O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Arquitetura e estresse devem ser sinônimos?

Arquitetura e estresse devem ser sinônimos?

Arquitetura e estresse devem ser sinônimos?
Arquitetura e estresse devem ser sinônimos?, © Filipe Vasconcelos
© Filipe Vasconcelos

Tornar-se arquiteto e trabalhar na área não parece ser das tarefas mais saudáveis. Longas jornadas, cobrança intensa e a necessidade de tomar decisões rapidamente, aliado com perspectivas de salários baixos e frequentes relatos de precarização das relações trabalhistas, tornam a arquitetura uma das profissões mais estressantes.

Uma pesquisa realizada pelo Architect’s Journal em 2016, constatou que 25% dos estudantes de arquitetura do Reino Unido buscam tratamentos relacionados a saúde mental. Em um artigo publicado em maio de 2014 sobre a saúde mental de estudantes de arquitetura, Jennifer Whelan debate resultados de uma pesquisa desenvolvida pela União do Estudante de Pós Graduação de Arquitetura, Paisagem e Design (GALDSU) da Universidade de Toronto, onde muitos alunos admitiram que regularmente viravam noites, pulando refeições, abandonando atividades sociais extracurriculares e raramente se exercitando para conseguir terminar os projetos no prazo.

No entanto, em vez de buscar a mudança desse quadro, muitos escritórios de arquitetura parecem perpetuar e cristalizar essas práticas. Não é incomum ler, em oportunidades de trabalho e estágio, habilidades como “resistência ao estresse”, ou “ter um alto nível de controle ao estresse e a capacidade de manter uma visão geral em circunstâncias caóticas", por exemplo, além de requisitos como o domínio em variados softwares e idiomas, dinamismo para trabalho em equipe e disponibilidade para viagens e experiências anteriores.

Apesar de ser de uma franqueza interessante, esse não seria um requisito muito comum para empresas fora do nosso campo, as quais tem tomado consciência do bem-estar dos funcionários e sua relação direta com a produtividade. Enquanto arquitetos, procuramos projetar espaços em que as pessoas se sintam bem e vivam confortavelmente. Mas, muitas vezes, não aplicamos esses mesmos conceitos no nosso dia-a-dia.

Para discutir isso, propusemos uma Discussão AD. Você acha que todo o processo deve ser estressante? Que a pressão leva a resultados melhores? Ou acha que os escritórios de arquitetura deveriam se inspirar em outras áreas, que demonstram que funcionários mais felizes produzem mais? Qual a sua experiência? Queremos saber!

Sobre este autor
AD Editorial Team
Autor
Cita: AD Editorial Team. "Arquitetura e estresse devem ser sinônimos?" [Is Architecture Synonymous with Stress?] 17 Abr 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/892368/arquitetura-e-estresse-devem-ser-sinonimos> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.