Destaques da semana: trabalho com amor, do hedonismo ao familiar

Destaques da semana: trabalho com amor, do hedonismo ao familiar

A vida profissional de um arquiteto é notoriamente difícil. Exigências pouco razoáveis dos clientes, sejam elas sobre orçamento, prazos ou projeto (para não mencionar padrões pessoais inflexíveis) tornam o trabalho difícil, particularmente porque a arquitetura continua a ser vista como um produto. E embora não seja uma razão para aceitar pagamentos baixos (ou desiguais), problemas de saúde mental, ou qualquer um dos problemas de que a arquitetura parece estar cercada, arquitetos em qualquer lugar dirão: você faz porque ama.

Com todos os desafios, talvez não seja nenhuma uma surpresa ver a arquitetura às vezes se tornar pessoal - seja pela alegria, auto-expressão, responsabilidade ou até mesmo por uma briga sobre propriedade intelectual. Leia a seguir o resumo desta semana.

© said.touama. Via Instagram
© said.touama. Via Instagram

Projetos (de) apaixonados

A esfera gigante de BIG foi oficialmente construída no Deserto de Black Rock com o início do Burning Man 2018 em agosto. O projeto, idealizado por Bjarke Ingels e o sócio Jakob Lange, foi possível graças a uma campanha de crowdfunding (não é a primeira vez que a empresa se volta para o público). A esfera é um modelo em escala 1/500.000 da superfície da Terra e destina-se a atuar como um guia para os participantes do festival. Embora a visão proposta não corresponda exatamente à realidade (a arrecadação de fundos ficou aquém do objetivo), é uma visão impressionante, com certeza.

Em meio a notícias mais sombrias, Renzo Piano se ofereceu para doar o projeto de uma ponte para substituir a que tragicamente entrou em colapso em Gênova em 14 de agosto. Piano, que é de Gênova, disse que foi profundamente e pessoalmente atingido pela tragédia que causou a morte de 43 pessoas.

© Cristobal Palma
© Cristobal Palma

Faça você mesmo

Clientes podem ser complicados, mas não há ninguém mais difícil para quem projetar do que um arquiteto. Talvez seja ainda mais difícil quando você é tanto o cliente quanto o projetista. O pessoal se mistura com o profissional, e é preciso muita disciplina para conciliar visão e realidade. Essa lista de projetos mostrou como nove arquitetos abordaram seus projetos mais pessoais: seus lares.

Uma inesperada conclusão? Arquitetos querem morar em torres.

Cortesia de Sergey Skuratov Architects
Cortesia de Sergey Skuratov Architects

Nas alturas

A notória Torre de David, na Venezuela, voltou a ser noticiada quando os andares superiores do edifício se inclinaram quase 25 graus após o maior terremoto que atingiu a Venezuela em um século. A torre ganhou notoriedade como uma "favela" sem precedentes quando sua construção foi abandonada e ocupantes começaram a habitar a estrutura inacabada.

Autoridades de Moscou aprovaram nesta semana os planos para um novo arranha-céu na capital russa. A torre, projetada por Sergey Skuratov Architects, terá uma altura de 404 metros, e será um complexo residencial multifuncional parte do distrito comercial da cidade de Moscou. Os arranha-céus russos estamparam manchetes recentemente, pois o edifício mais alto da Europa (localizado em São Petersburgo) continua sendo notícia quando os arquitetos discutem direitos autorais.

Lascaux IV / Snøhetta + Duncan Lewis Scape Architecture. Imagem © Boegly + Grazia photographers
Lascaux IV / Snøhetta + Duncan Lewis Scape Architecture. Imagem © Boegly + Grazia photographers

Reserve um final de semana

A lista da Revista Time dos Melhores Lugares do Mundo de 2018 apresentou uma série de projetos arquitetônicos que repercutiram no ano passado, como o Zeitz MOCAA, de Thomas Heatherwick, na Cidade do Cabo, e a Biblioteca Tianjin Binhai, do MVRDV. É a maneira perfeita de acompanhar quais foram os maiores projetos do ano.

 

Sobre este autor
Cita: Katherine Allen. "Destaques da semana: trabalho com amor, do hedonismo ao familiar" [This Week in Architecture: Labors of Love, from the Hedonistic to the Homegrown] 03 Set 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/901252/destaques-da-semana-trabalho-com-amor-do-hedonismo-ao-familiar> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.