmente toma-se o cuidado que não permitam a entrada do sol, para não aquecer demasiadamente o local e devem ser bem projetadas e construídas para que não sejam pontos de infiltração de água. Veja, abaixo, uma coletânea de projetos que utilizam essa solução:

© Mathias Kestel © Hufton + Crow © Christian Richters © Andrew Lee + 44

Série fotográfica mostra a montagem das janelas "Árvore da Vida" de Frank Lloyd Wright

Como arquiteto, Frank Lloyd Wright era conhecido por muitas coisas, mas talvez sua característica mais famosa fosse a a excepcional atenção aos detalhes - em muitos de seus projetos, cada peça de mobiliário foi projetada especificamente para a sua exata localização. Esta característica é vista também no projeto das janelas em suas casas. Tomando emprestado de motivos orgânicos, Wright criou uma série de composições adequadas para cada casa, desde os altos vitrais triangulares da Hollyhock House até os painéis de mogno da Casa Bachman-Wilson.

André Vicente Gonçalves documenta centenas de portas e janelas ao redor do mundo

O fotógrafo André Vicente Gonçalves compartilhou conosco seu mais recente projeto, “Doors of the World", no qual documenta centenas de portas em cidades de todo o mundo. Gonçalves produziu anteriormente uma série fotográfica que retratava janelas, intitulada “Windows of the World”, mostrando seu interesse no modo como um elemento tão singelo da arquitetura pode expressão tanto em relação aos seus habitantes e ao sentimento de segurança.

Sistema de esquadrias retráteis proporciona vistas completamente livres

Uma das alegorias mais populares da arquitetura moderna é a ideia de dissolver os limites externos das edificações, conectando os usuários com a natureza através do uso de grandes panos de vidro que "trazem o exterior para dentro". Nenhum outro projeto encarna esse aspecto tão fortemente como a Villa Tugendhat, de Mies van der Rohe, onde um lado inteiro do pano envidraçado podia ser escondido, abrindo completamente a casa. Embora muito elegante (especialmente nos anos 1930), a solução de Mies não teve prosseguimento, limitada à necessidade de um motor elétrico e um pavimento inferior para receber as esquadrias retráteis.

Hoje em dia, enquanto muitas casas incorporam o uso de grandes superfícies de vidro que se dobram, deslizam ou abrem, poucas apresentam a coragem do projeto de Mies, escolhendo mover os planos envidraçados para o lado em vez de fazê-los desaparecer por completo. Este ano, no entanto, a fabricante de esquadrias Vitrocsa pode ter dado um passo importante na missão de ocultar os panos de vidro por completo com seu sistema "Turnable".

Arte e Arquitetura: "Janelas do Mundo" / André Vicente Gonçalves

Janelas são consideradas um elemento vital para qualquer edifício, não apenas para trazer vida a estes, mas também para adicionar vitalidade e personalidade. André Vicente Gonçalves é um fotógrafo apaixonado por este componente fundamental da arquitetura e dedica parte de seu trabalho fotografando estes portais para o mundo privado e os transformando em belas montagens que capturam o caráter de cada cidade ou região fotografada.

Veja outras imagens e saiba mais sobre o artista, a seguir.

Montemor-o-Novo, Portugal © André Gonçalves Évora, Portugal  © André Gonçalves Santa Susana, Portugal  © André Gonçalves Bucareste, Romênia © André Gonçalves + 11

Light Matters: Aprendendo com janelas vernaculares

Antes dos computadores, simulações de iluminação natural eram usadas para otimizar a atmosfera e a energia nos edifícios, e gerações de construtores desenvolveram princípios simples para criar as melhores janelas para cada situação. Dois especialistas em iluminação estudaram essas tradicionais aberturas em edifícios visando encontrar inspiração para projetos atuais mais sustentáveis. Francesco Anselmo, designer de iluminação da Arup, e John Mardaljevic, professor de simulação de iluminação natural na School of Civil & Building Engineering da Loughborough University, analisaram as variações de sol e iluminação natural em latitudes que vão desde Estocolmo até o Haiti e Abu Dhabi.

Continue lendo para saber mais sobre a variedade de janelas tradicionais em cada região.

Janela em Roma, Itália. Imagem © VELUX Group Janela em Estocolmo, Suécia. Imagem © VELUX Group Janela em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos. Imagem © VELUX Group Janela em Londres, Reino Unido. Imagem © VELUX Group + 7