Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Arquitetura Estoniano

  1. ArchDaily
  2. Países
  3. Estônia

Projetos mais recentes em Estônia

Últimas notícias em Estônia

Bienal de Arquitetura de Tallinn anuncia a programação completa para a TAB 2019

13:00 - 19 Maio, 2019
Bienal de Arquitetura de Tallinn anuncia a programação completa para a TAB 2019, The winner of the Installation Program “Huts and Habitats”: Steampunk, designed by Soomeen Hahm Design, Igor Pantic, and Fologram. Image Courtesy of Tallinn Architecture Biennale
The winner of the Installation Program “Huts and Habitats”: Steampunk, designed by Soomeen Hahm Design, Igor Pantic, and Fologram. Image Courtesy of Tallinn Architecture Biennale

A Bienal de Arquitetura de Tallinn de 2019, na Estônia, será inaugurada no próximo mês de Setembro. A semana de inauguração da TAB 2019, entre os dias 5 e 11, marcará a abertura da 5ª edição do maior evento de arquitetura do país. Recentemente, a TAB anunciou a programação completa para o festival deste ano, cujo tema é “Beauty Matters: The Resurgence of Beauty”. A Bienal de Arquitetura de Tallinn é organizada a cada dois anos pelo Centro de Arquitetura da Estônia. A edição deste ano está sendo curada pelo Dra. Yael Reisner, arquiteto israelense que vive e trabalha em Londres. A Bienal será composta por cinco eventos principais, os quais acontecerão em pleno centro histórico de Tallinn, além de uma série de programas satélites que tomarão as ruas de toda capital estoniana.

Bienal de Tallinn anuncia finalistas para concurso de instalação

19:00 - 20 Novembro, 2018
Bienal de Tallinn anuncia finalistas para concurso de instalação, ©NAARO . ImageTAB 2017 Installation Gilles Retsin
©NAARO . ImageTAB 2017 Installation Gilles Retsin

A Bienal de Arquitetura de Tallinn anunciou os esquemas pré-selecionados para o seu Concurso do Programa de Instalação de 2019 “Huts and Habitats”. 137 submissões em todo o mundo foram recebidas para o concurso de duas etapas, visando “oferecer aos talentos arquitetônicos emergentes a oportunidade de projetar e construir uma estrutura experimental de madeira. no coração de Tallinn.

Nieto Sobejano Arquitectos inaugura o Centro Arvo Pärt na Estônia

16:00 - 21 Outubro, 2018
Nieto Sobejano Arquitectos inaugura o Centro Arvo Pärt na Estônia, Arvo Pärt Centre. Vista exterior. Imagem © Roland Halbe
Arvo Pärt Centre. Vista exterior. Imagem © Roland Halbe

O Centro Arvo Pärt foi fundado na Estônia em 2010 com a finalidade de promover o legado criativo de Arvo Pärt, considerado um dos mais importantes compositores contemporâneos ainda vivo. Em 2014 foi convocado um concurso internacional de arquitetura para o projeto do edifício sede do Instituto, o qual teve Nieto Sobejano como grande vencedor entre outras vinte equipes de arquitetos, entre eles: Coop Himmelb(L)Au (Áustria), Claudio Silvestrin (Reino Unido), Jensen & Skodvin (Noruega), Office Keers/van Severen (Bélgica), Rick Joy (EUA) e Zaha Hadid (Reino Unido).

Zaha Hadid Architects vence concurso para o masterplan do Porto de Tallinn na Estônia

19:00 - 4 Setembro, 2017
Zaha Hadid Architects vence concurso para o masterplan do Porto de Tallinn na Estônia, Cortesia de Port of Tallinn / Zaha Hadid Architects
Cortesia de Port of Tallinn / Zaha Hadid Architects

O escritório Zaha Hadid Architects foi selecionado como vencedor de um concurso para planificar a revitalização do Porto da Cidade Antiga de Tallinn, na Estônia. Com uma lista de 6 equipes, incluindo AZPML, KCAP Architects & Planners e ALA Architects, com base em Helsinki, a proposta da ZHA foi elogiada pelo cliente por sua "abordagem inovadora e integrada ao portal marítimo de Tallinn.

Por dentro do "Pavilhão Báltico" na Bienal de Veneza 2016

16:00 - 22 Junho, 2016
Por dentro do "Pavilhão Báltico" na Bienal de Veneza 2016 , © Laurian Ghinitoiu
© Laurian Ghinitoiu

Como parte da cobertura do ArchDaily Brasil na Bienal de Veneza 2016, apresentamos uma série de artigos escritos pelos curadores das exposições e instalações à mostra no evento.

Curadores revelam o tema do Pavilhão Báltico na Bienal de Veneza de 2016

19:15 - 13 Março, 2016
Curadores revelam o tema do Pavilhão Báltico na Bienal de Veneza de 2016, Lasnamae – Tallinn, 2016. Imagem © David Grandorge
Lasnamae – Tallinn, 2016. Imagem © David Grandorge

O Pavilhão Báltico da Bienal de Veneza de 2016, representando a Estônia, Letônia e Lituânia, explorará os "esforços transformativos em andamento" que estão atualmente "reprogramando uma região inerte além das delimitações dos Estados-nação separados". Isso "pretende explorar o entorno edificado dos Estados Bálticos como um espaço compartilhado de ideias". Localizado no Palasport Arsenale Giobatta Gianquinto, projetado por Enrichetto Capuzzo, um pavilhão desportivo de arquitetura brutalista, situado perto do Arsenale, a exposição será também acompanhada por uma série de eventos correlatos que será apresentada através de um corte transversal do espaço Báltico, desdobrando-se com uma "estratégia não-linear".

Estudantes constroem um abrigo lúdico de madeira no centro de Tallinn, Estônia

07:00 - 20 Setembro, 2015
Estudantes constroem um abrigo lúdico de madeira no centro de Tallinn, Estônia, © Paco Ulman
© Paco Ulman

Um grupo de estudantes do primeiro ano de arquitetura e urbanismo da Academia de Artes da Estônia projetou e construiu o READER, um abrigo baseado na ideia de distanciamento da vida cotidiana, um espaço para a pessoa se concentrar em si mesma. Os transeuntes são convidados a entrar no abrigo e "escapar dos problemas do mundo real, adentrando o mundo fictício dos livros".

Bienal de Veneza 2014: Estônia apresenta a exposição "Interspace"

17:00 - 31 Maio, 2014
Bienal de Veneza 2014: Estônia apresenta a exposição "Interspace", Vista interna do pavilhão. Imagem © Siim Tuksam
Vista interna do pavilhão. Imagem © Siim Tuksam

O surgimento da internet mudou radicalmente o modo como habitamos o espaço. Duas pessoas podem estar presentes na mesma sala de chat ou fórum de rede social estando fisicamente a milhares de quilômetros de distância uma da outra. Para a Bienal de Veneza 2014, o pavilhão da Estônia focará em como esta mudança se aplica na prática da arquitetura. Intitulada "Interspace", a exposição será composta por um único ambiente que mostrará, através de meios digitais, o ato físico de criar um lugar.

Revendo a Bienal de Arquitetura de Tallinn 2013: Reciclando o Socialismo

19:00 - 19 Janeiro, 2014
Revendo a Bienal de Arquitetura de Tallinn 2013: Reciclando o Socialismo, The opening event of the TAB 2013 Curators’ Exhibition in the Ministry of Foreign Affairs (a modernist/Soviet landmark highrise in Tallinn, originally built as the headquarters of the Communist Party) on September 6th, 2013. Temporary staircase designed by Tomomi Hayashi leading to the so-called Sprat-Tin Hall of the Ministry of Foreign Affairs building where the Curators’ Exhibition took place. Image © Tonu Tunnel
The opening event of the TAB 2013 Curators’ Exhibition in the Ministry of Foreign Affairs (a modernist/Soviet landmark highrise in Tallinn, originally built as the headquarters of the Communist Party) on September 6th, 2013. Temporary staircase designed by Tomomi Hayashi leading to the so-called Sprat-Tin Hall of the Ministry of Foreign Affairs building where the Curators’ Exhibition took place. Image © Tonu Tunnel

O Modernismo e o socialismo compunham o poderoso conjunto espaço-político do século XX que moldou a maior parte dos ambientes urbanos e rurais da Europa Central e Oriental, incluindo a Estônia e sua capital, Tallinn. Esses ambientes ainda estão lá - como fósseis de antigos paradigmas, uma morte declarada. Hoje nós os consideramos nada mais que uma coleção material de certo modo interessantes ou excentricidades formais - afinal, preferimos acreditar que esta Era não nos é relevante atualmente. No entanto, existe algo a mais sobre estes fósseis que está passando batido por nossas análises?

"Um caminho na floresta", por Tetsuo Kondo Arquitectos

13:00 - 16 Janeiro, 2014
"Um caminho na floresta", por Tetsuo Kondo Arquitectos, © Tetsuo Kondo Architects
© Tetsuo Kondo Architects

"Um caminho na floresta" é uma instalação experimental que envolve as árvores de um parque no coração da cidade de Tallin, Estônia. A obra foi criada pelo escritório japonês Tetsuo Kondo Architects como parte de uma instalação urbana para o Festival LIFT11. Este projeto artístico, arquitetônico e paisagístico foi concebido para enriquecer o entorno e criar novas experiências para os cidadãos e visitantes.

Carregando... Pode demorar alguns segundos